In order to view this object you need Flash Player 9+ support!

Get Adobe Flash player
Joomla! Slideshow

VELO CAB2012


DUARTE BENAVENTE FALA DA ACTUAÇÃO NO PORTO

DUARTE BENAVENTE FALA DA ACTUAÇÃO DA EQUIPA NO PORTO

 

 

2015/08/01 resumo dia 2

A manhã começou nublada no Douro, mas quando os treinos livres já o sol aquecia, e bem, o ambiente. Foi um bom começo para a F1 Atlantic Team com o terceiro tempo para o Duarte, apesar do Youssef ter problemas com o motor, pelo que teve que abandonar os treinos antes do fim dos mesmos. Enquanto nas boxes se trocava o motor do Dac de Youssef, revia - se o Moore de Duarte, o nosso piloto de F4 Mike Szymura dava um show de condução ganhando a corrida de sábado.
Vieram os treinos cronometrados e apesar dos nossos pilotos passarem facilmente a Q1, durante a Q2 Duarte começou a sentir uma ligeira falta de potência, que mais tarde se veio a reflectir no cronómetro. Assim ambos os pilotos não passaram da Q2 ficando Youssef com o sétimo lugar (49,50) e Duarte com o décimo tempo (50,19) para a grelha de partida amanhã. Mais tarde veio - se a descobrir um problema nos injectores do motor de Duarte, sendo a situação resolvida e estar tudo pronto para testar nos treinos livres de amanhã. 
Sem ser o resultado que Duarte esperava, não vai baixar os braços para a prova de amanhã, estando confiante num bom resultado, assim comoYoussef.
Vamos dar o nosso melhor pois os espectadores no Porto e todos os portugueses pelas tvs merecem issoa1 Copya2 Copya3 Copya4 Copya5 Copya6 Copy

 

EQUIPA HONDA DE WTCCDE TIAGO MONTEIRO

EQUIPA HONDA DE WTCC E TIAGO MONTEIRO EM TESTES EM ARAGON

 

Estamos em testes em Aragon. Mesmo com este calor incrível toda a nossa equipa Honda está 100% motivada!

 

FELIX DA COSTA ABAIXO DAS EXPECTATIVAS

ANTÓNIO FELIX DA COSTA AQUÉM DAS EXPECTATUVAS NO DTM

 

Hoje não foi um dia bom e o 13º lugar não é onde queremos estar. Vamos trabalhar e melhorar para a corrida de amanhã! Conto com o vosso apoio, 

 

SÉRGIO FREITAS FEZ MILAGRES COM O HYUNDAI

SERGIO FREITAS FEZ MILAGRES COM HYUNDAI

 

Após várias horas de sol quente e muitos Kms percorridos, aqui está a recompensa.
2. Classificado da classe diesel e 16. Classificado da geral.
Rali sprint pedras salgadas 
#23 Sérgio Freitas / Miguel Rodrigues, hyundai Getz 1.5 TD Trofeu.
Muito obrigado a todos que nos apoiaram.

 

LEAL DOS SANTOS NO TOP 10

 

Em 8º no prólogo da Baja Aragón

Ricardo Leal dos Santos no Top 10

Excelente resultado da Nissan Navara da Equipa BAMP, apesar de travado pelo pó

 

Ricardo Leal dos Santos, navegado pelo brasileiro Mykael Justo e aos comandos de uma renovada Nissan Navara do projeto lusófono BAMP, foi esta tarde o oitavo mais rápido no prólogo da Baja Aragón, jornada da Taça do Mundo de Todo-o-Terreno que se está a disputar na região de Zaragoza-Teruel.

 

Esta participação na Baja espanhola, que regista mais de 200 veículos inscritos, marca o regresso do piloto luso e do projeto desta equipa que reúne elementos do Brasil, Angola, Moçambique e Portugal, países reunidos no acrónimo BAMP, às competições depois de uma estreia muito positiva no Dakar 2015.

 

De salientar que neste desafio do todo-o-terreno internacional a equipa tem pela frente adversários de grande calibre, como sejam os seis carros da Mini e outras tantas Toyota Hilux. Por isso mesmo o resultado deste prólogo é excelente e vai permitir ao experiente piloto português enfrentar os 450 quilómetros de setor seletivo amanhã, repartidos por dois troços cronometrados, numa posição muito interessante.

 

“Estou bastante satisfeito. As alterações introduzidas na Nissan funcionaram de forma muito positiva e isso permitiu-nos imprimir um andamento sempre muito vivo. Fomos infelizmente travados na ponta final do prólogo, porque apanhámos o concorrente que arrancou à nossa frente e perdemos alguns segundos que nos poderiam ter permitido melhorar a nossa posição, mas o importante era estar à partida para a corrida neste grupo da frente”, salientou no final do prólogo Ricardo Leal dos Santos, piloto da equipa BAMP, projeto apoiado pela SPEED®, Nº1 das bebidas energéticas em Angola.Anexo sem_nome_00043_CopyAnexo sem_nome_00013_Copy

 

EXCELENTE OPORTUNIDADE - A NÃO PERDER

EXCELENTE OPORTUNIDADE - A NÃO PERDER

 

 

 

Mercedes C220 CDI Carrinha de 2002 Avantgarde, tem 242.000km(s) em bom
estado. Uma boa oportunidade para uma família ter um carro que dá
poucos problemas, por um preço bem convidativo.

Contacto: 968 036 000

fotografia 1_Copyfotografia 2_Copyfotografia 3_Copy

 

JORGE RODRIGUES EM SPA

 

Troféu Abarth 695 Europeu – Circuito de Spa-Francorchamps


Jorge Rodrigues com jornada complicada em
Spa-Francorchamps

 

Jorge Rodrigues_SPA_Copy
Não foi fácil a presença de Jorge Rodrigues em mais uma etapa do
Troféu Abarth 695 Europeu que teve lugar este fim-de-semana no
circuito belga de Spa-Francorchamps.
De fato, o piloto de Braga debateu-se com alguns problemas no seu
carro, na primeira corrida e qualificação, que não permitiram lutar por
posições melhores que o sexto lugar.
Logo desde os treinos cronometrados Jorge Rodrigues constatou que
algo estava errado: “O carro não apresentou a estabilidade
desejada nem o rendimento que estava à espera. Tentei o tudo
por tudo, fiz um grande esforço para ficar neste lugar, mas não
deu para mais. Perdi alguns segundos por volta para os mais
rápidos e assim a minha tarefa tornou-me muito complicada”,
desabafava o piloto.
Depois da equipa ter verificado o carro, constatou-se que se tratava
de um problema com a suspensão, pelo que Jorge Rodrigues estava
agora em posição de poder lutar por um lugar melhor.
Com as condições meteorológicas a não ajudarem, pois na segunda
corrida choveu, o piloto de Braga partia cá atrás com as dificuldades
que isso sempre acarreta: “O carro estava melhor, mas tive
muitas dificuldades em passar alguns concorrentes, mesmo os
que disputam o Troféu 500 Europeu. Com o piso molhado, as
diferenças de potência não são tão evidentes em relação aos
carros do Troféu 695”, esclareceu o piloto, acrescentando ainda:
“Fiz a minha corrida com muitas cautelas, tentando não
cometer nenhum excesso. Fui subindo alguns lugares, mas
quando consegui passar alguns concorrentes mais lentos, já
era tarde para ir mais à frente”, concluiu Jorge Rodrigues que
repetiu a sexta posição da primeira corrida.
A próxima etapa está marcada para os dias 29 e 30 de Agosto no
circuito de Sachsenring, na Alemanha.

 

SEGUNDO AS PREVISÕES DA PIRELLI

 

FAIXA DE TEMPERATURA NA HUNGRIA alguns dos mais quentes
VISTO por dois anos, mas a chuva É POSSÍVEL PARA QUALIFICAÇÃO
Sessões de treinos livres MERCEDES dominar,
TANTO NO BRANCO P ZERO MÉDIO E P ZERO AMARELO SOFT PNEUS
ATUALMENTE 1,8-2,0 SEGUNDOS DESEMPENHO GAP
Entre os dois compostos e apertada em Hungaroring TWISTY

 


f341 Copyf342 Copyf344 Copyf345 Copyf346 Copyf347 Copyf348 Copyf349 Copyf350 Copyf351 Copyf352 Copyf352 Copyf353 Copyf354 Copyf355 Copyf356 Copyf356 Copyf357 Copyf358 Copyf359 Copyf360 Copyf370 Copyas temperaturas da pista no ontem Hungaroring foram mais movimentadas visto em dois anos, e enquanto as condições foram ligeiramente mais frio para os treinos livres de hoje, a temperatura ainda na pista atingiu um pico de 54 graus centígrados durante a tarde, com as condições do ambiente 35 graus centígrados.
O calor extremo provocou Stormy Weather, bem como, com uma chuva que afeta a área ontem e mais tempestades potenciais previstos para amanhã à tarde - qui poderia afetar a qualificação.
No calor da Ambas as sessões de treinos livres de hoje, os pilotos da Mercedes estava mais rápida, com o líder do campeonato Lewis Hamilton vai mais rápido Cada uma ocasião, utilizando o pneu médio na parte da manhã e depois o pneu macio na parte da tarde.
Até agora, a diferença de desempenho entre les Nomeado dois compostos é na área de 1,8-2,0 segundos, embora essa margem varia de equipe para equipe e Est Influenciado por temperaturas da pista. O fator principal neste fim de semana está definido para ser a degradação térmica, e como de costume todas as equipes usaram a sessão de treinos livres para julgar como desgaste e degradação foi afetada com diferentes cargas de combustível. Mire com Muitos dos mais longos períodos interrompidos por bandeiras vermelhas em ambas as sessões Foi dificuldade para tirar uma conclusão firme.
Os dados utilizados para calcular será a estratégia de corrida ideal: o que é significativo, em especial no circuito de Hungaroring, onde a ultrapassagem é tradicionalmente bastante dificuldade. Com duas bandeiras vermelhas durante FP1 e FP2 Durante um, os times perderam um pouco de tempo de pista. Como resultado, FP3 amanhã de manhã está definido para ser grandes Avaliações outra sessão como equipes ultimarem os preparativos para a hora qualificação todo-importante.
Paul Hembery, Pirelli Motorsport Diretor: "O calor aqui foi inacreditável e-parece destinada a continuar durante todo o fim de semana, embora haja um risco de chuva, bem como, como a que vivemos ontem à noite. Em face destas condições punir os pneus estão em pé muito bem. Vamos analisar os dados de todas as corridas longas no pneu macio, esta noite, pelo menos, apontar para agora é parecido com uma corrida de duas paradas, com um intervalo de até dois segundo Entre les compostos performance. No entanto, houve uma série de bandeiras vermelhas durante as longas corridas, qui faz Avaliações alguns dos dados inconclusivos. "
 FP1: FP2:
 1. 1. Hamilton Hamilton 1m25.141s 1m23.949s novo novo Suave Médio
 2. Rosberg 1m25.250s 1m24.300s Kvyat 2. Médio usada New Soft
 3. Raikkonen 1m25.812s 1m24.451s Ricciardo 3. New Medium macio novo
Estatísticas de pneus do dia:
 Médio macio Intermediate Wet
km impulsionado * 2711 1266 0 0
define utilizado global ** 59 18 0 0
Maior número de período ** 29 29 0 0
* O número acima dão a quantidade total de quilómetros percorridos no FP1 e FP2 hoje, todos os drivers combinados.
** Por composto, todos os drivers combinado.
Pirelli fato do dia:
Há pouco mais de 1.000 quilômetros de distância de Budapeste, a maior operação logística única da Pirelli do ano está a ter lugar no 24 Horas de Spa na Bélgica. A empresa italiana está fornecendo 9.000 pneus e 57 carros, com a equipe de 55 montadores para entregar um pneu de confiança a cada 15 segundos, se necessário - toda a noite. Mantê-los está acordado Aproximadamente 5.000 xícaras de café expresso consumida durante 24 horas ...

 

RALI DOS SERTÕES - BRASIL

 

RACING OVERDRIVE Varela e para fora para Gugelmin
Outright VITÓRIA RECLAMAÇÃO NO BRASIL DO RALLY DOS Sertões
 
• Exigir evento brasileiro começa com prólogo em Goiânia no sábado
 
 Fresco de terminar um quarto sólida no último fim de semana Baja Espanha Aragon, a dupla brasileira de Reinaldo Varela e Gustavo Gugelmin-se Percorrida através do Atlântico para nativo Sua Brasil e vai conduzir uma executar-Racing Overdrive Toyota Hilux no Exigir oito Rally dos Sertões -dia.
 
O evento começa com um curso Prologue cronometrados no sábado (01 de agosto) e termina no localização deslumbrante de Foz do Iguaçu (Igaucu Falls), perto das fronteiras ribeirinhas com Argentina e Paraguai, no sábado, 8 de Agosto.
 
A dupla est devenu trancado em uma emocionante batalha de três vias para a liderança em 2014 e estão dispostos a levantar o título de prestígio nesta ocasião em primeiro rali off-road do Brasil. Alegaram cinco vitórias Sector Selectivo eo prólogo no ano passado e chegou ao pódio em Belo Horizonte pós-batalha com um impressionante Cristian Baumgart e Guilherme Spinelli. Apesar das críticas Este foi um demorado pneu furado e uma penalidade de tempo de 10 minutos.
 
"Este é um evento significativo no calendário e off-road, Obviamente, é um que Gustavo Reinaldo e realmente quero ganhar porque é o seu evento em casa," belga diretor da equipe Overdrive de Said Jean-Marc Fortin. "Depois de um tal revestimento próximo no ano passado, nós estamos indo para a vitória com o novo Hilux IRS (suspensão traseira independente) 2015 release."
 
Varela ganhou o prólogo em Goiânia no ano passado e as seções between Goiânia e Caldas Novas, Catalão e Paracatu, Paracatu e San Francisco e San Francisco e Diamantina Diamantina e Belo Horizonte para chegar ao pódio trancado em uma briga frenética com seus dois rivais pós-18 horas de corrida através do terreno mais remota no Brasil.
 
Rally dos Sertões começou a treinar com o Rally de São Francisco em 1991, embora este evento foi aberto só para motocicleta Concorrentes. A primeira edição do Rally dos Sertões teve lugar em 1993 de Campos do Jordão para as praias do Rio Grande do Norte. Ele continuou a crescer em popularidade e carros de quatro rodas motrizes foram autorizados a competir pela primeira vez em 1995.
 
Para o funcionamento 23 do evento deste ano, a concorrência mão para a entrada Divino Fogão Rally Team de Varela é provável que venha de Spinelli e Baumgart, mais uma vez, embora os gostos de Marcos Baumgart, Davison José Rabecchi e recurso aussi Michel Terpins à frente do ano impressionante entrada 39-carro todo-brasileira.
 
Ação começa em curso com um estágio cronometrado Prólogo em Goiânia no sábado eo primeiro curso de formação no domingo (02 de agosto) orienta as equipes sul de Goiânia para Rio Verde. A partir daí, os chefes estrada através revisto Itumbiara e São Simão em 03 de agosto e 04 de agosto e Três Lagoas para você em 05 de agosto.
 
A quinta seção cabeças seletivos mais ao sul de Três Lagoas para Euclides da Cunha palista em 06 de agosto e é terminar em Foz do Iguaçu em 08 de agosto através do curso between penúltimo Euclides da Cunha e palista Umuarama.

 

Google TrtadutorAnexo sem_nome_00010_CopyAnexo sem_nome_00013_Copy

 

COPA ECPA

 

100 Milhas Piracicaba tem programação intensa no ECPA

Circuito recebe 4 corridas, uma das provas é de carros antigos

 

O fim de semana promete muita emoção para os amantes da velocidade com a disputa da 26ª edição das 100 Milhas de Piracicaba. A prova será realizada neste fim de semana, no autódromo do ECPA (Esporte Clube Piracicabano de Automobilismo), no interior de São Paulo. A organização espera mais de três mil pessoas nos dois dias de provas.

 

Além da prova principal que reunirá carros de turismo e gaiolas tubulares em um mesmo grid, a programação prevê ainda outras três corridas preliminares de Stock Jr., Fórmula Vee e Clássicos de Competição, categoria essa de carros antigos, que além de disputar uma prova no domingo, estarão a mostra em um exposição.

 

No sábado (1) haverá outras sessões de treinos livres e as tomadas de tempo classificatórias para todas as categorias. A Stock Jr. e Fórmula Vee competem na parte da tarde. No domingo (2), a preliminar da prova principal será disputada pelos Clássicos de Competição, em seguida, às 15 horas, será dada a largada da tradicional 100 Milhas Piracicaba, quando serão disputadas 78 voltas pelo circuito de 2.100 metros.

 

“Estamos entusiasmados com esta edição. A 100 Milhas é uma prova muito aguardada por muitos competidores e a expectativa é reunir cerca de 60 carros e mais de 100 pilotos, já que muitos competem em dupla”, afirmou Daniella Giannetti, organizadora dos eventos do ECPA.

 

Do total de pilotos inscritos, somente a equipe Phoenix Competições, de São Paulo, confirmou quatro carros no grid, e oito pilotos na prova principal, que terá 163 quilômetros pelo traçado de 2100 metros do autódromo piracicabano.

 

São eles Ricardo Pinto e Leandro Borsari; Lamartine Pinotti e Tiago Sala; João Morais e Luis Piccolo; Renato Rattes e Marcelo Camacho, esta última dupla já venceu a prova no ano de 2009.

 

Vencedor do ano passado, o capivariano Rodrigo Stefanini trocou de carro e de parceiro. Neste ano, o piloto que já venceu a prova por três vezes, sempre formando dupla com o cunhado, desta vez terá como parceiro Mauricio Quagliato, piloto do Amapá que vive em Capivari.

 

Para tentar vencer as 100 Milhas, a equipe Stefanini Racing Team (SRT) abriu mão do Citroën C3 e optou por um Celta/GM. “É um carro novo, mas que tem potencial para chegar ao final da prova. Fator primordial para quem pensa em vencer”, afirmou Rodrigo.

 

Outro nome de peso na prova será o de Alexandre Nunes, atual líder do certame Marcas e Pilotos, que competirá pela equipe Arias Motorsport. Terceiro colocado na prova do ano passado, o piloto Luiz Alves, de Sumaré, está garantido no grid.

 

Como há pilotos de várias partes do país, a região não poderia ficar de fora e da cidade de Araraquara, dois pilotos já se inscreveram, Diego La Pena, que corre de VW/Gol e Athos Biruel, que pilota uma gaiola tubular. Gaiolas são protótipos de tubos monopostos com motores 1.6.

 

Por falar em gaiolas, o vencedor da edição passada, Odair Possa D´Água está confirmado, bem como o maior ganhador da prova Dito Giannetti, oito vezes campeão das 100 Milhas Piracicaba, que formará dupla com seu filho, Felipe.

 

Além de Dito e Felipe, outras famílias também formaram equipes para participar da prova. De Itu, os irmãos Gustavo e Vicente Passarelli voltam a competir na tradicional prova após oito anos e já chegam como favoritos. A dupla já venceu a prova por quatro vezes, nos anos de 2003, 2004, 2005 e 2006.

 

Aqui de Piracicaba, Juka Gandelim e Danilo Gandelim tem presença garantida, mas cada um a bordo de seu próprio carro. O pai Juka correrá sozinho, mas seu filho formará dupla com o piloto Alexandre Pepe. “Com dois carros, podemos tentar criar alguma estratégia com a prova em andamento. Como é uma corrida longa, podemos inverter as prioridades no decorrer da disputa, dependendo de quem esteja na frente”, afirmou o chefe da equipe Juka Motors.

 

Outra família que marcará presença no grid de largada são a dos irmãos Rogério e Rodolfo Luciano. Porém, esta não será a primeira vez que os manos de Santo André participam do evento. Em 2007, a dupla subiu ao pódio com a conquista do quinto lugar, quando a prova acontecia na terra e os carros de turismo corriam apenas 60 milhas.

 

Carros antigos

Uma exposição de carros antigos será realizada no ECPA durante a realização das 100 Milhas Piracicaba. Os modelos confirmados pertencem a colecionadores e a maioria são veículos de passeio, porém três são carros antigos de corridas, são eles um o Ford 1932, um DKW 1960 e o Ford Speedster 1929.

 

Além desses, também estão confirmados cinco Fords 1929, um Simca Chamboard 1964, um Citroën Traction 1948, Ford coupe  1947, um Aero Willys 1967, uma Pick-up Chevrolet 1951, uma Puma DKW 1967, um DKW sedan 1967, um Puma 1977 e um Bianco 1979.

 

Horários

As atividades de pista das 100 Milhas Piracicaba têm início nesta sexta-feira (31), às 10h, quando a pista será aberta para os primeiros treinos livres. No sábado (1), ainda na parte da manhã, serão realizadas novas sessões de treinos livres para as categorias Fórmula Vee, Clássicos de Competição, Stock Jr. Turismo e Tubular. Em seguida acontecem as tomadas de tempo para a formação do grid de largada para todas as categorias envolvidas, na sequencia largam as duas baterias de Stock Jr. (15 voltas cada) e a prova da Fórmula Vee (20 voltas).

 

No domingo (2), na parte da manhã, haverá apenas um warm-up opcional para os competidores. Às 11 horas haverá a corrida preliminar de 50 Milhas de Clássicos de Competição e às 15h a largada das 100 Milhas Piracicaba, com 78 voltas. Confira a programação completa 26ª 100 Milhas Piracicaba:

 

Dia 31 de agosto – Sexta-feira

10h às 17h – treino livre para todas as categorias

 

Dia 1 de agosto – Sábado

Treinos

8h30 – Treino livre Fórmula Vee

8h55 – Treino livre Marcas e Pilotos e Tubular

9h20 – 1º Treino Stock Jr

9h45 – Treino livre Clássicos de Competição

10h10 – Treino livre Fórmula Vee

10h35 – Treino livre Marcas e Pilotos e Tubular

11h10 – 2º Treino Stock Jr

11h35 – Treino livre Clássicos

 

Tomada de tempo

13h – Tomada de tempo Treino Stock Jr.

13h25 – Tomada de tempo Fórmula Vee

13h45 – Tomada de tempo Clássicos de Competição

14h10 – Tomada de tempo Marcas e Pilotos

15h40 – Tomada de tempo Tubular

 

Provas

14h50 – 1º Corrida Stock Jr – 15 voltas

16h – Corrida Fórmula Vee – 20 voltas

17h – 2º Corrida Stock Jr – 15 voltas

 

Dia 2 de agosto – Domingo

 

Warm up

8h30 – Warm up Clássicos de Competição

9h00 – Warm-up Turismo

9h25 – Warm-up Tubular

 

Provas

11h – Largada 50 Milhas Clássicos de Competição

15h – Largada 100 Milhas Piracicaba

 

Ingressos

Camarote - R$ 100,00

Sábado – R$ 15,00

Domingo – R$ 15,00

Estudantes que apresentarem a carteirinha escolar na bilheteria terão 50% de desconto no ingresso. Crianças até 7 anos, acompanhadas de um adulto, não pagam. De 8 a 12 anos pagam meia entrada. Estacionamento: Carro e moto – R$ 15,00

 

Serviço

A realização das 100 Milhas Piracicaba é do ECPA, o patrocínio é do Out Back e Bom Peixe e o apoio da Prefeitura de Piracicaba. A supervisão da prova é da Federação de Automobilismo de São Paulo (FASP).

 

O ECPA localiza-se na rodovia SP 135, Km 13,5, no distrito de Tupi, em Piracicaba/SP. O local possui lanchonete, restaurante, estacionamento, arquibancadas e sanitários. Mais informações pelos telefones (19) 3438.7901 e 3438.7174, e-mail Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar "> Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar , ecpa.com.br e facebook.com/ecpabrasil.gaiola e_carros_Copy

 

MEO SUDOESTE



É já amanhã!

Carolina Deslandes, Carlão, D.A.M.A, Jimmy P, Pérola, Mundo Segundo com convidados especiais

Kura apresenta novos temas no maior Festival de verão





5 a 9 de agosto, abertura do campismo a 1 de agosto
Zambujeira do Mar

meosudoeste.pt | facebook.com/meosudoeste
APPTV MEO Sudoeste

 

 


 

Já só restam dois dias para o arranque da 19ª edição do MEO Sudoeste! A melhor semana de férias do verão está à porta e os principais artistas portugueses começam a levantar o véu aos concertos que irão apresentar no Festival. Momentos sempre especiais e marcantes nas suas carreiras, são objecto de produção e atenção especial.

No dia 5, Kura, um dos Djs com mais reconhecimento da atualidade, e que já editou para a Revealed Recordings de Hardwell, o selo inglês Cr2 Records dos MYNC, a alemã Tiger Records, a norte-americana Juicy Music de Robbie Rivera, a Spinning Records entre outras, vai apresentar no MEO Sudoeste uma série de temas novos para privilégio de todos os festivaleiros que certamente o irão ajudar a subir o seu #42 no ranking da DJ Mag.

Os imparáveis D.A.M.A uma das bandas mais queridas do momento, convidam a talentosa Mia Rose para tornar ainda mais especial a noite que promete ser de apoteose. Mas as surpresas não ficam por aqui, também Salvador Seixas e o St. Dominic's Gospel Choir vão participar neste concerto que será um marco na carreira ascendente da banda.

Carlão, que celebrou este ano quatro décadas de idade, vem apresentar o seu disco mais recente “Quarenta”. Em palco juntar-se-lhe-ão Sara Tavares e Dino Santiago, ambos presentes no álbum, bem como um quarteto de cordas que dará o toque especial a esta atuação.

O rap, hip-hop, reggae, R&B, soul e funk de Jimmy P, vai ter a luxuosa companhia de Valete, Jepe e Diro.

Carolina Deslandes convida Agir para juntos encantarem com o dueto “Mountains”. Será certamente um dos momentos do Festival.

De Angola, Pérola vai desfilar os seus hits recheados de R&B, kizomba, semba e soul, convidando para incendiar o palco MEO o conterrâneo angolano C4 Pedro.

O Palco Jogos Santa Casa será também ele um desfilar de nomes portugueses de Mundo Segundo, músico com duas décadas de carreira e responsável pela criação dos Dealema, convida outro veterano e sábio artista, NBC.

Estas são algumas das surpresas que os artistas do MEO Sudoeste têm preparadas para todos aqueles que passarem pela Herdade da Casa Branca entre os dias 5 e 9 de agosto.


 

MEO Sudoeste, A tua melhor semana de Férias de Sempre!

 

Cartaz Completo:

Palco Super Bock (Campismo)
 
1 de agosto – Kiss Kiss Bang Bang
2 de agosto – KRASH!
3 de agosto – Paulo Jorge
4 de agosto – Noite Cidade com Joana Perez e Rob Willow
 
Canal Milaneza Party
3 a 9 de agosto – DJ No Expression

Palco MEO

5 de agosto / Noite de Receção ao Campista – Dimitri Vegas & Like Mike, Kura, Wolfpack

6 de agosto – Calvin Harris, Emeli Sandé, C2C, D.A.M.A, Dengaz

7 de agosto – W&W, Clean Bandit, Buraka Som Sistema, Carlão, Jimmy P

8 de agosto – Hardwell, Lil Jon, Regula, Anselmo Ralph, Pérola

9 de agosto / Dia D – Steve Aoki, Showtek, Oliver Heldens, Above & Beyond, Quentin Mosimann, Djeff Afrozila


Moche Room
 
6 de agosto – Juicy M, Jordy Dazz, Mundo Secreto
 
7 de agosto – Julian Jordan, Blinders, Yannick Afroman
 
8 de agosto – Curadoria Kambas” by Fred com: Mundo Segundo & Sam The Kid, DJ Ride, Mike El Nite, Tribruto, King Kong e DJ Oder
 
9 de agosto / Dia D – Bl3nd, TV Noise, NTS


Palco Jogos Santa Casa
 
6 de agosto – Diogo Piçarra, ÁTOA
 
7 de agosto – Agir, Carolina Deslandes
 
8 de agosto – Mundo Segundo, João Só, Alberto Indio
 
9 de agosto / Dia D – Frankie Chavez, Sara Paço, Tom Mash
 

 

 

Informação de Bilhetes


 

Preço dos Bilhetes


- Passe 5 dias: 95€


- Bilhete Diário: 48€

- Pack MSW XBus Village: a partir de 135€ (www.xtravel.pt)

- ExpressPass MSW: 120€ (www.redeexpressos.pt)

- Zmóvel (2 camas single ou 1 casal): 1.022€

- Zmar Alvéolo: 162,40€

Locais de Venda

www.blueticket.pt - Call Center Informações e reservas 1820 (24 horas), no Facebook da Música no Coração, lojas FNAC, lojas Worten, El Corte Inglês, ABEP, Portimão Arena ;Turismo de Lisboa; lojas Media Markt; Bilheteiras MEO Arena; rede PAGAQUI; Agências Top Atlântico; Ticketline, Destination Clubing.

Get a Fest

Alemanha: www.ticketmaster.de

Espanha: www.breakpoint.es ; www.ticketmaster.es

França: lojas FNAC www.fnac.com, Carrefour www.carrefour.fr, Géant, Magasins U, Intermarché, www.francebillet.com

Reino Unido: www.seetickets.com

Festicket

 

 

C.SANTOS É PARCEIRO OFICIAL

Sociedade Comercial C. Santos
é parceiro oficial do Grande Prémio
de Portugal de Motonáutica 



FotoII CopyFotoI Copy
 

O Grande Prémio de Portugal de Motonáutica está de regresso a Portugal. A etapa portuguesa da “Fórmula 1 dos barcos” terá lugar em plena foz do Rio Douro, entre os dias 31 de Julho e 2 de Agosto. E para a mais exigente competição da União Internacional de Motonáutica, a operação logística automóvel é assegurada pela Sociedade Comercial C. Santos – os automóveis do “Melhor Concessionário Mercedes-Benz de Portugal” são as viaturas oficiais do evento.
 
Competição de referência do desporto internacional, transmitida por 30 canais para mais de 100 milhões de lares em todo o Mundo, o Grande Prémio de Portugal de Motonáutica impõe-se como uma montra de todo o dinamismo da Região Norte e, mais concretamente, das cidades do Porto e de Vila Nova de Gaia. Ao mesmo tempo, a prova faz evoluir a excelência da tecnologia motonáutica, apresentando máquinas com potências superiores a 400 cavalos e velocidades na ordem dos 240 Km/h.
 
“Esta dupla dimensão de exigência e vanguarda tecnológica reflecte, igualmente, os valores da Sociedade Comercial C. Santos e das marcas que representamos. Foi por isso, com naturalidade, que nos associámos à Fórmula 1 dos barcos, competição que se estreia no Porto e na região onde estamos sediados. Tudo faremos para ajudar a que este evento se torne um sucesso para o Porto e para Portugal”, explica o administrador da Sociedade Comercial C. Santos, Pinho da Costa.
 
O Grande Prémio de Portugal de Motonáutica, terceira etapa do Campeonato do Mundo da especialidade, fará da zona ribeirinha do Porto e Gaia miradouros privilegiados para os interessados na competição.
 
Sobre a Sociedade Comercial C. Santos
Fundada em 1946 e sediada na Maia (Porto), a Sociedade Comercial C. Santos integra 260 colaboradores. Distinguida em 2014 como “Melhor Concessionário VLP Mercedes-Benz de Portugal”, a empresa alcançou igualmente o Prémio Exame, atribuído em 2013, para “Melhor Empresa do Sector de Comércio de Veículos Automóveis”. Com um total de 2951 viaturas comercializadas em 2014, a Sociedade Comercial C. Santos registou uma facturação de 100 milhões de euros, para isso contribuindo uma gama de serviços completa: venda de viaturas novas e usadas, assistência (maior armazém ibérico de peças), rent-a-car e seguros automóveis.




 

BOSCH É NOTICIA

 

Tecnologia de alternadores
Inovações ecológicas da Bosch permitem que frotas cumpram os limites de emissões CO2
 A UE reconhece as novas tecnologias de alternadores Bosch como inova-ções ecológicas
 Nenhum outro fabricante oferece mais do que as três eco inovações da Bosch
 Os alternadores de alta eficiência reduzem as emissões de CO2
Os legisladores da UE estão a exigir veículos de baixo consumo e com emis-sões muito reduzidas, enquanto os condutores procuram o prazer da condução, além da eficiência. Agora, a Bosch demonstrou que ambos os objetivos podem ser conciliados graças às suas mais recentes inovações ecológicas. Os alterna-dores com díodos de alta eficiência (HEDs) e de retificação sincrónica ativa (SAR) já foram reconhecidos pela UE. Estes componentes tecnologicamente avançados fazem com que os veículos sejam mais eficientes e mais económicos no seu consumo, pelo que são capazes de cumprir os objetivos rigorosos de CO2 estabelecidos pela Comissão Europeia. A normativa europeia estabelece um limite médio de emissões de 95 gramas de CO2 por quilómetro para os novos veículos a partir de 2021, o que equivale a um consumo de combustível de pouco mais de 4 litros a cada 100 quilómetros. Em 2013, as emissões médias de CO2 exigidas para os novos veículos eram de 132.9 gramas por quilómetro.
Com a etiqueta “eco inovação”, a UE reconhece de modo particular as tecnolo-gias ecológicas. Os fabricantes de veículos podem adotar estas tecnologias, que contam como crédito de CO2, para calcular os valores de consumo médio de combustível das suas frotas. O crédito máximo permitido é de sete gramas por quilómetro. A Bosch é o único fornecedor que oferece três eco inovações reco-nhecidas pela União Europeia: um sistema de gestão de bateria baseado na navegação dos veículos híbridos, mais duas novas tecnologias de alternadores.
“A Bosch está a melhorar todos os aspetos do motor de combustão interna”, assegura Rolf Bulander, membro do Conselho de Administração da Robert Bosch GmbH. Os novos alternadores são um exemplo disso: graças à sua exce-lente eficiência, os alternadores HED e SAR são capazes de reduzir as emis-sões de CO2 entre um e dois gramas. Ao mesmo tempo, ao arrancar e, funcio-
Page 2 of 3
nando a baixas rotações, proporcionam mais energia elétrica que os modelos convencionais.
A alta eficiência reduz as emissões
Os alternadores são as centrais elétricas que se encontram a bordo de todos os veículos. Proporcionam energia fiável aos sistemas de segurança, conforto, assistência à condução e injeção, assim como a gestão do motor, são também estes os elementos responsáveis pelo carregamento da bateria do automóvel. Os alternadores são os mecanismos que convertem a energia mecânica em energia elétrica e quanto maior é o grau de eficiência do alternador, menor é o consumo de combustível do veículo e, por isso, as suas emissões de CO2. Para aumentar o nível de eficiência, os engenheiros da Bosch examinaram cuidado-samente numerosos tipos de alternadores aos quais incorporam notáveis melho-rias, dirigidas sobretudo ao controlo das perdas de energia derivadas da retifica-ção da corrente alternada que geram.
Os díodos de alta eficiência desenvolvidos pela Bosch reduzem as emissões de CO2 dos alternadores até 1.3 gramas por quilómetro. Além do mais, comparando com os alternadores “standard”, esta eficiente versão oferece entre cinco a sete amperes, funcionando a baixas rotações. Facto particularmente importante, já que os consumidores de energia a bordo necessitam de uma fonte de alimenta-ção fiável, inclusive a baixa rotações. O alternador com retificação sincrónica ati-va oferece cerca de 10 amperes a mais do que em modelos “standard”, reduzin-do as emissões de CO2 até dois gramas por quilómetro. Nesta tecnologia, os díodos são substituídos por transístores de alto rendimento. Ambas as versões do alternador são muito eficientes e ajudam a fazer com que o veículo respeite mais o meio ambiente, algo que a UE confirmou ao reconhecê-los como eco inovadores.

 

NOVO ADMINISTRADOS DA RENAULT EM PORTUGAL

 

LAURENT DIOT

NOVO ADMINISTRADOR-DELEGADO DA RENAULT PORTUGAL, SA


Laurent Diot__Copy

Laurent Diot é, desde o corrente mês de Julho de 2015, o novo Administrador-Delegado da Renault Portugal, SA, substituindo no cargo Xavier Martinet, que foi chamado a desempenhar outras funções no Grupo Renault.

Para Laurent Diot ?Assumir a condução dos destinos da Renault Portugal é uma grande responsabilidade. A Renault tem, em Portugal, uma posição de liderança de quase duas décadas que faz dela uma referência incontornável do mercado e manter a marca nesse patamar é um grande desafio. Mas tenho a certeza que, com a qualidade dos profissionais da Renault Portugal e da sua Rede de Distribuição, conseguiremos que o Grupo Renault cresça para reforçar a sua presença no nosso País?.

 

FERODO QUEIMADO

 

Olá Tertúlianos e Amigos

Mais uma vez os Camelos não vão de Férias (em Agosto...), e na Quinta Feira, dia 6 de Agosto a partir das 19 horas, vamos proporcionar aos nossos Amigos a ultima oportunidade de “treinarem” para a Super Especial do MotorShow da Classic Expo Internacional do Ribatejo no CNEMA e … depois “Jantarinho” do Ferodo Queimado.

Mas, desta vez porque o Restaurante do CNEMA “foi de férias” resolvemos mudar o poiso do repasto para um local de Santarém com uma das melhores vistas, o Restaurante MIRATEJO no bairro de Alfange (Junto ao Tejo). Assim estamos a planear uma tradicional Sopa de Peixe seguida de uma valente Grelhada.

Desta forma, a Camelaria agradece que confirmem, por e_mail, Facebook ( https://www.facebook.com/groups/172854128988/ou por TLM para qualquer um dos Camelos, a presença no jantar, até no máximo 3ª feira (4 de Agosto).

 

NOVO CLASS A DA MERCEDES

 

Novo Classe A com preços de comercialização

 

Com a nova geração do Classe A, a Mercedes-Benz conjuga a performance de um desportivo com um elevado nível de conforto de condução. Com o sistema DYNAMIC SELECT, o condutor tem a possibilidade de definir as caraterísticas do veículo em apenas alguns segundos. Com um simples pressionar de um botão, o Classe A pode ser configurado para uma condução particularmente confortável, desportiva ou eficiente. O novo campeão de eficiência é o A 180 d BlueEFFICIENCY Edition, com 80 kW (109 CV) e 89 g/km de emissões de CO2. O Mercedes-AMG A 45 4MATIC também beneficia do facelift do modelo. Com uma potência de 280 kW (381 CV) e um binário de 475 Nm, o modelo de entrada da Mercedes-AMG é o modelo desportivo compacto mais potente do mundo. A nova geração do Classe A já está disponível para encomenda devendo os primeiros modelos chegar aos concessionários no final de setembro.

 

Preços de comercialização:

Motorização

Potência (cv.)

PVP

A 160 d FL

90

27.200 €

A 180 d FL

109

28.750 €

A 200 d FL

136

35.050 €

A 220 d FL

177

42.100 €

A 250 Sport FL

218

46.300 €

A 45 4MATIC FL

381

60.200 €

 Classe A_1_CopyClasse A_2_Copy

 

SPRINT RACE - BRASIL

Gustavo Kiryla fará sua estreia no circuito de Cascavel na quinta etapa da Sprint Race

No oeste paranaense, setup livre será a grande novidade da etapa e deixa o piloto bastante confiante para obter bons resultados

A quarta temporada da Sprint Race chegou a sua metade e o próximo desafio será no Autódromo Internacional Zilmar Beux em Cascavel, localizado na região oeste do Paraná a 507 quilômetros de Curitiba, capital do Estado. Nos dias 08 e 09 de agosto, o objetivo do piloto curitibano Gustavo Kiryla, inscrito na categoria PRO, será adaptação rápida à pista desafiadora do oeste paranaense que conta com traçado de 3.058 metros de extensão.

"Estou muito ansioso para a segunda parte da edição de 2015. Na primeira metade do campeonato tive imprevistos em algumas corridas com o meu carro, mas eu tenho certeza que essa fase ruim ficou para trás junto com a metade passada do campeonato", comenta Gustavo que tem como companheiro na divisão do carro o piloto Marco Garcia.

O diferencial apenas nesta etapa do calendário 2015 será a configuração livre do veículo realizada pelos próprios pilotos. "Estamos indo com um carro bem acertado, será muito interessante acelerar meu SR 94 com um setup que eu mesmo fiz", destaca o piloto. "Essa foi uma grande ideia da organização da Sprinr Race, que esta dando a oportunidade aos pilotos de conhecerem melhor sobre acertos e ver que não é tão fácil assim fazer um bom setup, muitos vão se dar bem e outros nem tanto assim", complementa Kiryla.

Correndo pela primeira vez em Cascavel, Gustavo Kiryla aguarda com ansiedade o momento de acelerar. "Nunca andei na pista de Cascavel, ano passado tive um contratempo e acabei não podendo ir para a corrida, mas não vejo a hora de ir para lá e andar, pois sei que é uma pista que todos os pilotos gostam muito", completa.

Gustavo começou em 2014 na Sprint Race Brasil depois de ter feito escola no kart e participado de alguns treinos de Formula 3. "Tenho certeza que a experiência que tive na temporada do ano passado vai me ajudar nessa próxima etapa, pois já conheço bem o meu carro e sei como ele se comporta, isso traz uma confiança maior e tranquilidade ao guiar o veículo", acrescenta

"Gostaria de agradecer meus patrocinadores, a Oeste Insulmos, a Companhia Athletica Curitiba e a Skål que me dão a oportunidade de poder disputar o campeonato e mostrar que sou capaz de brigar por pódios e pelo título", finaliza Gustavo Kiryla.

A programação tem início no sábado (08), com a disputa dos primeiros treinos e também do Classificatório que irá definir o grid de largada, já a disputa da 5ª etapa da temporada será neste domingo (09) com duas corridas.

O piloto Gustavo Kiryla conta com o patrocínio do Oeste Insulmos, Skål e Companhia Athletica Curitiba.

Classificação do campeonato após 4ª etapa:

Categoria PRO
1) 27 Billy Zonta/ Felipe Lobo, 153
2) 79 Caito Vianna/ Flávio Lisboa, 138
3) 17 Pietro Rimbano, 128
4) 94 Gustavo Kiryla, 122
5) 85 Enzo Bortoleto, 100
6) 94 Marco Garcia, 98
7) 77 Luca Milani, 96
8) 10 Berlando Junior/ Lucas Villela, 86
9) 04 Luiz Santos/ Lucas Gohr, 60
10) 14 Gustavo Martins, 45
11) 1 Gaetano Di Mauro, 25

Categoria GP
1) 8 Fábio Brecailo, 196
2) 44 Kau Machado, 190
3) 07 Vinícius Margiota, 138
4) 36 Felipe Rabello/ Matheus Marini, 131
5) 55 Osman Didi, 115
6) 39 Eduardo Serratto/ Marcelo Rodriguez, 112
7) 55 Caê Coelho, 90
8) 44 Rodrigo Gil, 84
9) 7 Rodrigo Matos, 72

Calendário 2015 da Sprint Race Brasil:

29/03 - Tarumã - Viamão (RS)
19/04 - AIC - Curitiba (PR)
23/05 - Londrina (PR)
28/06 - Curitiba (PR)
09/08 - Cascavel (PR)
06/09 - Curitiba (PR)
15/11 - Curitiba (PR)
20/12 - São Paulo (SP) - Pontos em Dobro

Piloto Gustavo Kiryla - categoria PRO (Luciano Santos/SigCom)


Alta  | Web

A etapa em Cascavel será o início da segunda parte do calendário 2015 (Luciano Santos/SigCom)


Alta  | Web

Muita concentração e estratégia no acerto ideal farão a diferença (Luciano Santos/SigCom)


Alta  | Web

SR #94 Gustavo Kiryla e Marco Garcia (Luciano Santos/SigCom)


Alta  | Web

O piloto curitibano correrá pela primeira vez na pista do oeste do Paraná (Luciano Santos/SigCom)


Alta  | Web
 

 

BRUNO MAGALHAES NO RALI VINHO DA MADEIRA

 

Bruno Magalhães 2º mais rápido
Na Super Especial do Rali Vinho da Madeira
Bruno e Hugo Magalhães terminaram a Super Especial de abertura do Rali Vinho da Madeira na segunda posição. A dupla do Peugeot 208 T16 foi batida por apenas 0,03 segundos. Este bom início é um bom presságio para os dois longos dias de competição que se avizinham.
"Fizemos um bom tempo e estamos muito satisfeitos. Mas, o rali a sério só começa amanhã. Os nossos objectivos continuam muito claros: vencer a prova. O dia de amanhã será muito importante e estamos muito focados no nosso trabalho", explicou o piloto português.
Amanhã a prova será composta por 10 especiais de classificação. A primeira tem início pelas 11.35h e a última pelas 21.55h.
A prova pode ser acompanhada em: http://ralivm.com/ptRVM 028_Copy

 

RALI DOS SERTÕES - BRASIL

Estreando nas duas rodas, X Rally Team quer fazer bonito também nas motos

Quatro pilotos - entre eles o campeão Tiago Fantozzi - representam o time paulista na 23ª edição do Rally dos Sertões

A equipe X Rally Team, dona de 15 participações no Rally dos Sertões na categoria carros, irá estrear na 23ª edição correndo na categoria Motos. A maior aventura do off road brasileiro começa neste sábado (1º) e parte de Goiânia (GO) para percorrer 2.875 quilômetros até a cidade Foz do Iguaçu (PR), na tríplice fronteira entre Brasil, Paraguai e Argentina.

O time dos irmãos Baumgart, que traz novamente os Ford Ranger Dakar V8 4x4 para correr na categoria T1 FIA, terá também um verdadeiro esquadrão sobre duas rodas, e promove o retorno de Tiago Fantozzi às competições. O paulista, campeão do Sertões em 2001, não disputava a tradicional prova havia quatro anos, mas participou do rali em 2013 como chefe de equipe dentro do X Rally Team.

"Ter sido chefe de equipe foi uma experiência enriquecedora e me permitiu evoluir como competidor, bem como ajudou muito a conhecer todos na equipe. Estou enxergando a prova deste ano como um recomeço: como estão todos os competidores, como o rali, os equipamentos e os pilotos evoluíram, e tudo isso pensando no próximo ano. Fiquei muito tempo fora, e neste intervalo entraram vários pilotos novos e bons. Acho que a pegada vai ser essa: ir sentindo aos poucos o rali, dando meu melhor, claro, pensando em chegar ao final, principalmente. O resultado vai ser consequência disso", afirmou o piloto de 35 anos que competirá na classe Super Production com uma moto Protótipo EXC 450. Fantozzi contará também com apoio mecânico da Bianchini Rally.

O intervalo entre a última vez que disputou o Sertões fez Tiago trabalhar bastante na preparação física. "Fiz uma reeducação corporal na Reebok e o trabalho foi bastante intenso, com uma equipe de ponta extremamente profissional", lembrou. "A expectativa é de uma prova rápida, disputada, com muita gente competitiva representando montadoras. Provavelmente enfrentaremos frio, neblina e chuva", disse Fantozzi. "Quero me concentrar em fazer uma prova consistente, boa e rápida para me manter no pelotão da frente", finalizou.

Vicente de Benedictis vai para sua sexta participação no Rally dos Sertões e, assim como Fantozzi, vai representar o X Rally Team na classe Super Production, mas pilotando uma Honda CRF 450. O piloto de 33 anos se recuperou de uma cirurgia no ombro no início do ano, e começou seus treinamentos em abril. "Minha preparação foi dividida entre treinos físicos de musculação, corrida e ciclismo, e treino com motos. Fiz uma mistura de especialidades com trial para ganho de controle e domínio da moto, motocross para a parte cardiovascular e enduro para diferentes tipos de terreno", enumerou.

Ele espera um excelente rali. "A equipe X Rally Team terá condições de obter ótimos resultados nas motos e também nos carros. E o ambiente do time é muito familiar e agradável", elogiou.

Rafal Milan, de 32 anos, compete na classe Marathon pilotando uma Honda CRF 450X e já tem um pódio. E é onde ele quer chegar mais uma vez. "Espero uma prova bem veloz e com bastante navegação, porque o fato de irmos ao Sul traz alguns diferenciais interessantes como o tipo de terreno - que deve ser mais rápido e com vários saltos", analisa.

"O X Rally Team é uma referência em excelência e profissionalismo. Não é à toa que foram eleitos a melhor equipe do Sertões no ano passado. Vai ser uma experiência incrível estar com eles e fazer parte deste projeto é um privilégio", apontou.

O X Rally Team terá também um estreante no Sertões. Aos 38 anos, Christian Costantini vai disputar o maior rali do país pela primeira vez. Ele competirá na classe Marathon com uma Honda CRF 450X. "Estou muito contente de fazer parte da maior equipe deste rali já no meu primeiro ano. Isso me traz segurança e abre portas para conhecer o verdadeiro espírito do rali", afirmou.

O piloto trabalhou muito na parte aeróbica do condicionamento físico, e pretende completar a prova de maneira competitiva. "Acho importante chegar ao final e conhecer o rali de cabo a rabo, dentro dos meus limites de segurança. Depois, para a segunda participação sim, pensar em trabalhar de forma mais agressiva", comentou.


Christian crê em um rali inesquecível. "Acredito que minha experiência será completa em todos os sentidos por fazer parte desta enorme família chamada X Rally Team".


PARA BAIXAR MAIS FOTOS DA EQUIPE X RALLY TEAM, CLIQUE AQUI
Crédito das Fotos: P1 Media Relations
Crédito das imagens em vídeo: Anselmo Venansi e Cleyton Russo


A equipe X Rally Team é patrocinada por Vedacit, Cidade Center Norte, com apoios da Ford, Motul, GoPro, Reebok Sports Club, EleMídia, e Arai

Conheça a equipe em: www.xrallyteam.com.br

Siga-a no Twitter: @X_Rally_Team

Curta-a no Facebook: X Rally Team Oficial

E também no Instagram: @xrallyteam



P1 Media Relations
X Rally Team vai competir também nas motos
Alta | Web

P1 Media Relations
Tiago Fantozzi - cat. Motos / Super Production
Alta | Web

P1 Media Relations
Fantozzi, campeão de 2001 do Sertões, volta após quatro anos sem competir
Alta | Web

P1 Media Relations
Christian Costantini - cat. Motos / Marathon
Alta | Web

P1 Media Relations
Rafael Milan - cat. Motos / Marathon
Alta | Web

P1 Media Relations
Vicente De Benedictis Neto - cat. Motos / Super Production
Alta | Web
 

 

TECNOLOGIA AUDI OLED

 

Tecnologia Audi OLED
Audi apresentará a mais recente tecnologia de iluminação
no Salão de Frankfurt
• Tecnologia Matrix OLED faz a estreia num concept-car em Frankfurt
• A luminosidade alcança um novo nível de homogeneidade
• Fontes de luz plana desvendam novas possibilidades de design
A Audi irá apresentar a sua mais recente tecnologia no domínio da iluminação automóvel no Salão Automóvel de Frankfurt, no próximo mês de setembro. As novas luzes Matrix OLED permitem atingir níveis anteriormente inatingíveis em termos da homogeneidade de iluminação, abrindo oportunidades ainda mais criativas para o design.
Como a marca líder em tecnologia de iluminação automóvel, a Audi desenvolveu sistematicamente todos os aspetos da tecnologia OLED ao longo dos anos. As luzes Matrix OLED de matriz combinam engenharia de alta tecnologia e um design ideal; os projetos iniciais estão em curso para implementar a tecnologia OLED nas luzes traseiras em modelos de produção. Uma tecnologia que será vista, pela primeira vez, num concept-car por ocasião do Salão de Frankfurt.
OLED é uma sigla inglesa para “díodos emissores de luz orgânica”. Em cada unidade OLED, dois elétrodos - dos quais pelo menos um deve ser transparente - incorpora inúmeras e finas camadas finas de materiais semicondutores orgânicos. A baixa tensão DC - entre três e quatro volts - ativa as camadas, cada uma das quais é inferior a um milésimo de milímetro de espessura, para iluminá-los. A cor é baseada na composição molecular da fonte de luz.
Audi tecnologia_OLED_01_CopyAudi tecnologia_OLED_02_Copy
Em contraste com outras fontes de luz - tais como nos LED’s - os quais são constituídos por cristais semicondutores, os OLEDs são fontes de luz planas. A sua luz atinge um novo nível de homogeneidade e a sua intensidade é continuamente variável. As luzes não emitem qualquer sombra e não exigem nenhuns refletores, guias de luz ou componentes óticos semelhantes, fazendo com que as unidades de OLED sejam eficientes e leves. De destacar, também, que quase não precisam de nenhum arrefecimento.
O rápido desenvolvimento da tecnologia OLED deve-se, em parte, à força motriz da Audi. Assim que o aumento na densidade de luz for realizado, os OLED´s serão capazes, em breve, de gerar também os sinais dos intermitentes e das luzes de travagem. As películas de vidro finas que são utilizadas hoje em dia para fechar o material orgânico vão ser substituídas por películas de plástico. Estes novos materiais flexíveis de substrato vão ter uma forma tridimensional, o que vai abrir inteiramente novos espaços criativos para os designers.
A Audi já evidenciou o potencial da tecnologia OLED em muitos modelos e demonstrações. Destaques especiais são a "iluminação OLED" com OLED’s transparentes ou multi-coloridos na silhueta do veículo e "o enxame" com um display OLED tridimensional.
Outra vantagem dos OLED´s: podem ser subdivididos em pequenos segmentos que permitem controlar diferentes níveis de brilho. Além disso, será possível criar unidades OLED com cores diferentes e transparentes. Tal permite novos cenários de iluminação, com alternância de cenários extremamente rápida. As sub-superfícies iluminadas apresentam limites muito precisos uns com os outros. Este fator é o que distingue a tecnologia OLED na Audi, transformando-a na tecnologia Audi Matrix OLED que complementa as tecnologias Audi Matrix LED e Matrix Laser para faróis.
- Fim –
No ano de 2014 o Grupo Audi entregou aos seus clientes cerca de 1.741.100 automóveis da marca Audi. A Marca teve um volume de negócios de € 53.800.000.000 e um lucro operacional de € 5.150.000.000 em 2014. A nível internacional a empresa está presente em mais de 100 mercados, produzindo nas unidades de Ingolstadt, Neckarsulm, Győr (Hungria), Bruxelas (Bélgica), Bratislava (Eslováquia), Martorell (Espanha), Kaluga (Rússia), Aurangabad (Índia), Changchun e Foshan (China) e Jakarta (Indonésia). A Marca vai começara a produção este ano em Curitiba (Brasil), bem como a partir de 2016 em Chiapa (México). Subsidiárias a 100% da Audi AG são, nomeadamente, a quattro GmbH (Neckarsulm), a Automobili Lamborghini S.p.A. (Sant’Agata Bolognese/Itália) e o fabricante de motos desportivas Ducati Motor Holding S.p.A. (Bologna/Itália). A empresa emprega atualmente cerca de 80.000 funcionários a nível mundial, dos quais cerca de 58.000 na Alemanha. De 2015 até 2019 a Audi pretende efetuar investimentos globais no montante de aproximadamente 24 mil milhões de euros, principalmente em novos produtos e tecnologias sustentáveis. A Audi assume a sua responsabilidade empresarial, tendo definido estrategicamente a sustentabilidade como padrão de referência para processos e produtos. A meta a longo prazo é: mobilidade neutra em CO2.

 

ALEX ZANARDI OBTEM MEDALHA DE OURO

IMPARÁVEL: segundo ouro para Alex Zanardi nos Mundiais de Ciclismo com handicap. Depois da vitória na prova por equipas, agora foi no contra-relógio. Este HOMEM não pára de me surpreender, seja ao volante seja de bicicleta.

 

NO RALI VINHO DA MADEIRA

NO RALI VINHO DA MADEIRA

 

 

Alexandre Camacho mantém comando.
Disputada a 5ª classificativa Palheiro Ferreiro 2, Alexandre Camacho mantem o comando da prova dilatando para 13,4s a sua diferença para José Pedro Fontes que está agora a apenas 2,3s de Miguel Nunes a fazer também ele uma prova excelente.
Bruno Magalhaes subiu a quarto por troca com João Barros, mas está já a 31,5 do comandante da prova.
Entretanto aumentam as desistências e para além de Pedro Meireles que está fora da prova por problemas mecânicos, também Eduardo Veiga, Carlos Vieira e José Carvalho abandonaram já a prova devido a problemas mecânicos.
Um rali animado, com um madeirense no comando.

 

JOSÉ CASTRO JÁ ESTÁ A PREPARARA A PROVA DO ESTORIL

JOSÉ CASTRO JÁ ESTÁ A PREPARAR A PROVA DO ESTORIL

 

O estoril sera a proxima prova do campeonato e tudo faremos para nao perder o 2º lugar do campeonato de grupo 5,foi com grande satisfaçao que verificamos que o amarelito em Vila Real fez a volta mais rapida da corrida 2

obrigado a todos que nos apoiam

 

RALI DOS SERTÕES - BRASIL

Projeto Ideia Fixa abre programação solidária no Rally dos Sertões

E começa pelo Cevam em Goiânia. O Projeto Ideia Fixa Por Um Sertão 100 Fome é movimento apoiado por equipes de pilotos a pouco mais de 13 anos e que realiza ações sociais durante a passagem do Rally dos Sertões, por diversas localidades

Nesta sexta-feira (31), a equipe do projeto visitará o CEVAM - Centro de Valorização da Mulher Consuelo Nasser, em Goiânia. A instituição que abriga meninas, mulheres e adolescentes vítimas de violências diversas, abrirá suas portas para receber pelo segundo ano a visita do projeto e na ocasião serão beneficiados com kits de higiene bucal, produtos de higiene pessoal, toalhas de mesa entre outros. Porém, o ponto alto da visita será a apresentação de um teatro de fantoches inédito nas ações, criado pela jornalista e diretora do Ideia Fixa, Tânia Mara Matias de Carvalho, especialmente para a ocasião.

"É muito bom estar no Rally dos Sertões mais uma vez. São ao todo 17 anos de participações seja como assessora de pilotos, manager de equipes, repórter ou como diretora do projeto. Já vi e vivi fatos que ficaram marcados em minha vida, situações estas que só mesmo quem está dentro do rali consegue viver. Motivo pelo qual todos os anos me empenho para que as ações que fazemos paralelamente a competição, possam ter êxito e deixar um rastro solidário por onde passarmos", disse Tânia.

Para que tudo ocorresse da forma desejada o Projeto Ideia Fixa contou com a colaboração da Sra. Yara Alves Ferreira e Silva que é mãe do navegador goiano João Victor Ribeiro que participa das ações do projeto desde sua criação. "A família toda se envolve quando a causa é nobre e verdadeira. Conhecemos o trabalho do CEVAM e sabemos do quanto eles precisam de apoio e quanto ao Ideia Fixa, sem palavras, somos pura admiração pela garra da Tânia e coragem para continuar sempre em frente!", destacou a Procuradora Yara.

A ação acontece as 10h no Centro de Valorização da Mulher, endereço: Rua SNF-2, qd. 1-A, lts. 01/04, Setor Norte Ferroviário. Fone: (62)-32291831

obre o Ideia Fixa

Um sonho que virou um projeto de vida! E mais que isto, transformou a vida de muita gente. Tudo começou com uma "ideia" da jornalista Tânia Mara Matias de Carvalho em beneficiar comunidades de "sertanejos" que encontrou pelo caminho em diversas participações em ralis e lá se vão 13 anos de ações desde julho de 2002, quando o Projeto entrou em ação. Os números são crescentes e até o momento mais de 127 mil pessoas em 14 Estados foram beneficiadas com doações diversas que somam perto de 200 toneladas de doações, além da distribuição de 150 mil livros para alunos de diversas escolas de cidades que fizeram parte dos roteiros por onde o Projeto já passou. Tendo percorrido mais de 380 mil quilômetros de estradas por este Brasil afora.

O Projeto Ideia Fixa tem apoio da Can Am - BRP, Asa Alumínio, TV Poços, W3B Soluções Inteligentes, Dudalina, Revista PróMoto, Perfumaria Emy, RNN SPORTS, Souss Racing, Alltak, IMPLAR, Vila Monge Café, META Consultoria e SIG Comunicação.

Acompanhe o Ideia Fixa www.projetoideiafixa.org e www.facebook.com/projetoideiafixa


Ação realizada com as crianças em 2014 (Divulgação)


Alta  | Web

Tânia Mara recebe carinho (Divulgação)


Alta  | Web

Navegador do Rally dos Sertões João Victor Ribeiro no CEVAM (Divulgação)


Alta  | Web

Piloto Ernesto Jun Watashi no CEVAM (Divulgação)


Alta  | Web

Kits da Implar que serão distribuídos (Divulgação)


Alta  | Web
 

 

MAZDA DISPARA VENDAS

 

Mazda vê disparar receitas e vendas

 

mazda-badge-hires Copy
• Resultados globais aumentam 14 por cento no 1º Trimestre do Ano Fiscal para 6.000
milhões de euros e as vendas crescem 16 por cento para um total de 370.000 unidades
• Crescimento sustentado pela nova geração do Mazda2 e pelo recém-lançado Mazda CX-3
Hiroshima (Japão)/Leverkusen (Alemanha), 30 Julho 2015. Após ter registado um saudável
aumento nas receitas durante o 1º Trimestre do presente Ano Fiscal, a Mazda Motor Corporation
confirmou os seus objectivos para a totalidade do ano, em que prevê alcançar o seu terceiro ano de
recordes consecutivo. O construtor japonês registou 806.000 milhões de ienes (6.010 milhões de
euros) em receitas no período de Abril a Junho, mais 14 por cento comparativamente aos mesmos
três meses do ano passado, com um lucro operacional de 53.300 milhões de ienes (398 milhões de
euros)*.
O volume de vendas global reflecte, igualmente, uma tendência positiva, crescendo durante o
trimestre em 16% para 370.000 unidades – o maior de há 15 anos – assente na força dos novos
modelos como o Mazda CX-3, um pequeno SUV que tem visto uma forte procura inicial após o seu
lançamento no Japão, Austrália e Alemanha. O novo Mazda2, os 2015 Mazda6 e 2015 Mazda CX-5
também têm vendido bastante, tal como aconteceu á quarta geração do Mazda MX-5, no seu mês
de estreia no mercado japonês. Também já disponível na América do Norte, o roadster chega à
Europa em Agosto. Todos estes modelos, bem como as restantes propostas baseadas na
Tecnologia SKYACTIV, representam, agora, 84% do volume de vendas da Mazda a nível global.
Por regiões, as vendas Mazda na Europa aumentaram 11 por cento para 49.000 unidades** neste
trimestre, graças à forte procura em mercados como o Reino Unido, onde as vendas cresceram 20
por cento. No Japão as vendas aumentaram 44 por cento no trimestre, na China (+31 por cento)
alcançou um primeiro trimestre recorde e na Austrália (+17 por cento) a quota de mercado da
Mazda aumentou para os 9,4 por cento.
A Mazda vê estes resultados trimestrais como uma evolução saudável para alcançar as suas metas
para a totalidade do ano. Espera vender 1,49 milhões de veículos no presente Ano Fiscal, que
termina a 31 de Março de 2016, 7 por cento mais do que no ano anterior. As suas previsões para a
totalidade do ano permanecem inalteradas, apontando para um terceiro lucro operacional
consecutivo de 210.000 milhões de ienes (1.620 milhões) e receitas de 3.250 biliões de ienes
(25.000 milhões de euros).
* Fonte “Resultados Financeiros Consolidados para o 1º Trimestre do Ano Fiscal que termina em 31 de Março
de 2016” da Mazda Motor Corporation. Os montantes em Euros foram calculados a um cãmbio de €1 = ¥134
para o trimestre e €1 = ¥130 para as previsões para a totalidade do ano; ** EU, EFTA e Turquia

 

JAGUAR E TEAM SKY CELEBRAM VITÓRIA

 

JAGUAR E TEAM SKY CELEBRAM A HISTÓRICA
TERCEIRA VITÓRIA NA VOLTA A FRANÇA

 

Jag FPACE_3rd_TdF_Victory_Sir_Dave_Brailsford_Image_260715_02_Copy

 

  • A Team Sky e a Jaguar celebram a terceira camisola amarela em quatro anos na Volta a França em Paris.

 

  • O Jaguar F-PACE regressa à Volta a França com camuflagem leve de ‘celebração’ para comemorar a vitória do Team Sky.

 

  • Os momentos chave da Volta a França, incluindo Chris Froome a vencer a 10ª Etapa em La-Pierre-Saint-Martin, foram incorporados na camuflagem.

 

  • Chris Froome da Team Sky venceu a Classificação Geral da Volta a França por 1 minuto e 12 segundos.

 

A Jaguar concebeu uma cobertura especial para o seu protótipo Team Sky F-PACE para celebrar a terceira vitória do Team Sky na Volta a França em quatro anos hoje, em Paris.

 

A versão protótipo do Jaguar F-PACE, que foi utilizada como veículo de apoio da Team Sky na 1ª Etapa em Utrecht, regressou à corrida com camuflagem leve de celebração quando Chris Froome e a sua equipa cruzaram a linha da meta para celebrar a segunda vitória do ciclista britânico na Volta a França.

 

As fotografias da vitória 1-2 da Team Sky em La-Pierre-Saint-Martin, onde Froome venceu a sua primeira etapa seguido do colega de equipa, Richie Porte, bem como de outros momentos importantes incluindo Geraint Thomas nas etapas de montanha, Luke Rowe a liderar a equipa no empedrado e as etapas contra-relógio da equipa, integram todas a camuflagem comemorativa e inspiradora que apresenta momentos chave da volta deste ano.

 

Chris Froome, ciclista da Team Sky e vencedor da Volta a França de 2015, afirmou: “Vencer a minha primeira Volta a França em 2013 foi uma sensação incrível, mas esta segunda camisola amarela é especial. No entanto, não o consegui sozinho. Em complemento à equipa da ciclistas de nível mundial, a Team Sky tem um conjunto fantástico de parceiros, e foi fantástica a criatividade e engenho com que a Jaguar contribuiu para a conceção de veículos personalizados para a equipa e especialmente para as nossas bicicletas Pinarello DOGMA F8.”

 

A Jaguar tem sido um parceiro orgulhoso da Team Sky desde a sua criação em 2010, disponibilizando veículos de apoio de alta performance à equipa, incluindo o XF Sportbrake, o F-TYPE Coupé e o F-PACE. Em 2014, a Jaguar aprofundou a sua relação com a equipa ao tornar-se Parceiro oficial de inovação, começando a trabalhar em maior proximidade com a equipa e com os seus parceiros, concebendo produtos em conjunto para a equipa treinar e competir.

 

Utilizando os mesmos métodos e conhecimentos chave das tecnologias inovadoras criadas para os veículos Jaguar Land Rover, incluindo o Jaguar XE, a marca britânica aplicou os seus conhecimentos de aerodinâmica e análise de vibração, líderes na indústria, na sua contribuição para criar as bicicletas Pinarello DOGMA F8 e DOMGA K8-S, bem como o capacete KASK Protone V2.0 utilizado pela Team Sky na Volta a França deste ano.

 

Mark Cameron, Global Brand Marketing Director, Jaguar Land Rover afirmou; “É um privilégio celebrar a terceira vitória na Volta a França com a Team Sky. É uma história magnífica de desporto britânico e a Jaguar está muito satisfeita por ter contribuído para o sucesso da equipa. Felicitamos Chris Froome e os restantes membros da equipa por esta vitória fantástica.”
 

SUCESSO DACIA NA EUROPA

 

SUCESSO DA DACIA NA EUROPA CELEBRADO COM SÉRIE LIMITADA 10 ANOS

 

A Dacia chegou aos diversos mercados europeus em 2005 e, para celebrar o sucesso da marca, é lançada a Série Limitada 10 anos. Transversal aos modelos Sandero, Logan MCV, Lodgy e Duster, é caracterizada por novos pormenores estilísticos e mais equipamentos. Mas argumentos que nem sequer se traduzem num aumento proporcional dos preços... Ou seja, uma série limitada que representa um investimento – ainda mais! – inteligente e com alguma exclusividade.

 

Apesar da Dacia ter quase meio século de história, foi apenas há 10 anos que encontrou o seu “espaço” no mercado da Europa Ocidental. Dois acontecimentos contribuíram para essa realidade. Um político e outro económico: a queda do Muro de Berlim, com o impacto que teve no leste europeu e quando a Renault, em 2004, adquiriu 99,3 por cento do capital da marca. No fundo, os factos que foram determinantes para que, em 2005, a Dacia se abrisse ao Ocidente. Em Portugal, recorde-se, a estreia coincidiu com o Salão Internacional do Automóvel de Lisboa de 2008 onde foi revelada a primeira geração do modelo Logan MCV.

 

Desde aí, é conhecido o sucesso da marca, seja em Portugal, como um pouco por todo o mundo. Aliás, hoje a Dacia é o mais recente fenómeno de popularidade e de sucesso da indústria automóvel. Um feito que a marca não podia deixar de assinalar…

 

Nasceu assim a Série Limitada 10 Anos. Transversal aos modelos Sandero, Logan MCV, Lodgy e Duster, destaca-se, desde logo, pela nova e exclusiva cor Azul Cosmos. Ainda no exterior, como equipamentos de série, sobressaem as jantes em liga de leve de 15 ou 16 polegadas (consoante o modelo) e os espelhos retrovisores “Dark Metal”. No habitáculo, referência para os detalhes em azul nos cintos de segurança, estofos e tapetes (excepto modelo Lodgy), bem como para o reforço dos níveis de equipamento. Nesse sentido, destaque para a segunda geração do Media Nav. Com mais capacidade, melhores desempenhos (ao nível da navegação, áudio e telefone) e novos ambientes, o sistema está disponível como equipamento de série no modelo Duster e como opção, por apenas 300€, na restante gama. Os vidros eléctricos traseiros no Lodgy e Duster, bem como o limitador/regulador de velocidade nos modelos Sandero e Logan MCV, também passam a figurar como equipamentos de série.

 

Mas para além dos pormenores estilísticos e do reforço dos equipamentos, a Série Limitada 10 Anos oferece um seguro de pneus, que cobre eventuais problemas relacionados com furos, rebentamentos ou “bolhas”.

 

A Série Limitada 10 Anos já está disponível na Rede de Concessionários e assume-se, assim, como a melhor forma de celebrar a história de sucesso da Dacia. Marca que, no último trimestre do ano passado, atingiu o marco histórico de 3 000 000 de vendas. Em Portugal, em 2014, pela segunda vez consecutiva, a Dacia foi a marca, do TOP 20, com maior crescimento das vendas (+96% face a 2013), ocupando o 14º lugar entre todas as marcas presentes no mercado Português.

 

Ainda em Portugal, no primeiro semestre deste ano, o modelo mais vendido foi o Sandero com 919 unidades, 67% das quais a gasolina. Curioso é o facto da versão Stepway representar 55,5% do total de vendas do Sandero.

 

Mas há números não apenas curiosos, mas também surpreendentes… Com 482 unidades, o Logan MCV é a segunda break mais vendida do segmento B – só atrás do Clio Sport Tourer.

 

Já o modelo Lodgy duplicou as vendas no primeiro semestre de 2015, face ao mesmo período de 2014.

 

A versão 4X4 do Duster representou 17% do total de vendas do modelo. As versões 4x4 dos restantes SUV ou mesmo Crossover do mercado são apenas residuais!

 

As razões para o sucesso da Dacia são várias: fiabilidade (as associações de consumidores de vários países, Portugal incluído, consideram a Dacia uma das marcas mais fiáveis do mercado), robustez, economia, uma relação qualidade-preço imbatível e uma das mais jovens gama do mercado, com sete modelos lançados em pouco mais de dois anos! Uma gama bastante versátil que – também! – traduz o investimento da marca no reforço dos equipamentos e na qualidade dos interiores. O futuro, portanto, promete continuar a ser promissor, até porque, hoje, a marca ‘escandalosamente acessível’, não é ‘apenas’ racional: mas é também já uma moda um pouco por todo o mundo!

 

 Dacia- -Serie-limitada-10-a_CopyInterior Lodgy-serie-limitada_10_anos_Copy

 

RODRIGO CORREIA EM ACÇÃO

 

Rodrigo Correia convive com familiares e amigos numa demonstração em Reigoso


Domingo 2 de Agosto às 17.00h nas Festas em Honra de S. Lourenço

10015164 1575586652663471_4471325448523176799_n_Copy

10646826 1572826069606196_716813021029533729_n_Copy11401396 1697274583828010_7235464703681524017_n_Copy11659289 1703349033220565_2284261309985035824_n_CopyAnualmente o piloto de Karting “eni” e “Crédito Agrícola” Rodrigo Correia apresenta-se na “terra” do seu pai, avó e demais familiares, assim como de muitos dos seus amigos e, mesmo colegas da escola na altura das férias e por isso mesmo uma excelente oportunidade para muitos reencontros.

Reigoso torna-se assim no palco para demonstrar a evolução da carreira do jovem piloto “Lafonense”, que, ao longo do ano vai participando no Campeonato Nacional de Karting.

A par da competição na Categoria Juvenil em que se iniciou em 2015, Rodrigo Correia vai partilhando ano, após ano um significativo número de demonstrações da modalidade do Karting e da Mini Moto4 em palcos nacionais e internacionais como os da Falperra, Caramulo, etc.

No próximo domingo dia 2 de Agosto por ocasião das Festas em Honra de S. Lourenço às 17.00h é uma excelente oportunidade para com o Rodrigo Correia partilhar sessões fotográficas, autógrafos e muitas emoções!

 

MOTORES JÁ AQUECERAM NO PORTO

 

Motores já aqueceram as águas do rio Douro     

 

 

O arranque do Grande Prémio de Portugal de F1 em Motonáutica aqueceu esta tarde as águas do Douro, com a realização das primeiras passagens dos pilotos pela pista traçada entre o Edifício da Alfândega e a Ponte Luís I.

 

“Pilotar num cenário como este é uma experiência incrível”, declarou o alemão Mike Szymura, que defende as cores da única formação portuguesa, o F1 Atlantic Team, do veterano Duarte Benavente. Campeão do Mundo de F4-S nos dois últimos anos, Szymura foi o piloto que esta tarde mais tempo esteve na água. “Fui encarregue de pilotar o catamaran de dois lugares que a organização disponibiliza para proporcionar aos convidados as sensações únicas de navegar a bordo de um verdadeiro barco de corrida, pelo que quando os treinos livres se iniciaram, eu já contava com uma hora de experiência nestas águas do Douro”, explicou Szymura, um dos pilotos mais jovens da frota que veio até ao Porto, com 21 anos.

Curiosamente, o piloto mais novo dos 29 presentes (20 na F1 e 9 na F4) – número que não se registava numa prova do circuito mundial de motonáutica há quatro anos! – é o norueguês Joakim Halvorsen, de 18 anos, que compete igualmente na fórmula de iniciação, a F4-S. A australiana Briney Rigby é a piloto mais jovem a competir no “mundial” de F4-S: tem apenas 16 anos e já ganhou três provas, todas no ano passado, mas não se deslocou ao Porto…

 

Nesta tarde de treinos livres, reservada aos barcos de Fórmula 4-S, ligeiramente mais curtos, leves e menos potentes dos que os de Fórmula 1 – os motores estão limitados a 60 cv de potência -, os pilotos familiarizaram-se com o traçado de 2.150 metros desenhado no Douro, num vai vem entre as margens do Porto e de Vila Nova de Gaia. “O percurso é espetacular, sobretudo pelo enquadramento que temos, único, mas estas águas são algo agitadas, o que constitui uma dificuldade acrescida”, considera Mike Szymura.

 

Esta jornada de arranque do Grande Prémio de Portugal de F1 em Motonáutica decorreu sem registo de incidentes, mas constituiu igualmente um importante treino para a organização avaliar o rigoroso plano de segurança.

 

Entretanto, este sábado, o programa inicia-se logo pelas 11h00 com um “briefing” entre todos os pilotos e a organização. Os motores voltarão a ouvir-se no Douro a partir do meio-dia, quando tiver início a segunda sessão de treinos livres da Fórmula 4-S, prevendo-se que os Fórmula 1, a categoria rainha, se estreiem no Porto pelas 13h30, também com uma sessão de treinos livres.

 

Ainda no sábado, pelas 16h00, terá lugar a primeira das duas corridas da Fórmula 4, seguindo-se às 16h30 a qualificação dos F1 para determinar a grelha de partida para a corrida de domingo, aquele que promete ser um dos pontos altos do programa deste Grande Prémio de Portugal de F1 em Motonáutica.

 

PROGRAMA – Grande Prémio de Portugal

 

Sábado, 1 de agosto 2015

11:00-11:30    Briefing (Edifício da Alfândega)

12:00-12:30    Treinos Livres – F4

12:40-13:00    Treinos Cronometrados – F4

13:30-14:30    Treinos Livres – F1

14:45-15:45    Co-Drives no F1 Bilugar

16:00-16:20    Corrida 1 – F4 (20’)

16.30-17:30    Qualificação – F1

17:40-18:00    Conferência de Imprensa (Edifício da Alfândega)

18:00-22:00    Animação no Village (Parque da Alfândega)

22:00-23:30    Concerto de Mónica Ferraz (Parque da Alfândega)

 

Domingo, 2 de agosto 2015

11:00-11:30    Briefing (Edifício da Alfândega)

12:10-12:30    Treinos Livres – F4

12:40-13:00    Treinos Cronometrados – F4

13:30-14:30    Treinos Livres – F1

14:30-15:30    Co-Drives no F1 Bilugar

16:00-16:20    Corrida 2 – F4 (20’)

16:40-17:00    Acrobacias aéreas

17:00-17:10    Volta de Apresentação – F1

17:15-18:00    GP Portugal – Corrida F1 (45’)

18:10-18:20    Cerimónia do Pódio (Parque da Alfândega)

18:20-18:40    Conferência de Imprensa (Edifício da Alfândega)

 

 

MEIRELES OBRIGADO A ABANDONAR

 

Rali Vinho Madeira 2015
Pedro Meireles e Mário Castro desistem na quinta especial
A quinta prova especial de classificação do Rali Vinho Madeira foi madrasta para
Pedro Meireles e Mário Castro, do Team GALP Fórmula / ŠKODA Financial Services,
pois foram obrigados a parar com problemas de transmissão.
A segunda passagem pela classificativa de Palheiro Ferreiro, com os seus 18,95
quilómetros, não foi totalmente cumprida pelos campeões nacionais, numa altura em
que estavam no oitavo lugar em termos gerais, e quarto em termos de Campeonato
Nacional de Ralis: “Este foi um rali em que nada correu bem. Depois de uma
escolha errada de pneus da parte da manhã, sofremos um furo na segunda
passagem pelo Campo de Golfe, o que nos fez perder preciosos segundos.
Mudamos o pneu no fim da classificativa, e já na ligação para o Palheiro
Ferreiro 2, vimos que algo estava estranho no carro. Quando arrancámos para
este troço, verificamos que estávamos com problemas que poderiam ser de
transmissão ou diferencial e, como tal, optamos por desistir ainda a meio da
classificativa”, explicou o piloto, acrescentando: “Como, à partida, não teríamos
como solucionar o problema, não valia a pena estar a esforçar a mecânica,
podendo danificar ainda mais. Para além disso, também pelo facto de irmos em
marcha mais lenta, poderíamos condicionar a prova dos pilotos que nos
seguiam".
Naturalmente triste, por ter de abandonar uma prova que gosta bastante, Pedro
Meireles que não escondia que este abandono: “É uma desilusão enorme, não só
pelas consequências desportivas, como também porque não rodamos com o
carro, algo que era imprescindível nesta fase", concluiu.
Pedro Meireles e Mário Castro contam com o apoio da Galp Fórmula, Škoda
Financial Services, SIVA-Škoda, Grupo M & Costas, Vianauto, Fermir, MEO,
Studio D e Headsmotorsport.Pedro Meireles_Madeira2015_1_CopyPedro Meireles_Madeira2015_2_Copy

 

EQUIPA DE BRAGA NO RALI SPRINT DE PEDRAS SALGADAS

EQUIPA DE BRAGA NO RALI SPRINT DE PEDRAS SALGADAS

 

A caminho do rali sprint de pedras salgadas, #23 Sergio Freitas /Miguel Rodrigues
Hyundai Getz 1.5td trofeu

 

DUARTE BENAVENTE PRONTO PARA A PROVA

DUARTE BENAVENTE PRONTO PARA A PROVA DESTE FIM DE SEMANA NO RIO DOURO

 

UNICO PILOTO PORTUGUES PRESENTE NESTE EVENTO

 

GRANDE PRÉMIO DE MOTONAUTICA NOI PORTO

 

E que tal?
O nosso novo Moore já verificado e pronto para a batalha de aman

 

SEGUNDO JOSÉ CASTRO

SEGUNDO JOSÉ CASTRO

 

EM BALANÇO DAS CORRIDAS DE VILA REAL

 

ila real fez alguns estragos,mas nada que nao se resolva

 

PAULO NETO FALA DO RALI VINHO DA MADEIRA

PAULO NETO FALA DO RALI VINHO DA MADEIRA

 

 

Problema electrónico no DS3 dita atraso de Paulo Neto (Vinho madeira -1ª Etapa)

Quando lideravam a classificação das duas rodas motrizes no Rali Vinho Madeira, Paulo Neto / Vitor Hugo desceram ao terceiro lugar, depois de problemas electrónicos voltarem a afetar de novo o Citroen DS3 R3T Max.

Durante as primeiras sete especiais de classificação do Rali Vinho Madeira, Paulo neto / Vitor Hugo estavam a cumprir à risca os objetivos que traziam para a esta prova, liderando de forma destaca as duas rodas motrizes nesta prova. Porém, em Terreiro da Luta 1 o problema que tem afectado constantemente o DS3 R3T Max esta época voltou a manifestar-se, levando a dupla da Paulo Neto Sport a descer ao 3º lugar em que terminou a primeira etapa.


Entramos muito bem no rali, muito concentrados e com um ritmo muito forte, que nos permitiu assumir a liderança nas duas rodas motrizes, que conseguimos cimentar até à sétima especial de classificação. Porém, na 8ª especial notamos que o motor do Citroen DS3 R3T Max começou a falhar para a meio do troço parar. O problema electrónico que já afetou o carro em diversos provas este ano voltou a manifestar-se, levando-nos a perder cerca de 1m30s", afirma Paulo Neto, dizendo que "quase caiu por terra todo o esforço que tínhamos feito. Porém, conseguimos colocar o motor de novo a trabalhar e prosseguir em prova, mas nas derradeiras classificativas estava muito desconcentrado e como eram disputadas à noite não conseguimos recuperar o tempo que desejávamos. Mesmo assim, temos pelo menos em vista recuperar o segundo lugar, passando o nosso principal adversário na luta pelo Nacional de duas rodas motrizes, pelo que vamos continuar a atacar desde o início da segunda etapa".

 

OS DESEJOS DE ANTÓNIO FELIX DA COSTA

OS DESEJOS DE ANTÓNIO FELIX DA COSTA PARA O DIA DE HOJE

 

Descansa bem meu menino! Amanhã é dia de corrida e preciso que estejas no teu melhor, vamos dar tudo, atacar ao máximo!

 

IESE E SEAT LANÇAM PROJECTOS

 

IESE e SEAT lançam projetos de pesquisa de automóveis inteligentes para “cidades inteligentes”

 

/ Perto de 70 estudantes de MBA do IESE debatem o carro do futuro

/ Barcelona foi escolhida como ponto central de estudo

/ Veículo SEAT equipado com mais de 50 sensores

 

001 Copy Quase 70 estudantes do programa MBA da Escola de Gestão IESE participam numa experiência proposta pelo fabricante SEAT destinada a analisar a futura mobilidade urbana. O projeto consiste na proposta de ideias de colaboração entre os projetos “Smart City” e os automóveis SEAT e do Grupo Volkswagen.

 

A iniciativa é um exercício de procura e análise de factos tratados no último trimestre do curso de Estratégia de Operações incluído no MBA do IESE. Os estudantes terão que defender o seu projeto perante um painel de executivos SEAT, nas instalações do fabricante em Martorell, como parte integrante do curso; e os resultados contarão para a nota final de obtenção da graduação MBA.

 

O Presidente da SEAT, Jürgen Stackmann sublinhou que ”estamos a investir nos melhores talentos I&D que serão essenciais para o nosso sucesso no futuro. O nosso compromisso para os jovens mais talentosos passará pela promoção de uma série de programas de formação, incluindo esta colaboração com o IESE, que é uma das melhores escolas de formação em gestão e administração de todo o mundo.”

 

Uma das propostas de trabalho da SEAT para os estudantes IESE consiste na avaliação da viabilidade do uso de sensores já presentes nas viaturas SEAT, bem como nos automóveis do Grupo Volkswagen, para, com o consentimento dos proprietários, recolherem informação que ficaria ao dispor de institutos públicos que aplicariam a informação nos estudos e desenvolvimento das cidades inteligentes (Smart Cities). Para este projeto, a SEAT estabeleceu como centro geográfico do estudo a cidade de Barcelona, já que é uma das mais avançadas no conceito “Smart Cities”, de acordo com o Juniper Research 2015.

 

As cidades inteligentes melhoram significativamente a qualidade de vida nas áreas urbanas. Usar enormes quantidades de informação de forma eficiente e inteligente em tempo real é o principal segredo das “Smart Cities”, focadas na redução, por exemplo, do consumo de energia, poluição, ruído, tráfego ou melhoria da qualidade do ar através do uso eficiente dos recursos das infraestruturas. A ideia é interagir e potenciar os benefícios da comunicação entre carro-cidade/cidade-carro aumentando a mobilidade e criando cidades mais sustentáveis.

 

Os estudantes MBA do IESE trabalharão num total de nove grupos. O objetivo será procurarem, analisarem e desenvolverem modelos teóricos e conceptuais, mas plausíveis, que consigam avaliar o potencial e o contributo de novas oportunidades para soluções de mobilidade urbana. Para alcançar este objetivo, a SEAT divulgou o programa do projeto, com especial ênfase no reforço da sofisticação dos sensores dos automóveis. Um veículo SEAT está atualmente equipado com mais de 50 sensores. E várias cidades, como Barcelona, têm implementado um conjunto de baterias de sensores, todos ligados através de redes de dados.

 

IESE é uma das escolas de gestão mais internacionalizadas, com polos em Barcelona, Madrid, Nova Iorque, Munique e São Paulo. Consistentemente na lista das dez mais importantes, o IESE é pioneiro na formação de gestão na Europa desde a sua fundação em 1958, em Barcelona. O IESE procura formar líderes em gestão com capacidades comprovadas, empenhados e determinados em deixarem uma marca positiva na sociedade. O IESE distingue-se a si próprio na dedicação à área da administração, aplicada ao estudo de casos concretos, ao alcance mundial e colocando as pessoas no centro nevrálgico das decisões. Com uma visão verdadeiramente global, o IESE tem programas de ensino em quatro continentes.   

 

 

SEAT é a única companhia no seu sector com a capacidade total de desenhar, desenvolver, fabricar e comercializar automóveis, em Espanha. Membro do Grupo Volkswagen, a multinacional tem a sua sede em Martorell, Barcelona, exportando mais de 80% dos seus veículos, estando presente em mais de 75 países. Em 2014, a SEAT alcançou um volume de negócio de quase 7.500 milhões de euros, o valor mais alto da sua história, com vendas mundiais de 390,500 automóveis.

           

O Grupo SEAT emprega 14,000 profissionais nos seus três centros de produção em Barcelona, El Prat de Llobregat e Martorell, onde fabrica, entre outros, os tão bem sucedidos modelos Ibiza e Leon. Adicionalmente, a companhia produz o modelo Alhambra em Palmela (Portugal), o Mii em Bratislava (Eslováquia) e o Toledo em Mladá Boleslav (República Checa).

 

A multinacional espanhola também conta com um Centro Técnico, que em 2015 celebra o seu 40º aniversário, e que se configura como um ‘núcleo de conhecimento’ com um total de cerca de 900 engenheiros, que têm como objetivo, contribuírem como força impulsionadora de inovação, do investidor industrial número um em I&D em Espanha. Em linha com o seu compromisso declarado na proteção ambiental, a SEAT baseia a sua atividade central na sustentabilidade, nomeadamente na redução de emissão de CO2, eficiência energética e reciclagem de recursos, bem como a sua reutilização.

 

SPRINT RACE - BRASIL

 

Deus nos ajude: "Acelerados" Cassio Cortes e Gerson Campos disputam etapa de Cascavel da Sprint Race

Parceiros de Rubens Barrichello em programa do SBT e canal de YouTube farão estreia em categoria nacional

Dando sequência às suas respectivas gloriosas carreiras no kartismo indoor, os jornalistas Cassio Cortes e Gerson Campos estão confirmados para dividir o Sprint Race V6 #15 na próxima etapa da categoria, dia 9 de agosto no Autódromo de Cascavel.

Cassio e Gerson dividem a apresentação do programa Acelerados, no SBT e no YouTube, com um piloto bem mais ilustre: Rubens Barrichello, recordista de GPs na Fórmula 1 e atual campeão da Stock Car, que prometeu "dar umas dicas" aos colegas de programa.

O convite para disputar a etapa cascavelense da Sprint partiu do idealizador da categoria, o também piloto Thiago Marques.

"Primeiramente, gostaria de agradecer ao Thiago pela oportunidade - ou temeridade", brinca Cassio. "Gerson e eu fizemos um pódio na nossa estreia na Mitsubishi Lancer Cup ano passado, mas acredito que na Sprint o buraco vai ser bem mais embaixo. Estamos falando de uma categoria formada principalmente por pilotos jovens e que querem ir mais longe na carreira, molecada com sangue no olho mesmo. Nosso objetivo, honestamente, é não passar vergonha..."

"Vai ser espetacular poder competir a bordo do Sprint, que é um carro de corrida ?puro-sangue?, com chassis tubular e motor V6 central", ecoa Gerson. "Quero agradecer ao Thiago pela chance de mostrar em rede nacional nosso talento, ou falta dele".

Brincadeiras à parte, Thiago Marques acredita no potencial da dupla de jornalistas-pilotos: "Apesar de todos os carros da Sprint Race serem idênticos, a premiação é divida em duas categorias, Pro e GP. A Pro é voltada para a molecada recém-saída do kart, e a GP para pilotos acima de 28 anos. Pelo que já vi dos dois Acelerados nos vídeos, penso que eles podem surpreender na categoria GP".

A saga de Cassio e Gerson a bordo do Sprint será exibida em um especial dentro do programa do SBT e como uma websérie em youtube.com/acelerados, ambos em data de exibição ainda a definir.

Sobre Acelerados:
Lançado em 2014 em YouTube, Acelerados é o canal para quem tem gasolina e adrenalina nas veias. Rubens Barrichello, Cassio Cortes e Gerson Campos aceleram superesportivos importados, clássicos do passado e as últimas novidades do mercano nacional, trazendo sempre velocidade, emoção e informação sobre quatro rodas. O trio estreou um programa dominical no SBT em junho de 2015, tornando-se o primeiro canal de YouTube na história da mídia brasileira a dar origem a um programa de TV aberta.

Sobre Sprint Race:
A Sprint Race surgiu no Brasil em 2012, se posicionando exatamente entre os torneios regionais e os principais campeonatos nacionais, como a Stock Car e o Brasileiro de Marcas. O alto equilíbrio dos carros fez das provas um sucesso no cenário nacional. A um custo acessível, subsidiado pelos patrocinadores do evento, uma só equipe é responsável por todos os carros do grid, garantindo o equilíbrio e a durabilidade do equipamento. Todos os carros contam com chassis tubular desenvolvido especialmente para competição e motor V6 central com 270cv.

A Sprint Race Brasil têm patrocínio da Alpina, Pirelli, Ecopads, Bardahl, Fremax e Rio Custom.




(Foto: Kid Azevedo)


Alta  | Web
 

 

 

LOJA ONLINE DA SIVA

 

Loja Online da SIVA

 

SIVA Campanha_de_Vero_01_ag_set_CopyNova Campanha de Verão com 10% de desconto em toda a gama de acessórios das nossas Marcas
Uma nova Campanha de Verão irá decorrer na Loja Online da SIVA entre os dias 1 de agosto e 30 de setembro, com o aliciante de 10 por cento de desconto sobre qualquer produto, acrescido da oferta dos portes de envio.
Através do endereço http://eshop.sivaonline.pt/ poderá consultar uma grande variedade de acessórios e produtos das nossas Marcas – Volkswagen, Audi, ŠKODA, Volkswagen Veículos Comerciais, Bentley e Lamborghini – com valores bastante aliciantes.
Alguns exemplos são, no caso da Volkswagen, as barras de tejadilho (Polo de 4 portas e Passat). Na Audi podemos destacar a rede divisória de carga longitudinal (Q5) e o tapete para bagageira (novo Q3).
Na ŠKODA poderá encontrar, por exemplo, um tapete reversível para a bagageira (novo Octavia Break) e geleira com capacidade para 18 litros (Yeti). Já na Volkswagen Veículos Comerciais, destaques para a cobertura em lona para a caixa de carga (Amarok) e um roll-bar de 3 polegadas de tubo duplo em Inox ou ainda a Full-Box na cor preta (incluindo kit anti-pó, também para o Amarok).
Nas mais exclusivas Bentley e Lamborghini são propostos o Polo Shirt para homem em cor verde, no primeiro caso, e toalha de praia (preto e branco), no caso da marca sedeada em Sant'Agata Bolognese

 

FELIX DA COSTA JÁ FEZ OS RECONHECIMENTOS

FELIX DA COSTA JA FEZ RECONHECIMENTOS À PISTA

 

DTM

 

Volta à pista feita com os nossos engenheiros. Tudo pronto para começar os treinos livres amanhã!

 

HENRIQUE CHAVES COM DIFICULDADES EM ASSEN

 

Henrique Chaves com dia atribulado em Assen

 

assen henriquechaves_Copy
Henrique Chaves está em Assen para mais uma jornada da Formula Renault NEC. O piloto português efectuou as duas sessões de treinos livres assim como as duas sessões de qualificação e assegurou o 16º lugar da grelha para a primeira corrida e o 13º para a segunda.
Uma sexta-feira atribulada com algumas dificuldades no acerto do monolugar que não permitiram a Henrique Chaves entrar no top 10 como era seu objectivo: "Foi um dia complicado. Não estávamos a encontrar o melhor compromisso para o carro. Depois de o colocarmos nas balanças percebemos que havia um desequilíbrio nas rodas. Fizemos as alterações necessárias e a partir daí as coisas melhoram. Parece-me que temos agora uma boa afinação que certamente me irá ajudar a recuperar lugares nas corridas", explicou o piloto português que continua a ambicionar terminar as provas entre os dez melhores.
Amanhã, sábado, terá lugar a primeira corrida do fim-de-semana pelas 10.35h que pode ser acompanhada através do 'live timing' em: http://raceresults.nu

 

A 2 COM SUMMER LOUNGUE

 

Summer Lounge na A2

Área de Serviço de Grândola com espaço especial de descanso para adultos e crianças que viajam para o Algarve

 

A Área de Serviço de Grândola na A2 ? Auto-estrada do Sul vai ter um Summer Lounge dedicado às famílias em viagem de férias para o Algarve. A iniciativa, uma parceria da Brisa - Auto-estradas de Portugal e do Lidl, irá decorrer de 31 de Julho a  27 de Agosto.

 

O Summer Lounge tem como objectivo incentivar à paragem e ao descanso das famílias em viagem de férias e, também, melhorar a experiência em auto-estrada dos clientes Brisa. O Summer Lounge situa-se na zona de merendas, da área de serviço de Grandôla, e conta com uma zona para crianças e outra para adultos, ambas protegidas por uma tenda para tornar o espaço fresco e confortável.

 

Paralelamente, este espaço irá divulgar o ?Surf Salva?, um projeto que resulta da parceria entre o Instituto de Socorros a Náufragos (ISN) e o Lidl Portugal. Esta iniciativa consiste em dotar os praticantes de atividades náuticas de conhecimentos que os capacitem a prestar auxílio, no âmbito do socorro a náufragos e assistência a banhistas. Depois do sucesso da primeira edição, com mais de 1.000 participantes, a edição deste ano do ?Surf Salva? estender-se a todos os veraneantes.

 

 

RALI DOS SERTÕES - BRASIL

Sertões começa neste sábado: X Rally Team preparado

Equipe paulista traz os Ford Ranger Dakar V8 4x4 preparados na África do Sul com atualizações e ambicionam a vitória no geral

Aviso às TVs: Imagens em vídeo disponíveis neste link para download

O Rally dos Sertões começa neste sábado (1º) em Goiânia (GO) com o prólogo que será realizado no Autódromo Internacional Ayrton Senna. E no domingo (2), a caravana parte para a competição de 2,8 mil quilômetros que passará pelas cidades de Rio Verde (GO), Itumbiara (GO), São Simão (GO), Três Lagoas (MS), Euclides da Cunha Paulista (SP), Umuarama (PR), e finalizando em Foz do Iguaçu (PR).

A equipe X Rally Team, eleita a melhor na última edição do maior rali do país, mantém a parceria com o preparador sul-africano Neil Woolridge e traz novamente dois Ford Ranger Dakar V8 4x4. Os protótipos passaram por profundas atualizações, como diminuição do peso, recuo na posição do motor, distribuição de cargas, suspensão e freios.

O time terminou em terceiro e quarto na categoria T1 FIA, a mais rápida entre os carros, e trabalha para subir para os degraus mais altos do pódio neste ano. "Estamos mais adaptados ao carro e para este ano trouxemos melhorias. Então o nosso foco é em ir para cima e buscar este título", disse Cristian Baumgart, que há 15 anos compete tendo Beco Andreotti como seu navegador, em uma das parcerias mais longas da história do rali brasileiro. "Atualizamos os nossos carros, houve um ano inteiro de desenvolvimento, então a expectativa é muito boa nesse sentido, já que o objetivo é buscar este título geral, que é inédito para a equipe", resume Andreotti.

Irmão de Cristian, o piloto Marcos Baumgart destaca a preparação da equipe, enquanto seu navegador Kleber Cincea, fala do esmero do time em trabalhar os detalhes. "Estamos bem preparados e acho que tudo está fluindo por um caminho muito correto", diz Marcos. "A intenção é entrar na briga para vencer a prova. Sem dúvida este é o objetivo de todos, mas não basta querer; há que se construir o caminho para que isso aconteça. Estamos pensando em tudo: preparo físico, preparação do carro, da equipe, em todos os detalhes. A concentração é grande", enumera Cincea.

Neil Woolridge também acompanhará o time na prova, a exemplo do que fez no ano passado e destaca os laços de amizade desenvolvidos com o X Rally Team. "Formamos uma grande parceria e amizade durante o último ano e estamos ansiosos pelo retorno para vermos nossos amigos brasileiros novamente, enquanto desfrutamos de uma nova aventura neste lindo país. A equipe está preparada e estes carros e duplas são altamente capazes de vencer o Rally dos Sertões deste ano. Para a NWM e o X Rally Team este é o nosso objetivo em 2015", destaca.

A Ford também acompanhará a prova. O profissional destacado para a tarefa é o Supervisor de Engenharia Avançada e Performance, Celso Duarte, da Ford Performance Team. "O foco é na vitória. O objetivo e a qualificação técnica do time, a estrutura, o conhecimento dos técnicos, mecânicos e engenheiros, a qualidade do equipamento, bem como dos pilotos e navegadores - que são rápidos e experientes - nos permitem pensar na vitória geral", diz.


PARA BAIXAR MAIS FOTOS DA EQUIPE X RALLY TEAM, CLIQUE AQUI
Crédito das Fotos: P1 Media Relations
Crédito das imagens em vídeo: Anselmo Venansi e Cleyton Russo


A equipe X Rally Team é patrocinada por Vedacit, Cidade Center Norte, com apoios da Ford, Motul, GoPro, Reebok Sports Club, EleMídia, e Arai

Conheça a equipe em: www.xrallyteam.com.br

Siga-a no Twitter: @X_Rally_Team

Curta-a no Facebook: X Rally Team Oficial

E também no Instagram: @xrallyteam



P1 Media Relations
Rally dos Sertões começa neste sábado (1o) com o prólogo em Goiânia (GO)
Alta | Web

P1 Media Relations
Equipe X Rally Team vai em busca de seu primeiro título na geral do Sertões
Alta | Web

P1 Media Relations
Os Ford Ranger Dakar V8 4x4 são preparados pela NWM Motorsport
Alta | Web

P1 Media Relations
Time traz atualizações nos carros para buscar título inédito
Alta | Web
 



 

 

FONTES NA FRENTE NO RALI VINHO DA MADEIRA

 

A equipa DS 3 Vodafone Team encontra-se na liderança do Rali Vinho Madeira, prova pontuável para o Campeonato Nacional de Ralis. Disputadas as primeira oito especiais, José Pedro Fontes/Miguel Ramalho vão cumprindo os objectivos traçados para esta jornada insular e que passam por vencer o rali em termos de ?Nacional?.

A três especiais do final desta etapa inicial, as equipas têm agora pela frente uma secção totalmente disputada à noite, estando o final da jornada agendado para depois das 22h00. Sem sobressaltos a assinalar, José Pedro Fontes revelava no parque de assistência a sua satisfação ?pelo modo como a prova tem corrido. Estamos na liderança, mas acima de tudo, estamos à frente em termos de Campeonato Nacional de Ralis e isso é que é realmente importante. Vamos manter o ritmo no sentido de conseguir recuperar a liderança do campeonato.?

Classificação Após 8 Troços:

1º DS 3 Vodafone Team - José Pedro Fontes/Miguel Ramalho, 58m36,9s
2º Miguel Nunes/João Paulo Fernandes, a 1,1s
3º Bruno Magalhães/Hugo Magalhães, a 12,2s
4º João Barros/Jorge Henriques, a 32,1s
5º Ricardo Moura/Antonio Costa, a 50,4s

 

GRANDE RECUPERAÇÃO DE BRUNO MAGALHAES

 

Bruno Magalhães protagoniza recuperação notável na Madeira
Piloto português já é terceiro classificado
Bruno e Hugo Magalhães não começaram o dia de hoje do Rali Vinho da Madeira da melhor forma possível. Alguns contratempos no Peugeot 208 T16 limitaram a prestação do piloto português que chegou a ocupar o sétimo posto com mais de 30 segundos de desvantagem para o primeiro classificado. Mas, o piloto português e a sua equipa conseguiram solucionar o problema e as vitórias nos troços começaram a surgir. Bruno deu início a uma recuperação notável para terminar o dia de hoje, após dez classificativas, na terceira posição a escassos 5,8 segundos do líder.
Num rali que gosta particularmente e onde já venceu por três vezes, Bruno nunca se deu por vencido e espera amanhã terminar o rali no primeiro lugar: "Foi um dia muito, muito difícil. Nos primeiros troços fizemos uma má escolha de pneus aliada a um problema no motor que não conseguíamos perceber de onde vinha. Não estávamos a impor o nosso ritmo e isso estava a deixar-me preocupado", começou por explicar.
Mas, felizmente a equipa conseguiu detectar a falha: "Tratava-se de um fio partido de uma cablagem que fazia o motor perder potência. Depois de solucionado esse problema conseguimos andar rápido e começar a recuperar o terreno perdido. Estamos a poucos segundos da frente e com oito troços pela frente penso que estamos no caminho certo para atingir o nosso objectivo de vencer a prova", rematou Bruno Magalhães confiante no seu trabalho e no da sua equipa para a segunda e última etapa da prova.
O dia de amanhã será composta por oito decisivas especiais de classificação que começam pelas 10.40h e terminam pelas 17h.

 


Resultados após 1ª Etapa:


1º Miguel Nunes/João Paulo Fernandes - Ford Fiesta R5 com 1.11.05,5 segundos
2º José Pedro Fontes/Miguel Ramalho - Citroen DS3 a 2,5 segundos
3º Bruno Magalhães/Hugo Magalhães - Peugeot 208 T16 a 5,8 segundos

RVM 013_Copy
A prova pode ser acompanhada em: http://ralivm.com/pt

 

ANTÓNIO FELIX DA COSTA PREPARA

ANTONIO FELIX DA COSTA PREPARA AFINCADAMENTE A PRÓXIMA PROVA

 

Semana de corrida e uma muito especial para mim já que é na Áustria, em Red Bull Ring, a pista caseira da Red Bull. Motivadissimo!

É raça e uma semana muito especial para mim como cabeça até na Áustria Red bull anel. É o touro para casa raça e eu mal posso esperar para chegar lá! ‪#‎Redbullring‬ ‪#‎Afdac13‬ ‪#‎Bmwmpower‬

Semana de corrida e uma muito especial para mim já que é na Áustria, em Red Bull Ring, a pista caseira da Red Bull. Motivadissimo!

 

GALERIA DE IMAGENS - MOTONAUTICA NO PORTO

GALERIA DE IMAGENS

 

MOTONAUTICA NO PORTO

 

Grupo de imagens do primeiro dia do Grande Prémio de Motonautica do Porto, referentes ao paddock instalado mesmo ao lado da Alfandega do Porto.

 

Fotos de João Raposo - www.veloicidadeonline.comFOX 4650_CopyFOX 4651_CopyFOX 4652_CopyFOX 4653_CopyFOX 4654_CopyFOX 4655_CopyFOX 4656_CopyFOX 4657_CopyFOX 4658_CopyFOX 4659_CopyFOX 4660_CopyFOX 4661_CopyFOX 4662_CopyFOX 4663_CopyFOX 4664_CopyFOX 4665_CopyFOX 4666_CopyFOX 4667_CopyFOX 4668_CopyFOX 4669_CopyFOX 4670_CopyFOX 4671_CopyFOX 4672_CopyFOX 4673_CopyFOX 4674_CopyFOX 4675_CopyFOX 4676_CopyFOX 4675_CopyFOX 4676_CopyFOX 4676_CopyFOX 4677_CopyFOX 4678_CopyFOX 4679_CopyFOX 4680_CopyFOX 4681_CopyFOX 4682_CopyFOX 4683_CopyFOX 4684_CopyFOX 4685_CopyFOX 4686_CopyFOX 4687_CopyFOX 4688_CopyFOX 4689_CopyFOX 4690_CopyFOX 4691_CopyFOX 4692_CopyFOX 4693_CopyFOX 4694_CopyFOX 4696_CopyFOX 4697_CopyFOX 4697_CopyFOX 4698_CopyFOX 4699_CopyFOX 4700_CopyFOX 4701_CopyFOX 4702_CopyFOX 4703_CopyFOX 4704_CopyFOX 4705_CopyFOX 4706_CopyFOX 4707_CopyFOX 4708_Copy

 

GT COMPETIZIONE EM SANTO TIRSO

Gt Competizione pronto para vos receber no comércio sai a Rua em Santo Tirso!!
Praça 25 de Abril a partir das 19:00 horas

 

EXTREME SAILING EM HAMBURGO - ALEMANHA

EXTREME SAILING EM HAMBURGO

 

 

 

eam Russia Gazprom outperform Experiente extremo 40 com cinco pódios pesos pesados ​​para assumir a liderança durante a noite. Outra excelente desempenho pela Gazprom Team Russia no dia dois da Lei Extreme Sailing Series ™ 5, Hamburg apresentado pela Land Rover, uma vez que postou quatro resultados segundo lugar e uma vitória na corrida. Na sequência da sua impressionante dia de abertura fora do HafenCity beira-mar, eles estão agora saltar extremo 40 pesos pesados ​​SAP Extreme Sailing da equipe e da onda, Mascate para assumir a liderança em 111 pontos. Depois de corridas, um elmo calma e serena Phil Robertson explicou que a boa comunicação entre a tripulação era a chave para o seu sucesso: "É muito melhor e que é a maior coisa que estamos a trabalhar. Ele apenas ajuda quando o vento é leve, dá-nos mais tempo para conversar qui significa agrupamento mais tempo para traduzir do Kiwi à Rússia ". Um dia de testes no Rio Elba, um desigual 09/04 nó de uso brisa fortes marés e freios regulares comercial para a passagem do tráfego interrompido o fluxo de corrida. O resultado, um jogo de cobras e escadas para as equipes que não permitia-lhes a perder o foco por um momento: "Foi complicado hoje, o nome do jogo era para ser tão flexível quanto possível e adaptados às novas exigências e l'autre barcos ", disse o leme da equipa Turx alimentado por Kaya Cordas, Mitch Booth. "Não houve padrão definido, cada raça era diferente, toda estratégia tinha de ser diferente, eu tive que usar todo meu conhecimento e experiência de hoje para tentar doninha nosso caminho através dela. Foi realmente difícil ", acrescentou. Com base na sua experiência olímpica medalha de corrida, Booth partiu para a vitória na corrida de 10, enquanto companheiro Olympian Lorenzo Bressani à frente da Team Italia Lino Sonego Tomou um terceiro na corrida 13. Aponte o momento inesperado de glória Fui hoje para GAC ​​Pindar na corrida 12. skipper australiano coisa Seve Jarvin porta de início arriscado, abaixou a frota, rompeu com o pacote e saiu à frente para liderar do início ao fim. Lutando com consistência e tomada de decisão, Leigh McMillan, leme em The Wave, Muscat terminou anormalmente baixo na frota, perdendo sua liderança durante a noite e terminando o dia em terceiro lugar geral. SAP Extreme Sailing Equipe Enquanto isso, no meio da frota consistem Eram artistas e realizou seu segundo lugar na classificação geral. Lei Extreme Sailing Series ™ 5, Hamburg apresentado pela classificação Land Rover pós-Dia 2, 14 corridas (24.7.15) Position / Team / Pontos 1 Gazprom Team Russia (RUS) Igor Lisovenko Phil Robertson, Garth Ellingham, Alexander Bozhko, Aleksey Kulakov 111 pontos. 2 SAP Extreme Sailing Team (DEN) Jes Gram-Hansen, Rasmus Kostner, Hervé Cunningham, Mads Emil Stephensen, Nicolai Sehested 107 pontos. 3 The Wave, Muscat (OMA) Leigh McMillan, Sarah Ayton, Pete Greenhalgh, Ed Smyth, Nasser Al Mashari 106 pontos. 4 Red Bull Sailing Team (AUT) Hans-Peter Steinacher, Jason Waterhouse, Jeremy Bachelin, Shaun Mason, Stewart Dodson 91 pontos. 5 Turx Team (TUR) Edhem Dirvana, Mitch Booth, caquis Selim, Diogo Cayolla, Pedro Andrade 87 pontos. 6 Oman Air (OMA) Stevie Morrison, Nic Asher, Ted Hackney, Ed Powys, Ali Al Balashi 80 pontos. 7 Lino Sonego Team Italia (ITA) Lorenzo Bressani Enrico Zennaro Stefano Ciampalini, Stefano Rizzi, Manuel Modena 71 pontos. GAC Pindar 8 (GBR) Seve Jarvin, Adam Minoprio, Marcus Ashley-Jones, James Corrie, James Wierzbowski 67 pontos. 9 Radical Team Germany (GER) Paul Kohlhoff Philip Kasueske, Johann Kohlhoff, Peter Kohlhoff, Max Kohlhoff 34 pontos.

 

Google Tradutorext131 Copyext132 Copyext133 Copyext134 Copyext135 Copyext136 Copyext137 Copyext138 Copyext139 Copyext140 Copyext141 CopyEXT150 CopyEXT151 Copy

 

O WTCC - TIAGO MONTEIRO EM VILA REAL

O WTCC - TIAGO MONTEIRO EM VILA REAL

 

 

 

Veja abaixo link para o vídeo Tínhamos criado com a Eurosport e Tiago em Vila Real.

Temos Empurrado isso através dos nossos canais sociais Honda, ao lado de patrocinadores da equipe e do WTCC meta-se ter Top-lo mais canais você pode expor este, por favor! Estamos naturalmente interessados em obter o máximo de exposição sobre o conteúdo de modo que qualquer contatos, sites ou canais sociais-lhe têm acesso, por favor, adicione este. Nós têm-plenos direitos de propriedade.

https://www.youtube.com/watch?v=-CgPbN6wPw8

 

TUDO A POSTOS PARA O G.P.PORTUGAL DE MOTONAUTICA NO PORTO

TUDO A POSTOS PARA O G.P.PORTUGAL DE MOTONAUTICA NO PORTO

 

 

GP de Fórmula 1 em Motonáutica vai ter a maior grelha dos últimos anos com 20 pilotos de 12 nacionalidades 

 

 

Pela primeira vez nos últimos quatro anos, uma prova do Campeonato do Mundo de F1 em Motonáutica vai reunir 20 pilotos à partida de um Grande Prémio. A apenas um dia do seu início, a organização internacional do F1H20 confirmou a inscrição de um vigésimo piloto na lista de presenças do Grande Prémio de Portugal.

 

Campeão do Mundo da Classe 1 de Catamarãs, Nadir Bin Hendi fará no Porto e nas águas do Douro a sua estreia absoluta em provas do F1H20, reforçando o Victory Team do atual líder do Campeonato, o norte-americano Shaun Torrente, que desde o início da época era o solitário representante desta equipa, com base no Dubai.

 

A outra novidade no alinhamento da prova portuguesa diz respeito ao Team Abu Dhabi, uma vez que a equipa decidiu substituir o italiano David Del Pino, atual 14º do Mundial, pelo veterano Thani Al Qemzi. Embora ausente dos dois primeiros grandes prémios da época, Al Qemzi é um dos mais experientes pilotos do pelotão, com 111 corridas no seu currículo e sete vitórias no palmarés, incluindo o trinfo no Grande Prémio de Portugal de 2009, disputado em Portimão.

 

O REGRESSSO A PORTUGAL… QUATRO ANOS DEPOIS

 

Com um historial de 13 grandes prémios disputados em Portugal, a estreia da mais espetacular disciplina de motonáutica nas águas do rio Douro assinalará, de resto, o reencontro de vários pilotos que fizeram história na prova portuguesa entre 1999 e 2011.

 

É o caso, por exemplo, de Guido Cappellini, italiano que venceu sete das 13 edições da prova portuguesa, cinco delas de forma consecutiva, entre 1999 e 20013. Retirado da competição desde 2009, Cappellini é o atual Team Manager do Team Abu Dhabi.

 

Também afastado da competição, mas de regresso a Portugal como Team Manager da Team Emirates, o americano Scott Gillman é outro nome em destaque no quadro de honra do Grande Prémeio de Portugal. Em nove participações, subiu ao pódio em cinco ocasiões, garantindo a vitória em 2004 e 2007, ano em que deixou de competir.

 

Mas entre os 20 pilotos que vão disputar o triunfo na corrida deste domingo, o natural destaque vai, claro, para Duarte Benavente.

 

Campeão do Mundo de F4 em 1998 e Campeão Europeu de F2 em 1999, Duarte Benavente é hoje um dos mais experientes pilotos a competir no F1H20, tendo já disputado 131 grandes prémios desde a sua estreia na categoria máxima, em 1999. Embora almejando ainda a sua primeira vitória no F1H20, o piloto português e proprietário do F1 Atlantic Team subiu já por cinco vezes ao pódio, com destaque para o 3º lugar alcançado no GP de Portugal de 2009.

 

Realce também para o veterano Francesco Cantando, com um currículo de 151 corridas em 19 anos de carreira ao mais alto nível. Em Portugal, atingiu o pódio seis ocasiões, sendo cinco vezes segundo classificado.

 

Quem também procura a sua estreia nas vitórias em Portugal é Sami Selio, bicampeão mundial. Em 2002, esteve perto da vencer, mas ficou atrás de Capellini. A correr pela Mad Croc Baba, o piloto apresenta uma carreira com 22 pole positions, o terceiro melhor registo de todos os tempos na modalidade.

 

Já o atual Campeão do Mundo, Phillippe Chiappe, que corre ao serviço da equipa chinesa CTIC, nunca foi feliz em Portugal. Em dez participações, a melhor classificação do francês foi um oitavo lugar. Por querer inverter a tendência, e ancorado pelo grande sucesso conquistado nos últimos anos, Chiappe deve ser tido em conta como candidato ao título. 

 

Da última vez que o Grande Prémio se realizou em Portugal, em 2011, a norueguesa Marit Stromoy estabeleceu uma marca histórica, tornando-se na primeira mulher de sempre a conquistar uma pole position num evento internacional do género. Apesar de ter liderado a corrida, o seu objetivo acabaria por não se concretizar, após colidir numa saída das boxes com o americano Shaun Torrent, com quem disputava o primeiro lugar. Agora, ao volante de uma embarcação completamente renovada, Stromoy vai querer deixar a sua marca no Porto e despertar a atenção mundial.

 

Curiosamente, é Shaun Torrente, piloto natural de Miami, quem lidera o Campeonato neste momento, com 29 pontos de vantagem, depois de uma vitória em Doha (Dubai) e um quarto lugar em Évian (França), as etapas já disputadas.

 

Em resumo, alguns pilotos tentarão dar continuidade aos bons resultados alcançados em Portugal nos anos anteriores, enquanto outros tentarão inverter a sua sorte. Tudo no cenário magnífico do rio Douro, num fim de semana que se espera de bom tempo e de grande espetacularidade.

 

PROGRAMA – Grande Prémio de Portugal

 

Sexta-feira, 31 de julho 2015

10:00-15:00    Verificações Técnicas (Parque da Alfândega)

12:00-12:30    Verificações Administrativas (Edifício da Alfândega)

14:00-15:00    Co-Drives no F1 Bilugar

15:00-17:00    Treinos Livres

17:00-20:00    Animação no Village (Parque da Alfândega)

 

Sábado, 1 de agosto 2015

11:00-11:30    Briefing (Edifício da Alfândega)

12:00-12:30    Treinos Livres – F4

12:40-13:00    Treinos Cronometrados – F4

13:30-14:30    Treinos Livres – F1

14:45-15:45    Co-Drives no F1 Bilugar

16:00-16:20    Corrida 1 – F4 (20’)

16.30-17:30    Qualificação – F1

17:40-18:00    Conferência de Imprensa (Edifício da Alfândega)

18:00-22:00    Animação no Village (Parque da Alfândega)

22:00-23:30    Concerto de Mónica Ferraz (Parque da Alfândega)

 

Domingo, 2 de agosto 2015

11:00-11:30    Briefing (Edifício da Alfândega)

12:10-12:30    Treinos Livres – F4

12:40-13:00    Treinos Cronometrados – F4

13:30-14:30    Treinos Livres – F1

14:30-15:30    Co-Drives no F1 Bilugar

16:00-16:20    Corrida 2 – F4 (20’)

16:40-17:00    Acrobacias aéreas

17:00-17:10    Volta de Apresentação – F1

17:15-18:00    GP Portugal – Corrida F1 (45’)

18:10-18:20    Cerimónia do Pódio (Parque da Alfândega)

18:20-18:40    Conferência de Imprensa (Edifício da Alfândega)

 

WILL-I.AM LEXUS

 

Will.i.am e LEXUS criam espetáculo de som e de luzes laser numa pauta musical projetada em estrada

 

WILL.I.AM DESAFIADO A ATUAR COM O NOVO LEXUS NX EM INSTRUMENTO MUSICAL GIGANTE

https://youtu.be/GxVYhJcqwfk


#NXontrack - A Lexus revelou um inovador filme com o empresário e artista, will.i.am, o qual recriou uma das suas músicas de maior sucesso, Power, de uma forma única, artística e espetacular.

Utilizando a pista de um aeroporto abandonado equipado com mais 350 projeções laser e luzes sensíveis ao movimento que simulam uma pauta de música e, utilizando o novo Lexus NX como se de uma palheta se tratasse, o artista vai percorrendo a estrada transformada em pauta com um determinado ritmo tocando nas diferentes “linhas” compondo assim a música.

Este evento único, e nunca antes realizado, foi gravado à noite demonstrando os dotes de condução do artista, para além da precisão de vários pilotos profissionais. Esta gravação realizada apenas numa noite durante, uma vez que o nascer do sol impediria de ver as linhas, contou também com a presença de Rush frontman, 2013 Blockbuster e Niki Faulkner que estiveram envolvidos na “estrada da música”.

Comentando acerca da produção deste vídeo, will.i.am referiu: “Trabalhar com estes pilotos para que cheguem as luzes laser no momento certo não foi nada fácil, mas conseguimos e o resultado e fantástico. A combinação da tecnologia, design e da música neste projeto é do outro mundo!”.

Uma equipa de 65 técnicos trabalhou ao longo de 11 dias para construir a estrutura de luzes e luzes lazer sensíveis ao movimento, desenvolvido pela reconhecida empresa Marshmallow Laser Feast (MLF), que já trabalharam para os Coldplay e U2.

O diretor criativo da MLF, Barnaby Steel, comentou: “Juntamente com a Lexus criamos um gigantesco jogo musical que envolve pilotos profissionais e também will.i.am que esteve ao volante de um NX. A música é criada através dos carros que atingem as luzes lazer sensíveis ao movimento. Este toque tem de acontecer no momento certo e com a cadência precisa. É basicamente uma guitarra gigante que em vez de utilizarmos os dedos, utilizamos os carros. O desafio para o will.i.am e os pilotos foi percorrer as linhas com o ritmo correto. Sempre que estavam fora do ritmo tinham que recomeçar, portanto um desafio enorme!”.

Alain Uyttenhoven, Diretor da Lexus Europa, comentou: “Nos prevemos que o novo Lexus NX representa-se um terço das vendas da marca na Europa ao longo deste ano, por essa razão projetamos algo único e arrojado com o will.i.am – algo que refletisse a filosofia da marca o Amazing in Motion!”.

Apresentado em Setembro de 2014, o NX marca uma nova entrada no segmento SUV Premium de médias dimensões para a Lexus. Desde o lançamento este modelo tornou-se rapidamente um dos modelos Lexus de maior sucesso na Europa.

Lexus NX_1_CopyLexus NX_2_CopyLexus NX_3_CopyLexus NX_4_Copy
 

TECNOLOGIA DE ALTERNADORES

 

Tecnologia de alternadores


Inovações ecológicas da Bosch permitem que frotas cumpram os limites de emissões CO2
 A UE reconhece as novas tecnologias de alternadores Bosch como inova-ções ecológicas
 Nenhum outro fabricante oferece mais do que as três eco inovações da Bosch
 Os alternadores de alta eficiência reduzem as emissões de CO2
Os legisladores da UE estão a exigir veículos de baixo consumo e com emis-sões muito reduzidas, enquanto os condutores procuram o prazer da condução, além da eficiência. Agora, a Bosch demonstrou que ambos os objetivos podem ser conciliados graças às suas mais recentes inovações ecológicas. Os alterna-dores com díodos de alta eficiência (HEDs) e de retificação sincrónica ativa (SAR) já foram reconhecidos pela UE. Estes componentes tecnologicamente avançados fazem com que os veículos sejam mais eficientes e mais económicos no seu consumo, pelo que são capazes de cumprir os objetivos rigorosos de CO2 estabelecidos pela Comissão Europeia. A normativa europeia estabelece um limite médio de emissões de 95 gramas de CO2 por quilómetro para os novos veículos a partir de 2021, o que equivale a um consumo de combustível de pouco mais de 4 litros a cada 100 quilómetros. Em 2013, as emissões médias de CO2 exigidas para os novos veículos eram de 132.9 gramas por quilómetro.
Com a etiqueta “eco inovação”, a UE reconhece de modo particular as tecnolo-gias ecológicas. Os fabricantes de veículos podem adotar estas tecnologias, que contam como crédito de CO2, para calcular os valores de consumo médio de combustível das suas frotas. O crédito máximo permitido é de sete gramas por quilómetro. A Bosch é o único fornecedor que oferece três eco inovações reco-nhecidas pela União Europeia: um sistema de gestão de bateria baseado na navegação dos veículos híbridos, mais duas novas tecnologias de alternadores.
“A Bosch está a melhorar todos os aspetos do motor de combustão interna”, assegura Rolf Bulander, membro do Conselho de Administração da Robert Bosch GmbH. Os novos alternadores são um exemplo disso: graças à sua exce-lente eficiência, os alternadores HED e SAR são capazes de reduzir as emis-sões de CO2 entre um e dois gramas. Ao mesmo tempo, ao arrancar e, funcio-
Page 2 of 3
nando a baixas rotações, proporcionam mais energia elétrica que os modelos convencionais.
A alta eficiência reduz as emissões
Os alternadores são as centrais elétricas que se encontram a bordo de todos os veículos. Proporcionam energia fiável aos sistemas de segurança, conforto, assistência à condução e injeção, assim como a gestão do motor, são também estes os elementos responsáveis pelo carregamento da bateria do automóvel. Os alternadores são os mecanismos que convertem a energia mecânica em energia elétrica e quanto maior é o grau de eficiência do alternador, menor é o consumo de combustível do veículo e, por isso, as suas emissões de CO2. Para aumentar o nível de eficiência, os engenheiros da Bosch examinaram cuidado-samente numerosos tipos de alternadores aos quais incorporam notáveis melho-rias, dirigidas sobretudo ao controlo das perdas de energia derivadas da retifica-ção da corrente alternada que geram.
Os díodos de alta eficiência desenvolvidos pela Bosch reduzem as emissões de CO2 dos alternadores até 1.3 gramas por quilómetro. Além do mais, comparando com os alternadores “standard”, esta eficiente versão oferece entre cinco a sete amperes, funcionando a baixas rotações. Facto particularmente importante, já que os consumidores de energia a bordo necessitam de uma fonte de alimenta-ção fiável, inclusive a baixa rotações. O alternador com retificação sincrónica ati-va oferece cerca de 10 amperes a mais do que em modelos “standard”, reduzin-do as emissões de CO2 até dois gramas por quilómetro. Nesta tecnologia, os díodos são substituídos por transístores de alto rendimento. Ambas as versões do alternador são muito eficientes e ajudam a fazer com que o veículo respeite mais o meio ambiente, algo que a UE confirmou ao reconhecê-los como eco inovadores.

 

NOVO OPEL ASTRA PARA AS PISTAS EM 2016

Novo Astra para as pistas em 2016

Opel está a desenvolver Astra de competição para o campeonato TCR International Series de 2016

1438244561385 Copy1438244586537 Copyaddthis:url="http://media.gm.com/media/pt/pt/opel/news.detail.html/content/Pages/news/pt/pt/2015/opel/07-30-astra-racetrack-tcr-2016.html">Share Add This   | 

A Opel vai alargar as suas atividades no desporto automóvel de Turismos. A nova geração Astra, que estreia mundialmente no Salão de Frankfurt já no próximo mês de setembro, servirá de base para um modelo de competição integrado nas regras TCR Series para provas nacionais e internacionais. O desenvolvimento do novo automóvel está a cargo da divisão de Motorsport da Opel na sede em Rüsselsheim, na Alemanha.

O regulamento TCR Series foi criado em 2015 a pensar em campeonatos nacionais e continentais, bem como num campeonato mundial ‘TCR International Series’, tendo regras iguais para todos os casos. Dessa forma, um automóvel desta categoria pode competir em qualquer parte do mundo sem ter que ser sujeito a alterações técnicas. Os motores são de 2.0 litros, sobrealimentados, debitando potência de 330 cv e binário máximo de 410 Nm.

«As competições de Turismos sempre foram parte integrante da Opel. A filosofia do novo TCR Series corresponde à nossa ideia de ‘customer racing’. Queremos dar a equipas privadas ambiciosas uma base competitiva para concorrerem a custos razoáveis», afirma a CMO do Opel Group, Tina Müller.

De acordo com o calendário de desenvolvimento da Opel, o novo Astra TCR deverá cumprir os primeiros testes em pista no mês de outubro.

 

JET SKI NO BRASIL

 

28º BRASILEIRO DE JET SKI: GISELE HATTORI 

INICIA A LUTA PELO BICAMPEONATO

A piloto de Goiânia competirá nos dias 15 e 16 de agosto, em Boa Esperança (MG), na abertura da temporada.


 

A piloto Gisele Kimi Hattori, de Goiânia, inicia nos dias 15 e 16 de agosto, a luta pelo segundo título consecutivo na categoria Runabout Aspirado Limited, no 28º Campeonato Brasileiro de Jet Ski. A abertura da temporada será realizada na Represa de Furnas, em Boa Esperança, no Sul de Minas Gerais. Como acontece há 18 anos, a expectativa dos organizadores é que um público de mais de 25 mil pessoas acompanhe os dois dias de competições.

Para tentar chegar ao bicampeonato, Gisele estreará um novo equipamento e está confiante. ?No Brasileiro de 2014 tudo saiu dentro do planejado e com muito esforço consegui chegar ao título. Para esse ano vou competir com um jet novo, que vem sendo preparado pelo Paulo Bizagio e tentarei garantir bons resultados já nessa estreia em Minas Gerais?, explicou.

Gisele informou que vem treinando apenas em academia, pois a região não tem muitos lagos para realizar os treinamentos técnicos. Lembrou que a preparação física é importante, pois o desgaste durante as baterias é grande, principalmente pelo alto nível dos competidores participantes. ?Você precisa imprimir um ritmo forte para buscar as primeiras posições e é o que pretendo fazer na Represa de Furnas?, acrescentou.

A movimentação da etapa de abertura do 28º Campeonato Brasileiro de Jet Ski nos dois dias começará às 10 horas. O público terá toda a infra-estrutura necessária, com arquibancadas, área de alimentação, banheiros. Também serão instaladas secretaria e área de boxes.

Além do título nacional, também estão em jogo vagas para o Campeonato Mundial, que será realizado de 3 a 11 de outubro, em Lake Havasu, no Arizona (EUA).  A definição dos qualificados acontecerá ao término de todas as etapas programadas no Brasileiro até o início do Mundial.

A primeira etapa do 28º CAMPEONATO BRASILEIRO DE JET SKI GRAND PRIX 2014 - Classificatória para o Mundial de 2015 é uma realização da BJSA ? ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE JET SKI, com homologação da IJSBA ? INTERNATIONAL JET SPORTS BOATING ASSOCIATION. Produção - CPM7 FULL PROMOTION. Patrocínio ? PREFEITURA DE BOA ESPERANÇA, CÂMARA MUNICIPAL e GOVERNO DE MINAS GERAIS.  Apoio: SPETO IMPORT, SAFE WAVE, YAMAHA DO BRASIL, GLOBOJET, RADICAL PEÇAS, NATURAL RACING, Site BOMBARCO, REVISTA BOAT SHOPPING, www.photojetski.com.br, FULLPOWER ENERGY, TOALHAS SÃO CARLOS, FLY X, COPTERCAM, CASARINI. O evento conta com a supervisão da MARINHA DO BRASIL e CORPO DE BOMBEIROS DO ESTADO DE MINAS GERAIS, além da Polícia Militar do Estado de Minas Gerais e Guarda Municipal de Boa Esperança.

gisele hattori_Copy
 

STOCK CAR - BRASIL

 

De volta a pista em que liderou, Rafa Matos quer “começar”

temporada na Stock neste fim de semana

 

Os motivos foram variados – toques, problemas mecânicos que atrapalharam a estratégia, manobras que não tiveram o êxito esperado. Se Rafa Matos e a Schin Racing mostraram nesta temporada do Brasileiro de Stock Car dispor de um grande potencial, a combinação ainda vem batendo na trave, à espera do resultado que marcará a virada no campeonato. E não há lugar melhor para que ela venha do que no Autódromo Internacional Raul Boesel, em Curitiba, onde o mineiro foi um dos mais rápidos nos treinos coletivos de pré-temporada e, na quarta etapa deste ano, chegou a liderar a segunda corrida com autoridade, até que uma pane no sistema de alimentação de combustível forçasse a parada prematura.

Rafa ainda protagonizou, na capital paranaense, a manobra da etapa, ao superar, de uma só vez, na freada da reta dos boxes, Valdeno Brito e Rubens Barrichello. E mais um fator positivo para ele e o time comandado pelo ex-piloto Carlos Alves é a certeza de que a base para o início do trabalho no fim de semana é muito boa.

“Todas as vezes em que andamos aqui mostramos ter um carro muito bom e equilibrado, então é só fazer o feijão com arroz, sem grandes mexidas, e teremos um equipamento competitivo. Na corrida passada em Curitiba bati na trave na segunda prova depois de pontuar bem na primeira, mas tive a certeza de que lutar por um pódio é um objetivo bastante realista, e é por ele que vou entrar na pista. Acredito que nosso campeonato finalmente embalará a partir de agora”, explica o vencedor em Santa Cruz do Sul’2014.

Por conta das modificações no assoalho e no câmbio dos carros, a Stock inicia sua programação em Curitiba um dia antes do habitual, com o shakedown já ocorrendo na quinta-feira e a sexta reservada aos treinos livres. A qualificação para a primeira prova da rodada dupla ocorre no sábado, com as largadas, domingo, respectivamente às 13h10 e 14h25 (o Sportv transmite na íntegra).

 

Brasileiro de Stock Car

Sexta etapa – Curitiba

 

Programação

Quinta-feira (30)
15h35 às 15h45 - Shakedown  (1º Grupo)
15h50 às 16h00 - Shakedown  (2º Grupo)

Sexta-feira (31)
14h55 às 15h35 - 1º Treino Livre (1º Grupo)

15h40 às 16h20 - 1º Treino Livre (2 Grupo)

Sábado (1º)
8 às 9h - 2º Treino Livre (1º Grupo)
9h05 às 10h05 - 2º Treino Livre (2º Grupo)
12h às 13h - Classificação

Domingo (2)
13h10 - Largada Corrida 1 (35 voltas ou 48 minutos + 1 volta)
14h25 - Largada Corrida 2 (20 voltas ou 28 minutos + 1 volta)

 

DISCURSO DIRECTO COM LUIS NUNES

 

DISCURSO DIRECTO COM LUIS NUNES

 

 

Natural de Carrazedo de Montenegro, Luis Nunes, tem efeito este ano uma época exemplar, ao volante do Seat Leon Copa, não dando qualquer tipo de trégua aos seus mais directos adversários, por isso a primeira questão que lhe colocamos, foi para nos fazer o balanço desta época, O balanço que faço deste C.P.M até ao momento, quando estão realizadas cinco provas, é muito positivo, pois dificilmente poderia ser melhor, das cinco provas já realizadas tenho um segundo lugar na prova inaugural Rampa da Penha e quatro vitórias nas restantes quatro provas. “Perante este cenário, quisemos saber qual o segredo para tão elevado número de sucessos, o que sem pensar muito disse logo “Uma parte do segredo esta na minha rápida adaptação ao Seta Leon, eu no ano passado apenas fiz uma prova com este carro, que foi a Rampa da Penha e venci logo na estreia , o que também me deu alguma confiança para este ano. A outra parte esta no extraordinário trabalho que a minha equipa Martisspeed tem feito ao longo do campeonato, é uma equipa que já me conhece bem, sabe como eu gosto dos carros, e com aquilo que eu lhes transmito de subida para subida, rapidamente chegam ao set up ideal.”



 

Sobre o actual Seat Leon Copa com que está a correr quisemos saber se é um carro fácil de se guiar em competição, e no caso de algum exagero se é fácil ir buscar. Perante esta questão Luis Nunes, respira fundo, e remata “O Seat Leon não é um carro nada fácil de conduzir, tem muitas manhas, exige o máximo de concentração para não falharmos nenhuma delas, quando se anda nos limites o mais pequeno erro ele não perdoa, dificilmente se vai buscar. “Mas nem tudo é negativo” é verdade para mim os pontos positivos do Seta Leon são a potencia derivada dos 300cv apoiados pelo turbo, o que faz com que seja muito rápido e o chassi que também o permite curvar muito rápido” Em contrapartida, os pontos negativos “os pontos negativos os travões e principalmente a caixa de velocidades DSG no volante que é muito lenta a reagir.”



 

Com umas épocas de participação no Campeonato Nacional de Montanha, quisemos saber quais as rampas que mais e menos gosta, e porque, o que sem perder tempo respondeu logo “As rampas que mais gosto são sem duvida em primeiro a Falperra a minha preferida, é uma rampa que tem uma parte técnica e uma parte de pura velocidade na qual é preciso muita coragem, depois a Serra da Estrela e Murça. As que menos gosto são Santa Marta e Caramulo apesar de gostar de toda a envolvência da prova não gosto do traçado.”



 

Activo participante no Nacional de Montanha quisemos saber a opinião sobre o actual estado deste campeonato No meu ponto de vista acho que tem vindo a crescer nos últimos anos, e penso que só não cresce mais por culpa da federação, que manda os regulamentos ca para fora tarde e mal, ou seja tarde porque saem em Março quando na minha opinião deveriam sair antes do final do ano anterior, porque facilita os pilotos a definir os projectos do ano seguinte em termos de carro e patrocínios. E mal na minha opinião a divisão das categorias que são uma vergonha, só para dar um exemplo vemos um Ford Fiesta com 630cv na mesma de um Saco com 160vc. Com este tipo de regulamentos não ajuda a trazer pilotos a Montanha.” Sobre o actual numero de provas “Em relação concordo com o numero de provas pelos custos.

 Sendo um piloto oriundo da velocidade, um regresso a esta modalidade do automobilismo, pelos vistos não está nos planos de Luis Nunes “As provas de velocidades apesar de serem aquilo que eu realmente gosto não estão nos meus planos por agora, não me agrada o modelo do CNV actual acho que é um modelo que não atrai muito os piloto, para além de ficar muito caro.



 

Sobre o trabalho da empresa que faz a promoção do Nacional de Montanha, Luis Nunes deu-nos a sua opinião “Na minha opinião o promotor tem feito algum trabalho, mas penso que é pouco, não sei se é por dificuldades em arranjar apoios ou se por outro motivo qualquer, só para dar um exemplo vi uma reportagem da Rampa de Santa Marta onde nem falaram na Categoria 3, e podia dar outros, assim é difícil arranjar patrocínios.

  Dos carros quer conduziu até hoje, quer na montanha, quer na velocidade por favor faça-nos um comparação entre os mesmos, o que logo retorquiu O Honda Civic com que fui Campeão NACIONAL de Velocidade e o Seta Leon Supernova com que estou a fazer o C.N.M. este ano são carros muito diferentes.



O Honda era um carro que me dava muito gozo guiar , com pouca potencia apenas 1600cc 195vc mas que tinha como ponto forte os travões e o chassi curvava que metia medo, com uma caixa em H e muito bem assistido pele equipa Veloso motorsport. Já o Seta tem muito motor curva muito bem, mas tem uma  caixa que o penaliza bastante, igualmente bem assistido pela equipa Martinsspeed.


Entrevista e fotos de João Raposo - www.velocidadeonline.comFOX 0047_CopyFOX 0780_CopyFOX 9541_Copy

 

 

RALI DOS SERTÕES

Rally dos Sertões: Ford Ranger passa por verdadeira "revolução" para buscar título inédito

Equipe X Rally Team reedita a parceria com a preparadora sul-africana NWM, que realizou profundas atualizações nos protótipos que competirão nas mãos de Cristian Baumgart/Beco Andreotti e Marcos Baumgart/Kleber Cincea

Aviso às TVs: Imagens em vídeo disponíveis neste link para download

A equipe X Rally Team está pronta para a disputa da 23ª edição do Rally dos Sertões, que se inicia no próximo sábado (1º) com o prólogo em Goiânia (GO). A caravana da maior aventura off road do país percorrerá 2.875 quilômetros tendo como destino final a cidade de Foz do Iguaçu (PR). E o time paulista, comandado pelos irmãos Cristian e Marcos Baumgart, repete a receita do ano passado: eles irão competir a bordo de dois protótipos Ford Ranger Dakar V8 4x4 preparados pela sul-africana NWM - Neil Woolridge Motorsports.

2014 foi a primeira vez que o time patrocinado por Vedacit e Cidade Center Norte competiu na principal categoria entre os carros, a T1 FIA. Na ocasião, eles promoveram também a estreia dos Ford Ranger no Sertões. A dupla formada por Cristian Baumgart e Beco Andreotti venceu uma das especiais e concluiu o rali na terceira posição, enquanto Marcos Baumgart e Kleber Cincea, que enfrentaram um problema na etapa maratona, acabaram em quarto.

Para este ano, o time traz novamente os carros preparados em Pietermaritzburg, mas com grandes atualizações em relação ao modelo que desembarcou no Brasil na temporada passada.

"Logo após o Sertões do ano passado o time já passou a trabalhar em diversas atualizações nos carros. Então, é um trabalho que foi feito em um ano inteiro de desenvolvimento", conta o navegador Kleber Cincea. A atualização foi acompanhada de perto pela equipe, já que o chefe dos mecânicos do X Rally Team, Edinho Evangelista, passou cinco meses com a NWM na África do Sul para conhecer todos os procedimentos de montagem, desmontagem e manutenção dos protótipos.

"Acompanhamos tudo bem de perto e foi uma alegria muito grande poder testá-los pela primeira vez", lembrou Beco Andreotti, que forma ao lado de Cristian Baumgart uma das duplas mais longevas da história do rali brasileiro - os dois competem juntos há mais de 15 anos.

As Mudanças
Os protótipos NWM Ford Ranger Dakar V8 4x4 "emagreceram" quase 200 quilos, resultado da revisão profunda de todos os itens dos carros. A equipe trabalhou também na melhoria da distribuição de peso e em baixar o centro de gravidade. Assim, a distribuição das cargas entre as porções dianteira e traseira ficou exatamente em 50%, o que melhora sua estabilidade - especialmente no caso de um veículo com tração integral 4x4.

A NWM instalou um novo sistema de escapamento, trocou todo o gerenciamento eletrônico para um sistema fornecido pela Motec, melhorou o resfriamento do carro, os diferenciais, e aumentou a capacidade e durabilidade de todo o conjunto. Além de ter ficado melhor para os pilotos, o carro tornou-se de manutenção mais fácil para técnicos e mecânicos trabalharem.

Neil Woolridge, ex-piloto e que hoje conduz a empresa que leva seu nome, lembra também que entre as atualizações estão o recuo do motor 5.0 V8 - proveniente do Ford Mustang - como uma das medidas de melhora na distribuição de peso e ganho de força. Os freios da Brembo trazem refrigeração a ar na porção dianteira e a ar e água na traseira. O motor agora está instalado atrás do eixo dianteiro, em uma porção mais central no carro - e recuado em cerca de 20 centímetros na comparação com a versão anterior do protótipo.

"Nossos carros já foram colocados à prova em vários ralis por todo o mundo. Na África do Sul nossas Ford Rangers são sem dúvida as melhores no Campeonato local, então estes carros são altamente capazes de vencer o Rally dos Sertões deste ano. Para a NWM e o X Rally Team este é o nosso objetivo em 2015", diz Woolridge.

Cristian e Marcos já tiveram o gosto de acelerar as novas máquinas, nomeadas dentro da equipe de "Mario" e "Luigi". "A diferença é bem grande. O carro pede para você acelerar, é mais estável. Por outro lado, vai exigir mais do piloto para que se chegue ao limite. Temos tudo para fazer um Sertões ainda mais competitivo", lembra Marcos. "É o curso natural. Nossos concorrentes também se atualizaram para este Sertões, e não poderíamos ficar atrás. Tudo melhorou no nosso carro: a suspensão copia mais o terreno, e o poder de frenagem também aumentou, entre várias outras coisas", apontou Cristian.

Confira a ficha técnica de "Mario" e "Luigi":

Ficha técnica
NWM FORD RANGER DAKAR V8 4X4
Motor: V8 5.0 do Ford Mustang
Potência: 350 cavalos
Velocidade Máxima: 185 km/h
Câmbio: SADEV de 6 marchas por acionamento sequencial
Embreagem: AP
Sistema de Gerenciamento: MOTEC
Amortecedores: BOS
Rodas: Fondmental
Brakes: Brembo air cooled calipers front, Brembo water cooled calipers rear
Tanque de Combustível: 520 litros
Combustível: Avi Gas
Ar condicionado no cockpit


PARA BAIXAR MAIS FOTOS DA EQUIPE X RALLY TEAM, CLIQUE AQUI
Crédito das Fotos: P1 Media Relations
Crédito das imagens em vídeo: Anselmo Venansi e Cleyton Russo


A equipe X Rally Team é patrocinada por Vedacit, Cidade Center Norte, com apoios da Ford, Motul, GoPro, Reebok Sports Club, EleMídia, e Arai

Conheça a equipe em: www.xrallyteam.com.br

Siga-a no Twitter: @X_Rally_Team

Curta-a no Facebook: X Rally Team Oficial

E também no Instagram: @xrallyteam



P1 Media Relations
"Mario" e "Luigi", os Ford Ranger Dakar V8 4x4 do X Rally Team
Alta | Web

P1 Media Relations
Os dois Ford Ranger Dakar V8 4x4 que disputarão o Rally dos Sertões deste ano
Alta | Web

P1 Media Relations
O motor V8 5.0 foi recuado em 20 centímetros comparado à versão anterior
Alta | Web

P1 Media Relations
Distribuição de peso agora está em 50% na dianteira e 50% na traseira
Alta | Web

P1 Media Relations
Amortecimento também melhorou, de acordo com os pilotos
Alta | Web

P1 Media Relations
Estabilidade do veículo melhorou muito com o trabalho de desenvolvimento
Alta | Web

P1 Media Relations
Distribuição de peso e refrigeração estão entre os itens atualizados
Alta | Web

P1 Media Relations
Atualizações são fruto de um ano de desenvolvimento
Alta | Web

P1 Media Relations
Carro "copia" melhor o terreno, melhorando a dirigibilidade
Alta | Web

P1 Media Relations
O quarteto do X Rally Team
Alta | Web

P1 Media Relations
Cockpit do Ford Ranger Dakar V8 4x4
Alta | Web

P1 Media Relations
Edinho Evangelista, chefe dos mecânicos que acompanhou tudo na África do Sul
Alta | Web
 

 

MEO SUDOESTE



Faltam 3 dias!

Informações úteis disponíveis no Site Oficial

Espaço Criança da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa está de regresso a partir de dia 6 de agosto, para que todos possam desfrutar do Festival



5 a 9 de agosto, abertura do campismo a 1 de agosto
Zambujeira do Mar

meosudoeste.pt | facebook.com/meosudoeste
APPTV MEO Sudoeste

 

 


É já este sábado, que arranca a 19ª edição do MEO Sudoeste, com a abertura do Campismo para aquela que vai ser a melhor semana de férias do verão. Para que tudo corra pelo melhor, seguem agora algumas informações úteis a todos os que já se preparam para viajar para a Herdade da Casa Branca. Encontra-se tudo no site oficial do Festival.

Para chegar ao recinto existem como sempre inúmeras alternativas, as mais apetecíveis são sem dúvida as opções XBUS Village e Xpress Pass MSW da Rede de Expressos que a partir dos 120€ com bilhete incluído, trazem e levam os Festivaleiros a casa sem mais preocupações. Também os pacotes muito procurados, Get a Fest e Festicket, mais indicados para quem vem do estrangeiro e que incluem Bilhete, alojamento e transporte até ao Festival, são boas opções.

Para o regresso, quem não optar por nenhuma destas soluções, pode optar pelas carreiras da Rede Expressos que saem da Zambujeira. Na segunda-feira, dia 10, entre as 6h00 e as 17h00 haverá autocarros a fazer a ligação entre o recinto e a Zambujeira do Mar assegurados em articulação entre a Rede Expressos e a Rodoviária do Alentejo.

Quem quiser poderá sempre ir de carro, onde terá estacionamento gratuito e todas as indicações para chegar à Zambujeira no Site Oficial. Se quiserem ter o privilégio de acampar junto ao carro, podem também optar pelo Car Camping. Cada Car Camping equivale a 1 carro + 5 pessoas e tem o preço de 40€ mais o bilhete do Festival.

Com o campismo aberto desde dia 1, existirão também todas as condições para desfrutar do Festival, dentro e fora do recinto. O transporte para as praias da Zambujeira do Mar estará a funcionar a partir deste dia, entre as 10h00 e as 19h00.
 

 


Pavimentado este ano para dar mais conforto aos Festivaleiros, o Canal estará já disponível para banhos e vigiado por nadadores salvadores profissionais nos seguintes horários: de 1 a 4 de agosto das 09h00 às 19h00 e de 5 de agosto a 09 de agosto das 09h00 às 20h00.
A partir de 3 de agosto, Canal Milaneza Party dará música das 16h00 às 19h00 com o DJ No Expression.
 

 


Outros espaços que farão os Festivaleiros sentir-se em casa serão o Supermercado, a já conhecida e este ano ampliada Cozinha Teka e a novíssima Lavandaria LG Cool Spot.
O Supermercado estará aberto a partir de dia 1 de agosto e irá disponibilizar os produtos essenciais para quem faz da Herdade da Casa Branca a sua morada durante esta semana, como pão, gelo, frescos (desde fruta a saladas), enlatados, champô, entre muitos outros.
Também aberta desde o primeiro dia a já indispensável Cozinha Teka. Este ano com reforço de micro-ondas e placas vitrocerâmicas devido à grande procura no ano anterior, este espaço será privilegiado para os Festivaleiros adeptos da cozinha.
A partir de dia 3, uma das grandes novidades desta edição, a Lavandaria LG Cool Spot onde estarão disponíveis máquinas de lavar e máquinas de secar roupa para os festivaleiros. A roupa será colocada em sacos próprios identificados e o festivaleiro receberá uma pulseira e uma senha. Neste espaço haverá ainda uma zona lounge com sombras, e um espaço para Djs onde qualquer utilizador da lavandaria pode mostrar os seus dotes nos pratos.

Dando continuidade ao trabalho do ano anterior, estará novamente presente o Espaço Criança da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa. Aberto a partir de 6 de agosto entre as 18h00 e as 03h00, animadores e voluntários da instituição irão receber crianças dos 6 aos 12 anos para que se possam divertir, enquanto os pais assistem aos concertos. Mais informações e regras de utilização disponíveis aqui.

Informa-se também que as bilheteiras estarão abertas 24 horas a partir das 10h00 de dia 1 de agosto e até ao último dia do Festival.



 

MEO Sudoeste, A tua melhor semana de Férias de Sempre!

 

Cartaz Completo:

Palco Super Bock (Campismo)
 
1 de agosto – Kiss Kiss Bang Bang
2 de agosto – KRASH!
3 de agosto – Paulo Jorge
4 de agosto – Noite Cidade com Joana Perez e Rob Willow
 
Canal Milaneza Party
3 a 9 de agosto – DJ No Expression

Palco MEO

5 de agosto / Noite de Receção ao Campista – Dimitri Vegas & Like Mike, Kura, Wolfpack

6 de agosto – Calvin Harris, Emeli Sandé, C2C, D.A.M.A, Dengaz

7 de agosto – W&W, Clean Bandit, Buraka Som Sistema, Carlão, Jimmy P

8 de agosto – Hardwell, Lil Jon, Regula, Anselmo Ralph, Pérola

9 de agosto / Dia D – Steve Aoki, Showtek, Oliver Heldens, Above & Beyond, Quentin Mosimann, Djeff Afrozila


Moche Room
 
6 de agosto – Juicy M, Jordy Dazz, Mundo Secreto
 
7 de agosto – Julian Jordan, Blinders, Yannick Afroman
 
8 de agosto – Curadoria Kambas” by Fred com: Mundo Segundo & Sam The Kid, DJ Ride, Mike El Nite, Tribruto, King Kong e DJ Oder
 
9 de agosto / Dia D – Bl3nd, TV Noise, NTS


Palco Jogos Santa Casa
 
6 de agosto – Diogo Piçarra, ÁTOA
 
7 de agosto – Agir, Carolina Deslandes
 
8 de agosto – Mundo Segundo, João Só, Alberto Indio
 
9 de agosto / Dia D – Frankie Chavez, Sara Paço, Tom Mash
 

 

 

Informação de Bilhetes


 

Preço dos Bilhetes


- Passe 5 dias: 95€


- Bilhete Diário: 48€

- Pack MSW XBus Village: a partir de 135€ (www.xtravel.pt)

- ExpressPass MSW: 120€ (www.redeexpressos.pt)

- Zmóvel (2 camas single ou 1 casal): 1.022€

- Zmar Alvéolo: 162,40€

Locais de Venda

www.blueticket.pt - Call Center Informações e reservas 1820 (24 horas), no Facebook da Música no Coração, lojas FNAC, lojas Worten, El Corte Inglês, ABEP, Portimão Arena ;Turismo de Lisboa; lojas Media Markt; Bilheteiras MEO Arena; rede PAGAQUI; Agências Top Atlântico; Ticketline, Destination Clubing.

Get a Fest

Alemanha: www.ticketmaster.de

Espanha: www.breakpoint.es ; www.ticketmaster.es

França: lojas FNAC www.fnac.com, Carrefour www.carrefour.fr, Géant, Magasins U, Intermarché, www.francebillet.com

Reino Unido: www.seetickets.com

Festicket

 

MIGUEL OLIVEIRA FAZ RESUMO DO QUE TEM SIDO

MIGUEL OLIVEIRA FAZ RESUMO DO QUE TEM SIDO A SUA ÉPOCA

 

O ACIDENTE QUE TEVE E AS VITÓRIAS

 

 

 

Estamos aqui para sonhar com o título"

 

a1 Copya2 Copya3 Copya4 Copya5 Copya6 Copy
Terceiro no campeonato do mundo de Moto3, Miguel Oliveira tem à sua frente uma segunda metade da temporada onde é um dos candidatos predominantes à vitória nas 9 corridas que faltam até ao fim da época.
A lesão sofrida nos treinos livros para o Grande Prémio da Alemanha não tirou optimismo ao piloto da Red Bull KTM Ajo. Na próxima semana, Miguel Oliveira vai correr em Indianápolis, três semanas apenas depois de ter fraturado o quarto metacarpo da sua mão esquerda. Enfrenta a segunda parte da temporada com confiança, motivado pela sua boa performance nas últimas etapas do campeonato.
Primeiro de tudo, como é que te estás a sentir? Em que fase da recuperação estás tu neste momento?
“Estou a sentir-me melhor a cada dia. Neste momento, estou a seguir um plano de recuperação que me permite ganhar movimento na minha mãe esquerda e força nos dedos. Com a fratura que eu tive, é um bocadinho cedo achar que estou em perfeitas condições para Indy, mas estou a trabalhar arduamente todos os dias para que possa abordar a corrida tão em forma quanto possível.”
Apesar deste incidente, achas que ainda podes lutar pelo título?
“Sim, claro. Isto é motociclismo de competição, logo enquanto for matematicamente possível, vou continuar a trabalhar com a minha equipa sempre com o título em mente. È verdade que tivemos alguma falta de sorte nalgumas corridas, mas acho que estivemos a muito bom nível em muitos dos Grandes Prémios e ainda temos 9 corridas para lutar pela vitória.”
Qual é a análise que fazes desta primeira metade da temporada?
“Acho que foi uma primeira metade da temporada em que começámos muito fortes mas não conseguimos completar todas as corridas. Tivemos alguma falta de sorte, já que terminar as duas primeiras corridas ter-nos-ia deixado muito mais acima na classificação geral. De qualquer forma, a análise geral é muito positiva. Temos 2 vitórias nas últimas 3 corridas e acho que isso é o que mais conta. A primeira vitória em Mugello, depois em Assen, foram excelentes. E a mota tem estado sempre a rodar na sua performance máxima.”
Foi difícil lidar com este começo de temporada?
“Claro, depois de não conseguir terminar 2 corridas de seguida, fiquei um bocado triste, porque queria acabar uma corrida. Consegui chegar à pole position na Argentina, onde comecei bem mas acabei em quarto. Depois voltámos à Europa com um pódio em Jerez, depois o azar de Le Mans e depois a vitória em Mugello, o quinto lugar na Catalunha e outra vitória em Assen. Desde que voltámos à Europa que temos sido bastante competitivos, a acabar sempre no Top Five.”
O pódio em Jerez, foi um ponto de viragem na tua temporada? Ou a vitória em Mugello foi mais importante?
“Nós precisávamos do pódio em Jerez para nos dar confiança. A partir de Jerez, começámos a acreditar mais nas nossas capacidades. Nós sabíamos que éramos muito rápidos e que estávamos a ser muito consistentes, mas por alguma razão nas corridas não estávamos a conseguir fazer o nosso trabalho até ao fim. Em Mugello deu-se uma mudança muito grande, porque saímos para a pista para ganhar.”
O que é que melhorou na mota desde a primeira corrida até agora?
“Acima de tudo, o que melhorou foi a configuração da mota, porque não introduzimos nenhuma peça nova. Temos estado a testar partes novas, mas o que já temos mostrou sempre um melhor desempenho.”
Quando te referes à configuração da moto, sentes-te mais confortável?
“Sim, já nos adaptámos, mas depende tudo muito da pista. Os circuitos variam muito e as condições são muito diferentes e quando chega a hora da corrida temos sempre que improvisar um bocadinho.
“Há alguns circuitos onde, em circunstâncias normais, eu consigo ser muito forte”
Como é que avalias o nível de competição nesta época do campeonato do mundo de Moto3?
“Muito alto. Estamos todos a correr muito rápido, com tempos por volta mais velozes que os do ano passado. O Danny Kent, que é o líder da nossa série, tem tido vida fácil, e agora nós temos que lhe complicar um bocadinho as coisas.”
Achas que consegues fazer isso?
“Obviamente, depende de mim, mas também da sorte que ele possa ter. Neste desporto não estamos sozinhos em pista e tudo pode acontecer – tanto a ele como a mim, como ficou demonstrado na Alemanha. Mas o melhor é mesmo continuar a focar-me no meu próprio trabalho, para conseguir estar na frente e ganhar corridas.”
Olhando para o que resta da temporada, há circuitos que gostes mais ou menos do que aqueles onde já correste esta época?
“São todos muito diferentes. Há alguns circuitos onde, em circunstâncias normais, eu consigo ser naturalmente muito forte, e teremos que trabalhar ainda mais arduamente para ganhar vantagem. A mota está a corresponder bem e temos que entrar em cada circuito a acreditar que vai tudo correr bem, com um mindset totalmente positivo.”
Quais são os circuitos que melhor se adaptam a ti?
“Silverstone, Misano, Motegi, Phillip Island e Malásia: estes são alguns circuitos que eu gosto bastante e onde consegui sempre ser rápido.”
Como é que olhas para o Campeonato do Mundo?
“Não me preocupa. Estamos aqui para sonhar com título e lutar por ele. Vai ser difícil, mas acho mesmo que posso sonhar com o título. De qualquer forma, temos que pensar corrida a corrida.”
Ganhar o título será a única coisa que te deixará satisfeito esta época?
“Não, claro que não. Ficarei muito feliz com a temporada se conseguir lutar pelo título até ao fim e der tudo. Se não ganhar, então pelo menos será porque o vencedor teve uma época brilhante.”
E como é que olhas para o Campeonato Mundial de MotoGP?
“Acho que se consegue perceber uma diferença muito grande entre as Yamaha e as Honda. O Marquez também não teve as coisas a correrem-lhe tão b

 

GT COMPETIZIONE COM NOVO ESPAÇO EM BRAGA

GT COMPETIZIONE COM NOVO ESPAÇO EM BRAGA

 

A GT Competizione, abriu mais um espoaço para a condução virtual, mdesta feita na cidade dos arcebispos, Braga, conforme imagens anexas.gt1-gtcompetizionebraga Copygt2 Copygt3 Copygt4 Copygt5 Copygt6 Copygt7 Copygt8 Copygt9 Copygt10 Copygt11 Copy

 

LEAL DOS SANTOS EM 5º

 

Ricardo Leal dos Santos em 5º na Baja Aragón

Português ganhou duelo a Van Loon que em Mini foi 4º no Dakar

Nissan Navara da Equipa BAMP ficou a escassos 42s do 4º lugar

 

Depois de uma estreia auspiciosa no Dakar 2015, Ricardo Leal dos Santos confirmou plenamente, na Baja Aragón, o enorme potencial do seu mais recente projeto desportivo. Navegado pelo brasileiro Maykel Justo, esteve em enorme destaque na etapa final desta jornada da Taça do Mundo de Todo-o-Terreno, ao terminar a prova na 5ª posição, sendo que neste derradeiro dia de prova foi o 4º mais rápido, tendo à sua frente apenas três dos seis Mini presentes.

 

“Esta derradeira etapa foi disputada a um ritmo alucinante. Foi sempre a fundo. Sabia que o Van Loon ia atacar e para tentar ficar à frente dele tinha de dar o máximo. Foi excelente terminar a corrida batendo um piloto da Mini que foi o 4º no Dakar. Com tantos pilotos e máquinas de grande qualidade conseguimos fazer valer os nossos argumentos. A nossa Nissan teve um excelente comportamento e todas as alterações que lhe introduzimos provaram plenamente. Estamos muito satisfeitos com o resultado, com a prestação de toda a equipa e o projeto BAMP deu seguramente um importante passo em frente”, referiu o piloto no final da corrida.

 

O piloto português que lidera o projeto lusófono BAMP terminou a corrida a escassos 42s da quarta posição da classificação final e bem se pode queixar do piloto árabe Sheikh Al Qassimi que, no primeiro dia de corrida, o fez perder cerca de quatro minutos.

 

De recordar que a equipa BAMP que tem como diretora de logística Izilda Mossuela, manequim e apresentadora angolana, reúne elementos do Brasil, Angola, Moçambique e Portugal, países reunidos no acrónimo BAMP, é apoiada pela bebida energética Nº1 em Angola, SPEED® e trabalhou afincadamente nestes últimos meses na pickup Nissan de modo a solucionar pequenos problemas registados na sua participação no Dakar do início deste ano. Algumas das alterações efetuadas e agora devidamente comprovadas ocorreram ao nível do motor, suspensão, arrefecimento e admissão.KFOTO-526516 CopyKFOTO-527186 Copy

 

FERRARI PORTUGAL EM SPA

 

Ferrari Portugal sai de 5º em Spa
As míticas 24h de Spa-Francorchamps estão prestes a arrancar com a participação do piloto da Ferrari Portugal, Francisco Guedes. O piloto português faz equipa com os líderes do Campeonato na categoria Pro Am, Duncan Cameron e Matthew Griffin aos quais também se juntou o piloto oficial da Ferrari, Davide Rigon. Depois de realizadas todas as sessões de qualificação o quarteto da AF Corse sai da quinta posição na categoria, 19ºs da geral.
A jornada belga do Blancpain Endurance Series arranca amanhã e Francisco Guedes está muito entusiasmado: "No início sofremos com problemas de afinação mas há medida que os treinos foram acontecendo conseguimos acertar. O resultado da qualificação é importante para percebermos onde nos situamos face aos nossos adversários mas em termos de corrida vai significar pouco. Temos 24 longas horas pela frente e tudo pode acontecer e mudar", começou por explicar o piloto da Ferrari Portugal que disputar em Spa a sua segunda corrida da época no Blancpain.
Quanto ao objectivo final: "A minha missão é ajudar a equipa a manter-se na liderança do campeonato. É complicado para já fazer previsões. Sabemos que temos uma corrida muito dura pela frente onde o importante é não cometer erros", referiu Francisco Guedes ciente que a fiabilidade do Ferrari vai ter um papel fundamental também no resultado final.
As 24h de Spa-Francorchamps vão ter cobertura no Eurosport nos seguintes horários: sábado pelas 15.15h e pelas 19.30h. Domingo às 7.30h e 14h. O Motors TV fará igualmente transmissões: sábado às 15h e até às 20h. No Domingo às 7h e às 12h.
Os resultados do decorrer do fim-de-semana podem ser consultados e acompanhados em: http://www.blancpain-gt-series.com/livegtopen ferrariportugal1_Copy

 

COPA ECPA

 

ECPA sedia 100 Milhas Piracicaba

26ª edição da prova será disputada no fim de semana

 

A 26ª edição das 100 Milhas Piracicaba acontece neste fim de semana, dias 1 e 2 (sábado e domingo), no ECPA (Esporte Clube Piracicabano de Automobilismo), onde as emoções se estendem pelos dois dias, com treinos livres, a tomadas tempo classificatória e as largadas das provas preliminares e da tradicional corrida.

 

O evento é festivo e marca o aniversário de 248 anos da cidade, comemorado no dia 1 de agosto. “A 100 Milhas Piracicaba é uma prova tradicional e muito importante no calendário brasileiro, pois foi aqui em Piracicaba que se tem registro das primeiras corridas automobilísticas do Brasil, que ainda eram disputadas nas ruas da cidade”, ressaltou Dito Giannetti, criador do evento do qual também é recordista de participação e vitórias, com oito conquistas em 25 edições.

 

Participantes

Entre os participantes da tradicional prova se destacam os pilotos que disputam os certames de Marcas e Pilotos, categoria criada em 2002 em que prevalecem Gols, Pálios, Celtas e Corsas. A partir de 2010, esses carros passam a compor um único grid com as gaiolas tubulares, protótipos que deram início ao evento.

 

Neste ano, haverá três provas preliminares da categorias Stock Jr., Fórmula Vee e Clássicos de Competição. As equipes começam na quinta-feira, mas os primeiras treinos acontecem na sexta-feira, com a primeira sessão de treinos livres.

 

Horários

As atividades de pista das 100 Milhas Piracicaba têm início nesta sexta-feira (31), às 10h, quando a pista será aberta para os primeiros treinos livres. No sábado (1), ainda na parte da manhã, serão realizadas novas sessões de treinos livres para as categorias Fórmula Vee, Clássicos de Competição, Stock Jr. Turismo e Tubular. Em seguida acontecem as tomadas de tempo para a formação do grid de largada para todas as categorias envolvidas, na sequencia largam as duas baterias de Stock Jr. (15 voltas cada) e a prova da Fórmula Vee (20 voltas).

 

No domingo (2), na parte da manhã, haverá apenas um warm-up opcional para os competidores. Às 11 horas haverá a corrida preliminar de 50 Milhas de Clássicos de Competição e às 15h a largada das 100 Milhas Piracicaba, com 78 voltas. Confira a programação completa 26ª 100 Milhas Piracicaba:

 

Dia 31 de agosto – Sexta-feira

10h às 17h – treino livre para todas as categorias

 

Dia 1 de agosto – Sábado

Treinos

8h30 – Treino livre Fórmula Vee

8h55 – Treino livre Marcas e Pilotos e Tubular

9h20 – 1º Treino Stock Jr

9h45 – Treino livre Clássicos de Competição

10h10 – Treino livre Fórmula Vee

10h35 – Treino livre Marcas e Pilotos e Tubular

11h10 – 2º Treino Stock Jr

11h35 – Treino livre Clássicos

 

Tomada de tempo

13h – Tomada de tempo Treino Stock Jr.

13h25 – Tomada de tempo Fórmula Vee

13h45 – Tomada de tempo Clássicos de Competição

14h10 – Tomada de tempo Marcas e Pilotos

15h40 – Tomada de tempo Tubular

 

Provas

14h50 – 1º Corrida Stock Jr – 15 voltas

16h – Corrida Fórmula Vee – 20 voltas

17h – 2º Corrida Stock Jr – 15 voltas

 

Dia 2 de agosto – Domingo

 

Warm up

8h30 – Warm up Clássicos de Competição

9h00 – Warm-up Turismo

9h25 – Warm-up Tubular

 

Provas

11h – Largada 50 Milhas Clássicos de Competição

15h – Largada 100 Milhas Piracicaba

 

Ingressos

Camarote - R$ 100,00

Sábado – R$ 15,00

Domingo – R$ 15,00

Estudantes que apresentarem a carteirinha escolar na bilheteria terão 50% de desconto no ingresso. Crianças até 7 anos, acompanhadas de um adulto, não pagam. De 8 a 12 anos pagam meia entrada. Estacionamento: Carro e moto – R$ 15,00

 

Serviço

A realização das 100 Milhas Piracicaba é do ECPA, patrocínio Bom Peixe e apoio da Prefeitura de Piracicaba. A supervisão da prova é da Federação de Automobilismo de São Paulo (FASP).carros gaiolas_Copy

 

GALERIA DE IMAGENS

GALERIA DE IMAGENS

 

EXTREME SAILING EM HAMBURGO

 

Grupo de imagens referentes à derradeira prova da Extreme Sailing, que esteve no fim de semana passado na cidade alemã de Hamburgo.ext1 Copyext2 Copyext3 Copyext4 Copyext5 Copyext6 Copyext7 Copyext8 Copyext9 Copyext130 Copyext129 Copyext128 Copyext127 Copyext126 Copyext125 Copyext124 Copyext123 Copyext122 Copyext121 Copyext120 Copyext119 Copyext118 Copyext117 Copyext116 Copyext115 Copyext114 Copyext113 Copyext112 Copyext111 Copyext110 Copyext109 Copyext108 Copyext107 Copyext106 Copyext105 Copyext103 Copyext102 Copyext101 Copyext100 Copyext14 Copyext12 Copy

 

PEDRO MEIRELES NO VINHO DA MADEIRA

 

Rali Vinho Madeira 2015
Pedro Meireles e Mário Castro com motivação em alta para o
Rali Vinho Madeira
Depois de deixarem uma muito boa impressão, e demonstrarem um andamento forte
no Rali Vidreiro, e Rali Santa Cruz e Machico, Pedro Meireles e Mário Castro, do
Team GALP Fórmula / ŠKODA Financial Services, têm agora pela frente o grande
desafio de alinhar no Rali Vinho Madeira de 30 de Julho a 1 de Agosto.
Esta será a terceira prova oficial dos campeões nacionais aos comandos do novo
Škoda Fabia R5, embora apenas uma foi pontuável para o Campeonato Nacional de
Ralis. Depois disto, alinharam na terceira etapa do Campeonato de Ralis da Madeira,
onde foram os melhores da sua categoria, e segundos em termos gerais, com vista a
testarem da melhor maneira para a maior prova da Pérola do Atlântico: “É com muito
gosto que voltamos a ilha da Madeira para disputar o Rali Vinho Madeira que é
um rali fantástico, com um público que vive os ralis de uma forma única e
apaixonada”, refere inicialmente Pedro Meireles, que sobre a parte desportiva
acrescenta: “Vamos para esta prova com o intuito de evoluirmos cada vez mais a
viatura e a nossa condução, mas logicamente não descurando a classificação,
uma vez que queremos ficar o mais a frente possível”.
Contudo, o piloto vimaranense está consciente que a tarefa não é fácil, mas, como
sempre, a dedicação e motivação estão no máximo: “Sabemos que a concorrência
é enorme e valiosa, e a juntar aos nossos habituais adversários do Campeonato
Nacional de ralis, temos que contar com o Bruno Magalhães, verdadeiro
«expert» desta prova e que surge, quanto a mim, como principal candidato a
vitória. Para além dele, temos também os pilotos locais Alexandre Camacho e
Miguel Nunes, que terão com toda a certeza uma palavra a dizer na disputa pela
vitória.”
A prova do Club Sports da Madeira arranca na quinta-feira, 30 de Julho com a Super
Especial da Avenida do Mar, às 19h30, no Funchal. No dia seguinte, os concorrentes
têm à sua espera à partir das 10h40, numa primeira secção, as especiais de Campo
de Golfe e Palheiro Ferreiro com passagens duplas. Ainda na sexta-feira, Cidade de
Santana, Ribeiro Frio e Terreiro da Luta também serão cumpridas por duas vezes.
Este dia termina por volta das 22h23. No sábado, o arranque está agendado para as
10h42, com as especiais Câmara de Lobos, Ponta do Sol e Rosário, a serem
cumpridas também duplamente. O final do rali está agendado para as 17h44.
Pedro Meireles e Mário Castro contam com o apoio da Galp Fórmula, Škoda
Financial Services, SIVA-Škoda, Grupo M & Costas, Vianauto, Fermir, MEO,
Studio D e Headsmotorsport.Pedro Meireles_Madeira_Copy

 

CAMPEONATO BRASILEIRO DE MARCAS

Brasileiro de Marcas tem estreia de campeão mundial de kart


Novo parceiro de William Freire, paulista Alberto Cattucci é reforço da equipe KFF Pro Racing
 

Equipe mais atuante do automobilismo brasileiro na atualidade, a KFF Pro Racing vai promover uma grande novidade durante a terceira etapa da Copa Petrobras/Campeonato Brasileiro de Marcas no próximo domingo (31/7), em Curitiba (PR). Será a estreia do paulista Alberto Cattucci (Integrity /MeuPrint) em corridas do tipo silhouette - veículos que propositalmente imitam o layout de carros de produção, também conhecidos como carros de turismo. Cattucci, 27 anos, é um dos poucos pilotos brasileiros a conquistar o Campeonato Mundial de Kart e é o único ainda em atividade buscando progressão na carreira.

Conquistado em 2008, o título de Alberto Cattucci é a mais recente entre as façanhas brasileiras no Campeonato Mundial de Kart. O piloto fez sua primeira corrida com automóveis em 2007, na Fórmula São Paulo, e mais tarde teve passagem pela Fórmula 3 Sul-Americana. No final de 2012 e durante 2013, Cattucci competiu na Fórmula Truck, sendo destaque em várias corridas, além de melhor piloto classificado com a marca Volvo no ano de estreia.

Sobre sua primeira corrida com o Chevrolet Cruze da equipe KFF Pro Racing, o jovem paulista revela animação: "Estou bem animado e ansioso para pilotar pela primeira vez um carro tração dianteira", diz o piloto da Integrity/MeuPrint/KFF Pro Racing. "Vai ser um desafio em termos de estilo e técnica, pois em toda a minha carreira toda só competi com equipamentos de tração traseira, iniciando no kart e passando pelo Fórmula Ford (Fórmula São Paulo), Formula 3 e Formula Truck", detalha Cattucci.

Adaptação - O primeiro contato do piloto com o Cruze da Integrity/MeuPrint/KFF Pro Racing será justamente na pista de Curitiba. "Recebemos os carros recentemente, então preferimos fazer uma revisão completa. E com isso não deu tempo para treinar", explica. "Então, apesar da expectativa, sei que inicialmente terei que me concentrar na adaptação. Terei dois treinos de 35 minutos antes da tomada de tempo que define o grid. É uma categoria que só tem feras! São pilotos e ex-pilotos da Stock Car. Espero dar muito trabalho para eles!", brinca Cattucci.

Dividir o box com o companheiro de equipe William Freire também é algo que Alberto Cattucci comemora. "Certamente vai ser muito bom ter o William como parceiro. Ele tem experiência com estes carros, então só vou me beneficiar com essa parceria. Além disso, somos amigos já faz tempo e já corremos juntos as 500 Milhas de Kart. Pensando bem, sei que temos tudo para formar uma dupla forte e retribuir com um bom desempenho o apoio da equipe está nos dando", finaliza o novo piloto da Integrity/MeuPrint/KFF Pro Racing na Copa Petrobras de Marcas.

 

RALI DE CLÁSSICOS NA ALEMANHA

RALI DE CLÁSSICOS NA ALEMANHA

 

Por acaso já sonhou caro leitor num rali, disputado em diferenets pisos, em que só podem alinhar máquinas que fizeram furor no Mundial.Se pensa que isso é sonho, está enganado, pois veja as imagens seguintes do que se passa com uma prova organizada no país da Sra.Merkel.e6 Copye8 Copye9 Copye10 Copye11 Copye12 Copye13 Copye14 Copye15 Copye16 Copye17 Copye18 Copye19 Copye20 Copye22 Copye23 Copye24 Copye26 Copye27 Copye28 Copye29 Copye29 Copye30 Copye31 Copye32 Copye33 Copye34 Copye35 Copye36 Copye37 Copye38 Copye39 Copye40 Copye41 Copye42 Copye43 Copye44 Copye45 Copye46 Copye47 Copye48 Copy

 

NISSAN NISMO SUJEITO A ATURADOS TESTES

NISSAN NISMO SUJEITO A ATURADOS TESTES

 

O Nissan Nismo que teve uma actuação muito aquém das expectativas na ultima edição das 24 Horas de Le Mans, estã em testes nos Estados Unidos, com o intuito de estrear uma nova configuração em termos de carroçaria, para além de ir ser testado um  novo sistema de travagem, para além da suspensão, pois a que foi utilizada no inicio era demasiado frágil.2015529125884 2015-le_mans-24-prologo-nissan-nismo_azul_II_Copy

 

FIA BANE Nº 17

FIA BANE O NUMERO 17

 

A Federação Internacional do Automobilismo resolveu banir o numero 17, isto é nenhum piloto poderá voltar a  usar este numero, que se recorde, foi utilizado por Jules Bianchi, recenetemente falecido em França, meses mais tarde depois do acidente no Grande Prémio do Japão de Fórmula 1.

 

NOVO SPYDER DA FERRARI

NOVO SPYDER DA FERRARI

 

Eis as primeiras imagens do novo Ferrari Spyder...mais comentários para quê???fer1 Copyfer2-spyder Copyfer3 Copyfer4 Copy

 

TROFEU LAMBORGHINI ESTEVE EM SPA

TROFÉU LAMBORGHIHI ESTEVE EM SPA

 

O troféu Lamborghini, como prova de suporte do Blancpain, esteve no passado fim de semana na prova belga, da qual apresentamos algumas imagens.l1 Copyl2 Copyl14 Copyl12 Copyl11 Copyl10 Copyl9 Copyl8 Copyl7 Copyl6 Copyl5 Copyl4 Copy

 

PORTUGUESES NA EXTREME SAILING

PORTUGUESES NA EXTREME SAILING

 

Caro leitor sabia que actualmente na Extreme Sailing, aquela categoria de vela que esteve na cidade do Porto, há dois anos atrás, nesta altura tem dois tripulantes nportugueses incluidos no barco da Turquia, sendo estes velejadores portugueses Diogo Cayolla e Pedro Andrade.PORTUGUESESEDIOGOCAYOLLAPEDROANDRADE Copy

 

G.P.F 1 NA HUNGRIA - FINALMENTE A FERRARI

GRANDE PRÉMIO DE FÓRMULA NA HUNGIRA

 

FINALMENTE A FERRARI E VETTEL

 

Sebastien Vettel ao volate do seu Ferrari foi o brilhante vencedor do Grande Prémjo de Fórmula 1 na Hungria, tendo atrás de si os surprendentes Red Bull Renault de Kvyat e Ricciardo.A 4ª posição foi outra surpresa com o Toro Rosso de Verstappen que teve atrás de si o McLaren de Alonso, e só depois surge o Mercedes de Hamilton, com o Lotus de Grosjean, o Mercedes de Rosberg, e o Mc Laren de Button.f301 Copyf302 Copyf303 Copyf304 Copyf305 Copyf306 Copyf307 Copyf308 Copyf309 Copyf310 Copyf311 Copyf312 Copyf313 Copyf314 Copyf315 Copyf316 Copyf317 Copyf318 Copyf319 Copyf320 Copyf321 Copyf322 Copyf323 Copyf324 Copyf325 Copyf326 Copyf327 Copyf328 Copyf329 Copyf330 Copyf331 Copyf332 Copyf333 Copyf334 Copyf335 Copyf336 Copyf337 Copyf338 Copyf339 Copyf340 Copy

 

ALFREDO VALE VAI RESSUSCITAR ROVER 3500

ALFREDO VALE "RESSUSCITA" ROVER 3500 DA TRAFFIC

 

Alfredo vale, um piloto que militou ha mais duma decada no TRoféu Toyota Inciados, está a um passo de poder voltar a envergar de novo o fato de competição, para trazer para as pistas em 2016, o Rover 3500 que foi conduzido por Pedro Meireles.Segundo Alfredo Vale" é um projecto que está a andar, será para 2016, onde queria fazer todas as provas do Historic Endurance e a corrida de Vila Real.Nesta fase estou a angariar apoios, para levar este projecto para a frente", disse-nos.pedro meireles_Copy

 

COMVAL RACING PROMOVE

COMVAL PROMOVE

 

Próximo prémio vai ser um curso nesta maquina da Comvalracing!!

https://www.facebook.com/comvalracing?fref=ts

Os pilotos que fizerem o troféu .:: Caterham R300 completo vão ficar habilitados a este prémios magnifico!!

 

F 1 ATLANTIC COM TUDO PRONTO

EQUIPA PORTUGUESA DE MOTONAUTICA, PRONTA PARA O FIM DE SEMANA NO PORTO

 

Ora bem, já estamos no terreno.
Hoje foi dia para montar as tendas, descargar o material da equipa do contentor, arrumar tudo para a "festa" começar.
Estamos todos muito motivados para esta prova, pois o Yousef foi o vencedor da última prova (Évian) e o Duarte, claro, está a jogar em casa.
Para vossa orientação deixamos o programa da prova.
Atenção que se não houver nenhuma alteração de última hora a prova dá em directo na RTP e Sport TV.


https://fbstatic-a.akamaihd.net/rsrc.php/v2/yH/r/DTwS3oaBD3p.png); background-size: auto; background-position: -17px -148px; background-repeat: no-repeat;">

 

BOA OPORTUNIDADE PARA CORRER

BOA OPORTUNIDADE PARA CORRER

 

JOSÉ SILVA DA JSILVA LDA TEM PARA VENDA

 

 

VENDO
MINI GR. 5 (UNIPART)
Com grande história no nosso automobilismo
Guiado por Mário Santinho e Quina Falcão nos anos 80/90
Totalmente original excepto a pintura.


Nota ;Correu já neste século pelas mãos do piloto Marco António

 


Preço: 8.000 € (Não aceito propostas superiores)

 

MICHEL VAILLANT CORREU EM SPA

MICHEL VAILLANTE CORREU EM SPA

 

 

A figra da banda desenhada esteve presente no passado fim de semana nas 24 Horas de Spa, onde surgui na decoração de um dos BMW Z 4, que participou nesta maratona, onde teve ao volante o conhecido piloto Alex Zanardi., Timo Glock e e BRuno Spengler, tendo chegado ao final na 25ª posição.michel1 Copymichel2 Copymichel3 Copy

 

WTCC É NOTICIA

WTCC É NOTICIA

 

Estando esta competição em "férias", estando até esta altura disputado metade do campeonato, e estando as equipas a embarcar carros e material com destino ao Japão, a próxima prova irá ter lugar em finais de Agosto.Nos bastidores vão surgindo mais noticias, e uma delas é que a organização liderada por François Ribeiro, já tem preparado o calendário de 2017, na qual já se sabe que a Europa irá ter menos uma prova, e que em substituição a China irá ter duas provas de WTCC, isso atendendo aos interesses das marcas participantes.

 

Por outro lado, o balanço feito pelos responsáveis do WTCC na primeira passagem pelo circuito de Vila Real, tem sido muito boa, a tal ponto que François Ribeiro já sugeriu ao Clube Automóvel de Vila Real, algumas ideias relativas a novas implementações para 2016, nomeadamente as chicanes existentes que deverão ser menos apertadas e mais rápidas.DEpois há uma série de pequenos melhoramnentos, que o responsável não entrou em detalhes.Mas a verdade é que Ribeiro deixou escapar uma ideia, que é uma utilização mais proficua da rotunda do M.Coutinho, que poderia ser utilizada pelos dois lados, tipo joker lap, como se faz no MUnidal de Ralicross, mas aqui no WTCC a mesma poderia ser usada as voltas que os pilotos entendessem não havendo qualquer tipo de limitação na sua utilização.Mas ainda sobre o circuito transmontano, o mesmo responsável acabou por dizer que acha que é uma pista com um potencial fabuloso, dificil para os pilotos, e tal como já tinha afirmado, Vila Real, torna-se assim o Macau da Europa, segundo as palavars de Ribeiro.wt156 Copy

 

MOTONAUTICA ESTE FIM DE SEMANA NO PORTO

MOTONAUTICA ESTE FIM DE SEMANA NO PORTO

 

Um dos mais disputados campeonatos do Mundo de Motonautica, vai ter este fim de semana em pleno leito do rio Douro, junto da cidade do Porto, mais uma jornada.De referir que esta competição já visitou Portugal por diversas vezes, quase sempre em Portimão no Algarve, deslocando-se à Invicta Cidade do Porto pela primeira vez.Assim apresentamos para já imagens de algusn dos participantes e mais tarde iremos prestar toda a informaç~ºao sobre esta prova que poderá ser vista das margens do Porto e de Vila Nova de Gaia.

 

De referir que este campeonato tem a participação duma equipa Portuguesa com Duarte Benavente aos comandos do seu barco.b1 Copyb2 Copyb3 Copyb4 Copyb5 Copyb6 Copyb7 Copyb8 Copyb9 Copyb10 Copyb11 Copyb12 Copyb14 Copyb15 Copyb16 Copyb17 Copyb18 Copyb19 Copyb20 Copyb21 Copyb22 Copy

 

LEAL DOS SANTOS EM 4º

 

Piloto português terminou a Baja Aragón em 5º lugar

Ricardo Leal dos Santos foi hoje 4º atrás de três Mini

Espetacular derradeira etapa com o piloto português a terminar logo atrás de Mikko Hirvonencid 07301A38-518C-4908-9D1C-29B997FF57ED_Copycid 07301A38-518C-4908-9D1C-29B997FF57ED_Copy

Nissan Navara da Equipa BAMP ficou a 42s do 4º lugar da geral final

 

Depois de uma estreia auspiciosa no Dakar 2015, Ricardo Leal dos Santos confirmou plenamente na Baja Aragón o enorme potencial do seu mais recente projeto desportivo. Navegado pelo brasileiro Mykel Justo, esteve em enorme destaque na etapa final desta jornada da Taça do Mundo de Todo-o-Terreno, ao colocar a sua Nissan Navara na 4ª posição, tendo à sua frente apenas três dos seis Mini que participaram na prova.

 

O piloto português que lidera o projeto lusófono BAMP terminou a corrida a escassos 42s da quarta posição da classificação final e bem se pode queixar do piloto árabe Sheikh Al Qassimi que, no primeiro dia de corrida, o fez perder cerca de quatro minutos.

 

De recordar que a equipa BAMP que tem como diretora de logística Izilda Mossuela, manequim e apresentadora angolana, reúne elementos do Brasil, Angola, Moçambique e Portugal, países reunidos no acrónimo BAMP, é apoiada pela bebida energética Nº1 em Angola, SPEED® e trabalhou afincadamente nestes últimos meses na pickup Nissan de modo a solucionar pequenos problemas registados na sua participação no Dakar do início deste ano. Algumas das alterações efetuadas e agora devidamente comprovadas ocorreram ao nível do motor, suspensão, arrefecimento e admissão.

 

 

ARC SPORT NO VINHO DA MADEIRA

 

Rali Vinho Madeira 2015

 

ARC SPORT E RICARDO MOURA NO ASFALTO DA MADEIRA

 

COM ENORME MOTIVAÇÃO

 

 

É sempre com grande entusiasmo que se enfrenta mais uma edição do Rali Vinho Madeira, uma prova carregada de tradições e exímios troços de asfalto. Com um vasto leque de pilotos portugueses pretendentes à vitória, a edição deste ano é demasiado importante para as contas do Campeonato Nacional de Ralis. A ARC Sport está consciente das dificuldades que irá encontrar, mas confia plenamente nas capacidades de Ricardo Moura e António Costa e do Ford Fiesta R5 preparado nas oficinas de Aguiar da Beira.

 

É com enorme motivação que voltamos ao Rali da Madeira. A nossa postura durante a prova será em função do nosso objetivo, que é o Campeonato Nacional de Ralis. Este é um rali de que gosto muito, disputado numa ilha de que também gosto imenso e onde me sinto como em casa. Depois do desaire de 2014, espero fazer uma boa prova e sair da Madeira com um resultado positivo, podendo assim retribuir à nossa equipa e aos nossos patrocinadores todo o esforço e dedicação que sempre demonstraram. Nesta prova tão especial, um agradecimento igualmente especial à “SociCorreia”, por ter tornado possível a nossa presença na Madeira” afirmou, entusiasmado, Ricardo Moura.

 

Os responsáveis da ARC Sport mostram também enorme motivação para mais este confronto nos muito exigentes troços da ilha da Madeira. Toda a equipa está confiante no trabalho que tem vindo a desenvolver.

 

O Ricardo Moura é um dos muitos favoritos à vitória neste Rali Vinho Madeira. Penso que o Ricardo deverá fazer uma prova tranquila, para que consiga sair da Madeira com o resultado desejado. A ARC Sport tudo fará para que isso seja possível”, disse Augusto Ramiro.

 

O Rali Vinho Madeira arranca já na próxima 5ª feira com o regresso da Super Especial da Avenida do Mar. Ricardo Moura e António Costa lideram o Campeonato Nacional de Ralis, posição que tencionam defender na prova organizada pelo Club Sports da Madeira.

 ARC Sport_-_Rali_Vidreiro_-_Ricardo_Moura_01_CopyARC Sport_-_Rali_Vidreiro_-_Ricardo_Moura_02_Copy

 

MARCO CID ESTREIA-SE NO VINHO DA MADEIRA

 

Marco Cid e a estreia no Rali da Madeira: Não temos experiência mas não escondo que o objetivo é manter a liderança do CNR2

 

Em 2014, um problema mecânico no Renault Clio S1600 impediu Marco Cid de disputar o Rali Vinho da Madeira. Agora, o jovem piloto de Leiria quer finalmente estrear-se na prova insular e vai partir sem pressão, apenas focado em manter o excelente andamento já demonstrado.

 

Com duas vitórias e um total de três pódios nas cinco provas disputadas até ao momento, Marco Cid já deixou de ser uma promessa no Campeonato Nacional de Ralis 2 Litros / 2 Rodas Motrizes. O piloto navegado por Nuno Rodrigues da Silva assume que quer lutar pelo título do campeonato mas também sabe que o Rali Vinho da Madeira será a prova onde terá menor conhecimento dos troços, depois de ter sido obrigado a abandonar no ano passado ainda antes da primeira especial.

 

Não tenho nenhuma experiência nesta prova. Vai ser o primeiro ano para mim depois daquilo que se passou em 2014. Tenho as notas dos reconhecimentos mas em certos casos é diferente de passar com o carro de corridas. Vou sem pressão. Irei fazer a minha prova para pontuar e, caso as condições o permitam, tentar chegar à vitória. Não temos experiência nesta prova mas também não escondo que o objetivo é manter a liderança do CNR2. São muitos quilómetros e é preciso manter calma, apontou Marco Cid.

 

O Rali Vinho da Madeira começa oficialmente com a tradicional Super Especial da Avenida do Mar (2,21 km), na quinta-feira dia 30 de Julho. Nos dois dias seguintes disputam-se mais 18 classificativas nas famosas especiais de asfalto da Pérola do Atlântico.

 DSC 6731_CopyDSC 7036_Copy

 

JOÃO BARROS NO VINHO DA MADEIRA

 

João Barros: “O Rali da Madeira é sempre uma prova especial mas onde temos muito menos experiência”

 

Atual terceiro classificado do Campeonato Nacional de Ralis, João Barros parte para o Rali Vinho da Madeira com aspirações de lutar por um lugar no pódio, apesar de ter a noção da maior experiência dos rivais diretos na prova insular.

 

Com quatro pódios em cinco provas até ao momento, João Barros e Jorge Henriques esperam manter acesa a luta pelo título do CNR na visita aos famosos troços de asfalto da Madeira. O piloto de Paredes parte determinado como sempre mas com a noção da forte oposição: “O Rali da Madeira é sempre uma prova especial mas onde temos muito menor experiência, comparando com quase todos os pilotos que vão discutir os primeiros lugares. No ano passado só fizemos metade do rali e este ano vamos partir novamente à descoberta, tentando não cometer exageros e ir aumentando o ritmo troço a troço. Mas tenho bem a noção da história deste rali e sei que aqui já ganharam vários dos melhores pilotos nacionais e referências internacionais como Vatanen, Toivonen, Biasion, Aghini, Liatti, Basso e muitos outros”, referiu o piloto do Fiesta R5.

 

“Além disso, esta é também uma prova importante para a Fibromade Racing Team que voltará a ter três R5 em prova. Além do Elias Barros, o Miguel Nunes também estará na nossa equipa e tenho a certeza que se vai integrar bem”, concluiu João Barros.


O Rali Vinho da Madeira começa oficialmente com a tradicional Super Especial da Avenida do Mar (2,21 km), na quinta-feira dia 30 de Julho. Nos dois dias seguintes disputam-se mais 18 classificativas nas famosas especiais de asfalto da ilha.11214067 368446926697766_459027297482259831_n_Copy

 

FUTURO DA MOBILIDADE

Futuro da mobilidade

Bosch e TomTom parceiros em tecnologia inovadora de mapeamento para condução automática.

Mapas de alta precisão são essenciais para a condução automática; A Bosh está a utilizar mapas da TomTom nos seus testes de veículos automáticos; Autoestradas e vias rápidas na Alemanha serão digitalizadas para condução automática até ao fim de 2015; Mapas para condução altamente automatizada têm de ser exatos com precisão ao decímetro; A colaboração vai resultar em conceitos de inovação de posicionamento de veículos

O desenvolvimento da condução automática é um puzzle com várias peças. Em conjunto com o fornecedor holandês de mapas e informação de trânsito TomTom (Tom2), a Bosch está a aproximar-se do resultado final. As duas empresas concordaram em colaborar na área de mapas para a condução automatizada. Sobre este acordo, a TomTom está a desenhar os mapas necessários, enquanto a Bosch, na base dos seus sistemas de engenharia de trabalho, está a definir as especificações que estes mapas têm de possuir. De momento, os mapas já estão a ser utilizados nos veículos automatizados Bosh e testados em algumas estradas públicas na Alemanha (A81) e nos Estados Unidos (I280). Para esclarecer a importância desta parceria, o membro de direção da Bosch, Dr. Dirk Hoheisel comentou: “Apenas com mapas de alta precisão será possível a condução automatizada em autoestradas a partir de 2020.” Jan Maarten de Vries, Vice-presidente da área Automóvel da TomTom acrescentou: “No fim de 2015, queremos ter novos mapas de alta precisão para condução automatizada que englobem todas as autoestradas e vias rápidas na Alemanha”. A cobertura de estradas irá consequentemente estender-se para o resto da Europa e América do Norte.

Vários níveis de mapas, aumento significativo na precisão

Os mapas para condução altamente automatizada e os mapas utilizados nos atuais sistemas de navegação diferem primariamente em dois aspetos. Primeiro, a precisão é significativamente mais elevada – até ao decímetro de precisão. Segundo, o material dos mapas para condução altamente automatizada consiste em vários níveis. A tradicional base de navegação é utilizada para calcular rotas de A para B, incluindo a sequência de estradas a ser percorridas. O nível de localização utiliza um novo conceito de posicionamento que providencia dados de mapeamento de alta precisão, que o veículo automatizado utiliza para calcular com exatidão a sua posição ao longo do percurso. Para isto, o veículo compara o ambiente em redor com a informação correspondente no nível de localização. Desta forma, o veículo pode definir com precisão a sua posição em relação à estrada e ambiente circundante. No topo do nível de localização, o nível de planeamento contém não apenas atributos como divisores de tipos de percurso, sinais de trânsito, limites de velocidade, entre outros, como também informação 3D sobre a geometria da estrada, incluindo curvas e declives. Com a ajuda desta informação de percurso bastante detalhada, o veículo automatizado pode decidir quando e de que forma deve mudar de faixa. 

Na condução altamente automatizada, a segurança e conforto dependem crucialmente da atualização dos mapas. Por exemplo, informação ao minuto sobre o limite de velocidade tem de estar disponível instantaneamente. Apenas desta forma os veículos conseguem selecionar a mais proactiva estratégia de condução. Com este objetivo, a Bosch e a TomTom dependem de diversos elementos e serviços para manter a informação dos mapas, o mais atualizada possível: a frota de mapeamento da TomTom continua a estar regularmente nas estradas para mapear com exatidão novas estradas e percursos. Para registar novas mudanças nas estradas, como configurações diferentes das faixas ou novos sinais de trânsito, a TomTom e a Bosch planeiam recorrer ao feedback de frotas de veículos já equipadas com os sensores necessários. 
As informações capturadas sobre alterações nas estradas são transferidas para um servidor, verificadas e inseridas na base de dados digital de mapas. O mapa atualizado é posteriormente remetido para os veículos altamente automatizados, possibilitando-os de atuar efetivamente para além dos sensores.

Extensão da atual parceria de sucesso

Para a Bosch e TomTom, esta colaboração na área de mapas para condução altamente automatizada é uma extensão da já existente parceria de sucesso. Para o horizonte conectado da Bosch, a TomTom providencia também informação dinâmica de mapas através do seu serviço backend em tempo real - ainda que sem nível de localização. Desta forma, o horizonte conectado torna possível prever a estrada em frente e adaptar a estratégia de condução de acordo com esta. Esta solução foi demonstrada pela primeira vez em 2014, na feira de exposições IAA Commercial Vehicles em Hanover. O sistema reconhece potenciais “pontos negros” atrás de montanhas ou o início de um engarrafamento de trânsito e automaticamente reduz a velocidade do veículo no tempo exato, o que minimiza consideravelmente o risco de colisões traseiras. Em adição, comportamentos de condução mais suaves significam mais conforto para o condutor e melhorias no consumo eficiente de combustível para o veículo. 



Tom Tom e Bosch

 

VULCO E GRUPO SALCO

Vulco e Grupo Salco abrem primeira oficina em conjunto em Portugal

A rede de oficinas desenvolvida por Goodyear Dunlop alcança as 38 oficinas em Portugal e as 243 em Espanha com esta nova abertura.

No passado dia 16 de julho foi inaugurada a nova oficina “Pódio Binário” sobre o apoio do Grupo Salco em Portugal. Localizada na Póvoa de Varzim, a 27 km do Porto, esta oficina ocupa o lugar de 38ª oficina Vulco em Portugal e é a primeira aliança da Vulco com o Grupo Salco no país.

O novo estabelecimento vem oferecer os principais serviços de pneus e mecânica rápida (alinhamento, mudança e balanço de pneus, feios, mudança de pneus, embraiagem, escapes, etc.) assim como serviços de mecânica integral e lavagem integral para automóveis, 4x4 e carrinhas.

Conta com instalações com mais de 700 metros quadrados e equipamento renovado e modernizado para atender os seus clientes com um maior profissionalismo.

Esta aliança vem reforçar o trabalho de qualidade da rede Vulco e é mais um passo na estratégia de expansão da rede para oferecer serviços aos clientes onde eles mais precisam.

Segundo Alberto Villarreal, diretor da rede Vulco: “A aliança com o Grupo Salco, anunciada no início do ano, não só nos permitiu reforçar a nossa presença a noroeste de Espanha como passar a fronteira e ampliar o alcance da Vulco em zonas chave como o norte de Portugal. Esta nova abertura é a demonstração de que a Salco é o parceiro certo para traçarmos um caminho conjunto.”



Vulco
 

GT EM INGLATERRA

 

TRIO DE GT CUP pódio em Snetterton bem recebido por TF SPORT DE VOLTA

Um trio de pódios para Paul Bailey e Andy Schulz nas rodadas 13, 14 e 15 da Copa 2015 no '300' tour do GT Snetterton foram bem recebidos por todos no TF Desporto (25-26 de Julho).

Três paradas bandeira vermelha e uma chuva torrencial na qualificação uma put pago para todas as esperanças de uma posição no grid representante para obrigatório raça pit stop de sábado, como Bailey e Schulz foram impedidos de completar uma volta rápida e terminou a sessão de 20 minutos desapontados na décima posição.

Determinada a consolidar a sua posição como candidatos ao título no fim de semana do primeiro de três corridas, Tanto Bailey e Schulz dirigiu com força e vigor para violar os lugares do pódio no driver de mudança, com a Ferrari 458 Italia de Adam Carroll e Darren Nelson eo Porsche Richard Chamberlain de bem dentro do alcance.

Passou líder forma Schulz corrida Chamberlain para a segunda posição e as intenções do motorista TF Esporte Seu déficit 4.1s para estreitar a Carroll em P1 estava claro quando gravou a volta mais rápida.

Infelizmente a bandeira quadriculada antes de voar poderia preencher a lacuna, qui Parou em 1.1s como ele levou sua Horsepower Racing-libré Aston Martin V12 Vantage em toda a linha, visam segunda posição foi parceiro resultado bem-vindo depois a frustração de qualificação.

Domingo aussi produziu resultados fortes. Bailey não conseguiu desbloquear o seu potencial na sessão de qualificação seca e chuva torrencial atingiu a zona rural Norfolk Isso por duas corridas de sprint do dia limitou o driver baseado em Rutland, com objetivo de auto-preservação sendo branco Sua mão.

Ever-feita deterioração das condições que ficam no circuito de alta ordem, propósito Bailey tratado bem os termos e sensata levou bem para terminar em terceiro Dentro de si na primeira corrida, enquanto um segundo resultado em vez mais tarde que era o dia agradável, uma vez que título contendor sucumbiu ao Nelson o tempo traiçoeiramente molhado com duas período remanescente.

"Tendo tido um pouco de tempo para recapitular no fim de semana, eu me sinto Foi um sucesso", disse Bailey. "Eu era o mais rápido gentleman driver em testes e tudo foi muito positivo nos treinos livres, alvo bandeiras vermelhas e uma chuva significava que eu não tive uma volta rápida na qualificação de sábado Durante e começamos a raça pit stop bem abaixo na ordem. Eu era ble a surgir através do pacote enquanto engajar-se em alguns realmente perto, batalhas agressivos e Andy (Schulz) Sobre fez um trabalho impressionante contre Richard Chamberlain e Adam Carroll para trazer o carro para casa na segunda.

"Tive o prazer de estar a apenas quatro décimos pólo na fase de qualificação e de domingo super feliz para trazer o carro para casa com segurança nas corridas, onde havia uma grande quantidade de água parada. Não. Eu assumiu riscos e os pódios queremos dizer Marcou um monte de itens valiosos e, com retrospectiva preservando o carro e dirigindo-me bem por dentro, era a coisa certa a fazer estrategicamente, pois nos coloca em uma posição muito boa do ponto de vista campeonato como nós cabeça para Brands Hatch para a próxima rodada ".

Martin Johnston Enquanto isso, uniram-se com o seu treinador motorista profissional, Phil Glew, no pit stop corrida de sábado, em qui ele validado Seu progresso percebido Ao levar suas GT4-spec Aston Martin V8 Vantage para a segunda posição e então Ameaçar para o chumbo GTA Quando um problema de pressão de combustível interrompido Sua carga.

O Allfloors Expresso Managing Director estava resignado a terceiro na classificação final eo resultado, qui foi bem recebida por todos os interessados ​​com TF Desporto, estimulado _him_ para empurrar os limites further no domingo, quando gravou tempos respeitáveis ​​na fase de qualificação e uma cinta de quinta lugares em duas corridas de sprint afetado pela chuva do dia.

 

Google Tradutorcf3407be-788b-4291-83ed-c28b0c904cab Copy

 

PAULO MOREIRA NO VINHO DA MADEIRA

 

Paulo Moreira – “Tentar fazer ainda melhor”

 

PAULO MOREIRA_2_CopyPAULO MOREIRA__CopyNa próxima 5ª feira (dia 30) vai para a estrada mais uma edição do Rali Vinho da Madeira que terá palco na cidade do Funchal, na Madeira. A prova em piso de asfalto estará a cargo do Club Sports da Madeira e será a sexta ronda do Campeonato Nacional de Ralis, quarta em piso de asfalto. Depois da boa prestação no Rallye Vidreiro, Paulo Moreira e Marco Macedo partem para o Vinho Madeira confiante num bom resultado entre os concorrente do Campeonato destinado aos RC4. O Skoda Fabia R2 já demonstrou ter potencial e além disto a dupla tem estado cada vez mais à vontade com o carro da marca checa, melhorando de prova para prova o andamento. Como salienta o piloto do Montijo “Na Madeira vamos tentar ir ainda mais além do que conseguimos até agora no campeonato. É um rali exigente, muito longo, com características muito próprias mas estamos motivados, o entrelaçamento com o carro está cada vez melhor e isso permite-nos encarar as provas com muito mais confiança. É uma “ronda” muito importante para o campeonato pois podemos fazer aqui uma boa “colheita” em termos de pontos. No momento ocupamos a terceira posição, temos ainda mais três provas, uma em asfalto, duas em terra, pelo que está tudo ainda em aberto. De igual forma é uma prova com um muito bom feedback sobretudo local, onde a cobertura que é dada pelos media é excelente, assim como todo o entusiasmo e apoio do público Madeirense que é fantástico ao longo dos três dias de prova.” A prova com palco na pérola do atlântico arranca 5ª feira com a realização da já mítica Super Especial na Avenida do Mar. Seguem-se mais dois dias de prova, num total de 19 especiais de classificação perfazendo 803,51 quilómetros, dos quais 204,67 em contra relógio.

 

FIESTA O MAIS VENDIDO NO SEGMENTO B

 

Ford Fiesta Número1 na Europa no Primeiro Semestre 2015

 

 

 O Ford Fiesta foi o veículo do segmento B mais vendido na Europa no primeiro semestre de 2015.

 

Foram adquiridos pelos clientes na Europa um total de 173,999* Ford Fiesta entre Janeiro e Junho de 2015 – um aumento de 3,6 por cento quando comparado com igual período de 2014.

 

As vendas do Fiesta em Junho 2015 totalizaram 33,646 unidades, 22,3 mais que no mesmo mês de 2014, e vem na sequência da introdução de novas cores, melhor eficiência no consumo de combustível e actualizações ao nível do estilo e equipamentos em Maio deste ano.

                                                                                                                                        

“Os europeus gostam de carros pequenos e têm padrões extremamente elevados, pelo que estamos muito orgulhosos pelo facto do Fiesta permanecer no topo do ‘ranking’,” afirmou Roelant de Waard, vice-presidente, Marketing, Vendas & Serviço, Ford Europa. “Os clientes dispõem agora da mais ampla gama Fiesta de sempre, incluindo a versão Fiesta ECOnetic e opções de cor da carroçaria mais ‘fashion’, como a nova ‘Silver Silk’.”

 

O Fiesta foi igualmente o 2º veículo do mercado mais vendido na Europa no período compreendido entre Janeiro e Junho deste ano e foi o 1º carro do segmento B mais vendido na Europa, pelo terceiro ano consecutivo, no ano de 2014.

 

 

# # #

 

*Os resultados da JATO Dynamics têm por base a informação veiculada pela JATO Consult, o serviço de consultoria personalizada da companhia. Os números referem-se a 30 mercados europeus. Para mais informação consultar o sítio www.jato.com.

 

** Os valores de consumo de combustível/energia, emissões de CO2 e autonomia eléctrica são medidos de acordo com os requerimentos e especificações técnicas da Regulamentação Europeia (EC) 715/2007 e (EC) 692/2008 na sua última versão. O consumo de combustível e emissões de CO2 referem-se a uma versão de um veículo e não a um único veículo. O procedimento de teste aplicado permite a comparação entre diferentes tipos de veículos e diferentes fabricantes. Em conjunto com a eficiência de combustível de um carro, o comportamento do condutor bem como outros factores não técnicos desempenham um papel na determinação do consumo de combustível/energia de um veículo, emissões de CO2 e autonomia eléctrica. O CO2 é o principal gás com efeito de estufa responsável pelo aquecimento global.

 

 

Sobre a Ford Motor Company
A Ford Motor Company, empresa líder da indústria automóvel global, com sede em Dearborn, Michigan (EUA), produz e distribui automóveis em seis continentes. Com aproximadamente 194.000 empregados e 66 fábricas em todo o mundo, as marcas automóveis da empresa incluem Ford e Lincoln. A companhia presta serviços financeiros através da Ford Motor Credit Company. Para mais informações sobre a Ford e os seus produtos em todo o mundo, por favor consulte www.corporate.ford.com.

 

FUELMAX DA GOODYEAR

 

Pneus para camião FUELMAX da Goodyear poupam até 1,6 litros/100 km

 

Provas realizadas pela frota alemã Bartkowiak confirmam o potencial de poupança de combustível dos pneus para camião FUELMAX da Goodyear

 

A gama de pneus para camião FUELMAX da Goodyear direcionada para o consumo eficiente de combustível foi submetida a provas em condições reais pela frota alemã Spedition Bartkowiak. Os resultados da extensa prova comparativa de pneus levada a cabo pela empresa de transportes com sede em Hildesheim provam claramente a poupança potencial de combustível dos pneus FUELMAX.

PT Goodyear_FUELMAX_Saving_PORT.JPG

Em comparação com os pneus para camião de alto rendimento de outra marca Premium, os pneus para camião FUELMAX da Goodyear oferecem uma poupança de até 1,6 litros por cada 100 quilómetros. Com base nestes resultados, os pneus FUELMAX da Goodyear estão a desempenhar um papel fundamental no projeto ’20-20-20’ desta frota, para reduzir o consumo geral de combustível em 2020 para não mais de 20 litros a cada 100 quilómetros.

 

A Spedition Bartkowiak contratou os serviços de consultoria HI-Consulting, para implementar o projeto '20-20-20'. Para este efeito, irá equipar uma combinação de camião e atrelado com uma série de medidas destinadas a reduzir o consumo geral de combustível para um máximo de 20 litros por 100 quilómetros.

 

Durante o exaustivo teste comparativo de pneus, foram percorridos 320.000 km em estradas públicas por diferentes pilotos usando pneus da série FUELMAX da Goodyear e outra marca Premium de pneus ecológicos. Nos três veículos usados, os pneus FUELMAX registaram poupanças de consumo de combustível de 1,2, 1,5 e 1,6 litros/100 quilómetros em comparação com outros pneus", explicou Andreas Manke, Consultor na HI-Consulting e Gestor da Frota da Spedition Bartkowiak. “Este fato supõe uma poupança enorme. Devido a este resultado tão claro, estamos atualmente a equipar toda a frota de Bartkowiak

progressivamente com pneus FUELMAX. Estamos também a realizar os testes do projeto ‘20-20-20’ exclusivamente com pneus FUELMAX com pneus KMAX da Goodyear no eixo de elevação do atrelado."

 

Prova da excelente eficiência em termos de consumo de combustível da gama FUELMAX

"Os resultados do teste comparativo de pneus inicial confirmam o excelente potencial de poupança de combustível dos nossos pneus FUELMAX e estamos certos de que a nossa colaboração irá ajudar a Spedition Bartkowiak e a HI-Consulting a alcançar os seus objetivos no projeto ‘20-20-20’", comentou Benjamin Willot, Diretor de Marketing dos Pneus Comerciais da Goodyear Europa, Médio Oriente e África."Temos muito orgulho em participar com a Spedition Bartkowiak e a HI-Consulting neste projeto".

 

A gama FUELMAX pode poupar à Bartkowiak até 57.000 euros por ano

"O combustível é o maior fator do custo variável para empresas de transporte e continua a ser o principal desafio. Atualmente o combustível representa pouco menos de 30 por cento dos custos totais da Bartkowiak – mesmo com os preços do petróleo crude temporariamente mais baixas. Qualquer medida que reduza o consumo de combustível implica uma poupança de dinheiro, pelo que os pneus eficientes em termos de consumo de combustível, como os da gama FUELMAX, têm um retorno rápido", explicou Andreas Manke. A HI-Consulting colabora com a Spedition Bartkowiak desde 2009 e reduziu o consumo médio da frota em cerca de 20 por cento – graças em parte ao uso dos pneus para camião FUELMAX da Goodyear. Andreas Manke afirma, "por exemplo, uma redução do consumo de combustível de 1,2 litros por 100 quilómetros na frota da Spedition Bartkowiak de 38 tratores, que percorrem cerca de 3,8 milhões de quilómetros por ano, pouparia 45.600 litros por ano. Com o diesel com um preço de 1.25 euros por litro, isto significa uma poupança anual de 57.000 euros, equivalente ao custo de dois atrelados".

 

Sobre a gama FUELMAX da Goodyear

A gama FUELMAX é a gama de pneus para camião da Goodyear focada no consumo eficiente de combustível. A gama de pneus FUELMAX é constituída pelos pneus de direção FUELMAX S, pneus de tração FUELMAX D e os pneus de atrelado FUELMAX T. A baixa resistência ao rolamento é o benefício mais importante sem que as outras áreas chave de desempenho sejam afetadas, como quilometragem ou desempenho da travagem em piso húmido. Os pneus de tração FUELMAX D incluem os rendimentos M+S e Alpine ou Três Picos de Montanha com Flocos (3PMSF) para neve forte, o que os converte em autênticos pneus para todas as estações.

 

Sobre os veículos usados no Projeto 20-20-20

Tractor

• Renault T, Euro 6 DTI 11 – 338 KW (460 hp)

• Pneus: Goodyear FUELMAX S (Direção) nos tamanhos 315/60R22.5; 315/70R22.5 e 385/55R22.5 e Goodyear FUELMAX D (tração) nos tamanhos 295/60R22.5; 315/60R22.5 e 315/70R22.5

 

Atrelado

• BERGERecotrail®

• Modelo: SAPL 24 LTn

• Peso líquido: 4,715 kg

• Chassis: 1 e 3. Pneus do eixo de elevação KMAX T e 2 pneus do eixo FUELMAX T nos tamanhos 385/55R22.5; 385/65R22.5 e 435/50R19.5

• Wabco EBS E 4S / 3M, com ele. Suspensão pneumática E-TASC (Controlo da suspensão pneumática do atrelado), OptiLoad / OptiTurn, Optiflow Sidewing, Optiflow Tail

• Monitorização do espaço traseiro

• Teto de abrir do tipo Edscha Ultra Line

• Airbag de prevenção de água e gelo

 

 

DEVON MODELL NAS 24 HORAS DE SPA

 

Devon Modell: Spa 24 Horas finalizador pódio

 


Devon Modell acrescentou ainda Avaliações mais um pódio significativo para seu repertório Expandindo Rapidamente corrida de resistência, ajudando Ecurie Ecosse levar o BMW Z4 GT3 para um lugar no pódio na edição de 67 dos altamente exigentes Total de 24 Horas de Spa (24-26 julho).
Entrando em sua quarta corrida de resistência da temporada 24 horas, Modell Foi impulsionado pela série 'recente dia oficial de testes e senti um acabamento ponto forte que estava sobre os cartões.

Ele e seus companheiros de equipe Ecurie Ecosse, Oliver Bryant e Alasdair McCaig Alexander Sims, se posicionaram 20 geral e em sexto na classe durante o Super Pole qualificação shoot-out na sexta-feira (24 de julho) Não é possível definir um tempo de volta competitivo devido a uma esquerda freio -REAR resultado vinculativo.
                     
No entanto, o equipamento escocês era puramente Focada em perseguir configuração do carro em vez de tempos de volta para garantir que ele estava preparado para todas as eventualidades e isto provou ser uma estratégia sensata, como chuvas torrenciais atingiu Ardennes floresta da Bélgica como a corrida duas vezes-em torno do relógio começou na tarde de sábado.
 
A condição traiçoeiro significava que não era muito antes de Spa-Francorchamps circuito Reivindicado itos primeira vítima. Drivers lutou para negociar a 4,35 milhas e pista o Safety Car foi uma visão comum, visam Ecurie Ecosse fez a maior parte itos de erros e infortúnios dos rivais para saltar até o leaderboard ao 12º geral e terceiro na classe.
 
A lacuna no tempo viu uma linha seca começam a se formar ea pista nunca Melhoria das Condições levou muitas das principais equipes para caber pneus slick, apenas para a chuva voltar com uma vingança.
 
Optando por ficar em borracha com ranhuras, o pêndulo oscilou para trás em favor da Ecurie Ecosse, qui Assumiu a Pro-Am como Escuridão chumbo desceu e Spa foi completamente Chamada Tomou olhar diferente e sentir.
 
É durante a noite e em condições molhadas Quando os drivers mais talentosos excel e demonstrar o seu verdadeiro valor, e Modell mais uma vez mostrou uma grande virada de velocidade ao volante do Barwell Motorsport prazo BMW Z4 GT3, continuamente colocando em volta rápida e consistente vezes para manter a posição dentro do top ten geral durante as horas de escuridão.
 
Como a luz do dia voltou e com o fim em vista, um lugar no pódio parecia-ter escorregado da mão de Modell em uma cruel reviravolta do destino que viu l'autre Barwell Motorsport prazo Team Russia BMW seguir em frente, apenas para o carro da irmã para pit e entregar o iniciativa Ecurie Ecosse volta para na meia hora final.
 
A alta tensão foi durante os estertores finais da corrida e 24 anos de idade a partir de Maidstone Modell se sentou na beirada de filho esperando o assento de carro a cruzar a linha.
 
Depois de 527 período de corrida intensa e 23 pit stops, o BMW Black Bull-patrocinada cumprimentou a bandeira quadriculada como a melhor equipa não fábrica na sétima posição da geral e terceiro na classe para finalmente mostrar that time Ecurie Ecosse la tem a velocidade eo conhecimento para competir a fim muito afiada do campo.
 
"Do nosso ponto de vista de, Foi a melhor corrida nós corremos e poderia ter foi brilhante a ser ficou no pódio em uma das maiores corridas de GT do mundo", disse Modell. "Nós passamos nenhum tempo na caixa, não houve contato, e pit stops impecáveis ​​Were, apesar de ser branco tem corrida de atrito, não havia nem mesmo uma única marca no carro. O Ecurie Ecosse BMW correu perfeitamente, qui é um testamento para a quantidade de trabalho duro a equipe colocar em todo fim de semana, e era bom para colocá-lo no pódio no primeiro tempo de resposta perguntar. A corrida é apenas a segunda das 24 Horas de Le Mans em termos de estatura, por isso é ótimo para Jogou-ter uma mão amiga e mostrar que podemos lutar no final afiada.
 
"Estou feliz por eu não ter o início, como parecia traiçoeiro lá fora. Alexander (Sims) Sobre fez um grande trabalho durante o stint abertura e nós fizemos a escolha certa para ficar de fora nas Pirelli pneus de chuva Quando os outros optado pela mancha. Nós ficou olhando para os dados meteorológicos e chamadas de amigos fora do circuito, que se dizia chuva de cinco minutos. A corrida de 24 horas é de cerca de jogá-lo o mais seguro possível. Ele ainda era gorduroso lá fora, de modo que os pneus ainda Foram segurar confiável mesmo quando seco ligeiramente. Então eu fiquei em na marca de cinco horas e ele ainda estava muito ocupado para a pista e foi um caso de ficar fora do problema e lapidação de forma limpa. Um monte de pessoas estavam indo rápido como se fosse uma corrida de sprint, estamos sempre buscando sabia que não devia correr riscos. "

 

Google Tradutor736c595e-c292-4d18-a10a-f345ec6bccde Copy1939c85d-3384-4fdf-a4d0-f46b2d078901 Copy

 

FONTES E RAMALHO NO VINHO DA MADEIRA

 

DS VODAFONE TEAM AO ATAQUE NO RALI VINHO MADEIRA APOSTA NUM PÓDIO MADEIRENSE DE E MIGUEL RAMALHO

 

 

• Contando com duas vitórias e dois 2ºs lugares nas mais recentes provas do de Ralis, José Pedro Fontes e Miguel Ramalho de diferença para a liderança dos respectivos Campeonatos de Pilotos • O DS 3 Vodafone Team é líder destacado do Campeonato de Equipas. • O espírito competitivo mantém Vodafone e da DS, pretende disputa entre 31 de Julho e 2 de Agosto O Campeonato Nacional de Ralis prossegue sexta e ante-penúltima prova do calendário Vodafone Team, formação que actualmente ocupa a l Constituída por José Pedro Fontes e Miguel Ramalho, estes apostando na competitidade já demonstrada em anteriores jornadas do CNR pelo DS 3 R5, entrosamento que a equipa já alcançou e que lhes permitiu Guimarães e de Castelo Branco. José Pedro Fontes nutre uma especial predilecção pelas rápidas classificativas da ano, assume a firme intenção de dali Campeoanto Nacional de Ralis, recuperando os 7,5 pontos que nos separam da desta prova. Caso desta prova. Caso as condições se proporcionem, Uma tarefa difícil mas não impossível, como já demonstrou, conta com a inegável experiência de Miguel Ramalho no interior do DS 3 R5 preparado pela Sports & You. Os testes entretanto realizados, de preparação desta que é a ante problema que possa surgir no difícil traçado de alcatrão e empedrado da Madeira

 

 Contando com duas vitórias e dois 2ºs lugares nas mais recentes provas do de Ralis, José Pedro Fontes e Miguel Ramalho chegam ao Rali da Madeira com apenas 7,5 pontos de diferença para a liderança dos respectivos Campeonatos de Pilotos e Navegadores é líder destacado do Campeonato de Equipas. competitivo mantém-se na dupla nacional que, ao volante do DS 3 R5 com as cores da , pretende lutar pela vitória na próxima jornada, o Rali disputa entre 31 de Julho e 2 de Agosto. to Nacional de Ralis prossegue já no próximo fim-de-semana, com a realiza prova do calendário 2015. Entre os candidados principais à vitória que actualmente ocupa a liderança do Campeonato Nacional de Ralis por Equipas. Constituída por José Pedro Fontes e Miguel Ramalho, estes pretendem lutar pela vitória absoluta na prova madeirense, idade já demonstrada em anteriores jornadas do CNR pelo DS 3 R5, entrosamento que a equipa já alcançou e que lhes permitiu garantir duas vitórias absolutas, ma especial predilecção pelas rápidas classificativas da «Pérola do Atlântico», dali sairem vencedores: “A prioridade é, antes de tudo, sair da ilha na liderança do Campeoanto Nacional de Ralis, recuperando os 7,5 pontos que nos separam da liderança do campeonato à parti as condições se proporcionem,queremos lut queremos lut queremos lutar pela vitória absoluta a vitória absoluta a vitória absolutano Vinho Madeira Uma tarefa difícil mas não impossível, como já demonstrou, ao longo do seu passado desportivo conta com a inegável experiência de Miguel Ramalho no interior do DS 3 R5 preparado pela Sports & You. Os testes nto realizados, de preparação desta que é a ante-penúltima jornada do CNR 2015, permitirão debelar qualquer cil traçado de alcatrão e empedrado da Madeira. JOSÉ PEDRO FONTES Contando com duas vitórias e dois 2ºs lugares nas mais recentes provas do Campeonato Nacional chegam ao Rali da Madeira com apenas 7,5 pontos e Navegadores o volante do DS 3 R5 com as cores da , o Rali Vinho Madeira, que alização do Rali Vinho Madeira, a os candidados principais à vitória, encontra-se o DS 3 acional de Ralis por Equipas. pretendem lutar pela vitória absoluta na prova madeirense, idade já demonstrada em anteriores jornadas do CNR pelo DS 3 R5, adicionando o duas vitórias absolutas, nos ralis Cidade de la do Atlântico», palco onde, este “A prioridade é, antes de tudo, sair da ilha na liderança do liderança do campeonato à partida o Vinho Madeira.» o seu passado desportivo, o piloto do Porto que conta com a inegável experiência de Miguel Ramalho no interior do DS 3 R5 preparado pela Sports & You. Os testes penúltima jornada do CNR 2015, permitirão debelar qualquer

 

O PROGRAMA DO RALI O PROGRAMA DO RALI

 

Considerado como um dos ralis mais importante ano se disputou extra campeonato) e o Rali dos Açores, pontúavel para o Europeu como habitualmente, pelo Club Sports da Madeira. Compõe-se por duas Etapas e sete Secções que terá início com a realização da tradicional Super Madeira, a partir das 19h30 de quinta No dia seguinte, terá lugar uma ronda dupla pelas classificativas Campo de Golfe (10,40 km) e Palheiro Ferreiro (18,95 km), a partir das 11h35, com a segunda passagem a suceder depois da paragem para reabastecimento de meia-hora, mais precisamente a partir das 14h29. e 5ª Secções – ou seja, mais uma dupla passagem (9,44 km) e Terreiro da Luta (7.90 km) se-á pelas 17h48 e a segunda a partir das 20h53. Com o dia já bem longo, os concorrentes deverão começar a regressar ao Funchal a partir das 23h13, No terceiro e último dia (sábado, 1 começarão a siar do Parque Fechado do Funchal a partir das 9h56, dirigindo Câmara de Lobos 1 (11,40 km), cuja partida está agendada a partir das 10h42. Este será mais um dia com uma paragem para reabastecimento a separar a dupla passagem por quatro Lobos, há que alcançar os melhores tempos em (11,33 km). A última volta por estas mesmas se pelas 16h54. Os concorrentes regress 17h44 e em Parque Fechado após as 18h05. A cerimónia de encerramento e de entrega de prémios do Rali Vinho Avenida Arriaga, no Funchal. CONTACTOS DE IMPRENSA: Good News Comunicação - Tito Morão: 918 mais importante do panorama nacional, logo a seguir ao Rali de Portugal ano se disputou extra campeonato) e o Rali dos Açores, pontúavel para o Europeu, o Rali Vinho Madeira pelo Club Sports da Madeira. sete Secções, num total de 19 PEC e 204,67 km disputados ao cronómetro, da tradicional Super-Especial Avenida do Mar (2,21 km), em plena capital uinta-feira (30 de Julho). No dia seguinte, terá lugar uma ronda dupla pelas classificativas Campo de Golfe (10,40 km) e Palheiro Ferreiro (18,95 km), a partir das 11h35, com a segunda passagem a suceder depois da paragem para reabastecimento de tir das 14h29. Após novo reabastecimento, o dia encerrará com a realização das 4ª ou seja, mais uma dupla passagem pelas classificativas Cidade de Santana (10,78 km), Ribeiro Frio (9,44 km) e Terreiro da Luta (7.90 km). Com novo intervalo para reabastecimento pelo meio, pelas 17h48 e a segunda a partir das 20h53. Com o dia já bem longo, os concorrentes deverão começar a regressar ao Funchal a partir das 23h13, para um merecido descanso. 1 de Agosto), decorrerá a 2ª Etapa do Rali Vinho Madeira. Os concorrentes começarão a siar do Parque Fechado do Funchal a partir das 9h56, dirigindo-se para a primeira classificativa do dia, , cuja partida está agendada a partir das 10h42. Este será mais um dia com uma paragem para reabastecimento a separar a dupla passagem por quatro troços: p há que alcançar os melhores tempos em Ponta do Sol (7,98 km), Ponta do Pargo (13,05 km) e Rosário estas mesmas classificativas inicia-se a partir das 14h39, com a derradeira PEC a pelas 16h54. Os concorrentes regressam, depois, ao Funchal, entrando no Parque de Assistência a 17h44 e em Parque Fechado após as 18h05. A cerimónia de encerramento e de entrega de prémios do Rali Vinho Madeira terá lugar a parti Tito Morão: 918 400 001 / 214 531 484 – Este endereço de e-mail está protegido de spam bots, pelo que necessita do Javascript activado para o visualizar do panorama nacional, logo a seguir ao Rali de Portugal (que este , o Rali Vinho Madeira é organizado, km disputados ao cronómetro, sendo Especial Avenida do Mar (2,21 km), em plena capital da Ilha da No dia seguinte, terá lugar uma ronda dupla pelas classificativas Campo de Golfe (10,40 km) e Palheiro Ferreiro (18,95 km), a partir das 11h35, com a segunda passagem a suceder depois da paragem para reabastecimento de reabastecimento, o dia encerrará com a realização das 4ª pelas classificativas Cidade de Santana (10,78 km), Ribeiro Frio ra reabastecimento pelo meio, a primeira ronde iniciarpelas 17h48 e a segunda a partir das 20h53. Com o dia já bem longo, os concorrentes deverão começar a decorrerá a 2ª Etapa do Rali Vinho Madeira. Os concorrentes se para a primeira classificativa do dia, , cuja partida está agendada a partir das 10h42. Este será mais um dia bem longo, troços: para além de Câmara de Ponta do Pargo (13,05 km) e Rosário se a partir das 14h39, com a derradeira PEC a iniciarao Funchal, entrando no Parque de Assistência a partir das adeira terá lugar a partir das 18h00, na

 

MAGALHAES QUER VENCER NA MADEIRA

 

Bruno Magalhães quer quarta vitória no Rali Vinho da Madeira

 

ypres bruno11_CopyBruno Magalhães está de regresso ao Rali Vinho da Madeira. O piloto português enfrenta este fim-de-semana, de 30 de Julho a 1 de Agosto, um dos ralis mais emblemáticos do nosso país, prova que já venceu por três vezes em edições anteriores. Um feito notável que Bruno espera incrementar com nova vitória e entrar para a história como um dos pilotos que mais vezes venceu o Rali. O piloto do PEUGEOT 208 T16 já está na Madeira para uma sessão de testes nas estradas de asfalto da ilha para preparar da melhor forma possível a prova que se antevê bastante disputada e difícil: "Queremos ganhar. É esse o nosso objectivo. Nem poderia ser outro depois de tudo o que fizemos nos últimos anos. Mas sabemos que a tarefa não estará facilitada. A lista de inscritos é vasta com muitos pilotos experientes e munidos com as mesmas armas que tornará tudo mais equilibrado mas também difícil ", disse Bruno Magalhães que venceu a prova o ano passado e em 2012 e 2011. Em 2013 foi segundo classificado. O Rali Vinho da Madeira para além de pontuar para o Nacional de Ralis e Ralis da Madeira pontua igualmente para a Taça da Europa de Ralis: "É uma das minhas provas preferidas, com um figurino muito interessante e com uma óptima organização. O ambiente da prova é único com uma envolvente muito particular do público que todos os anos me apoia incondicionalmente. Tanto eu como o Hugo Magalhães estamos com muita vontade de entrar no carro para dar início à prova. Andar rápido é o ponto de ordem", rematou o piloto português que este ano está novamente focado no Campeonato da Europa de Ralis mas que todos os anos define o seu programa com passagem pela Madeira. O Rali arranca na quinta-feira dia 30 de Julho pelas 17.30h e termina no sábado, 1 de Agosto pelas 18h com a subida ao pódio.

 

MEO SUDOESTE

 

Aplicação MEO Sudoeste promove a partilha e a interação entre os festivaleiros

5 a 9 de agosto, abertura do campismo a 1 de agosto
Zambujeira do Mar

App oficial do MEO Sudoeste
Todas as informações relevantes sobre o MEO Sudoeste disponíveis na palma da mão
Destaque para as funcionalidades de Chat, ShakeChat, MEO or not e MEO Ride
Disponível para download gratuito nos sistemas operativos Windows Phone, Android e iOS.

meosudoeste.pt | facebook.com/meosudoeste
APPTV MEO Sudoeste já disponível

 


Com o objetivo de colocar a tecnologia e a informação ao serviço do público do Festival, a aplicaçãoMEO Sudoeste oferece um conjunto de funcionalidades e informações fundamentais à rotina do festivaleiro. A aplicação MEO Sudoeste é reconhecida pela indústria internacional dos festivais como aplicação de referência, contando em 2014 com mais de 12 mil utilizadores registados e mais de 44 mil downloads e é a única aplicação de um festival a ganhar 3 edições consecutivas do prestigiado prémio mundial da FWA – Favourite Website Awards.
 

alt


Desenvolvida em parceria com a agência de referência em mobile Thing Pink, a aplicação é grátis e encontra-se disponível para download nos três market places, Windows Phone, App Store e Google Play, disponibilizando um conjunto de funcionalidades úteis, permitindo a consulta do cartaz do Festival, conhecer os perfis das bandas e dos artistas, ouvir a rádio, entre outras possibilidades acessíveis de forma fácil e intuitiva:

  • Chat, uma opção que permite não só o envio de mensagens, mas a possibilidade de enviar imagens, sons e ainda criar grupos de conversa;
  • MEO or not, funcionalidade que permite que os utilizadores gostem do perfil de outras pessoas registadas e conheçam novas pessoas, caso haja reciprocidade nos gostos, com a criação de conversas;
  • Shakechat, permite que os utilizadores entrem em conversas aleatórias com outros festivaleiros;
  • MEO Ride, a aplicação permite ainda que os festivaleiros combinem boleias entre si. Esta funcionalidade está desenhada a pensar em quem pode dar ou quer receber boleia no trajeto para a Zambujeira do Mar, localidade onde decorre o MEO Sudoeste.
Na aplicação pode ouvir-se ainda a playlist do MEO Sudoeste através do MEO Music. Os festivaleiros podem instalar gratuitamente a app MEO Music e ter acesso a conteúdos editoriais e exclusivos através do canal do Festival onde estão disponíveis as músicas, playlists, álbuns e videoclipes dos vários artistas confirmados nesta edição.
Destaque ainda neste canal para as playlists com curadoria de artistas como Agir e D.A.M.A.

Desta forma, os festivaleiros têm acesso a todos os meios que lhes permitem preparar a sua melhor semana de férias, ao som das melhores músicas e álbuns, sem limites, sem anúncios e sem gastar tráfego de internet.


 

MEO Sudoeste, A tua melhor semana de Férias de Sempre!

Cartaz Completo:

Palco Super Bock (Campismo)
 
1 de agosto – Kiss Kiss Bang Bang
2 de agosto – KRASH!
3 de agosto – Paulo Jorge
4 de agosto – Noite Cidade com Joana Perez e Rob Willow
 
Canal Milaneza Party
3 a 9 de agosto – DJ No Expression

Palco MEO

5 de agosto / Noite de Receção ao Campista – Dimitri Vegas & Like Mike, Kura, Wolfpack

6 de agosto – Calvin Harris, Emeli Sandé, C2C, D.A.M.A, Dengaz

7 de agosto – W&W, Clean Bandit, Buraka Som Sistema, Carlão, Jimmy P

8 de agosto – Hardwell, Lil Jon, Regula, Anselmo Ralph, Pérola

9 de agosto / Dia D – Steve Aoki, Showtek, Oliver Heldens, Above & Beyond, Quentin Mosimann, Djeff Afrozila


Moche Room
 
6 de agosto – Juicy M, Jordy Dazz, Mundo Secreto
 
7 de agosto – Julian Jordan, Blinders, Yannick Afroman
 
8 de agosto – Curadoria Kambas” by Fred com: Mundo Segundo & Sam The Kid, DJ Ride, Mike El Nite, Tribruto, King Kong e DJ Oder
 
9 de agosto / Dia D – Bl3nd, TV Noise, NTS


Palco Jogos Santa Casa
 
6 de agosto – Diogo Piçarra, ÁTOA
 
7 de agosto – Agir, Carolina Deslandes
 
8 de agosto – Mundo Segundo, João Só, Alberto Indio
 
9 de agosto / Dia D – Frankie Chavez, Sara Paço, Tom Mash
 

Informação de Bilhetes


Preço dos Bilhetes


Passe 5 dias: 95€


Bilhete Diário: 48€

Pack MSW XBus Village: a partir de 135€ (www.xtravel.pt)

ExpressPass MSW: 120€ (www.redeexpressos.pt)

Zmóvel (2 camas single ou 1 casal): 1.022€

- Zmar Alvéolo: 162,40€

Locais de Venda

www.blueticket.pt - Call Center Informações e reservas 1820 (24 horas), noFacebook da Música no Coração, lojas FNAC, lojas Worten, El Corte Inglês, ABEP, Portimão Arena ;Turismo de Lisboa; lojas Media Markt; Bilheteiras MEO Arena; rede PAGAQUI; Agências Top Atlântico; Ticketline, Destination Clubing.

Get a Fest

Alemanha: www.ticketmaster.de

Espanha: www.breakpoint.es ; www.ticketmaster.es

França: lojas FNAC www.fnac.com, Carrefour www.carrefour.fr, Géant, Magasins U, Intermarché, www.francebillet.com

Reino Unido: www.seetickets.com

Festicket

 

JET SKI NO BRASIL

28º BRASILEIRO DE JET SKI: ERIK TEIXEIRA

CONFIRMA PRESENÇA EM QUATRO CATEGORIAS

O paulista de Campinas foi campeão em 2014, na Super Course Turbo Estreante e vice na Runabout Turbo Estreante.


O paulista Erik Gonçalves Teixeira confirmou presença em quatro categorias no 28º Campeonato Brasileiro de Jet Ski, que será aberto nos dias 15 e 16 de agosto, na Represa de Furnas, em Boa Esperança, no Sul de Minas Gerais. O piloto de Campinas competirá nas categorias Runabout Turbo, Runabout Limited, Super Course Turbo e Super Course Limited. Sua expectativa é de fazer uma temporada ainda melhor que em 2014, quando foi campeão na Super Course Turbo Estreante e vice na Runabout Turbo Estreante.

Para sua terceira temporada no Campeonato Brasileiro de Jet Ski, Teixeira explicou que competirá com o mesmo equipamento do ano passado, um Kawasaki Ultra 300x, sem modificações. Tem boas expectativas para a estreia. “Vou correr com o mesmo jet do ano passado, quando conquistei o título na Super Course Turbo Estreante e o equipamento teve bom desempenho. Tenho me preparado para estreia. Eu, meu pai Gildo e também o piloto Jefersom Gomes temos treinado bastante na lagoa em um sítio particular. Esperamos apresentar boa performance nessa primeira etapa, terminando entre os primeiros colocados”, destacou.

Teixeira considera Boa Esperança a melhor cidade que recebe etapas do Campeonato Brasileiro de Jet Ski e torce para que a Represa de Furnas esteja com as águas bem maroladas, pois seu equipamento tem certa vantagem com esse tipo de situação. Para o campineiro, também são fundamentais conseguir largar bem e ter uma boa resistência física durante as baterias, pois os competidores serão muito exigidos.

A movimentação da etapa de abertura do 28º Campeonato Brasileiro de Jet Ski nos dois dias começará às 10 horas. O público terá toda a infra-estrutura necessária, com arquibancadas, área de alimentação, banheiros. Também serão instaladas secretaria e área de boxes.

Para esse 28º Campeonato Brasileiro de Jet Ski estão sendo esperados para as disputas do Brasileiro 2015, pilotos dos Estados de São Paulo, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Goiás, Paraná, Santa Catarina, Bahia, Pernambuco, Distrito Federal, além de convidados do Paraguai, Uruguai e Bolívia.

A primeira etapa do 28º CAMPEONATO BRASILEIRO DE JET SKI GRAND PRIX 2014 - Classificatória para o Mundial de 2015 é uma realização da BJSA – ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE JET SKI, com homologação da IJSBA – INTERNATIONAL JET SPORTS BOATING ASSOCIATION. Produção - CPM7 FULL PROMOTION. Patrocínio – PREFEITURA DE BOA ESPERANÇA, CÂMARA MUNICIPAL e GOVERNO DE MINAS GERAIS.  Apoio: SPETO IMPORT, SAFE WAVE, YAMAHA DO BRASIL, GLOBOJET, RADICAL PEÇAS, NATURAL RACING, Site BOMBARCO, REVISTA BOAT SHOPPING, www.photojetski.com.br, FULLPOWER ENERGY, TOALHAS SÃO CARLOS, FLY X, COPTERCAM, CASARINI. O evento conta com a supervisão da MARINHA DO BRASIL e CORPO DE BOMBEIROS DO ESTADO DE MINAS GERAIS, além da Polícia Militar do Estado de Minas Gerais e Guarda Municipal de Boa Esperança.erik teixeira_Copy

 

FONTANESI VENCE COM DUNLOP

 

Kiara Fontanesi conquista quarto Campeonato do Mundo de Motocross com Dunlop

 

Dunlop triunfou no Campeonato Mundial de Motocross da FIM disputado no fim-de-semana passado no Grande Prémio na República Checa com vitórias e pódios nas três principais categorias e com a piloto italiana Kiara Fontanesi a conquistar o seu quarto Campeonato Mundial de Motocross na categoria feminina ao comando da sua Yamaha. Para além destas conquistas, os pneus para terreno médio Dunlop Geomax MX32 ajudaram cinco pilotos da marcaa figurar nos dez primeiros lugares em MXGP.

 

WMX

 

Loket foi o cenário onde se disputou a sexta e última volta do Campeonato Mundial de Motocross FIM para mulheres, na qual Fontanesi precisava recuperar uma distância de dois pontos. Na primeira corrida perdeu dois pontos e finalizou-a em terceiro lugar, atrás da rival Livia Lancelor. Em 2014 Fontanesi teve de recuperar a mesma distância para conseguir o seu objetivo pelo que começou com a mesma determinação, mas Lancelot sofreu um problema mecânico durante a volta de reconhecimento e não pode retomar a corrida, fazendo com que fosse apenas necessário que Kiara terminasse entre as 17 primeiras posições para se sagrar campeã. Depois de concluir as primeiras voltas na terceira posição, Kiara Fontanesi melhorou a sua posição a três voltas do fim e terminou a corrida e o Grande Prémio em segundo lugar no geral. Kiara Fontanesi é a primeira pessoa a conquistar pela quarta vez o título WMX, sendo que em três momentos contou com pneus Dunlop.

 

 

Sobre Dunlop

 

A Dunlop é um dos principais fabricantes mundiais de pneus de altas e muito altas prestações, com um impressionante historial de êxitos em desportos motorizados. A Dunlop é um sócio técnico da Suzuki Endurance Race Team, Honda Racing, GMT94 Yamaha, Kawasaki and Team HRC e o único provedor de pneus para Moto2 e Moto3.

 

A vasta experiencia da Dunlop em corridas deu lugar a tecnologias inovadoras aplicadas a pneus desenhados para a condução diária.

 

Os pneus Dunlop estavam na moto que ganhou o primeiro campeonado 500cc em 1949 e dominou as competições durante as décadas posteriores. Em 1991 uma moto da Superbikes com pneus Dunlop ganhou o primeiro de três campeonatos do Mundo consecutivos e em 2008, Marco Simoncelli elegeu a Dunlop para a vitória número 200 da marca num Grande Prémio na categoria de 250cc., num raio em que a Dunlop conseguiu 17 Campeonatos do Mundo.

 

Em 2010 a Dunlop converteu-se no único provedor oficial de Moto2 em em 2012, abraçou, também, Moto3. O acordo com Dorna foi renovado e, de 2015 em diante, a Dunlop continuará a ser o provedor oficial das principais corridas de MotoGP.

 

As corridas de resistência têm sido dominadas por pilotos de equipas Dunlop, com dez títulos mundiais de 11 dos disputados desde 2002. Além disso, cada uma das 21 vitórias de John McGuinness foi conseguida com pneus Dunlop. A Dunlop ganhou todos os prémios de moto mais importantes prémios de Moto – desde o Campeonato do Mundo de MotoGP ao TT da Ilha de Man, desde Superbikes e Supersport ao Campeonato do Mundo de Resistência, com êxito semelhante em motocross e noutros campeonatos off-road.

 

Os pneus de estrada da Dunlop estão montados como equipamento original em muitas das marcas líderes do mundo das rodas como a Honda, Kawasaki, KTM, Ducati, Harley-Davidson e Suzuki.

 

Visite o Web site www.dunlop.eu ou siga-nos no Twitter em @DunlopMoto para mais informações sobre a Dunlop.

 

 

HYUNDAI É NOTICIA

 

A Hyundai Motor disponibiliza Internet Wireless no Cristo Redentor

 

 

RB2 0583_Copy Hyundai Motor proporciona Internet Wireless gratuita num dos locais turísticos mais visitados do mundo, associando-se às celebrações dos 450 anos do Rio de Janeiro. No âmbito da celebração dos 450 anos do Rio de Janeiro, a Hyundai Motor através da sua subsidiária no Brasil anunciou que irá disponibilizar acesso gratuito a Internet Wireless, durante os próximos 2 anos, num dos mais icónicos e visitados monumentos do Brasil: o Cristo Redentor. William Lee, Presidente da Hyundai Motor Brasil, refere “A Hyundai Motor foi recebida de braços abertos pelos brasileiros. O modelo HB20, desenvolvido especialmente para o mercado brasileiro, rapidamente se tornou um sucesso de vendas, com 500.000 unidades comercializadas desde que foi lançado, no final de 2012. Para nós, é um orgulho poder retribuir esta hospitalidade, disponibilizando acesso gratuito a Internet wireless a todos os visitantes do Cristo Redentor”.

 

HERTZ FAMILY PACK

 

HERTZ FAMILY PACK

RECEBA ALGO INESPERADO E DIVERTIDO!

 

Este verão, a Hertz tem ofertas especiais para si e para a sua família, no momento de levantamento da viatura numa estação Hertz.

Hertz Family Pack foi criado em parceria com as marcas TUC e Vimeiro e é composto por uma garrafa de Água do Vimeiro, um pacote de Bolachas TUC e ainda uma surpresa Hertz para os mais novos.

Esta cortesia de verão da Hertz pretende proporcionar um momento único, com uma oferta de algo inesperado e divertido aos seus clientes, enquanto aguardam pela sua viatura. Para além disso tenha acesso gratuito ao wi-fi para navegar na internet e planear as suas férias ou, quem sabe, as próximas.

 

Saiba mais em hertz.ptHertzFamilyPack TUC-e-Vimeiro_Copy

 

RALI DOS SERTÕES

 

Divulgação
Clique na imagem para fazer o Donwload... 
Equipe preparando a saída para Goiânia
Alta | Web
Gustavo Epifânio/Webventure
Clique na imagem para fazer o Donwload... 
Bianchini tem 17 Sertões: piloto, navegador e chefe de equipe
Alta | Web
Divulgação
Clique na imagem para fazer o Donwload... 
Motocicletas prontas para desbravar o roteiro de 2.917 km
Alta | Web
Divulgação
Clique na imagem para fazer o Donwload... 
Finato (de preto) com sua KTM 530 EXC
Alta | Web
Divulgação
Clique na imagem para fazer o Donwload...
Colvero com sua KTM 530 6days
Alta | Web
Rally dos Sertões: Bianchini Rally segue nesta terça para Goiânia
Marcos Finato, Adhemar Pereira "Índio", Marcos Colvero e Tiago Fantozzi (Bianchini Rally/X Rally Team) são os pilotos da equipe. A maior prova off-road do país será de 1ª a 8/agosto
 No QG da Bianchini Rally, em Barueri (SP), os preparativos finais estão a todo o vapor. Motocicletas prontas, pilotos ansiosos e muita vontade de acelerar em mais um Rally dos Sertões, que acontece de 1ª a 8 de agosto. Nesta terça-feira, 28, a equipe já pega estrada rumo a Goiânia (GO), local de mais uma largada. Nesta 23ª edição o time contará com o paulista Marcos Finato (KTM 530 EXC), o cearense Adhemar Pereira "Índio" (KTM Rally Réplica 450), o gaúcho Marcos Colvero (KTM 530 6days), além de Tiago Fantozzi, piloto Bianchini Rally/X Rally Team, (Protótipo 500cc 6days).

Por dois anos considerada a Melhor Equipe da competição (2007 e 2008), a Bianchini Rally colocará novamente toda a estrutura e profissionais à disposição de seus competidores para que possam encarar os sete dias de prova e 2.917 quilômetros de roteiro por quatro estados. No comando do time está Fabrício Bianchini, que tem no currículo 17 participações no Rally dos Sertões, dos quais 11 nas Motos e se dividirá, pelo segundo ano consecutivo, como navegador da equipe Bull Sertões Rally Team, pela categoria Protótipos T1 e como chefe de equipe.

"Nosso time de 12 está pronto para atender os quatro pilotos em mais um Sertões. A Casinha d´Árvore, do Finato, é a oficina responsável pela preparação das motos e nossa parceira há anos. Somos uma grande família e apesar de ser o segundo ano que competirei nos Carros, acompanho de perto a equipe", diz Bianchini, também conhecido nos grids como "Gaúcho".

Na estrutura da equipe estão um motorhome, um caminhão-carreta, dois carros para apoio rápido e uma scooter. Entre os profissionais um chefe de logística, mecânicos, motoristas, cozinheiro e até um fisioterapeuta para atender os pilotos. Além de dezenas de peças e equipamentos para as revisões diárias das motos, são aproximadamente 70 pneus e 20 mousses.

Finato, Índio e Fantozzi disputarão pela categoria Super Production, já Colvero pela Production Aberta. O chefe de equipe fala um pouco dos quatro pilotos que representarão a equipe nesta 23ª edição. "Finato é um companheiro de muitos Sertões e já fizemos boas provas juntos. Ele é um bom e experiente piloto e acredito que termine entre os top 10. Índio é a "alma" da equipe, vem em uma crescente em sua pilotagem. Colvero é um grande piloto de motocross e vem ganhando velocidade a cada prova. Tiago é meu amigo de infância e um grande piloto, um animal em cima da moto e é muito bom que tenha entrado para a nova estrutura da equipe", conclui Bianchini

Mais informações sobre a equipe no site www.bianchinirally.com.br e também na página da equipe no facebook.com/equipebianchinirally

A Bianchini Rally conta com o patrocínio da McDonald Pelz, QT Engenharia, Madeira Energy, Nova Vida e Melnick Even, Iper e Ducatti. A equipe pratica a compensação e a neutralização de carbono, por meio da Iniciativa Verde, que concedeu, por mais um ano, o selo Carbon Free.

Roteiro 23ª edição do Rally dos Sertões
1ª etapa - 02/08 - Goiânia (GO) - Rio Verde (GO)
Deslocamento inicial: 50,84 km
Trecho cronometrado: 205,74 km
Deslocamento final: 104,56 km
Total do dia: 361,14 km

2ª etapa - 03/08 - Rio Verde (GO) - Itumbiara (GO)
Deslocamento inicial: 28,22 km
Trecho cronometrado: 156,73 km
Deslocamento final: 150,02 km
Total: 334,97 km

3ª etapa - 04/08 - Itumbiara (GO) - São Simão (GO)
Deslocamento inicial: 143 km
Trecho cronometrado: 295,05 km
Deslocamento final: 65,32 km
Total do dia: 503,37 km

4ª etapa - 05/08 - São Simão (GO) - Três Lagoas (MS)
Deslocamento inicial: 147,13 km
Trecho cronometrado: 240,06 km
Deslocamento final: 39,59 km
Total do dia: 426,78 km

5ª etapa - 06/08 - Maratona - Três Lagoas (MS) - Euclides da Cunha Paulista (SP)
Deslocamento inicial: 142,06 km
Trecho cronometrado: 291,16 km
Deslocamento final: 154,04 km
Total do dia: 587,26 km

6ª etapa - 07/08 - Euclides da Cunha Paulista (SP) - Umuarama (PR)
Deslocamento inicial: 26,96 km
Trecho cronometrado: 199,32 km
Deslocamento final: 89,84 km
Total do dia: 316,12 km

7ª etapa - 08/08 - Umuarama (PR) - Foz do Iguaçu (PR)
Deslocamento inicial: 200,56 km
Trecho cronometrado: 120,54 km
Deslocamento final: 25,05 km
Total do dia: 346,15 km

 

HYUNDAI MOTOR APRESENTA RESULTADOS

 

Hyundai Motor apresenta os resultados do primeiro semestre de 2015

 

 

All New_Hyundai_Tucson_Exterior_Copy Hyundai Motor comercializa 2.4 milhões de veículos no mundo, na primeira metade de 2015  Receitas de vendas totalizam 34 mil milhões de euros e lucro líquido ronda os 3 mil milhões de euros (43.76 biliões e 3.77 biliões Won Sul Coreano, respetivamente)  Decréscimo do lucro deve-se, sobretudo, à valorização do Won Sul Coreano e à recessão económica sentida nos mercados emergentes. A Hyundai Motor, o maior produtor automóvel sul coreano, anunciou os seus resultados de vendas relativos à primeira metade de 2015. O volume de vendas, receitas e lucro operacional verificados foram inferiores face ao mesmo período do ano anterior, devido a variáveis externas que influenciaram negativamente, como a valorização do Won Sul Coreano face ao Euro e outras moedas de economias emergentes. Nos primeiros 6 meses de 2015, as receitas decresceram 1,4% para cerca de 34 mil milhões de euros, o equivalente a 43.74 biliões de Wons. O lucro operacional e líquido decresceram também 17,1% e 13,8% para 2,6 e 2,9 mil milhões de euros, respetivamente (3.34 biliões e 3.77 biliões em moeda sul coreana). O valor global acumulado de vendas da Hyundai Motor totalizou 2.415.777 unidades (Coreia do Sul 335.364 / Exterior: 2.080.413), o que representou uma quebra de 3,2% nas vendas da marca. A desaceleração de crescimento dos mercados emergentes e o impacto das flutuações da moeda são as principais variáveis que estiveram na origem desta descida. Analisando apenas o segundo trimestre, as receitas de vendas aumentaram 0,3% para cerca de 18 mil milhões de euros (22.82 biliões de Wons), correspondentes a 1.232.943 veículos. Porém, o lucro operacional e líquido baixaram 16,1% e 23,8% para 1,36 e 1,39 mil milhões de euros (1.75 biliões e 1.79 biliões de Wons respetivamente), face ao período homólogo. A previsão da Hyundai Motor é que esta tendência desfavorável se mantenha na segunda metade do ano. A empresa prevê que os principais mercados automóveis como a China e outros mercados emergentes continuem a verificar crescimentos lentos, que terão como consequência uma concorrência mais acentuada entre as marcas do setor automóvel. Apesar disso, a Hyundai Motor irá manter o seu esforço no fortalecimento da competitividade, nas diferentes regiões. Para isso, a Hyundai Motor projeta um impulso das suas vendas no mercado global com a introdução de novos modelos e de modelos estratégicos. O recém-introduzido Novo Tucson está a ter uma recetividade muito positiva no mercado, a par com outros modelos estratégicos como o ix25 e o Creta, que mantêm o efeito do seu lançamento. O lançamento de novos modelos irá revigorar as vendas Hyundai Motor, em particular. Adicionalmente, a recente tendência de enfraquecimento do Won Sul Coreano face ao Dólar poderá ser positiva para a empresa, permitindo recuperar lucro na segunda metade de 2015. P

 

NUNCO CARDOSO COM ESTREIA POSITIVA

 

Nuno Cardoso com estreia positiva em Spa-Francorchamps

 

 

NC SPA15_CopyA terceira ronda do Troféu Abarth Portugal teve lugar no mítico circuito belga de Spa-Francorchamps, naquele que foi mais um fim de semana muito animado do pelotão dos endiabrados escorpiões. “Foi fantástico correr neste circuito; é muito rápido e desafiante, pelo que qualquer desconcentração pode ser fatal”, começou por dizer Nuno Cardoso, que após a adaptação à pista na sessão de treinos livres, registou a terceira melhor marca na qualificação para a corrida de sexta-feira. O piloto de Vila das Aves arrancou bem na primeira corrida, ultrapassando alguns participantes do campeonato europeu, e seguia no pelotão da frente. “Arranquei bem e estava com andamento para discutir os primeiros lugares, mas uma travagem falhada fez-me cair na classificação. Consegui chegar a terceiro, mas a distância para os dois primeiros já era significativa”, disse Nuno Cardoso. “Ouvir o hino no pódio e logo neste circuito é um momento único da minha carreira”, acrescentou o piloto apoiado pela OZ Energia, O Meu Gás, Quinta do Rio, CiberCar e Quinta Valle Madruga. As previsões meteorológicas para sábado confirmaram-se e a segunda corrida realizou-se debaixo de chuva, com alguns períodos de elevada intensidade. Nuno Cardoso, a viver a sua primeira experiência à chuva, arrancou bem, mas não evitou um pião logo na primeira volta, que o atirou para a cauda do pelotão. “Infelizmente não consegui evitar um pião. Ainda cheguei ao quarto lugar, depois de uma disputa com o José Rodrigues, na qual lamento o toque que o levou a fazer um pião. O quarto lugar acaba por ser um mal menor em termos de campeonato”, concluiu Nuno Cardoso, que sai de Spa-Francorchamps no segundo lugar da classificação do troféu. A competição entra agora em período de férias, estando o regresso marcado para o circuito de Imola, em Itália, nos dias 19 e 20 de Setembro.

 

João Raposo

Telemóvel: +351 961 686 867
E-mail: jraposo-air@portugalmail.pt