In order to view this object you need Flash Player 9+ support!

Get Adobe Flash player
Joomla! Slideshow

VELO CAB2012


GALERIA DE IMAGENS

GALERIA DE IMAGENS

 

IMAGENS DUMA ÉPOCA DA RED BULL AIR RACE

 

Grupo de imagens das provas realizadas até ao momento no regresso aos céus da Red Bull Air Rrediam27 Copyredima1 Copyredima3 Copyredima2 Copyredima3 Copyredima4 Copyredima5 Copyredima6 Copyredima7 Copyredima8 Copyredima9 Copyredima10 Copyredima11 Copyredima12 Copyredima14 Copyredima15 Copyredima16 Copyredima17 Copyredima19 Copyredima20 Copyredima21 Copyredima22 Copyredima23 Copyredima24 Copyredima25 Copyredima26 Copyredima28 Copyredima29 Copyredima30 Copyredima31 Copyredima32 Copyredima33 Copyredima34 Copyredima35 Copyredima37 Copyredima38-recordar porto_Copyredima38 Copyredima39 Copyredima40 Copyredima41 Copyredima42 Copyredima43 Copyredima44 Copyredima45 Copyredima46 Copyredima47 Copyredima48 Copyredima49 Copyredima50 Copyreima18 Copyace, que se recorde visitou a cidade do Porto por diversas, vezes sendo a prova mais dificil do calendário nessaa altura.

 

RICARDO GOMES QUER CONTINUAR A EVOLUIR EM PAÇOS DE FERREIRA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

 

RAMPA DE PAÇOS DE FERREIRA

 

RICARDO GOMES QUER CONTINUAR A EVOLUIR EM PAÇOS DE FERREIRA


FOX 7626_Copy

Depois do brilharete alcançado na Rampa de Murça, onde logo na estreia, Ricardo Gomes subiu ao pódio em termos de categoria, para a prova deste fim de semana, a ter lugar em Paços de Ferreira, , o piloto de Braga, está com expectativas elevadas, como nos confirmou “ é lógico que estou muito motivado para esta prova, nunca participei nesta rampa, por isso as primeiras subidas irão ser feitas com alguma cautela, e é preciso não esquecer que ainda não trato o Seat Leon com que corro por “tu”, por isso a precaução irá ser a palavra de ordem nas subidas de treinos. Por outro lado os meus adversários não irão dar qualquer tipo de facilidades, mas acredito ter boas possibilidades de poder lutar por uma posição no pódio. Outro handicap com que me irei debater, vai ser encontrar o set up correcto a nível de suspensões e pneus, que com certeza que irão ditar toda a diferença, pois sei que a Rampa de Paços de Ferreira é muito rápida”.

Para terminar Ricardo Gomes acrescentou “ quero agradecer a todos os meus patrocinadores, que acreditaram neste meu projecto”.

O Seat Leon irá ser verificado no sábado de manhã, para na parte da tarde do mesmo dia fazer as primeiras subidas de treinos, estando as subidas de prova marcadas para o dia de domingo.

 

INVICTUS GAMES BY JLR

 

DOIS ASPIRANTES AOS INVICTUS GAMES BENEFICIAM DE UMA SESSÃO TERAPEUTICA NAS INSTALAÇÕES DA JAGUAR LAND ROVER EM GAYDON

 

JLR Invictus_Games_1_CopyJLR Invictus_Games_2_CopyJLR Invictus_Games_3_Copy

 

 

  • Patrocinados pela Jaguar Land Rover e com o apoio de SAR o príncipe Henrique de Gales, os jogos paraolímpicos Invictus Games constituem um evento desportivo internacional para militares feridos em combate que terá lugar em Londres de 10 a 14 setembro de 2014.
  • Dois dos aspirantes que atualmente se preparam para participar nos Invictus Games tiveram a oportunidade de desfrutar de uma sessão de recuperação com crioterapia nas câmaras de frio do centro de testes da Jaguar Land Rover em Gaydon, Warwickshire.

 

Dois dos militares que atualmente se preparam para participar nos Invictus Games 2014 receberam uma sessão de recuperação com crioterapia a -40 ºC nas câmaras de frio do centro de testes da Jaguar Land Rover após terem completado um árduo percurso de 40 quilómetros em bicicleta num dos dias mais quentes do ano.

Ambos os aspirantes, Jaco van Gass e Luke Darlington, tentam classificar-se para os jogos paraolímpicos Invictus Games integrados na equipa de ciclismo das Forças Armadas britânicas. A Jaguar Land Rover proporcionou-lhes acesso às instalações de testes de temperatura localizadas em Gaydon, normalmente utilizadas para testar o comportamento dos veículos sob as condições mais extremas.

Sob a supervisão de terapeutas desportivos acreditados e o olhar atento dos engenheiros da Jaguar Land Rover, os dois corajosos desportistas submeteram-se a temperaturas de até -40 °C, numa modalidade de terapia médica conhecida como crioterapia.

A crioterapia é uma técnica muito generalizada no desporto profissional. Os melhores atletas recorrem a esta terapia como forma de contribuir para a reparação muscular após a realização de exercício físico e de acelerar a recuperação após uma lesão.

Tanto Jaco como Luke, que ficaram feridos em combate, esperam que esta oportunidade exclusiva de treino e sessão de recuperação rápida os ajude a conseguir uma vantagem no competitivo processo de seleção para os Invictus Games, que contarão com a participação de 400 militares de ambos os sexos feridos em combate e que serão celebrados nas antigas instalações dos Jogos Olímpicos de Londres durante o próximo mês de setembro.

O ex soldado Jaco van Gass, que perdeu o braço esquerdo no Afeganistão, comentou: “Faltam apenas 50 dias para os Invictus Games, e muitos menos para o processo de seleção final, e estou a dedicar todo o meu tempo livre para treinar intensivamente. Graças a esta oportunidade única proporcionada pela Jaguar Land Rover, tenho a esperança de que as minhas possibilidades de ser selecionado aumentem e de poder atingir a minha melhor forma física”.

Luke Darlington, que luta também por conseguir um lugar na equipa, explica: “Gerou-se uma enorme expectativa em torno dos Invictus Games e todos os que esperamos poder competir esforçamo-nos ao máximo para assegurar que damos o máximo das nossas capacidades. Integrar este evento desportivo será uma verdadeira honra e eu, pela minha parte, faço tudo o possível para lutar por um lugar na equipa”.

Dr. Ralf Speth, Chief Executive Officer da Jaguar Land Rover, declarou: “A Jaguar Land Rover tem um orgulho enorme em poder tornar realidade os Invictus Games. Com inspiração na paixão com que o príncipe Henrique de Gales defendeu esta ideia visionária, para reafirmar o compromisso e celebrar os feitos dos militares feridos, lesionados e doentes. Em complemento, estamos a estudar, em conjunto com a Royal Foundation e o Ministério de Defesa, formas inovadoras de melhorar as suas perspectivas de emprego e as de outros membros de pessoal militar quando voltam à vida civil, para que os Invictus Games proporcionem um legado duradouro.

Sir Keith Mills, vice-presidente do Comité Organizador dos Jogos Olímpicos e Paraolímpicos de Londres 2012, comentou: “Os Invictus Games estão próximos e é fantástico ver os nossos aspirantes a membros da equipa da Grã-bretanha a dar tudo para se porem em forma. Dado que a equipa irá enfrentar a uma competição dura, é com grande alegria que vejo que a Jaguar Land Rover lhes disponibilizou acesso às suas instalações de testes para os ajudar a alcançar a sua melhor performance”.

Invictus Games é um evento desportivo internacional para o pessoal militar ferido em combate que terá lugar em Londres de 10 a 14 de setembro de 2014.

 

 

 

Sobre a Jaguar Land Rover

-         O Centro de Produção de Motores de última geração, próximo de Wolverhampton, é a primeira fábrica nova da Jaguar Land Rover construída de raiz. Representa um investimento superior a 630 milhões de euros e irá criar quase 1.400 novos postos de trabalho quando atingir a sua capacidade de produção máxima.

-         A Jaguar Land Rover foi reconhecida como `Responsible Business of the Year´ pela Business in the Community (BITC)

-         A Jaguar Land Rover tem planos ambiciosos para o crescimento e rentabilidade sustentáveis.

-         Em 2013, a Jaguar Land Rover comercializou 425.006 veículos, o que representa um crescimento de 19% em relação a 2012. Destes, 76.668 veículos correspondem à Jaguar e 348,338 à Land Rover.

-         A Jaguar Land Rover irá investir cerca de 3.500 milhões de £ (4.235 milhões de €) na sua gama de produtos e nas suas fábricas durante o ano fiscal que termina em março de 2015.

-         A Jaguar Land Rover é um dos maiores exportadores do Reino Unido e 85% das suas receitas procedem das exportações.

 

RENAULT E FIAT ASSINAM ACORDO

A RENAULT E a FIAT assinam um acordo para a produção e o fornecimento DE UM VEÍCULO COMERCIAL LIGEIRO

A Renault e a Fiat assinaram um acordo segundo o qual a Renault irá fornecer à Fiat um Veículo Comercial Ligeiro baseado numa plataforma da Renault. O design do veículo será desenvolvido pela Fiat e disporá de elementos únicos e distintivos, para a marca Fiat Professional.

Este veículo será fabricado pela Renault, em França, a partir do segundo trimestre de 2016.

 

 

NOVIDADES EM PONTO PEQUENO

NOVIDADES EM PONTO PEQUENO

 

A Trofeu não pára de mandar novidades poara o mercado, alusivo a ralis.

 

 

Destaque para o Audi Quattro do Franz Wittmann (sénior), 3º classificado no Rali de Portugal, em 1982, mas também para o BMW 2002 TI do Claude Ballot-Léna, no Rali de Monte Carlo de 1971.

 

 

 

 

 

 

GALERIA DE IMAGENS

GALERIA DE IMAGENS

 

 

CIRCUITO AIA

 

Da autoria de Nuno Organista apresentamos uma série de imagens da prova que teve lugar no passado fim de semana no circuito de Portimão, que contou com a participação do Corg1 Copyorg2 Copyorg3 Copyorg4 Copyorg5 Copyorg6 Copyorg7 Copyorg9 Copyorg10 Copyorg11 Copyorg12 Copyorg14 Copyorg15 Copyorg16 Copyorg17 Copyorg18 Copyorg19 Copyorg20 Copyorg21 Copyorg22 Copyorg23 Copyorg24 Copyorg25 Copyorg26 Copyorg27 Copyorg28 Copyorg29 Copyorg30 Copyorg40 Copyorg41 Copyorg42 Copyorg43 Copyorg44 Copyorg45 Copyampeonato Nacional de Velocidade, Single Seaters e Troféu Abarth.

 

 

Fotos de Nuno Organista - www.velocidadeonline.com

 

AS PREFERENCIAS DE BELINELLI

AS PREFERENCIAS DE BELINELLI

 

 

Marco Belinelli, é um jogador italiano de basquetebol, que joga na NBA nos Estados Unidos.O  basquetebolista italiano é um fã da Lamborghini, na qual teve a oportunidade de poder visitar a fábrica, não se sabendo se nesta visita encomendou algum destes "brinquedos".

 

Marco Belinelli está actualmente a jogar pela equipa de San Antonio Spurs nos Estados Unidos.lamb1-marcobellinelli Copylamb3 Copylamb4 Copylamb5 Copylamb6 Copylamb7 Copylamb8 Copylamb8 Copylamb9 Copy

 

ROSBERG FESTEJOU VITÓRIA NA ALEMANHA

NICO ROSBERG FESTEJOU VITÓRIA NA ALEMANHA

 

 

Nico Rosberg festejou de forma bem efusiva a vitória alcançada no passado fim de semana no Grande Préfesta1 Copyfesta2 Copyfesta3 Copyfesta4 Copyfesta5 Copyfesta6 Copyfesta7 Copyfesta8 Copyfesta9 Copyfesta10 Copyfesta11 Copyfesta11 Copyfesta12 Copyfesta14 Copyfesta14 Copyfesta15 Copyfesta16 Copyfesta17 Copyfesta18 Copyfesta19 Copyfesta20 Copymio da Alemanha de Fórmula 1.

 

SILVINO PIRES VAI ESTREAR NOVO PORSCHE

SILVINO PIRES VAI ESTREAR NOVO PORSCHE

 

José Silvino Pires que nas ultimas provas do Nacional de MOntanha participou com o seu Ford Escort, um carro que já foi pertença de António Nogueira, para a rampa de Paços de Ferreira irá estrrear um Porsche GT 3, que com certeza irá dar dores de cabeça aos seus mais directos adversários.PENHA23 500x332_Copy

 

PAULO SILVA QUER LUTAR PELO PÓDIO EM PAÇOS DE FERREIRA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

RAMPA PAÇOS DE FERREIRA

 

 

PAULO SILVA QUER LUTAR PELO PÓDIO EM PAÇOS DE FERREIRA


FOX 7635_Copy

Estando cada vez mais adaptado ao comportamento em prova por parte do Seat Leon Copa com que corre, Paulo Silva, está já preparado para a Rampa de Paços de Ferreira, que irá ter lugar este fim de semana. Em termos de objectivos, o piloto de Braga foi claro “ lutar por uma posição no pódio, pois sinto-me cada vez mais adaptado ao comportamento do Seat Leon, de prova para prova tenho aumentado o andamento, por isso sinto-me capaz de lutar por uma posição no pódio, e esse é o meu objectivo para esta prova. Já vi a lista de inscritos, na minha categoria tenho grandes adversários, por isso sou de opinião que a luta irá ser renhida, mas é bom que assim seja, pois assim a motivação será muito grande, e agora há que concentrar, e andar o mais depressa possível, sem cometer erros”.

 

Paulo Silva irá fazer a verificação do seu Seat Leon no sábado de manhã, para da parte da tarde, dar inicio às subidas de treinos, com as subidas de prova marcadas para domingo,.

 

COMVAL RACING PRONTA PARA A RAMPA DE PAÇOS DE FERREIRA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

RAMPA DE PAÇOS DE FERREIRA

 

COMVAL RACING PRONTA PARA A RAMPA DE PAÇOS DE FERREIRA


COMVAL Copy

A equipa da Comval Racing está pronta para a próxima rampa a contar para o campeonato nacional de montanha, desta feita na cidade de Paços de Ferreira.
A equipa irá alugar o carro à Torres Rally Team e, uma vez mais, prescindirá da sua assistência, deixando a cargo da Comval Racing toda a preparação, set up e afinação do mesmo para a Rampa de Paços de Ferreira. 

Pedro Castañón prepara-se para mais um desafio, do qual espera sair novamente vitorioso e assim consolidar a sua posição no Campeonato – 1º lugar absoluto. A Comval Racing é, assim, candidata ao titulo juntamente com o piloto Pedro Castañón e pelo qual lutará na próxima ronda do Campeonato Nacional de Montanha.

 

PREPARATIVOS PARA AS 24 HORAS DE SPA

PREPARATIVOS PARA AS 24 HORAS DE SPA

 

Grupo de imagens referentes aos preparativos que estão a decorrer na pista belga de Spa, para a prova de 24 Horas que irá ter lugar este fim de semana.balnc3 Copybalnc7 Copyblanc2 Copyblanc4 Copyblanc5 Copyblanc6 Copyblanc8 Copyblanc9 Copyblanc10 Copyblanc11 Copyblanc12 Copyblanc14 Copyblanc15 Copyblancpainspa1 Copy

 

PISO NOVO NA RAMPA DO CARAMULO

PISO NOVO NA RAMPA DO CARAMULO

 

Parte do precurso que faz parte da Rampa do Caramulo, que terá o seu fim de semana em Setembro próximo está a ser beneficiado com um novo tapete de asfalto, o que logicamente vem dar o seu incremento em termos de segurança desta rampa.

 

Foto de Fernando Baptista - www.velocidadeonline.comPISONOVOCARAMULO-FOTODEFERNANDOBATISTA Copy

 

RED BULL AIR RACE NA POLÓNIA

RED BULL AIR RACE NA POLÓNIA

 

 

Mais algumas imagens dos preparativos para a jornada do Red Bull Air race, que este fim de semana encontram-se na Polónia.rebull6 Copyred1 Copyred2 Copyred3 Copyred4 Copyred5 Copyred6 Copyred8 Copyred9 Copyred10 Copyred11 Copyred12 Copyred14 Copyred15 Copyred16 Copyred17 Copyred18 Copyred19 Copyred20 Copyred21 Copy

 

KARTING - BRASIL

Em Itu, Gianluca Petecof disputa Brasileiro de Kart em busca de bicampeonato na Júnior Menor

Campeão das principais competições nacionais da sua categoria no ano passado, Gianluca Petecof volta ao Brasil após jornada vitoriosa nos Estados Unidos para defender o título brasileiro nesta semana na Arena Brasil Kirin

Chegou a hora do principal evento da temporada do kartismo nacional. Começa nesta terça-feira (22) a mais importante competição do país, a 49ª edição do Campeonato Brasileiro de Kart, que será realizada na Arena Brasil Kirin, em Itu, cidade do interior de São Paulo. Para Gianluca Petecof, a disputa terá um sabor especial, já que o paulista de 11 anos, atual campeão brasileiro da categoria Júnior Menor, e estará na pista para defender seu título e lutar pelo bicampeonato.

Em 2013, Petecof teve um ano praticamente perfeito. Aos 10 anos e oito meses, estabeleceu o recorde de piloto mais jovem a ser Campeão Brasileiro em sua categoria, e venceu a Copa Brasil de Kart. Ele ainda foi vice-campeão da Copa das Federações e teve participação destacada no Skusa Supernationals, em Las Vegas, ficando em 7º lugar entre 85 competidores do mundo todo.

Nesta temporada, Gianluca vem comprovando sua evolução e acumulando mais títulos. O piloto tem se dedicado a competições no exterior e sagrou-se campeão do Florida Winter Tour, um dos principais campeonatos dos Estados Unidos, na categoria Rotax Mini Max, no início do ano, e é o atual líder da categoria Mini Rok no campeonato Rok Cup USA, cujo vencedor ganha uma vaga para participar da final mundial na Itália, em outubro.

No Brasil, o paulista venceu a 14ª edição do Super Kart Brasil, realizada em janeiro no tradicional kartódromo de Interlagos. Tudo isso o credencia como um dos favoritos na disputa desta semana em Itu, mas Petecof reconhece que não terá vida fácil na busca pelo bicampeonato brasileiro e acredita que ao menos mais cinco pilotos têm grandes chances de brigar pelo título. O piloto correrá com chassis Birel Sudam e motores da RBC Preparações, representando a equipe ONS Motorsports e com auxílio técnico do coach Dennis Dirani.

A programação do Brasileiro de Kart em Itu prevê a realização de quatro treinos livres, sendo dois na terça e outros dois na quarta-feira. No dia seguinte, acontece a tomada de tempos e a primeira bateria classificatória. A segunda classificatória está marcada para sexta, e o resultado de ambas define o grid de largada da pré-final, no mesmo dia. A grande final, que define o Campeão Brasileiro, será realizada no sábado.

Gianluca Petecof:

"É o campeonato mais importante do Brasil e, como sempre, é muito difícil, pois além de ter que dar tudo certo na mesma semana, todos chegam muito bem preparados e investem tudo que podem em equipamentos e treinos. A pista de Itu é de alta velocidade e tem difíceis pontos de ultrapassagem, então o melhor acerto conta muito. O fato de eu ser o atual campeão pode trazer vantagens, cada piloto tem as suas, e espero fazer valer as minhas esta semana, mas sabemos que é uma história diferente agora e tudo pode acontecer. Estou muito confiante e tenho uma grande equipe ao meu lado, que me dará as melhores condições para buscar o bicampeonato."

Clique nas fotos para baixar em alta resolução:

Gianluca Petecof defende título do Brasileiro de Kart nesta semana em Itu
Jackson de Souza

Clique na imagem para fazer o Donwload...

O paulista de 11 anos volta ao Brasil após jornada vitoriosa nos Estados Unidos
Florida Winter Tour/Divulgação

Clique na imagem para fazer o Donwload...

Confiante, Petecof destacou o potencial da equipe na luta pelo bicampeonato
Divulgação

Clique na imagem para fazer o Donwload...

 

LISTA DE INSCRITOS PROVISÓRIA PARA A RAMPA DE PAÇOS DE FERREIRA

LISTA PROVISÓRIA DE INSCRITOS PARA A RAMPA DE MURÇA

 

TROFÉU FEUP

 

 

 

 

200 ABEL SANTOS P ABEL SANTOS P PEDRO ALBUQUERQUE P FIAT PUNTO 85
201 DIOGO GONÇALVES P 1478 DIOGO GONÇALVES P 1478 PEDRO MONTEiRO P FIAT PUNTO 85
202 AMOB RACING P 1776 VASCO BARROS P 1851 MANUEL BARROS P 1779 FIAT PUNTO 85
208 CARLOS PEREIRA P CARLOS PEREIRA P JOÃO SIMÕES P FIAT PUNTO 85
211 ANDRÉ MARTINS P 1835 ANDRÉ MARTINS P 1835 JOSÉ MONTEIRO P 1836 FIAT PUNTO 85
214 ANTÓNIO COELHO P ANTÓNIO COELHO P A DEFINIR FIAT PUNTO 85
217 PAULO MAIA P 1629 PAULO MAIA P 1629 GONÇALO RODRIGUES P 1627 FIAT PUNTO 85
219 FRANCISCO LEITE P FRANCISCO LEITE P A DEFINIR FIAT PUNTO 85
224 TIAGO VILELA P TIAGO VILELA P HUGO NEGRAIS P FIAT PUNTO 85
233 JOÃO REBELO MARTINS P JOÃO REBELO MARTINS P ANTÓNIO FERREIRA P FIAT PUNTO 85
266 ANDRE PINTO P 1740 ANDRE PINTO P 1740 JOÃO BRITES P 1828 FIAT PUNTO 85
301 JOAQUIM R. SOARES P JOAQUIM R. SOARES P ANTÓNIO BARROS P ALFA ROMEO 156
303 MONTEIROS COMPETIÇÕES P JOSÉ ROCHA P DIOGO ROCHA P ALFA ROMEO 156
308 DAVID SARAIVA P 1909 DAVID SARAIVA P 1909 SÉRGIO SARAIVA P 1910 ALFA ROMEO 156
309 VENTILAÇÕES MOURA P 1656 GUSTAVO MOURA P 1654 HELDER MOURA P 1655 ALFA ROMEO 156
310 JJ MAGALHÃES P 1614 JOSÉ JOÃO MAGALHÃES P 1614 PAULO RODRIGUES P 1613 ALFA ROMEO 156
312 MÁRIO MOREIRA P 1738 MÁRIO MOREIRA P 1738 GILBERTO BRITO P 1551 ALFA ROMEO 156
324 PAULO RIBEIRO P 1601 ALEXANDRE GONÇALVES P 1814 PAULO RIBEIRO P 1601 ALFA ROMEO 156
327 Sousa Magalhães P 2622 Sousa Magalhães P 2622 A DEFINIR ALFA ROMEO 156
333 VELOSOMOTORSPORT P 1916 TIAGO MESQUITA P 1950 HUGO MESQUITA P 1944 ALFA ROMEO 156
388 AMOB RACING P 1776 LUÍS DELGADO P 1860 RAUL DELGADO P 1861 ALFA ROMEO 156
TOTAL INSCRITOS - 21
 

200 ABEL SANTOS P ABEL SANTOS P PEDRO ALBUQUERQUE P FIAT PUNTO 85
201 DIOGO GONÇALVES P 1478 DIOGO GONÇALVES P 1478 PEDRO MONTEiRO P FIAT PUNTO 85
202 AMOB RACING P 1776 VASCO BARROS P 1851 MANUEL BARROS P 1779 FIAT PUNTO 85
208 CARLOS PEREIRA P CARLOS PEREIRA P JOÃO SIMÕES P FIAT PUNTO 85
211 ANDRÉ MARTINS P 1835 ANDRÉ MARTINS P 1835 JOSÉ MONTEIRO P 1836 FIAT PUNTO 85
214 ANTÓNIO COELHO P ANTÓNIO COELHO P A DEFINIR FIAT PUNTO 85
217 PAULO MAIA P 1629 PAULO MAIA P 1629 GONÇALO RODRIGUES P 1627 FIAT PUNTO 85
219 FRANCISCO LEITE P FRANCISCO LEITE P A DEFINIR FIAT PUNTO 85
224 TIAGO VILELA P TIAGO VILELA P HUGO NEGRAIS P FIAT PUNTO 85
233 JOÃO REBELO MARTINS P JOÃO REBELO MARTINS P ANTÓNIO FERREIRA P FIAT PUNTO 85
266 ANDRE PINTO P 1740 ANDRE PINTO P 1740 JOÃO BRITES P 1828 FIAT PUNTO 85

301 JOAQUIM R. SOARES P JOAQUIM R. SOARES P ANTÓNIO BARROS P ALFA ROMEO 156
303 MONTEIROS COMPETIÇÕES P JOSÉ ROCHA P DIOGO ROCHA P ALFA ROMEO 156
308 DAVID SARAIVA P 1909 DAVID SARAIVA P 1909 SÉRGIO SARAIVA P 1910 ALFA ROMEO 156
309 VENTILAÇÕES MOURA P 1656 GUSTAVO MOURA P 1654 HELDER MOURA P 1655 ALFA ROMEO 156
310 JJ MAGALHÃES P 1614 JOSÉ JOÃO MAGALHÃES P 1614 PAULO RODRIGUES P 1613 ALFA ROMEO 156
312 MÁRIO MOREIRA P 1738 MÁRIO MOREIRA P 1738 GILBERTO BRITO P 1551 ALFA ROMEO 156
324 PAULO RIBEIRO P 1601 ALEXANDRE GONÇALVES P 1814 PAULO RIBEIRO P 1601 ALFA ROMEO 156
327 Sousa Magalhães P 2622 Sousa Magalhães P 2622 A DEFINIR ALFA ROMEO 156
333 VELOSOMOTORSPORT P 1916 TIAGO MESQUITA P 1950 HUGO MESQUITA P 1944 ALFA ROMEO 156
388 AMOB RACING P 1776 LUÍS DELGADO P 1860 RAUL DELGADO P 1861 ALFA ROMEO 156
TOTAL INSCRITOS - 21

 

 

 

 

DOUROXTREME

 

O Clube DouroXtreme  organizou no passado Domingo, dia 20 julho, a primeira edição do evento Motocross Quadcross DouroXtreme no circuito Clube DouroXtreme em São João da Pesqueira, Viseu. Evento que marca a estreia do Clube em eventos MX e QX.

A estreia do evento não poderia ter sido melhor. Bastante aderência de paricipantes, presença de nomes já conhecidos das modalidades como João Vale, João Delgado, David Santos ou Joana Gonçalves, que fizeram as delícias dos espetadores e elevaram as emoções ao rubro.  Um dia de sol com temperaturas amenas e grande convívio e amizade entre todos os presentes criando-se uma atmosfera indescritível tanto no Paddock como em todo o recinto.

Com ótimas condições de terreno para a prática, o evento funcionou num sistema de 2 mangas de 25minutos + 2 voltas tanto para MX como para QX no circuito Clube DouroXtreme de aproximadamente 1000mts, ficando as cronometragens, qualificações e classificações a cargo da PentaCrontrol.

As mangas iniciaram-se com o Motocross, onde a grande surpresa do dia, a piloto Joana Gonçalves, subiu ao pódio em primeiro lugar, depois de duas renhidas mangas, seguindo-se David Santos em 2º lugar e Paulo  Rodrigues no 3º posto, numa corrida que levou o público a vibrar  com os  6 primeiros pilotos a disputarem taco-a-taco o pódio.

Já no QX o público esteve em êxtase com João Vale que deu autentico espetáculo  com excelentes saltos, acrobacias e técnica aliada à velocidade. A grande surpresa aqui foi a subida ao pódio do excelente piloto João Delgado de apenas 13 anos. A classificação ficou definida 1º João Vale, 2º Firmino Salazar, 3º João Delgado.

Houve ainda prémios para os 4º classificados, Luís Rodrigues em MX e Marco Baltazar em QX, e destacados o participante mais jovem João Delgado e o participante menos jovem Ricardo Branquinho.

O Clube DouroXtreme agradece a todos os participantes que estiveram connosco neste evento e que nos proporcionaram momentos únicos e a todos os envolvidos na concretização e zelo para que tudo corresse sem falhas.

Também não nos esquecemos de todos os que nos apoiaram e ajudaram em prémios e logística, o nosso muito obrigado por terem estado e acreditado no Clube e no sucesso deste evento. Agradecemos por isso à TerraPlanagens Salta e Filho, ao Produtor Agrícola Luís Fonseca, à Adega de São João da Pesqueira, Santanita Espetáculos, Rádio Voz do Douro, à RaceStars Racing, Shogun, Mateus e Sequeira, Jopauto, Luís Moutinho, e às corporações de Bombeiros de São João da Pesqueira e Ervedosa do Douro.

A todos o nosso obrigado.

 

 

RACE CAR RENT BY TORRES RALLY TEAM

 

Race Car Rent "aluguer de viaturas de competição" Torres Rally Team

O TORRES RALLY TEAM é uma equipa desportiva de automóveis que está a ressurgir neste desporto. A sua atividade teve o seu início há várias décadas, precisamente no ano de 1973, já venceu diversas provas em diferentes Campeonatos e variantes deste desporto e inclusive já foi Campeã Nacional de Ralis e venceu várias provas Mundiais de Ralis no seu grupo.

Realçamos que iniciamos novamente a atividade em 2013 não com o objetivo único de correr, nomeadamente da família que lhe deu origem, mas num âmbito mais alargado, permitindo a outros pilotos o acesso a todo um know-how e investimento existente e partilhá-lo em manifestações desportivas ou atividades lúdicas.

Quando pensamos em ressurgir a marca/equipa fizemo-lo a imaginar num conceito mais moderno do que tínhamos realizado até aqui. Pois no passado a preocupação principal era somente correr, próprio de quem nutre uma paixão muito forte; agora todo o espírito continua, mas pretendemos muito mais do que correr(… ). Assim sendo, humildemente falando, temos como ambição valorizar o nosso desporto e a nossa sociedade. É neste sentido que fizemos uma parceria com a Universidade de Aveiro, em ordem uma investigação na área onde esta é uma referência, a eletrónica, desta forma pretendemos desenvolver centralinas de motor na área de competição automóvel. Aqui também disponibilizamos todo o nosso Know how e equipamento de maneira a permitir que preparadores de referência nacional e internacional desta área partilhem informação com a Universidade, inclusive, futuramente, aspiramos que os próprios fabricantes de automóveis cheguem até nós.

Como dificilmente alguém consegue sobreviver muitos anos sem otimizar recursos, pensamos que ao percebemos de automóveis e conhecermos bem todo o mundo das corridas este é o nosso caminho. Mas para podermos sobreviver dentro deste mundo ou fazemos mais do mesmo ou procuramos outras formas de estar no mercado. Mais do mesmo é ser pura e simplesmente preparador, ter um pavilhão, mecânicos, etc. Estes últimos conseguem viver, têm valor e como em tudo existem os de destaque e os de referência. Continuando o nosso pensamento, isto é o que temos de ter; mas, não deixamos de ser mais um! Então, para além de prepararmos automóveis, corrermos e procurarmos patrocínios para cobrir os custos, como os outros(…) No entanto, temos de procurar novos mercados! Ora, para alguns novos mercados, é por exemplo ir para Angola, mas sair do país não faz parte da estratégia. Então julgamos que tal e qual como nós estivemos em inatividade durante anos também existe um número bastante elevado de pessoas que apesar de gostar do desporto automóvel não tem contacto com este mundo há muito tempo… e até mesmo há quem nunca teve contacto direto algum, embora gostasse de ter; pois bem, é aqui que damos o nosso contributo.  

Desta forma, procuramos novos mercados na busca de franjas no mercado que ainda estão pouco exploradas, alugando carros de competição automóvel a quadros médios e médios superiores que tenham a nossa paixão mas que têm as suas vidas profissionais e familiares bastante intensas, estamos a falar de médicos, advogados, engenheiros, empresários, gestores, etc. Pois como sabemos estes têm muito pouca disposição para comprar um carro de valor elevado, uma carrinha de assistência; ter um grupo de mecânicos ou preparadores (…) mas não se importam de despender uma percentagem do seu rendimento anual para fazer o que gostam! Até porque já o fazem com viagens, compras de bons carros de estrada, etc. Assim, nós esperamos disputar este mercado! Comunicar que existimos! E que trabalhamos de um modo sério e profissional. Pois, temos bons carros e de qualidade, bons mecânicos, pagamos impostos e proporcionamos emoções! O cliente não tem de se preocupar com nada, como: condições normais de corrida, inscrições, seguro contra-todos-os-riscos, imagem, entre outras. Portanto, o piloto só tem de se preocupar em participar e tirar o máximo partido do gosto, emoção, adrenalina e paixão!

Infelizmente não podemos facultar a toda a população estas condições. E até muitos perguntarão se ao estarmos em crise existirá bastantes pessoas que pretendam este tipo de serviço. Não existe… mas o facto é que nem todos pensam só em guardar dinheiro e ter uma avultada conta bancária; pois, também há quem pense que o dinheiro lhe serve para alguma coisa! Até porque a vida é escassa e acaba. Com isto não queremos transmitir que as pessoas devam comprometer a sua “saúde” financeira… mas que a vida não é só investimentos! Tais como a casa, carro, profissão, empresas, etc.. O dinheiro também serve para nos proporcionar bem-estar e prazer!

No entanto, não nos queremos limitar a participações desportivas, falamos igualmente em atividades lúdicas, como por exemplo: alguém que pretenda ter um dia ou uma parte do dia em contacto com um carro de corrida, nós permitimos-lhe todas as condições, incluindo as de segurança. Pois alugamos uma pista para o efeito, desde o Circuito “Vasco Sameiro” em Braga ou o circuito “Alto do Roçario” em Sever do Vouga; ou mesmo um troço de Rally, dependendo dos objetivos pretendidos. Estas atividades podem ser individuais ou em grupo, desde empresas, grupos de amigos, associações (...) ou nós mesmos fazemos grupos de pessoas que queiram contratar os nossos serviços, onde os custos podem ser divididos. Nesta área, inclusive, já fomos contactados por pessoas que queriam proporcionar ao seu marido/namorado uma prenda de aniversário diferente, próprio de quem quer partilhar muito sentimento, tal e qual como nós!FOX 9503_Copy

 

CHALLEDNGE CITROEN SAXO BY ACB

 

Lança vence na primeira visita à Graciosa

O challenge Citroen Saxo by ACB Racing atingiu a metade do seu calendário desportivo com a visita à ilha Graciosa onde se correu o 6º rali daquela pequena mas bonita ilha do arquipélago dos Açores.

Com a classificação geral à entrada para a 3ª prova do Challenge a apresentar duas equipas empatadas na liderança da competição e com os andamentos apresentados pelos pilotos nas anteriores provas a darem nota que há, pelo menos, quatro equipas que podem lutar pelas vitórias, esta prometia ser, mais uma vez, a frente competitiva mais animada de todo o rali.

Lisuarte Mendonça e Miguel de Sousa Azevedo foram os mais rápidos na super especial de abertura, disputada em Santa Cruz da Graciosa. Os irmãos Fábio e Tiago Valadão, acompanhados, respetivamente, por Bruno Narciso e Wilson Mendes seguiam de muito perto os primeiros classificados, enquanto o outro candidato, Pedro Lança, navegado por Paulo Marques, fazia um tête e perdia 7,9s e era mesmo o 5º atrás de Bruno e André Silva. Francisco Costa e Ricardo Silva ocupavam a 6ª posição. Azar tiveram Daniela Rodrigues e Laura Natividade que partiram uma transmissão. O estatuto de super especial da primeira prova especial de classificação permitiu à dupla vinda do norte do país poder continuar depois de, na assistência, verem resolvido o problema, embora lhes tenha sido atribuído o último tempo da geral a 2:24,1 dos primeiros.

Se Daniela Rodrigues conseguiu voltar, o mesmo não sucedeu a Bruno Silva que apesar de ter concluído a super especial já não foi para a estrada na manhã de sábado com problemas na caixa de velocidades. Outro dos azarados foi Lisuarte Mendonça que depois do brilharete inicial acabou a sua participação com o motor partido em Portela Luz 2, a 5ª prova especial de classificação.

A manhã de sábado surgiu com nevoeiro e alguma chuva a dificultar a vida aos pilotos e a complicar as escolhas de pneus. Pedro Lança foi quem melhor soube reagir e apenas numa classificativa recuperou todo o tempo perdido, assumindo a liderança do Challenge Citroen Saxo by ACB Racing para não mais a largar. O piloto de Sines conseguiu mesmo um 2º lugar da geral, intrometendo-se entre os 4 rodas motrizes, dando bem nota dos andamentos que se registam no Challenge. Tiago Valadão começou a manhã com um tête e sentiu problemas com a escolha de pneus que fez. Só na parte da tarde, em que só se disputaram 2 classificativas, é que o piloto recuperou o ritmo competitivo, sendo nessa altura o mais rápido na estrada. Fábio Valadão também teve uma manhã muito difícil em que saiu de estrada e perdeu muito tempo, restando-lhe depois mostrar que é um piloto rápido para ainda chegar ao pódio. Francisco Costa foi 4º numa prova em que mais uma vez tirou partido da condução do Saxo da ACB Racing, tendo terminado muito satisfeito com a sua prestação no Rali da Graciosa. Daniela Rodrigues conseguiu terminar a prova depois do azar inicial, terminando na 5ª posição do Challenge, registando ainda uma atuação muito positiva que lhe permitiu recuperar do atraso e vencer entre as senhoras no rali Ilha Graciosa.

O Rali de Santa Maria, a 8 e 9 de Agosto, constitui a próxima paragem do Challenge Citroen Saxo By ACB Racing no seu périplo por 4 das 9 ilhas dos Açores.

 

 

 

Discurso direto

Pedro Lança

"Começámos mal com um pião na super especial e por isso sabia que tinha de aproveitar a chuva para atenuar a desvantagem do automóvel e capitalizar em termos de tempo. Na parte da tarde pensámos em gerir até porque a diferença era considerável mas quando vimos que o 2º lugar da geral estava ao nosso alcance, forçámos o andamento mas sempre sem correr riscos."

Tiago Valadão

"Vínhamos com outras expectativas mas a manhã de sábado não correu nada bem. Fizemos um pião e sentimos dificuldades com os pneus no piso molhado. À tarde com os pneus de seco tudo melhorou e os tempos apareceram."

Fábio Valadão

"A super especial correu bem mas perdemos o rali na manhã de sábado. O tempo não estava bom e fizemos um tête. Tivemos que esperar que o Cláudio Bettencourt passasse para não o prejudicar e perdemos muito tempo. Também perdemos confiança que depois demorámos a recuperar. Da parte da tarde o tempo já estava bom e acabou por correr bem."

Pedro Costa (AGRAPROME - Associação Graciosense de Promoção de Eventos)

"A presença do Challenge Citroen Saxo by ACB Racing no Rali da Graciosa foi muito importante para nós e contribuiu para o sucesso do rali porque lhe emprestou um nível de competitividade muito especial com as lutas entre pilotos de carros idênticos. O rali em si foi uma aposta ganha e pela primeira vez o percurso competitivo percorreu toda a ilha. O povo da Graciosa mostrou mais uma vez que gosta e sabe ver ralis e o trabalho de sensibilização ao nível da segurança deu os seus frutos porque a prova correu de forma imaculada."

António Castelo Branco (ACB Racing)

"Este tem sido um mês muito intenso para a ACB Racing com a presença da equipa em locais muito diferentes a colocar à prova toda a organização e logística que são necessárias para que tudo corra bem. Depois do Rali de Vila Franca do Campo, em São Miguel, viemos agora até à Graciosa com 7 equipas integradas no Challenge Citroen Saxo by ACB Racing. O Rali da Madeira é o destino que se segue e depois voltamos ao Campeonato dos Açores de Ralis e ao Challenge, desta vez em Santa Maria, tudo isto em menos de um mês. É, sem dúvida, duro mas serve também para provar que a estrutura da ACB Racing, com o apoio inexcedível de todos os seus parceiros e patrocinadores, está sempre pronta para enfrentar todos os desafios que possam surgir, o que me deixa muito satisfeito."


 

 

 

 

 

 

Classificação após prova 3 de 6

1º           Pedro Lança                                        56 pts

2º           Fábio Valadão                                      47 pts

3º           Tiago Valadão                                       38 pts

4º           Lisuarte Mendonça                            36 pts

5º           Daniela Rodrigues                              27 pts

6º           Francisco Costa                                   26 pts

7º           Bruno Silva                                           24 pts

8º           Nuno Silva                                            15 pts

9º           Rafael Botelho                                     14 pts

10º         Gastão Luís                                           14 pts

11º         Fábio Fontes                                        13 pts

 pedro lana_pdio_Copy

 

SIGNATECH ALPINE VENCE NO RED BULL RING

 

SIGNATECH ALPINE VENCE LE MANS SERIES NO RED BULL RING

 

As equipas Dunlop de LMP2 mostraram um bom ritmo na Áustria

 

4@11@9@11@9@5xe" filled="f" stroked="f">image003.png@01CFA59A.5B328D60" >Uma nova e disputada prova das European Le Mans Series terminou ontem com a vitória da equipa francesa Signatech Alpine no circuito austríaco Red Bull Ring. A Jota Sport conseguiu a pole com um tempo de 1:23.078, 0.7 segundos mais rápido que o tempo conseguido pelo vencedor do ano passado, Zytek-Nissan. O facto dos seguintes seis carros estarem separados por menos de 0,5 segundos demonstra como foi renhida a sessão de classificação, na qual a Race Perfomance Oreca-Judd obteve a segunda posição.

A primeira linha liderou até às primeiras paragens, momento em que o n.º 28 da Greaves Motorsport Zytek tomou a liderança durante uma volta, tendo sido depois rapidamente ultrapassado pela Newblood by Morand Racing Morgan. Esta liderança durou apenas uma volta, já que a Race Performance se posicionou em primeiro lugar até à volta 52, para uma luta entre a Jota e a Signatech Alpine pela vitória.

 

A prova foi digna de um sprint com um constante duelo entre as duas equipas que mudavam continuamente de posição. Após quatro horas, a Signatech cruzou a meta 12 segundos à frente da Jota com a Race Performance na terceira posição. Os líderes do campeonato até esta prova, Thiriet by TDS, retiraram-se com problemas de suspensão e a Signatech agora lidera o campeonato com quatro pontos de diferença sobre a Jota Sport.

 

As temperaturas do circuito austríaco alcançaram os 50 graus centígrados pelo que, ainda que se tenham utilizado os dois tipos de compostos durante a prova, os médios foram mais apropriados que os suaves. As equipas com compostos médios fizeram sessões duplas e triplas com os pneus durante a prova.

 

Vincent Vangoor, da Dunlop Motorsport:          

 

“O nível geral de prestações foi muito melhor do que no ano passado. Os tempos da pole position de 2013 este ano só teriam valido um sexto lugar, sendo este ano a volta 0,63 segundos mais rápida que a do ano anterior. Ter um campeonato de resistência em que as posições possam mudar, inclusivamente nas últimas voltas, é realmente bom para a competição. Os pneus suaves funcionaram muito bem em Imola e Le Mans, mesmo a altas temperaturas, mas neste circuito o comportamento do pneu médio foi espetacular com tempos de volta muito consistentes durante muitas sessões”.

 

 

Sobre a Dunlop

A Dunlop é um dos principais fabricantes mundiais de pneus de altas e muito altas prestações, com um impressionante historial de êxitos em desportos motorizados. A Dunlop é um sócio técnico da BMW Motorsport e AMG Customer Motorsport.

A vasta experiencia da Dunlop em corridas deu lugar a tecnologias inovadoras aplicadas a pneus desenhados para a condução diária. 2013 foi o 125º aniversário da Dunlop e a introdução do nosso fundador de pneus.

Depois dos seus primeiros recordes em alta velocidade, a Dunlop celebroi o seu primeiro triunfo nas 24H da Le Mans em 1924 e atualmente é o fabricante de pneus com mais vitórias nesta corrida, somando um total de 34. Os campeões em GT e LMP1 na American Le Mans Series de 2011 usaram pneus Dunlop assim como os vencedores em LMP2 dos Campeonatos Europeus e Internacionais.

Os pneus Dunlop também são usados nas Top Touring Car Races de todo o mundo, incluindo o campeonato mundialmente famoso Australian V8 Supercar e o Campeonato Britânico de Touring Car.

Os últimos pneus de corrida da Dunlop são específicos para a montagem em veículos galardoados da Jaguar, Audi, Mercedes, Volkswagen, Renault e BMW.

Para mais informações sobre a Dunlop e os seus produtos, visite www.dunlop-tires.com ou as nossas contas de Twitter e Facebook. 46 ELMS_RBR_CopyELMS RBR_Podium_Copy
 

FERRARI PORTUGAL EM SPA

 

Ferrari Portugal nas 24h de Spa Francorchamps com o pódio na mira


A Ferrari Portugal, disputa, pelo segundo ano consecutivo, as 24h de Spa-Francorchamps, prova pontuável para o Blancpain Endurance Series. A equipa será composta por Filipe Barreiros, Francisco Guedes, Peter Mann e Cédric Mezart.
Aos comandos do Ferrari 458 e inscritos nas categoria Gentleman Trophy, a equipa quer vingar o abandono registado o ano passado, e alcançar um bom resultado que lhes permita continuar na disputa pelo título: "Numa corrida de 24h tudo pode acontecer de bom e de mau. Já experimentámos o lado mau o ano passado, pode ser que este ano nos saia o lado bom", começou por referir esperançado Filipe Barreiros.
"Vamos manter a equipa do ano passado. Já nos conhecemos e sabemos o que esperar de cada elemento. O carro tem-se revelado bastante competitivo e acredito que com uma afinação adequada vamos conseguir extrair todo o seu potencial", continuou.
A lista de inscritos das 24h de Spa-Francorchamps prevê mais de 60 carros em pista, o que será uma verdadeira lotaria para todos: "Vamos ter de definir bem a nossa estratégia e evitar a todo o custo os habituais incidentes. Se a isto aliarmos ausência de problemas no carro, acho que podemos discutir os lugares do pódio. É essa a nota meta, importante em termos de operação para o Campeonato", rematou Francisco Guedes.
O fim-de-semana de competição, prevê na quinta e sexta-feira, dias 24 e 25 de Julho os treinos e qualificação. No sábado o arranque da corrida de 24h pelas 15fotografia 2_Copy

 

GRENOBLE COM TOYOTA

 

Cidade de Grenoble testa sistema público de partilha de viaturas Toyota i-ROAD e Toyota COMS

# Grenoble, a “cidade inteligente” a partir de Outubro com a ’Citélib by Ha:mo’, uma inovação recorrendo as últimas tecnologias, que aliam um sistema de partilha e carregamento de automóveis elétricos aos transportes públicos #

• Transportes urbanos públicos aliados às novas tecnologias vão ser realidade em Outubro 2014, em França, graças à parceria entre a cidade de Grenoble, o metro Grenoble-Alpes, o grupo EDF, a Toyota e a Citélib

• 70 Toyota "i-ROAD" e "COMS", veículos ultra compactos elétricos vão estar disponíveis num sistema de partilha de carros, promovendo a conetividade entre o transporte pessoal e transportes públicos

• Veículos podem ser carregados em postos de carregamento geridos pela Sodetrel (EDF Group) estando distribuídos por cerca de 30 postos perto das estações de transportes públicos

• Chamado "Citélib by Ha:Mo", este serviço/tecnologia inovadora está disponível em pré registo para os utilizadores de Grenoble, podendo aceder no site www.citelib.com. Este projeto em teste real vai estar operacional durante 3 anos.

Existem muitos projetos em relação ao futuro dos transportes públicos, sobre a criação das cidades inteligentes e outras inovações desenvolvidas, para tornar as cidades e os transportes urbanos mais agradáveis e fáceis de utilizar nos próximos anos. No entanto ainda são poucos os exemplos concretos entre nós. Quando o regresso às aulas se inicia, logo após o período de férias de verão, este sonho vai tornar-se realidade, na cidade de Grenoble, e também na área periférica à cidade, fazendo dos Alpes Franceses pioneiros no transporte do futuro.

Em Outubro de 2014, 70 Toyota i-ROAD e COMS, veículos ultra compactos elétricos apoiados por 30 postos de carregamento, geridos pela EDF, subsidiada pela Sodetrel, vão estar ao serviço por um período de 3 anos, graças à parceria entre Grenoble e a sua área metropolitana, a Companhia de Energia Francesa (EDF), a Citélib uma operadora de postos de carregamento locais e os veículos japoneses da Toyota.Toyota-Grenoble 004_CopyToyota-Grenoble 005_CopyToyota-Grenoble 006_CopyToyota-Grenoble 007_CopyToyota-Grenoble 008_CopyToyota-Grenoble 009_CopyToyota-Grenoble 009_CopyToyota-Grenoble 010_Copy

 

VILLOORBA CORSE EM SPA

 

Villorba corrida nas 24 Horas de Spa na Blancpain Endurance Series

Villorba Corse_Ferrari_458_in_action_in_the_Blancpain_Endurance_Series_Copy
A equipe de Treviso aborda a lendária corrida com a Ferrari 458 em que se alternam
Castellacci, Gai e Rizzoli, no alto Pro-Am, ao qual é adicionado Montermini
Treviso, 22 de julho de 2014. Scuderia Corse Villorba enfrenta pela primeira vez a lendária 24 Horas
Spa a partir de quinta-feira 24 a domingo 27 de Julho. Ferrari 458 da equipe de Treviso linha no início do evento,
quarta ronda do Blancpain Endurance Series, será o palco dos grandes jogadores da liga
no Pro-Am: Francesco Castellacci, Stefano Gai e Andrea Rizzoli. Os três motoristas são Villorba
momento no topo do Pro-Am Cup e Spa será acompanhado por Andrea Montermini, que
completar a tripulação da equipe italiana.
Com 61 equipes entraram no início, de que como muitos como 32 no Pro-Am, e atribuir o dobro de pontos, o intenso
programa das 24 Horas de Spa encaixar quinta-feira com apresentações gratuitas às 11h55, a pré-qualificação às 18h40,
qualificações e qualificações noite 20,45-22,30. Sexta-feira holofotes sobre a Super Pole
18:50 e Sábado, 26 de julho, o início da corrida histórica às 16h30. A corrida será transmitida ao vivo
a partir do site www.blancpain-gt-series.com (clique no GT TV), e entre ao vivo, diferido e destaques, será seguido
por um número de canais de televisão em todo o mundo (incluindo Rai Sport and Eurosport na Itália), com constante
atualizações sobre o site e facebook e do twitter canais Villorba Scuderia Corse.
Horário Blancpain Endurance Series: 12-13 abril Monza (ITA); 24-25 maio Silverstone (GBR); 27

 

PANCIATICI VENCEU

 

EUROPEU das Le Mans Series 2014 - ROUND 3
4 HORAS DE RED BULL ANEL (19 de Julho e 20 de 2014)
VITÓRIA para Alpine e Nelson Panciatici!

Nelson Panciatici_Red_Bull_Ring_bis_Copy
O esquadrão Signatech-Alpine e Nelson Panciatici venceu as 4 Horas de Red Bull Ring, no final de uma verdadeira corrida de tirar o fôlego! A vitória Alpine valeram para a liderança da classificação título europeu Le Mans Series apenas duas rodadas do fim da campanha.
Depois rodou quinto mais rápido nos treinos livres de sábado, Signatech-Alpine começou a se qualificar na terceira linha da grelha, um mero 224 milésimos à deriva-de-um-segundo da fila. Depois de tomar o início da quinta posição, Nelson Panciatici foi imediatamente para o ataque e avançaram para a terceira Já no final da primeira volta. Implacavelmente agressivo através do tráfego, Nelson ainda estava em terceiro lugar Quando Ele entregou o volante para seu companheiro de equipe, após o qual o Alpine A450b sua contínua progressão até o fim para tirar a bandeira quadriculada pouco mais de 12 segundos para o bem! Este primeiro triunfo da temporada resultou na Marseillaise tocando para fora em torno dos Alpes austríacos e Alpine-Signatech catapultou para a liderança do campeonato de equipes "!
Philippe Sinault (Signatech-Alpine Team Principal): "Todo mundo na equipe tem trabalhado extraordinariamente duro durante toda a semana para alcançar este resultado fantástico - eu sei que devo parabenizar a equipe em seu sentido mais amplo muito. Nelson fez uma partida excepcional para a corrida e foi capaz de ficar em contato com os líderes. Paul-Loup, em seguida, manteve o mesmo ritmo excelente longo de seus três passagens, apesar do calor intenso, enquanto Oliver recuperou a liderança e levou o carro para casa a vitória no final. Esta é uma grande vitória para a equipe inteira, Alcançados com brio - mas não podemos dar ao luxo de descansar sobre os louros. Há ainda muitos candidatos na mistura para o título. Nosso objetivo era permanecer na caça! "
Também Nelson estava satisfeito: "Eu sabia que eu precisava para fazer uma boa partida e manter contato com os líderes, e eu lutei muito para ficar o mais próximo possível ... Paul-Loup Ambos Oliver e dirigiu brilhantemente durante suas passagens, eo equipe inteira está de parabéns. Ainda mais do que o desempenho, foi a maneira em que nós conseguimos isso é particularmente satisfatório esta vitória! "
A defesa do time de sua coroa em 2013 continuará em Le Castellet, no sul da França, em 13-14 de Setembro, onde no ano passado Signatech-Alpine conquistou a coroa do campeonato!

 

Google Tradutor

 

CALENDÁRIOS F1

BERNIE CopyCALENDÁRIOS DA FÓRMULA 1

 

 

Bernie Eclestone , o boss da Fórmula 1, confirmou hoje que em 2015, o México será inlcuido no calendário, onde o circo irá passar.Para já apenas se sabe que o loca da prova l sera mesmo na cidade do México.

 

No entanto muito se comentou, sobre se a Fórmula 1 se iria deslocar à Russia, depois da tragédia com o avião que foi abatido, no entanto o todo senhor da F1, argumentou" politica não é connosco, temos um contrato, que iremos cumprir, por isso.Para quê mais palavras....

 

JOSÉ CORREIA PRONTO PARA NOVO DESAFIO

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

FOX 7652_Copy

RAMPA DE PAÇOS DE FERREIRA

 

 

JOSÉ CORREIA PRONTO PARA NOVO DESAFIO

 

Mais uma estreia absoluta para José Correia que se vai estrear este fim de semana na rampa de Paços de Ferreira ao volante do seu Seat Leon. Sobre este novo desafio, o piloto de Braga falou-nos um pouco “ mais um desafio, nunca corri nesta rampa, vou ter de treinar a mesma, sei por aquilo que me disseram que é rápida, espero poder encontrar o set-up correcto para o meu carro, de forma a poder lutar pelos lugares da frente, pois na prova passada perdi o acesso ao pódio por uma margem bem reduzida, e para este fim de semana não gostaria de repetir a mesma situação. Por isso o meu objectivo é poder terminar entre os três primeiros, não vai ser nada fácil, mas irei lutar com todos os meios de que disponho, esperando que o carro esteja a 100% “.

 

MIGUEL FAISCA NAS 24 HORAS DE SPA

 

A NISSAN E O CAMPEÃO EUROPEU MIGUEL FAÍSCA ENFRENTAM 24 HORAS DE DESAFIOS EM SPA-FRANCORCHAMPS

 

 

A NISSAN E O CAMPEÃO EUROPEU MIGUEL FAÍSCA ENFRENTAM 24 HORAS DE DESAFIOS EM SPA-FRANCORCHAMPS

No próximo fim-de-semana a Nissan cumpre mais uma etapa do seu programa non-stop de competição #eatsleepRACErepeat numa das mais míticas provas do automobilismo mundial: as 24 Horas de Spa-Francorchamps e com Miguel Faísca como um dos pilotos oficiais! O português vai repartir os comandos do Nissan GT-R número 35, com o russo Mark Shulzhitskiy e os japoneses Katsumasa Chiyo e Masataka Yanagida. Este último, bicampeão de Super GT e, tal como Faísca, estreante na pista belga.


Imagens Relacionadas

Imagens Relacionadas

 

COMVAL RACING EM PORTIMÃO

 

CIRCUITO AIA – SINGLE SEATERS

 

 

 

COMVAL RACING EM PORTIMÃO

 

 

Tendo alinhado com um Fórmula Ford, tripulado por uma das jovens promessas desta categoria, Paulo Sá Silva, a equipa da Comval Racing considera que a ronda de Portimão foi extremamente positiva. O responsável máximo da Comval Racing, Eng. Nuno Magalhães, disse que “Na sexta-feira, na sessão de treinos privados, e no sábado, na sessão de treinos livres, o objectivo era encontrar a afinação mais eficiente para o tipo de traçado de Portimão. Testamos diversas afinações para que a eficiência do carro fosse aumentada, o que permitiu ao Paulo Sá Silva registar o terceiro melhor tempo. Já no sábado, na sessão de treinos cronometrados, as coisas não correram tão bem depois de termos abandonado após a segunda volta devido a problemas eléctricos. No entanto, a equipa está cada vez melhor, mais entrosada e dinâmica o que nos levou a conseguir resolver o problema para a corrida sem grandes contratempos. Algo que era essencial  para que o Paulo pudesse evoluir e recuperar o maior número de posições possíveis na primeira corrida, pois teve de largar do 11 lugar da grelha de partida."

 

 

 

Perante estas adversidades a equipe técnica da Comval Racing não baixou braços, e tudo fizeram para que Paulo Sá Silva pudesse dar o seu máximo, o que segundo Nuno Magalhães “foi uma corrida fantástica do Paulo. Depois de ter saído do 11º lugar cortou a linha de chegada em 5º lugar, mostrando uma garra muito grande em pista e sempre a recuperar posições, foi uma prestação muito boa."

 

 

“No dia seguinte, para a segunda corrida, o Paulo Sá Silva saiu do 7º lugar da grelha de partida e acabou por cortar a linha de meta em 4º lugar. Foi uma corrida brilhante do Paulo pois começou a andar no mesmo segundo dos lugares do pódio, tendo sido por diversas vezes o mais rápido em pista, o que levou a que terminasse muito próximo do 3º e do 2º classificado, Gonçalo Jordão e Gonçalo Inácio respectivamente. Para além de toda esta prestação ainda registou a terceira melhor volta da corrida, o que diz muito da evolução do Paulo durante este ano."FOX6173 Copy

 

JOAQUIM RINO QUER MAIS NA RAMPA PAÇOS DE FERREIRA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

 

RAMPA PAÇOS DE FERREIRA

 

 

JOAQUIM RINO QUER MAIS NA RAMPA DE PAÇOS DE FERREIRA

FOX 8501_Copy

Depois do brilhante 5º lugar á geral na Rampa de Murça, motivação é o que não falta a Joaquim Rino, para mais uma prova do calendário do Campeonato Nacional de Montanha. Esta será a primeira vez que Joaquim Rino irá corre na Rampa Paços de Ferreira, mas isso só motiva o piloto da Batalha, que nos confirmou “ é verdade nunca corri nesta rampa, por aquilo que me disseram é rápida, por isso até poderá ser favorável ao meu BRC, que se dá bem com este tipo de percurso.

 Vou ter de reconhecer muito bem, pois ambiciono mais em termos de classificação geral. O carro tem estado impecável, e fruto disso têm sido os resultados alcançados. Na prova anterior correu muito bem, pois eu já conhecia bem a rampa de Murça, mas para a prova deste fim de semana o meu objectivo é poder intrometer-me na luta pelos lugares da frente, acredito que não irá ser uma tarefa fácil, mas é mais um desafio que se vai deparar pela frente, e que quero como é óbvio poder vencer, e fazer o melhor resultado possível, para os largos milhares de espectadores que se desloca a esta rampa”.

 

Joaquim Rino irá fazer as verificações técnicas no sábado de manhã, com as primeiras subidas marcadas para as 15h.

 

SEGUNDO AS PREVISÕES DA PIRELLI

 

GP da hungria de 24 a 27 de julho de 2014

 

pneus macios e médios para o quente e sinuoso hungaroring

 

baixa aderência da pista e velocidades baixas,

destacam a aderência Mecânica

 

a pirelli e as equipes vão diretas da alemanha para a hungria, para a única prova realizada no

fim de semana seguinte na europa

 

 

 

A Pirelli, juntamente com as restantes equipas, irão fazer uma viagem de 800 quilómetros entre Hockenheim e Budapeste, para a única corrida disputada no fim de semana seguinte na Europa. Hungaroring, foi o primeiro circuito a ser construído por trás da antiga cortina de ferro em 1986, sendo uma unidade permanente, mas com muitas semelhanças e caracteristicas de um circuito de rua, com curvas sinuosas e apertadas, num piso com pouca aderência, colocando em destaque a aderência mecânica. No passado, a corrida foi frequentemente quente, mas a chuva não é desconhecida. A Pirelli irá levar os P Zero Branco (Composto médio), juntamente com os P Zero Amarelo (Composto macio), ambos devem fornecer o compromisso certo entre o desempenho e resistência em temperaturas ambientes elevadas. Embora o circuito de Hungaroring, não seja particularmente exigente para os pneus, uma série de diversas curvas, não contribui para o arrefecimento dos pneus ao longo de uma volta.

 

 

Paul Hembery (Responsável da Pirelli Motorsport): ” A Hungria é reconhecida pelo seu traçado complicado, no qual é dificil ultrapassar e encontrar a afinação perfeita para toda a volta. Isto significa que a estratégia é muito importante, uma vez que oferece a oportunidade para ganhar a posição em pista. O clima é um ponto a discutir na Hungria, mas a avaliar pela performance dos nossos pneus na temperatura elevada da pista de Hockenheim, estamos confiantes que isso não deverá ser um problema. Os pneus que iremos levar para Hungria, são mais um passo para ultrapassar o aumento das exigências, no entanto, estamos a prevêr duas trocas de pneus como habitual, embora só teremos uma melhor percepção, após o inicio dos treinos livres de sexta feira “.

 

Jean Alesi (Consultor da Pirelli):Nos ultimos anos, Hungaroring mudou de uma forma positiva. É uma pista em que executamos o máximo downforce, devido às curvas lentas e baixa acelaração, mas também existem alguns pontos onde damos o máximo. Obtendo uma boa tração, ficamos com o principal desafio técnico, e acima de tudo, o que precisamos para cuidar dos pneus traseiros, caso contrário, você acaba sem aderência e pouca travagem. Existem alguns pontos importantes a tomar conhecimento no circuito, como exemplo, a segunda curva a seguir às zonas das boxes, é uma descida pela esquerda que parece rápida, mas não é, pois precisamos de ficar no interior para ter a melhor via para  a direita seguinte. Realmente, esta é a chave para Hungaroring, cada curva afeta a próxima e penso que este ano, vai ser ainda mais dificil, pois em todas as curvas os pilotos têm que ter cuidado e saber dosear o acelarador. Com o torque extra deste ano, que não é tarefa fácil, vai ser dificil mânter durante mais tempo a linha ideal de corrida....”.

O circuito do ponto de vista dos pneus:

Hungaroring é um circuito bem equilibrado entre tração, travagem e energia lateral. Os carros procuram o máximo “downforce”, de modo a aproveitar o máximo da aderência mecânica nas curvas lentas.

 

O pneu médio é um composto de baixa escala de trabalho, capaz de atingir um ótimo desempenho numa ampla zona de temperaturas baixas. O pneu macio é um composto de alta escala de trabalho, adequado para temperaturas mais altas. As temperaturas da pista em Hungaroring, são muitas das vezes, as mais quentes do ano.

 

Na pista de Hungaroring, os pneus são frequentemente submetidos a uma combinação de forças, devido à pressão aerodinâmica, existe uma força vertical que exerce sobre os pneus, ao mesmo tempo que existe uma força lateral que atravessa os pneus nas curvas, bem como as forças longitudinais da acelaração e travagem. Todos estes fatores aumentam a pressão da estrutura.

 

A estratégia vencedora em 2013 foi de três mudanças de pneus, com Lewis Hamilton a vencer pela primeira vez em Mercedes, utilizando os pneus médios e macios. Kimi Raikkonen, trocou apenas duas vezes e  terminou em segundo lugar com o seu Lotus.

 

 

Mais informaçôes sobre Hungaroring, e procura de informação sobre os pneus, pode ser visualizado numa animação realizada em 3D com um novo visual produzido pela Pirelli.

 

Videos e fotografías de livre utilização, disponiveis em www.pirelli.com/f1pressarea

 

 

As escolhas de pneus até agora:

 

 

P Zero vermelho

P Zero

Amarelo

P Zero

Branco

P Zero Laranja

Australia

 

Macio

Medio

 

Malasia

 

 

Medio

Duro

Bahrein

 

Macio

Medio

 

China

 

Macio

Medio

 

Espanha

 

 

Medio

Duro

Mónaco

Muito macio

Macio

 

 

Canadá

Muito macio

Macio

 

 

Áustria

Muito macio

Macio

 

 

Inglaterra

 

 

Médio

Duro

   Alemanha

Muito macio

Macio

 

 

Hungria

 

Macio

Medio

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Revista P Zero:

A nova revista P Zero, uma inovação da Pirelli para a presente temporada, contém factos sobre o Grande Prémio da Hungria e caracteristicas do estilo de vida acerca da sua capital - Budapeste, bem como as novidades que acontecem no mundo Pirelli, no passado, presente e futuro. Esta nova e dinâmica revista electrónica, contém um vídeo e outros conteúdos interativos atualizados no fim de semana.

Podemos visitar através do site Pirelli, com o seguinte link : http://magazine.pzero.com

 

CARDOSO VENCEU EM PORTIMÃO

 

Nuno Cardoso venceu em Portimão

Liderança ficou mais próxima

 

Nuno Cardoso regressou às vitórias no “Trofeo Abarth 500” e saiu da jornada disputada em Portimão mais próximo da liderança da competição, quando faltam disputar ainda quatro corridas até final da temporada.

Com um ritmo muito rápido, demostrado desde das sessões de qualificação onde garantiu a segunda e primeira posição na grelha de partida para a primeira e segunda corridas respectivamente, o piloto de Vila das Aves foi uma das figuras em destaque da jornada algarvia. Na primeira corrida arranquei muito bem, cheguei a passar pela liderança, mas depois tive de me preocupar com os ataques do José Pires. Quando consegui afastar-me dele e imprimir um ritmo mais forte comecei a aproximar-me da liderança, que consegui na penúltima volta. Infelizmente, uma desconcentração levou-me a cometer um erro enorme. Pensei que a corrida tinha terminado quando ainda faltava uma volta, o que me fez terminar num desapontante oitavo lugar depois de uma corrida muito boa, começou por dizer.

Mesmo com o desaire de sábado e uma noite mal dormida, a determinação e vontade de esquecer o sucedido imperou e “apesar de algumas passagens de caixa falhadas na fase inicial da corrida, aproveitei as lutas atrás de mim para criar uma margem confortável que me permitiu garantir a vitória”, disse no final o piloto apoiado pela OZ Energia, O Meu Gás, CiberCar e Quinta do Rio, admitindo que “este fim-de-semana em Portimão poderia ter sido perfeito, com uma dupla vitória, mas ainda assim foi positivo em termos de campeonato, uma vez que saímos do Algarve ainda mais próximos do primeiro lugar”.

A penúltima jornada dupla do Trofeo Abarth realiza-se a 6 de Setembro novamente no Circuito Internacional do Algarve, em Portimão.

 

Classificação Trofeo Abarth:

1º A. Costa/F. Carvalho, 99 pontos; 2º Nuno Cardoso, 93; 3º R. Santos, 75; 4º J. Pires, 71 (…)NC PORT02_Copy

 

FERNANDES COM TITULO

 

Manuel Fernandes arrecadou primeiro título no CIN 2014”!

O jovem piloto de Vila Real Manuel Fernandes terminou da melhor forma o Rali Sprint B. V. de Famalicão, numa prova que esteve a cargo do Motor Clube de Guimarães e Team Baia e que foi pontuável para o Campeonato Inter Municípios Norte.

A prova foi novamente um sucesso desportivo, já que além dos milhares de aficionados que se deslocaram a Fradelos para a realização da prova em piso de asfalto, a organização conseguiu reunir uma lista de participantes que passou uma centena, e com um parque automóvel dos melhores a nível nacional!

O piloto navegado por António Serôdio partiu para esta prova sobretudo centrado em garantir os pontos necessários para alcançar já o titulo da divisão VII, num rali onde o piloto contou com fortes adversários!

Como nos refere o piloto do Hyundai Getz “partimos para o rally com o objectivo apenas de conseguir fazer o segundo lugar final na divisão para garantirmos os pontos que nos dava já a vitória no campeonato. Estivemos sempre a rodar a um segundo do líder da nossa divisão, e com o chegar da última especial tínhamos noção que poderíamos ter arriscado para tentar chegar à vitória, mas optamos por garantir o segundo lugar e com isto amealhar os pontos necessários para nos sagrar já Campeões CIN 2014 na Divisão VII.

Quero agradecer à equipa ACFMOTORSPORT por o fantástico trabalho que fez ao longo da época e a todos os meus patrocinadores. Ainda este ano vamos tentar evoluir para um carro melhor, e para já fazer pelo menos um rali com um Subaru Impreza N14 pois o próximo passo será dar o salto para um carro de 4 rodas motrizes. Para já a única confirmação é o Campeonato Nacional de Velocidade em 2015 ao volante de um Nissan Skyline GT R34, carro este que já se encontra nas instalações da equipa”.

Manuel Fernandes e António Fernandes concluíram assim a edição de 2014 do Rali Sprint B. V. de Famalicão na 27ª posição da geral, segundos da Divisão VII.

 M FERNANDES.jpg_2_CopyM FERNANDES.jpg_3_CopyM FERNANDES.jpg_5_Copy

 

ARRANCADA - BRASIL

 

Resultados do ECPA de Arrancada embolam pontuação do campeonato

Sete categorias ganharam novos recordes e piloto voa de 0 a 200 Km/h em 5 segundos

 

As provas do Campeonato ECPA de Arrancada, realizadas neste fim de semana (19 e 20), no Esporte Clube Piracicabano de Automobilismo, receberam 120 carros que desfilaram em altas velocidades pela reta de 201 metros no autódromo. Ao final da competição, que reuniu os competidores em 20 categorias, sete delas tiveram seus recordes quebrados.

 

Na pista, o que se viu foi um verdadeiro show de perícia e técnica, que garantiu as fortes emoções que marcaram as disputas da terceira etapa do certame. Para contribuir ainda mais com o bom andamento do campeonato, os resultados embolaram a disputa pelo título da temporada.

 

Apesar das provas se desenrolarem por dois dias, o grande destaque aconteceu no sábado, quando Washington Silva, de Limeira, no interior de São Paulo, fez história na pista da vizinha cidade de Piracicaba.

A bordo de um Vectra bi-turbo, o piloto acelerou sua máquina de 1.100 cavalos e, em uma façanha quase que inacreditável, atingiu 223,8 Km/h, em 201 metros, para delírio do público que acompanhava na arquibancada. “A minha expectativa era boa, pois o carro estava perfeito. Acertei o pé e pude superar minha marca”, afirmou Washington que agora detém o recorde de 5.303 segundos na reta piracicabana.

 

Outra marca incrível que foi batida neste fim de semana aconteceu na categoria Traseira Turbo (TT), com Luis Eduardo Figueiredo. O piloto, que também é conhecido como Aranha, baixou seu próprio recorde, que era de 5.917s e imprimiu o tempo de 5.568s. “Participo de provas de arrancada em todo o país e posso garantir que esse tempo é recorde brasileiro entre os competidores dessa categoria”, afirmou o piloto que também é da cidade Limeira.

 

Na Traseira Street Turbo (TST), Paulo das Neves, entrou no seleto grupo de recordistas pela primeira vez ao marcar 7.269 de pista e estabelecer o novo recorde dessa categoria na última puxada do dia. “O projeto final é atingir a casa dos seis segundos na temporada e acredito que podemos conseguir”, afirmou o paulistano que tem a imagem do abominável homem das neves estampada em seu Chevette.

 

Quem prometeu e cumpriu a promessa foi Andre Minoru Matsutami, na Força Livre Dianteira que venceu e viu seus principais adversários não se saírem tão bem.  “Ainda estou longe da liderança, mas muito feliz com a vitória de hoje, pois com esse resultado a categoria embolou e posso dizer que entrei na briga pelo título”, afirmou.

 

Ainda foram estabelecidas novas marcas nas categorias Dianteira Turbo A, na Dianteira Turbo B, na Dianteira Turbo C e Dragster Junior.

 

A quarta etapa do Campeonato ECPA de Arrancada 2014 está marcada para os dias 5, 6 e 7 de setembro. Confira os vencedores da 3ª etapa da temporada de 2014:

 

DES 9.5 – DESAFIO 9.5

1º - Jaison Patrocinio, 9.886

DES – DESAFIO 9

1º - Diego Augusto Bergamin, 8.991

DES 8.5 – DESAFIO 8.5

1º - Ricardo Serafin dos Santos, 8.602

DESAFIO IMPORT

1º - Ariovaldo Tuzin Junior, 7.551

ST – STANDART

1º - Sergio Fernando Ribeiro, 8.164

DO – DIANTEIRA ORIGINAL

1º - João Ricardo Mechi, 7.529

STT - STREET TRACAO TRASEIRA

1º - André Martins Bessado, 8.611

DT-C – DIANTEIRA TURBO C

1º - Thiago Santos Barnabe, 7.722

DT-B – DIANTEIRA TURBO B

1º - Marcel Luis Falato, 7.283

DT-A – DIANTEIRA TURBO A

1º -  Diego Kourroski , 6.634

TT – TRASEIRA TURBO

1º - Luis Eduardo Figueiredo, 5.826

TST - TRASEIRA STREET TURBO

1º - Paulo das Neves, 7.522

TT-B – TRASEIRA TURBO B

1º - Fabio Alarcon, 9.077

FLD – FORÇA LIVRE DIANTEIRA

1º - Andre Minoru Matsutani, 5.825

FLT – FORÇA LIVRE TRASEIRA

1º - Jefferson Ferreira de Carvalho, 6.958

Extreme 10.5

1º - Lelio Cremonini Ferrari, 8.060

DJ-B – DRAGSTER JUNIOR B

1º - Patrick Willian da Silva Ferreira, 8.385

DJ-C – DRAGSTER JUNIOR C

1º - Gustavo Takeda, 9.379

PM – PRO MOD

1º - Washington Silva, 5.602

DB – DRAG BIKE

1º - Bruno Cunha Ceglia, 6.486

 

O Campeonato ECPA de Arrancada é realizado e organizado pelo ECPA e conta com supervisão da Fasp (Federação de Automobilismo de São Paulo).DTA Copy

 

RALIS NO BRASIL

Fábio Davini/DFotos
Clique na imagem para fazer o Donwload...
Ricardo Barra e Vander Hirt
Alta | Web

Fábio Davini/DFotos
Clique na imagem para fazer o Donwload...
O rali de regularidade mais aguardado do ano
Alta | Web

Fábio Davini/DFotos
Clique na imagem para fazer o Donwload...
O rali passará em rio de 100 metros de extensão
Alta | Web

 

Rally Transcatarina: Niterói Rally Team fará sua segunda participação no evento


Prova valerá pela terceira etapa da Copa Brasil de Rally de Regularidade. A dupla Ricardo Barra e Vanderlei Hirt vão levantar muita poeira e, desta vez, o desafio iniciará em Fraiburgo (SC) no dia 23 de julho e terminará no dia 26 de julho em Jaraguá do Sul (SC)

A Copa Brasil de Rally de Regularidade terá prosseguimento a partir da próxima quarta-feira (23), com a disputa da sexta edição do Rally Transcatarina, terceira etapa do torneio em 2014, que passará por diversas cidades de Santa Catarina. A Niterói Rally Team terá como representantes o piloto Ricardo Barra e o navegador Vanderlei Hirt, que estarão a bordo do Mitsubishi Pajero Full. Esta será a segunda participação da equipe, a primeira foi em 2012.

"A nossa estratégia será buscar largar todos os dias entre os cinco primeiros para tirar proveito das condições de pista no inicio das etapas, pois provavelmente estarão molhadas mas ainda sem muita lama. Como também, andar no pelotão da frente, visando não nos afastarmos dos ponteiros da competição", comenta Barra, que disputará a categoria Super Master.

O Transcatarina contará com cinco categorias (Super Máster, Graduados, Júnior, Jeep, Adventure e Passeio) e os competidores percorrerão ao longo de três dias 800 quilômetros de trilhas entre Fraiburgo e Jaraguá do Sul. A prova ainda passará pelos municípios de Timbó Grande, Canoinhas, Papanduva, Rio Negrinho e Corupá. Atualmente é a principal prova da temporada do rally de regularidade no Brasil. Conta com um grid seleto de equipes e com a sempre impecável organização da SC Racing.

O roteiro deste ano é extremamente desafiador. que aliado as condições meteorológicas neste época do ano no estado da Santa Catarina torna uma prova totalmente imprevisível. "Estamos indo para esta prova com todo o nosso equipamento revisado e com dois jogos de pneus novos, além de um completo time de apoio mecânico e logístico para que possamos ter um bom desempenho na competição. Esperamos que o frio que encontraremos em Santa Catarina não seja suficiente para esfriar o nosso ímpeto de buscar um excelente resultado", destaca o piloto.

A sexta edição do Transcatarina terá início com a Largada Promocional às 14h e o Prólogo, às 15h, que acontecem na quarta-feira, 23, em Fraiburgo, e irá até o sábado, quando os competidores chegarão à Jaraguá do Sul. "Este ano a organização planejou um prólogo para definir a nossa ordem de largada em um circuito fechado de aproximadamente 12 quilômetros, passando pelos pomares de maçã da cidade de Fraiburgo, será um bom início de competição", disse Vanderlei Hirt que faz sua quarta participação no Transcatarina.

No dia 24, a primeira etapa terá 250 quilômetros com roteiro entre duas grandes fazendas de plantações de pinus em Timbó Grande e a passagem por rio com cerca de 100 metros de largura e na parte final passagem por mais três fazendas em Canoinhas. "Esperamos encontrar uma disputa muito apertada dentro da pista e um grande evento fora dela. A nossa expectativa é a melhor possível, estamos em clara evolução desde o início da temporada e por pequenos detalhes estamos deixando escapar os resultados que espelham a nossa verdadeira performance", enfatiza Ricardo Barra.

Na sexta-feira, 25, serão 200 quilômetros de disputas em seis fazendas de pinus, com trechos de maior velocidade com piso plano e cascalhos. Já os 180 quilômetros planejados para a terceira etapa, serão colocadas em prova as habilidades técnicas dos inscritos nos laços traçados para o início do sábado, 26, o destaque do último dia será para o trajeto de aproximadamente 20 minutos no Autódromo de São Bento do Sul, seguindo para os bananais na região de Corupá.

A Copa do Brasil de Regularidade, além do Transcatarina é composto também pelo Enduro Brasil (março), Rally dos Campos Gerais (maio) e Rally Estado de São Paulo (outubro e novembro).

A equipe Niterói Rally Team conta com o patrocínio Cerveja Itaipava e Natsu - Mitsubishi Niterói. Mais informações: www.niteroirallyteam.com.br.

Veja a programação da prova:

22/07 - terça-feira
15h às 22h - abertura da secretaria de prova (confirmação de inscrição)

23/07 - quarta-feira
8h - abertura secretaria de prova
14h - Largada Promocional
15h -Prólogo em Fraiburgo

24/07 - quinta-feira
Roteiro: Fraiburgo - Timbó Grande - Canoinhas

25/07 - sexta-feira
Roteiro: Canoinhas - Papanduva - Rio Negrinho

26/07 - sábado
Roteiro: Rio Negrinho - Corupá - Jaraguá do Sul
À noite: premiação na Associação Baependi em Jaraguá do Sul


 

EQUIPA DA AMOB EM DESCANSO

EQUIPA DA AMOB

 

Eis a imagens do descanso dos guerreiros da AMOB, após terem disputado descansoamob Copyno passado fim de semana o Rali Sprint de Famalicão.

 

EQUIPES DE FÓRMULA 1 A CAMINHO

EQUIPES DE FÓRMULA 1 A CAMINHO

 

Depois de no passado fim de semana todo o "circo" da Fórmula ter disputado o Grande Prémio da Alemanha, toda a comitiva está em desloEQUIPAS A_CAMINHO_DA_HUNGRIA_Copy_Copycação para a próxima prova a ter lugar na Hungria.

 

RED BULL AIR RACE NA POLÓNIA

RED BULL AIR RACE NA POLÓNIA

 

 

Depois de três anos de intervalo, o Red Bull Air Race, voltou de novo aos céus, onde este fim de semana toda a comitiva assentou arrais ña Polónia na cidad de Gdynia, da qual apresentamos imagens da montagem dos hangares e aviões para o espectáculo que se avizinha.O dia de hoje as aeronaves começarão os testes de preparação.rebull6 Copyredbull2 Copyredbull4 Copyredbull7 Copyredbull14 Copyredbull15 Copyredbull16 Copyredbull15 Copyredbull16 Copyredbull17 Copyredbull18 Copyredbull19 Copyredbullgydnia1 Copyredbuull3 Copy

 

SUGESTÃO DA SEMANA

 

edpcooljazz entra na reta final da edição de 2014.

Mariza no Parque dos Poetas, Gregory Porter nos Jardins do Marquês.
 

alt
 


Oeiras, 21 de Julho de 2014 – O Parque dos Poetas (Estádio Municipal de Oeiras) é o palco que se segue no edpcooljazz para receber a mais internacional voz portuguesa, afadista Mariza.

A embaixadora do Fado atua esta quinta-feira, dia 24 de julho, prometendo um grandioso espetáculo, naquele que é também o seu regresso aos palcos na região de Lisboa, depois de uma ausência de dois anos.

O seu regresso contará com a participação especial do fadista Ricardo Ribeiro e o guitarrista Pedro Joia.

No sábado, dia 26, será a vez de Gregory Porter subir ao palco para a grande noite do jazz e da soul, desta feita no famoso Jardim do Palácio Marquês de Pombal, em Oeiras.

Comparado por alguns críticos com nomes como Joe Williams, Nat King Cole, Donny Hathaway e Marvin Gaye, Gregory Porter tem vindo a colecionar nos últimos anos várias nomeações para os Grammy Awards, prémio que venceu finalmente na última edição, na categoria de “Best Jazz Vocal Álbum”.

O concerto de Gregory Porter marcará o encerramento da edição de 2014 do festival mais cool, por onde passaram este ano nomes como Orquestra Buena Vista Social Club, Pink Martini, Suzanne Vega, Earth Wind & Fire, entre outros.

CARTAZ

24 de julho, Parque dos Poetas, Estádio Municipal de Oeiras
Mariza, 1ª parte Ricardo Ribeiro e Pedro Jóia
Bilhetes a partir de 20 euros.
alt
Mariza leva ao edpcooljazz o melhor do seu reportório, o álbum Best Of, naquele que é um dos grandes concertos da fadista em Portugal. A embaixadora do fado, neste momento em tour internacional, contará com a participação especial do fadista Ricardo Ribeiro e Pedro Joia.

26 de julho, Jardins do Marquês de Pombal, Oeiras
Gregory Porter, 1ª parte Vahagn & The Sky People
Bilhetes a partir de 25 euros.
alt
Umas das estrelas em ascenção para a grande noite do jazz e da soul. O músico e compositor norte-americano de jazz Gregory Porter é comparado por alguns críticos com nomes como Joe Williams, Nat King Cole, Donny Hathaway e Marvin Gaye. Gregory Porter tem vindo a colecionar nos últimos anos várias nomeações para os Grammy, prémio que venceu finalmente na última edição, na categoria de “Best Jazz Vocal Álbum”.

Informações úteis para uma melhor experiência cooljazz.

Locais : alt

Onde estacionar: alt

Onde Ficar: alt

Pontos de Venda

Locais dos Concertos, Lojas FNAC, Worten, El Corte Inglés, Centro Comercial Dolce Vita, Casino de Lisboa, Galerias Campo Pequeno, ABEP, Agência Alvalade, Agências Abreu, M M M Ticket, C.c. Mundicenter e U-Ticketline (ISCTE), Bilheteira Meo Arena, Arena de Portimão, Lojas Media Markt,Turismo de Lisboa, Balcões dos CTTs e www.ticketline.sapo.pt, www.blueticket.pt, www.ctt.pt.

Informações e reservas:
Ticketline Linha Apoio : 707 234 234 : Reservas e Informações : 1820

Blueticket Linha de apoio : 707 780 000

Classificação Etária: M/3 anos Bilhete pago a partir de: M/6 anos. Entrada grátis para crianças dos 3 aos 5 anos desde que acompanhadas de um adulto portador de bilhete válido.
 

 

CONDICIONAMENTOS NA A 1 E A 3

 

Condicionamento de trânsito na A3

Entre 22 e 24 de Julho

A Brisa Concessão Rodoviária informa que, no âmbito de trabalhos de manutenção de pavimento na A3 – Auto-estrada Porto/Valença, irá proceder aos seguintes condicionamentos de trânsito.

A 22 (terça-feira) de Julho

Entre as 09:00 e as 16:00, corte de via direita, no sentido norte/sul, entre os km 50,8 e 48

A 23 (quarta-feira) de Julho

Entre as 09:00 e as 16:00, corte de via direita, no sentido norte/sul, entre os km 48 e 47

A 24 (quinta-feira) de Julho

Entre as 09:00 e as 16:00, corte de via direita, no sentido norte/sul, entre os km 47 e 46,9

A Brisa agradece antecipadamente a compreensão e colaboração dos automobilistas, esperando contribuir para reduzir eventuais inconvenientes decorrentes desta operação.

Para informação actualizada poderá ainda consultar o site www.brisa.pt.


Condicionamento de trânsito na A1

Entre 22 e 25 de Julho

A Brisa Concessão Rodoviária informa que, no âmbito de trabalhos de repintura de sinalização horizontal, nos sublanços Sacavém/S. João da Talha/Sta. Iria da Azóia/Alverca, na A1 – Auto-estrada do Norte, irá proceder aos seguintes condicionamentos de trânsito.

De 22 (terça-feira) a 25 (sexta-feira) de Julho

Entre as 09:00 e as 18:00, viaturas em marcha lenta na via direita, em ambos os sentidos, entre os km 1,1 e 14,1

A Brisa agradece antecipadamente a compreensão e colaboração dos automobilistas, esperando contribuir para reduzir eventuais inconvenientes decorrentes desta operação.

Para informação actualizada poderá ainda consultar o site www.brisa.pt.

 

NOVO PEUGEOT 108

 

NOVO PEUGEOT 108 NA «PASSERELLE»

01 Berlina_e_TOP__Copy108 Copy
Peugeot Portugal é Parceiro Oficial do Elite Model Look Portugal 2014
A Peugeot Portugal é Parceiro Oficial da presente edição do Elite Model Look Portugal
2014, um dos mais prestigiados eventos de beleza a nível internacional e o mais
importante concurso de modelos que se realiza em Portugal. Em destaque na
«passerelle» irá estar o Novo Peugeot 108.
Numa diversidade de apostas na área da moda, da cultura e dos eventos desportivos, a
Peugeot Portugal associa-se, uma vez mais, a uma acção de enorme visibilidade e
prestígio, através da parceria com a organização do Elite Model Look Portugal 2014, um
dos mais conceituados eventos de beleza que se realizam no nosso país.
«Numa altura em que estamos a lançar no mercado nacional o Novo Peugeot 108, que se
diferencia pela personalização, estatuto e pela imagem pessoal que oferece aos seus
proprietários, nada melhor do que associar a comunicação do modelo a um território
assente no universo da moda, da beleza e do glamour», refere José Barata, Director de
Relações Externas e Imprensa da Peugeot Portugal.
A imagem do novo Peugeot 108, Carro Oficial desta iniciativa, tem estado, por isso, em
destaque ao longo das últimas semanas nas várias acções de «scout» que elementos da
agência Elite têm feito pelo país, em busca de potenciais jovens modelos que possam vir a
destacar-se na carreira da moda. Um dos «castings» decorreu no passado Sábado no
Porto, a que se seguirão dois outros já esta semana, respectivamente em Albufeira
(Algarve) na 5ª Feira (dia 24) e Amoreiras (Lisboa) no Sábado (dia 26), envolvendo um total
de 350 jovens.
A final do Elite Model Look Portugal 2014 está agendada para o dia 14 de Setembro, em
Lisboa. Mais informações em https://www.facebook.com/elitemodellookportugal .

 

BERNARDO SOUSA NO RALI DA MADEIRA

 

Através de parceria com a Team Vespas

 

BERNARDO SOUSA NO RALI DA MADEIRA

 

2014018112011 Copyday 43_CopyA dupla portuguesa Bernardo Sousa/ Hugo Magalhães confirmou hoje a sua participação no Rali da Madeira 2014, que decorre de 1 a 3 de Agosto.

 

A dupla, actual 8º lugar do Campeonato Mundial de Ralis, variante WRC2, vai utilizar para o efeito um Ford Fiesta R5, fruto da parceria/ convite firmada com a Team Vespas que, no ano passado, regressou ao mundo da competição automóvel.

 

Para o piloto português, a sua participação “é sempre difícil”, mas tem carro para tecnicamente lutar pelo pódio. “Falta-nos ritmo em asfalto já que a última prova nesse piso foi no ano passado no Algarve”, disse.

 

“Vamos reaprender a conduzir em asfalto, mudar o chip para uma condução mais limpa e eficiente, embora o objectivo seja realizar a prova toda e preparar a próxima etapa do WRC na Alemanha em Agosto”, acrescentou.

 

Em termos de Mundial, seguem-se a Finlândia, entre 31 de Julho e 3 de Agosto e o Rali da Alemanha, de 21 a 24 de Agosto, o qual marca o regresso do piloto português.

 

SMART TIMES EM CASCAIS

 

smart times 2014 em Cascais

2.380 fãs smart festejam sob o sol de Portugal

De 17 a 19 de julho de 2014, 2.380 fãs smart de 32 nações celebraram o maior encontro internacional smart em Portugal. O coração da vila de Cascais não foi apenas palco de inúmeros eventos smart, tais como test drives ou o desfile smart, mas também foi o ponto de partida para mais de 800 entusiastas smart explorarem a região, da Praia da Figueirinha ao ponto mais ocidental da Europa.

 

 

Programa à la smart – Festa à la Portugal

A convite do presidente da Câmara Municipal de Cascais, Carlos Carreiras, o evento iniciou-se na quinta-feira com um churrasco para todos os participantes diretamente na praia da baia de Cascais. Os dias seguintes foram passados entre test drives com os atuais modelos smart, o popular concurso de automóveis smart times e as apresentações de tuners e expositores smart de toda a Europa, bem como a relaxar ao sol com vista para o Atlântico. Para os mais pequenos, disponibilizou-se uma área infantil diretamente na praia.

 

 

Da estrada para a praia – o smart times no sábado

O lendário desfile smart times mais longo de sempre arrancou no antigo circuito de Fórmula 1 do Estoril, tendo sido inaugurado com uma volta de honra com todos os condutores de smart forfour para celebrar o 10.º aniversário deste modelo de quatro lugares. De seguida, 1.427 smarts, um novo recorde a nível mundial, desfilaram pelo Estoril em direção a Cascais e à beach party. Este ano, o evento incluiu um desfile de smart ebikes. No final, os vencedores das oito categorias do Concurso smart times subiram ao palco para serem homenageados.

 

 


 

Da praia para a cidade – smart times 15 na Hungria

Na festa de despedida realizada no sábado à noite, o suspense voltou a aumentar. Por volta das 23h00, foi revelado o local onde se realizará o evento no próximo ano: em 2015, o smart times irá acontecer de 28 a 30 de agosto em Budapeste, na Hungria, diretamente na Praça dos Heróis. As inscrições estão abertas a partir de agora, em www.smarttimes15.com.

 

 

Informação geral sobre o smart times 13

23-25/08 em Buochs, Lucerna, Suíça

1 700 participantes de 24 nações

1 203 smarts no desfile

 

st14 Press_1_Copyst14 Press_2_Copyst14 Press_15_Copyst14 Press_25_Copy
 

MANUEL CORREIA QUER A VITÓRIA NA CATEGORIA 1

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

RAMPA PAÇOS DE FERREIRA

 

 

MANUEL CORREIA QUER A VITÓRIA NA CATEGORIA 1

 

Estando ainda numa fase de adaptação ao Skoda Fabia S 2000, Manuel Correia já demonstrou nas suas participações que há que contar com ele para a discussão da vitória em termos e categoria 1.Por isso o piloto de Braga, está pronto para mais uma “batalha” como nos confirmou “ como é lógico corro para vencer, nem sempre é possível, é um facto, mas já demonstrei o andamento que tenho com o meu Skoda Fabia S 2000.É lógico que tenho plena consciência que é sempre muito difícil chegar ao Porsche GT 2 do António Nogueira, pois estamos a falar dum carro com mais de 600 cv de potência, mas uma certeza eu garanto, serei sempre a “sombra” do Porsche, e vou para esta prova, animado, pois vou participar para lutar pela vitória. Nunca lá corri na Rampa de Paços de Ferreira, sei que é uma rampa rápida, por aquilo que me disseram bem diferente daquelas por onde já passei, mas é logico que estou confiante num bom resultado final, pelo menos vou para lutar e assim será até ao baixar da bandeira de xadrez no final da ultima subida de prova. Pôr outro lado, ao longo do fim de semana conto na sessão de treinos poder testar novos set up no Fabia S 2000, para incrementar ainda mais o seu desempenho, e só espero encontrar um set up que me possa levar à vitória, pois este carro tem ainda muito para evoluir”, comentou-nos.

As verificações técnicas irão decorrer na parte da manhã de sábado, com as subidas de treinos marcadas para a parte de tarde .As subidas de prova terão lugar a partir das 1oh de domingo.FOX 8478_Copy

 

JOÃO PAULO MATOS SOMA E SEGUE

 

SINGLE SEATERS – AIA

 

 

JOÃO PAULO MATOS SOMA E SEGUE COM DUAS VITÓRIAS NA SUA CATEGORIA


jpmatos1 Copyjpmatos2 Copyjpmatos3 Copyjpmatos5 Copyjpmatosd6 Copy

João Paulo Matos obteve no passado fim de semana duas brilhantes vitórias na sua categoria na prova dos Single Seaters.Por isso no final o piloto do Porto, estava mais do que satisfeito com os resultados do fim de semana dizendo-nos logo “ foi aquilo que se pode chamar dum fim de semana perfeito, correu tudo bem, foi só meter gasolina, e toca a andar .O Hawke esteve perfeito, não deu o mínimo problema, foram duas boas corridas, que fiz o meu melhor, acima de tudo diverti-me ao máximo, pois faço das corridas um hobby. Agora há que preparar o carro para a próxima prova”

 

Fotos : Rui Nascimento

 

ALBUQUERQUE EM 2º NA AUSTRIA

 

European Le Mans Series na Áustria

Filipe Albuquerque foi segundo

 

Primeira hora

Apesar de algumas nuvens que apareceram durante as voltas de abertura das 4 Horas de Red Bull Ring, foi sob forte calor que às 14h00 foi dada a partida. Filipe Albuquerque com o habitual Zytec Z11SN da Jota Sport arrancou muito bem à cabeça do pelotão enquanto que Nelson Panciatici ao volante do Alpine A450 da equipa Sinatech ganhou um lugar no final da primeira volta, para se colocar atrás do Oreca 03 nº34 da Race Performance (Frank Mailleaux). O Morgan Judd da NewBlood by Morand Racing (nº43) iniciou a prova com Pierre Ragues ao volante, enquanto foi Julien Schell que começou as hostilidades pelo lado da sua equipa Pegasus Racing. Por seu lado, ainda na fase inicial, os dois Zytec Z11 SN Nissan da Greaves Motorsport foram para as boxes, aproveitando a presença do Safety Car - devido ao BMW Z4 GTC do Team Russia bt Barwell ter ficado atravessado na pista – para uma paragem prematura.

O Zytec nº28 da Greaves subiu rapidamente na classificação graças à pilotagem do novo membro da equipa, Luciano Bacheta. Por seu turno, Mark Patterson ao volante do Zytec nº41 subiu igualmente na classificação, mas foi obrigado a abrandar devido ao tráfego gerado pelos 12 GTC e 13 LM GTE em pista. Após a primeira hora, estes dois Zytec tinham já conseguido aproximar-se do pelotão LMP2.

Enquanto que a Jota Sport e a Race Performance ganhavam um claro avanço para o restante pelotão dos LMP2, a batalha para o terceiro lugar conhecia a sua intensidade máxima entre  três franceses (Nelson Panciatici, Pierre Thiriet e Pierre Ragues) de três equipas diferentes (Signatech Alpine, Thiriet by TDS Racing e NewBlood by Morand Racing). Pouco tempo antes do fim da primeira hora, o Alpine A450 abriu o caminho das boxes para a primeira ronda de abastecimentos, logo seguido pelo nº29 da Pegasus, nº38 da Jota Sport (com Filipe Albuquerque) e o nº45 da Thiriet by TDS. O último carro a entrar nas boxes foi o Morgan da NewBlood by Morand Racing que, tendo levado o esforço demasiado longe, ficou sem combustível no “pit lane”. Os mecânicos da equipa tiveram então que empurrar que o carro até à respectiva box, perdendo longos e insubstituíveis segundos com a manobra.

Segunda Hora

O começo da segunda hora de prova ficou marcado pela saída de pista do Ligier JS P2, pilotado nesse momento por Ludovic Badey, que evitou por pouco o contacto com os rails de protecção. Em seguida, Ludovic levou o carro até às boxes, para os mecânicos poderem intervir na suspensão dianteira e nos discos de travões. O Ligier perdeu aqui preciosos minutos, mas regressou à pista ainda com Badey ao volante. No entanto, o regresso foi de curta duração, pois o Ligier seria vitima de uma nova saída de pista devido à quebra do suporte do cubo da roda traseira esquerda, sinónimo de desistência para o carro nº46.

Entretanto, na frente da corrida, o Oreca 03 da Race Performance apoderou-se do comando com o veterano Michel Frey à frente de Simon Dolan no Zytec da Jota Sport e do Alpine nº36, nas mãos de Paul-Loup Chatin. Após 1h20 de corrida, Simon Dolan ensaiou – e conseguiu – retomar a liderança da prova. Logo em seguida, o piloto do Alpine conseguiu apoderar-se do segundo posto, à custa de Michel Frey que caiu para terceiro com o Oreca nº34. Mas a batalha não terminaria por aqui, pois na 66ª volta, o Alpine da Signatech chegou ao comando da prova em sequência da paragem para abastecimento do Zytec de Dolan. No final da segunda hora de corrida, o Alpine azul liderava com 1,46 s de avanço sobre o carro branco da Jota Sport. O terceiro posto passava a ser ocupado pelo Zytec nº28 da Greaves Motorsport, pilotado por Mark Shulzhitskiy, enquanto que o Morgan da NewBlood by Morand Racing rodava na 4ª posição com Gary Hirch ao volante. Frank Mailleux tinha retomado o volante do Oreca 03 da Race Performance e rodava à frente do segundo carro da Greaves, ou mais precisamente, do Zytec nº41 de Matt McMurry.

 

Terceira Hora

Estava muito calor no Red Bull Ring na altura em que a corrida entrou na sua terceira hora, garantindo dificuldades acrescidas para pilotos e máquinas. Mas apesar disso a prova prosseguia em bom ritmo. Entretanto, uma má notícia batia à porta da equipa NewBlood by Morand Racing, ao receberem uma penalização de 15 s (Stop & Go) devido ao Morgan ter ultrapassado a velocidade máxima permitida nas boxes. Outro Morgan, o da Pegasus Racing, rodava então no fim do pelotão após ter perdido cerca de 15 voltas devido a uma intervenção técnica no início da corrida. Ao volante, Nicki Leutwiller tentava encontrar caminho através do tráfego, para subir na classificação.

Paul-Loup Chatin continuava no comando da corrida, rodando com cerca de 3,5 s de vantagem sobre Simon Dolan, com os dois a fazerem tempos muito semelhantes. Por seu turno, o Zytec nº28 instalava-se confortavelmente no terceiro posto, a 46 s do líder. Logo atrás, o Oreca 03 nº34 que se manteria na 4ª posição até à ronda seguinte de paragens e abastecimentos.

Na 95ª volta o Alpine da Signatech parou para abastecer e, ainda com Paul-Loup Chatin ao volante, regressou à pista na terceira posição. Mantendo-se também ao volante, Simon Dolan recuperou o segundo lugar, logo seguido por Frank Mailleaux (Oreca 03 nº34 da Race Performance). Na equipa NewBlood by Morand Racing continuavam os contratempos, com Gary Hirsch a cortar por duas vezes a linha branca de entrada das boxes e, por isso, a receber nova penalização, agora de 2 minutos. Na 98ª volta, o britânico Harry Tincknell rendeu Simon Dolan ao volante do Zytec da Jota, permitindo que o Alpine regressasse ao comando da prova.

Na 100ª volta, Gary Hirsh cumpriu a sua segunda penalização antes de entregar o volante a Christian Klien, que saiu na sexta posição, a três voltas do líder. Motivado para recuperar o atraso, o piloto austríaco realizou então o melhor tempo da corrida até ao momento, cumprindo a 107ª volta em 1:25.068.

À medida que nos aproximávamos do final da terceira hora de prova, o companheiro de equipa de Filipe Albuquerque, Harry Tincknell, tratava de fazer a vida difícil ao Alpine A450… ao rodar a distâncias situadas entre 0,167 e 0,510 s, a luta pelo comando estava relançada entre o piloto britânico do Zytec e Paul-Loup Chatin. No terceiro lugar mantinha-se o Oreca 03 da Race Performance, seguido de perto pelo Zytec nº28 da Greaves. Entre as voltas nº 119 e 120, a luta entre Thincknelle e Chatin atingia o rubro, cativando a atenção de todos, em pista mas também em volta da pista… Fantástica ultrapassagem de Thincknell a Chatin, depois de Chatin a Thincknell… Que corrida!

Última hora

A quarta e derradeira hora das 4 Horas de Red Bull Ring começou com o Zytec nº38 de Harry Thincknell à frente do Alpine nº36 de Chatin. Em poucas voltas, o britânico foi construindo um pequeno avanço de 4 segundos. No terceiro lugar prosseguia Frank Mailleaux, a 34 segundos do comandante, realizando então a melhor volta da corrida, com 1:34.269 (126ª volta). Mark Shulzhitsky era então o 4º classificado, ao volante do Zytec nº28 da Greaves Motorsport e Christian Klien que já tinha ganho mais um lugar, pontuava agora na 5ª posição dos LMP2, na frente do nº28 pilotado por Tom Kimber-Smith. Ao volante do Morgan nº29 da equipa Pegasus Racing, Jonathan Coleman era agora 6º da classe rainha do ELMS, mas a equipa francesa tinha dificuldade em reduzir o atraso sofrido no início da corrida.

A 40 minutos do final da corrida, Simon Dolan retomou o lugar ao volante do Zytec nº 38 da equipa de Filipe Albuquerque. Mudança também pelo lado da Signatech, com Oliver Webb a ocupar agora a “bacquet” do Alpine A450. Os dois britânicos prosseguiram então a luta iniciada pelos seus companheiros de equipa. Na volta número 132, Webb retomou o comando com uma brilhante ultrapassagem e abriu rapidamente um avanço de mais de 3 segundos. Michel Frey, de novo ao volante do Oreca 03 nº34 mantinha-se no terceiro posto, à frente do Zytec nº28 e do Morgan nº43 de Christian Klien que rodava no 5º lugar. No entanto, o piloto suíço sofreria nova penalização, agora divido a condução antidesportiva.

O céu cobriu-se de nuvens para a parte final da corrida, mas as posições permaneceram imutáveis. O vencedor das 4 Horas de Red bull Ring acabaria por ser o Alpine A450 Nissan nº 36 da Signatech Racing (Paul-Loup Chatin, Oliver Webb, Nelson Panciatici) com 12 segundos de avanço sobre o Zytec Z11SN Nissan nº 38 da Jota Sport (Filipe Albuquerque, Simon Dolan e Harry Tincknell) e 18 segundos de avanço sobre o terceiro classificado, o Oreca 03 Nissan da Race Performance (Michel Frey, Frank Mailleaux). O 4º lugar ficou entregue a Luciano Bacheta e Mark Shulzhitskiy, ao volante do Zytec Z11SN Nissan da Greaves Motorsport. Seguiu-se o Morgan Judd da NewBlood by Morand Racing (Christian Klien, Gary Hirsch e Pierre Ragues) o Zytec nº41 da Greaves (Tom Kimber-Smith, Matt McMurry e Mark Patterson) e o Morgan Nissan nº 29 da Pegasus Racing (Julien Schell, Nicki Leutviller  e Jonathan Coleman).

 

 

LM GTE e CTC

Ferrari com vitória clara após árdua disputa

As equipas da Ferrari conquistaram todos os lugares do pódio nas classes LM GTE e GTC na terceira ronda do European Le Mans Series de 2014. Mas a história não foi assim tão simples como os resultados parecem sugerir.

Na classe LM GTE o vencedor foi o Ferrari F458 nº55 da AF Corse, partilhado por Duncan Cameron, Michele Rugolo e Matt Griffin, terminando claramente à frente do F458 nº81 da Kessel Racing de Thomas Kemenater e Mateo Cressoni e do Ferrari nº66 da JMW Motorsport, de Rob Bell, Daniel McKenzie e George Richardson.

No entanto, a corrida não foi muito fácil para as equipas da Ferrari, com o Aston Martin Vantage V8 da Gulf Racing, pilotado por Dan Brown a fazer um arranque fulgurante e a dominar o início da corrida, construindo um avanço muito significativo para o pelotão, que se manteria  durante as primeiras duas horas da corrida. O andamento do Aston Martin foi um dos motivos de conversa durante o fim-de-semana e só na segunda metade das 4 Horas de prova é que os Ferrari conseguiram tomar o controle da mesma.

Na partida, à frente da grelha da classe LM GTE estava o Ferrari nº72 da SMP Racing de Sergey Zlobin, depois de Andrea Bertolini ter levado o carro à “pole” na manhã de Domingo. O inicio da corrida foi muito intenso, mas o russo cortou a meta no final da primeira volta ainda no comando da classe. No entanto, na 4ª passagem pela meta o Ferrari tinha já caído para o 4º lugar, com Dan Brown no referido Vantage V8 da Gulf Racing a chegar ao comando à frente do Ferrari JMW nº66 de Daniel McKenzie.

O período de Safety Car provocado pelo despiste do BMW Z4 do Team Russia by Barwell pilotado então por Leo Machitski voltou a agrupar o pelotão, mas após a bandeira verde Brown retomou o seu ritmo infernal e voltou a abrir um grande fosso para os restantes concorrentes. Na 20ª volta o Aston Martin tinha 10 segundos de vantagem sobre o segundo classificado. Sempre num ritmo muito forte, o piloto britânico manter-se-ia aos comandos durante as primeiras duas horas de prova, entregando depois o volante a Roald Goethe, quando dispunha já de 30 segundos de vantagem sobre o segundo classificado. No entanto, uma paragem demasiado longa na box relegou o Aston Martin para o terceiro posto da classe. De volta à pista, o piloto alemão conseguiria retomar brevemente o comando, antes de outros pilotos mais experientes conseguirem alcançar o Aston Martin e desapossarem-no definitivamente do comando.

Quando faltavam 90 minutos para o final da corrida, Thomas Kemenater chegou ao comando da categoria LM GTE com o Ferrari da Kessel Racing mas logo em seguida seria apanhado por Matt Griffin que substituíra Michel Rugolo aos comandos do Ferrari nº55 da AF Corse. Dez minutos mais tarde, o piloto irlandês colocou-se em posição de disputar a primeira curva com o adversário. Griffin foi pelo lado de fora para evitar tocar num concorrente retardado que se cruzou no caminho dos dois Ferrari em luta. Os dois F458 subiram a colina para a curva 2 lado a lado, mas Griffin tinha a melhor linha e pode assim conquistar a liderança entre os LM GTE.

A uma hora do fim da prova, Kemenater e Griffin foram às boxes com uma volta de intervalo, entregando os carros respectivamente a Matteo Cressoni e Michele Rugolo. O Ferrari nº81 da Kessel Racing foi o mais rápido na paragem, conseguindo assim retomar o comando da classe. No entanto, não tardou muito para Cressoni estar de novo a ser pressionado por parte do carro da AF Corse. A 30 minutos do final, Rugolo apontou pelo interior da trajectória de Cressoni na curva 1 e conquistou o comando entre os LM GTE, para o manter até ao final, cortando a meta com cerca de 30 segundos de avanço sobre o segundo classificado.

Entretanto, o Ferrari nº66 da JMW Motorsport de Rob Bell tentava aproximar-se do Ferrari de Cressoni, mas a distância entre ambos era demasiado importante para que o piloto britânico a pudesse transpor antes do final da prova. O Ferrari nº56 da AT Racing acabaria em 4º e o nº54 da AF Corse ficaria na 5ª posição, com o o Ferrari da SMP Racing, o autor da “pole position”, a conseguir o 6º posto da classe, à frente do Aston Martin da Gulf Racing, agora pilotado por Stuart Hall.

Após as 4 horas de Red Bull Ring, o Ferrari nº55 da AF Corse lidera o campeonato com 3 pontos de vantagem sobre o carro idêntico da SMP Racing, com Duncan Cameron e Matt Griffin a liderar a classificação de pilotos, por idêntica margem.

Apesar da SMP não ter podido capitalizar a sua pole nos LM GTE, a equipa pôde comemorar um expressiva “dobradinha” na classe GTC, com o Ferrari nº71 de Kiril Ladygin, Aleksey Basov e Luca Persiani a alcançarem a sua primeira vitória da época, à frente do Ferrari nº73 de Anton Ladygin, David Markosov e Olivier Beretta. No entanto, a equipa do Ferrari nº73 da SMP Racing saiu do Red Bull Ring à frente do campeonato, após conseguir pela terceira vez em três corridas o terceiro lugar da classe. A tripla do F458 nº73 dispõe agora de 12,5 pontos de vantagem sobre Johnny Laursen e Michael Mac, depois do Ferrari nº60 da Formula Racing ter ficado no último posto da classificação geral (30º) e no último da classe (11º), apesar de ter partido da “pole position” dos GTC.

A classe GTC foi dominada pelas equipas da Ferrari, apesar da forte oposição oferecida na qualificação pelos McLaren da Art Grand Prix. Na corrida, após o período inicial do “Safety Car” causado pelo referido despiste do BMW Z4, o Ferrari nº60 da Formula Racing tomou brevemente o comando para de seguida cedê-lo ao Ferrari nº95 da AF Corse pilotado por Cedric Sbirrazuoli, piloto que se manteve à frente até à 11ª volta. Então foi a vez do Ferrari SMP nº71 de Kiril Ladygin passar para a liderança, abrindo um confortável avanço até ao primeiro “pit stop”.

Nas duas horas seguintes, os dois Ferrari batalharam pelo primeiro lugar entre os GTC, com o F458 nº 71 da SMP a segurar o ceptro. Na segunda metade da corrida, Olivier Beretta com o Ferrari nº73 começou a recuperar o atraso para o carro idêntico da AF Corse, com o antigo piloto de Fórmula 1 a conseguir ultrapassar o adversário e colocando-se no segundo lugar da classe, embora cerca de 30 segundos atrás do seu companheiro voador, que se mantinha firmemente no comando das operações.

A classificação manteve-se então estabilizada até à bandeira de xadrez, com a dupla vitória da equipa russa SMP Racing. Em terceiro ficou o Ferrari nº95 da AF Corse, com Sbirrazzuoli e Adrien de Leener, cerca de 30 segundos atrás do Ferrari SMP nº73 de Beretta. O McLaren MP4 12C nº99 da Art Grand Prix foi o primeiro não-Ferrari, com o 4º posto da classe, logo seguido do carro idêntico com o nº98.

A próxima prova do ELMS será disputada no Circuito de Paul Ricard no sul de França, nos próximos dias 13 e 14 de Setembro. Será a penúltima prova da época 2014 do ELMS, com a grande final a realizar-se no Autódromo do Estoril, no mês de Outubro, com a organização da ACDME.

www.europeanlemansseries.comphototheque 2014_Red_Bull_Ring_p18t7mml8q16rou5s3kl1uou1guee_Copyphototheque 2014_Red_Bull_Ring_p18t9sfaei109ro9ds8l1hoc9jj9_Copy

 

LISTA DE INSCRITOS PROVISÓRIA PARA A RAMPA DE PAÇOS DE FERREIRA

LISTA DE INSCRITOS PROVISÓRIA PARA A RAMPA DE PAÇOS DE FERREIRA

 

 

 

 

101 António Nogueira P 695 António Nogueira P 695 PORSCHE GT2
104 Manuel Correia P 1649 Manuel Correia P 1649 SKODA FABIA
116 Joana Barbosa P 2069 Joana Barbosa P 2069 ABARTH 500
120 Sergio Monteiro P 2703 Sergio Monteiro P 2703 ALFA ROMEO 147
121 Martine Pereira P 1580 Martine Pereira P 1580 ALFA ROMEO 147
José Pires P 2458 José Pires P 2458 PORSCHE 996 GT3
VELOSO MOTORSPORT P Miguel Lobo P ASTON MARTIN VANTAGE V8 GT4
205 Paulo Ramalho P 1999 Paulo Ramalho P 1999 JUNO SSE
206 Pedro Castanõn E E942GA Pedro Castanõn E E942GA JUNO CN09
207 Rui Ramalho P 50 Rui Ramalho P 50 JUNO CN09
220 João Fonseca P 2373 João Fonseca P 2373 SILVER CAR S2
221 Joaquim Rino P 2229 Joaquim Rino P 2229 BRC 05
224 Nuno Guimarães P 2032 Nuno Guimarães P 2032 BRC CM 02
302 Tiago Reis P 2375 Tiago Reis P 2375 FORD FIESTA 2000
303 Edgar Reis P 2376 Edgar Reis P 2376 CLIO RS2000
308 Manuel Pereira P 424 Manuel Pereira P 424 MITSUBISHI EVOVII
309 Daniel Teixeira P 3347 Daniel Teixeira P 3347 CLIO RS2000
310 Jorge Meira P 2294 Jorge Meira P 2294 CITRÖEN SAXO CUP
311 Sofia Mouta P 2448 Sofia Mouta P 2448 CITROEN SAXO
312 Leonel Rodrigues Brás P 3617 Leonel Rodrigues Brás P 3617 VW GOLF 3
314 Filipe Barbosa P 3197/14 Filipe Barbosa P 3197/14 FORD ESCORT
Paulo José Pinto P 1079 Paulo José Pinto P 1079 PEUGEOT 106 RALLYE
ESCUDERIA RIAS BAIXAS E EC 38 GA Rocio Fernandez E E1057GA CITROEN SAXO
Amaro Melo P Amaro Melo P BMW E30 M3
Paulo Nogueira P Paulo Nogueira P CITROEN SAXO CUP
João Paulo Sousa P 2049 João Paulo Sousa P 2049 BMW E30 M3
Sergio Nogueira P Sergio Nogueira P CITROEN SAXO CUP
Jorge Melo P Jorge Melo P BMW E30 M3
José Miguel Cardoso P 2098 José Miguel Cardoso P 2098 CITROEN SAXO
José Paulo Sousa P 2536 José Paulo Sousa P 2536 BMW E30 M3
Martinho Melo P Martinho Melo P BMW E30 325
Paula Sousa P 2623 Paula Sousa P 2623 BMW E36 325I
Carlos Gonçalves P 1477 Carlos Gonçalves P 1477 FIAT UNO
Romulo Moura P Romulo Moura P FIAT UNO
501 Joaquim Teixeira P 1899 Joaquim Teixeira P 1899 SEAT LEON SUPER COPA
502 José Correia P 1648 José Correia P 1648 SEAT LEON
503 Luís Silva P 1733 Luís Silva P 1733 MITSUBISHI EVO VI
504 João Guimarâes P 2034 João Guimarâes P 2034 PEUGEOT 206 RC
511 João Paulo Oliveira Silva P 2290 Paulo Silva P 2290 SEAT LEON SUPER COPA
514 Luis Nunes P 3373 Luis Nunes P 3373 SEAT LEON
515 Ricardo Gomes P 2008 Ricardo Gomes P 2008 SEAT LEON
516 Francisco Marrão P 2033 Francisco Marrão P 2033 SEAT LEON SUPER COPA
530 Rui Pedro Mendonça P 3553 Rui Pedro Mendonça P 3553 ALFA ROMEO 156
AMOB RACING P 1776 Manuel Barros P 1779 FIAT PUNTO 85
AMOB RACING P 1776 Vasco Barros P 1851 FIAT PUNTO 85
602 Domingos Fernandes P 1768 Domingos Fernandes P 1768 AUTOBIANCHI A112
603 José Figueiredo P 1619 José Figueiredo P 1619 DATSUN 1200
604 Flávio Sainhas P 2594 Flávio Sainhas P 2594 FORD ESCORT MK1
605 José Pedro Gomes P 2172 José Pedro Gomes P 2172 FORD ESCORT
606 Anibal Rolo P 1339 Anibal Rolo P 1339 RENAULT 5 TURBO 2
607 Abel Marques P 2036 Abel Marques P 2036 AUTOBIANCHI A112
608 Helder Silva P 2273 Helder Silva P 2273 BMW 323I
611 Luis Pedro Martins P 3409 Luis Pedro Martins P 3409 FORD ESCORT MK1
TOTAL INSCRITOS - 41

 

PROCAR VENCEU EM PORTUGAL

 

PROCAR MOTORSPORT GANHA COM CITROËN DS3 R5 EM PORTUGAL


Primeira vitória geral para a R5 Equipe Citroën DS3 nas ruas de Pistoia Sprint Rali de Vila Nova de Famalicão, graças ao piloto Português Miguel Jorge Barbosa. Antes rankings das mulheres Margarida Barbosa com o Citroën DS3 R3.
Pistoia, Junho 21, 2014 - Ao volante do Citroen DS3 R5 Motorsport Procar o jovem Miguel Jorge Barbosa ganha o Rali Sprint de Vila Nova de Famalicão, que foi realizado no último fim de semana nas estradas do Norte de Portugal.
Navegou Alberto Silva, o motorista Português fecha o rali casa, em primeiro lugar geral, pela quarta vez consecutiva. A satisfação é importante, pois foi a primeira vez que eu montei na cabeça do carro francês na formulação R5, mas também porque a vitória veio após um duelo emocionante com golpes de centésimos de segundo com João Barros Ford Fiesta R5 que tem uma diferença de 0,89.
Sua irmã, Margarida Barbosa, ao volante do Citroen DS3 R3, sempre Motorsport Procar, navegado por Luís Ramalho terminou o rali com o primeiro lugar no feminino e vinte e cinco no absoluto.
Grande satisfação para a equipe de Pistoia: "Pela primeira vez nós ganhamos uma corrida com Citroen DS3 R5. Estamos muito felizes e é o sinal importante de que estamos a trabalhar bem "- as palavras de Paulo Sabattini, Team Manager da Motorsport Procar -" O carro graças aos esforços de toda a equipe está se tornando extremamente competitivo. O piloto foi capaz de adquirir uma boa sensação com o carro desde que o teste na sexta-feira, tivemos um grande momento e trouxe para casa uma vitória para o centésimo de segundo em R5 Ford Barros. Não podemos estar satisfeitos! "

ds3r5-barbosa-procar Copyfoto-team-procar Copy
Classificação final do Rali de Vila Nova de Famalicão Sprint 2014: 1 Barbosa / Silva (Citroën DS3 R5) 10'39 .58;. 2 Barros / Henriques (Ford Fiesta R5) 0,89.; 3. Alves J. / P. Alves (Renault Clio R3) 40.98.

 

SEGUNDO AS PREVISÕES DA PIRELLI

 

Hungarian Grand Prix Preview: Budapeste, 24-27 julho 2014
  MEDIUM SOFT E PNEUS PARA A QUENTE E HUNGARORING TWISTY
TRACK GRIP baixas velocidades-LOW e colocar a ênfase na aderência mecânica
Equipes e ir direto para PIRELLI HUNGRIA DA ALEMANHA
Europeia apenas para a corrida BACK-TO-BACK DO ANO


 A Pirelli, juntamente com o resto das equipes, faz com que a viagem de 800 quilômetros de Hockenheim a Budapeste para o único back-to-back grande fim de semana Prêmio da Europa da temporada. O Hungaroring, o primeiro Fórmula Um local a ser construído por trás da antiga Cortina de Ferro em 1986 é uma instalação permanente, mas tem muitas das características de um circuito de rua, com curvas apertadas e sinuosas e uma superfície de aderência baixo Isso coloca a ênfase na aderência mecânica. No passado, a raça tem sido muitas vezes muito quente, mas a chuva não é desconhecido também. Está trazendo o meio Pirelli P Zero Branco, juntamente com os amarelos pneus macios P Zero, que deverá fornecer o compromisso certo entre desempenho e resistência às altas temperaturas ambientes. Embora a Hungaroring não é particularmente exigente com os pneus, a série non-stop de cantos significa que os compostos não ficar muito de uma oportunidade para esfriar ao longo de uma volta.
Paul Hembery, diretor de automobilismo da Pirelli: "A Hungria é bem conhecida por ser um layout complicado, onde é difícil ultrapassar e encontrar um set-up perfeito para toda a volta. Isso significa que essa estratégia é especialmente importante, pois oferece uma rara oportunidade de ganhar posição pista. O clima é normalmente um ponto de falar na Hungria, mas vendo como nossos pneus realizados no temperaturas muito quentes pista de Hockenheim, temos certeza que esse que não deve ser um problema. Os pneus que estamos trazendo para a Hungria é um passo mais difícil, para lidar com o aumento No demandas, de modo que seria de esperar os dois pit habitual pára -. Embora só teremos uma idéia melhor desta vez nós começamos a treinos livres na sexta-feira "
Jean Alesi, consultor Pirelli: "Nos últimos anos, o Hungaroring mudou de uma forma positiva. É uma pista em que você executa máximo downforce, por causa de todas as curvas lentas e aceleração de baixa velocidade, mas também há alguns lugares agora onde você pode empurrar ao máximo. Obtendo boa tração permanece o principal desafio técnico e, acima de tudo que você precisa para cuidar dos pneus traseiros, caso contrário, você acaba sem aderência e travagem reduzida. Existem alguns pontos-chave para saber sobre o circuito. O segundo canto após os pits, por exemplo, é uma descida canhoto Parece rápido, mas que não é: o que você precisa para ficar no interior para ter a melhor linha para o destro que o segue. E isso é realmente a chave para o Hungaroring; Afeta todos os cantos do próximo. Vai ser difícil, mesmo amoras este ano eu penso: todos os cantos que significam os motoristas tem que ter cuidado como eles modular o acelerador. Com o torque extra este ano, que não é tarefa fácil, eu sei que vai ser muito difícil de manter a linha de corrida ideal de cada vez ... "
O circuito de um ponto de vista dos pneus:
O Hungaroring é um circuito que é muito bem equilibrada entre tração e frenagem, e energia lateral. Os carros correm máximo downforce, a fim de aproveitar ao máximo a aderência mecânica nas curvas lentas.
O pneu médio é um composto de baixa escala de trabalho, capaz de atingir um ótimo desempenho mesmo em uma ampla gama de temperaturas baixas. O pneu macio por outro lado é um composto de alta faixa de trabalho, adequado para temperaturas mais altas. Temperaturas da pista em Hungaroring são muitas vezes entre os mais quentes do ano.
Os pneus são muitas vezes sujeitos a uma combinação de forças em Hungaroring. O downforce aerodinâmico Isso significa que há uma força vertical empurrando para baixo sobre os pneus, e, ao mesmo tempo, há uma força lateral atravessando os pneus enquanto negociam os cantos, bem como as forças longitudinais de aceleração e frenagem. Tudo isto aumenta a tensão sobre a estrutura.
A estratégia vencedora em 2013 foi de três paradas, como Lewis Hamilton venceu pela primeira vez para a Mercedes usando o meio e os pneus macios. Kimi Raikkonen terminou em segundo lugar para o Lotus após parar apenas duas vezes.
Mais informações sobre o Hungaroring e as demandas exclusivas que coloca em pneus pode ser encontrado em uma animação 3D de vídeo com novo visual produzido pela Pirelli. Este é copyright livre para o uso de mídia na Fórmula Um site da Pirelli: www.pirelli.com/f1pressarea
As escolhas de pneus até agora
  P Zero P Zero Amarelo Vermelho P Zero P Zero Branco Laranja
Austrália suave Médio
Malásia Médio Difícil
Bahrain Suave Médio
China Suave Médio
Espanha Médio Difícil
Mônaco Supersoft Macio
Canadá Supersoft Macio
Áustria Supersoft Macio
Grã-Bretanha Médio Difícil
Alemanha Supersoft Macio
Hungria Suave Médio
  Na Revista P Zero:
A nova revista P Zero, uma inovação da Pirelli para esta temporada, contém fatos sobre o Grande Prêmio da Hungria e as características do estilo de vida sobre a cidade-sede de Budapeste, bem como tudo o que está acontecendo no mundo da Pirelli a partir do passado, do presente e futuro. Esta nova revista eletrônica dinâmica, que também contém vídeo e outros conteúdos interativos atualizados no fim de semana, pode ser acessado através do site da Pirelli no link a seguir: http://magazine.pzero.com/

 

Google Tradutor

 

ROSBERG VENCE NA ALEMANHA

 

Nico Rosberg vence na Alemanha

 

Nico Rosberg dominou o Grande Prémio da Alemanha este fim de semana, com Lewis Hamilton a terminar na 3ª posição após recuperar 17 posições após a grelha de partida.

 

  • Nico Rosberg alcançou a sua 4ª vitória em 2014 e a 9ª vitória para a equipa em 10 corridas realizadas este ano;
  • Rosberg reforçou assim a sua liderança e distância no mundial de pilotos para o segundo piloto e colega Lewis Hamilton;
  • Lewis Hamilton teve uma corrida fantástica, terminando em 3º lugar, ao ter partido na 17ª posição devido ao seu acidente e consequente penalização;
  • Nico Rosberg optou por efetuar duas paragens, na volta 15 e 41, para mudança de pneus;
  • Lewis Hamilton foi obrigado a mais uma paragem que o seu colega de equipa, tendo parado na box nas voltas 26, 42 e 50;
  • A equipa MERCEDES AMG PETRONAS tem atualmente 366 pontos no campeonato, no final do ano passado a equipa contou com 360 pontos.

 

  Piloto

  No.

  Chassis No.

  Resultado corrida / Volta + rápida

  Nico Rosberg

  6

  F1 W05 Hybrid/04

  P1        1:21.298

  Lewis Hamilton

  44

  F1 W05 Hybrid/05

  P3        1:19.908

 MERCEDES AMG_PETRONAS_CopyNico Rosberg_Copy

 

VELOSO MOTORSPORT COM AZAR

 

Jornada azarada para a Veloso Motorsport em Portimão

 

 

Não foi positiva a passagem da Veloso Motorsport pela pista algarvia de Portimão, acabando os resultados conseguidos por ficar aquém dos objectivos da equipa para esta jornada do Campeonato Nacional de Velocidade, a quinta em 2014. A equipa nortenha interrompeu desta forma uma série de três triunfos consecutivos, conseguindo ainda assim sair do Algarve com a liderança do campeonato em termos absolutos.

 

O azar bateu à porta da dupla Carlos Vieira/Pedro Salvador logo na sexta-feira, com problemas no motor do Tatuus PY012, a motivarem a necessidade de uma troca de propulsor. Esta situação não só impediu os líderes do campeonato de treinar nesse dia, assim como os obrigou a falharem os treinos livres de Sábado, com o protótipo a ficar pronto unicamente para os treinos cronometrados. Nestes, os dois pilotos conseguiram a terceira posição da grelha para a primeira corrida do fim-de-semana e o quarto posto para a segunda ronda na pista algarvia.

 

“Consegui um bom arranque e passei para a liderança da corrida, com uma pequena vantagem sobre os meus adversários, mas entretanto perdi tempo numa dobragem antes da recta da meta, facto que foi aproveitado pelo Gonçalo Araújo para me atacar no final da recta da meta. Tocamo-nos e isso provocou um furo em ambos os carros. Com a vinda às boxes para trocar o pneu e posteriormente com um “drive-through” por ter sido considerado culpa do toque, a corrida ficou estragada. Pelo menos salvamos alguns pontos ao terminar na quarta posição… Da segunda corrida nem vale a pena falar dado que nem sequer cheguei a entrar em pista, porque o carro não pegou. Foi um mau fim-de-semana, mas pelo menos mantivemos o comando do campeonato e continua tudo em aberto no sentido de conseguirmos os nossos objectivos, chegar ao título nacional.” Disse Carlos Vieira.

“Não foi de facto um fim-de-semana para recordar no seio da nossa equipa. Depois dos problemas nos treinos que não nos permitiram acertar o carro e rodar antes da qualificação, os resultados que conseguimos para a grelha de partida nem foram muito maus. Na primeira corrida o toque deitou tudo a perder, já que voltamos à pista muito atrasados e o que conseguimos foi um mal menor. Pior foi no Domingo, já que não consegui arrancar para a volta de lançamento e fomos forçados a sair das boxes, depois de colocar o carro a funcionar com a ajuda da equipa. Consegui recuperar diversas posições logo na primeira volta e entretanto, aproveitei a entrada do “Safety-Car” para me aproximar do grupo da frente e era já terceiro na parte final do meu turno, quando comecei a ter “cortes” de motor, que se foram agravando, fazendo-me perder muito tempo. Depois de parar nas boxes, o Carlos já não conseguiu sair, depois de o motor se recusar a pegar. Agora temos de olhar para a frente e voltar a este circuito na próxima jornada do CNV, com um único objectivo em mente, vencer!” Referiu Pedro Salvador.

 

Num ano de estreia que está correr de um modo geral bastante bem, Eugénio Montez e Sérgio Montez tiveram no Algarve sortes distintas ente a corrida de sábado e a que disputaram este Domingo. Na primeira corrida do fim-de-semana, os dois irmãos tiveram uma actuação segura e conseguiram levar o Norma M20FC preparado pela Veloso Motorsport ao sexto posto absoluto. Já na segunda corrida, todo o esforço da jovem dupla cairia por terra depois de sofrerem um toque de um adversário da categoria GT, sendo forçados a abandonar a prova.

 

“No Sábado correu bem, conseguimos evoluir bastante ao longo dos treinos e o sexto lugar final é um resultado aceitável. No Domingo tudo mudou e por isso saímos daqui um pouco revoltados com o que se passou e principalmente porque ninguém quis saber da forma como foi. Quando conseguimos consumar a ultrapassagem a um dos GT e já estávamos à frente, fomos tocados de uma forma quase surreal por este - o Porsche do António Coimbra -, que era mais lento que nós, mas que devido à maior velocidade de ponta do seu carro, ganhava alguma vantagem nas rectas para depois perder nas curvas, onde os protótipos são como é evidente, mais rápidos. Ninguém viu, ninguém reclamou, nem ninguém assumiu, mas o facto é que fomos colocados fora de prova em apenas seis voltas!” Adiantou Sérgio Montez      

 

“Tínhamos objectivos concretos para esta prova, no sentido de sem arriscar em demasia irmos melhorando pouco a pouco para não só andarmos bem neste fim-de-semana, mas também para preparar a próxima prova que se disputa também aqui no Algarve. O sexto lugar no Sábado foi bom, pena foi o que aconteceu na segunda corrida. É grave que o nosso adversário não tenha estado sequer sobre investigação, sendo certo que o toque que nos “arrumou” foi totalmente culpa dele. Não nos importamos de correr em conjunto com os GT, mas desde que sejam salvaguardadas certas regras e que haja bom senso de parte a parte, algo que não aconteceu aqui no Algarve. Esta prova está já para trás, sendo certo que o ritmo que demonstramos nos motiva ainda mais para o regresso a esta pista em Setembro.” Disse a finalizar Eugénio Montez.  

 

Em Silverstone, onde a Veloso Motorsport esteve presente para apoiar e assistir José Monroy em mais uma ronda da SEAT Leon Eurocup 2014, os resultados obtidos foram positivos. O piloto luso foi 11º no Sábado e chegou ao “top ten” no Domingo, sendo foi precisamente o 10º a cortar a linha de meta.

 

A próxima jornada tanto para o CNV como para a SEAT Leon Eurocup, disputa-se a 6 e 7 de Setembro. VMS210714a CopyVMS210714b CopyVMS210714c CopyVMS210714d Copy

 

GOOD YEAR AMPLIA GAMA

 

Goodyear amplia gama de pneus recauchutados TreadMax das linhas KMAX e FUELMAX para reduzir “o custo total de propriedade”

 

A última geração de pneus para pesados já está disponível em 10 tamanhos recauchutados

 

A Goodyear acaba de anunciar melhorias na sua carteira de modelos Premium recauchutados TreadMax. As novidades são o TreadMax KMAX D para o eixo de tração na medida 295/80R22.5 e o TreadMax KMAX T para reboques na medida 385/55R22.5. Para a linha de eficiência de combustível, está o TreadMax FUELMAX D para eixo de tração na medida 295/80R22.5 e o pneu para reboque 4@11@9@11@9@5xe" filled="f" stroked="f">image003.png@01CFA017.3A7A4FA0" >TreadMax FUELMAX T nas medidas 385/65R22.5 e 435/50R19.5 recentemente lançadas.

 

Com as novas medidas, a Goodyear continua a ampliar a oferta de pneus recauchutados Premium oferecendo a melhor combinação dos novos pneus existentes e fornecendo às frotas uma opção de “múltiplas vidas” com a vantagem de um rendimento semelhante aos novos pneus de pesados. A gama completa de recauchutados da TreadMax KMAX e FUELMAX já está disponível em 10 medidas: TreadMax KMAX D em 315/80R22.5, 315/70R22.5, 295/80R22.5, TreadMax T em 385/55R22.5 e 385/65R22.5, TreadMax FUELMAX D em 315/80R22.5, 315/70R22.5 e 295/80R22.5 bem como o TreadMax FUELMAX T em 385/55R22.5, 385/65R22.5 e 435/50R19.5.

 

O modelo recauchutado do TreadMax Premium utiliza o mesmo desenho de banda de rodagem e materiais que os pneus novos que replicam, e é fabricado exclusivamente para usar as carcaças dos produtos KMAX e FUELMAX, bem como as gamas dos LH II e RH II da Goodyear. Isto implica que o rendimento dos pneus é semelhante ao dos pneus novos. Os operadores de frotas que têm os seus pneus LH II e RH II gastos podem recauchutá-los como TreadMax KMAX e TreadMax FUELMAX. Assim obtêm como benefício uma baixa resistência à rodagem que ajuda a um menor consumo de combustível e um aumento da quilometragem.

 

A ampliação da carteira de modelos com pneus recauchutados Premium da Goodyear das gamas de pneus KMAX e FUELMAX, que têm um rendimento semelhante ao dos pneus novos, oferece aos operadores de frotas a possibilidade de reduzir ainda mais os custos totais de propriedade.

 

Sobre a Goodyear

 

A Goodyear é uma das maiores empresas de pneus do mundo. Emprega aproximadamente 69.000 pessoas e fabrica os seus produtos em 51 fábricas em 22 países em todo o mundo. Os seus dois centros de inovação em Akron (Ohio) e Colmar-Berg (Luxemburgo), trabalharam para desenvolver produtos de ponta e serviços que estabeleçam os standards da tecnologia e rendimento na indústria.

 

A gama de pneus da Goodyear Dunlop Europa para veículos comerciais e autocarros incluem mais de 400 pneus diferentes em mais de 55 tamanhos. Muitos dos principais fabricantes comerciais do mundo usam pneus Goodyear de série, entre eles a DAF, Iveco, MAN, Mercedes-Benz, Camiões Renault, Scani e Volvo. A Goodyear também fornece pneus aos principais serviços de reboque. Graças à Fleet First, que inclui a rede de serviços TruckForce, a linha 24h de assistência na estrada, o sistema de gestão online FleetOnlineSolutions e as tecnologias para recauchutar da Goodyear, a empresa oferece uma das mais amplas gamas de serviços específicos para o sector. 

PR-Goodyear Extends_TreadMAX_FUELMAX_KMAX_Copy
 

PEUGEOT CITY É MONTRA DE ARTE

 

PEUGEOT CITY É MONTRA DE TEATRO E LITERATURA

PEUGEOTCITY CONTOS_16JULHO_1_SD_CopyPEUGEOTCITY CONTOS_16JULHO_2_SD_CopyPEUGEOTCITY CONTOS_16JULHO_3_SD_CopyPEUGEOTCITY CONTOS_16JULHO_4_SD_Copy
Peugeot anuncia data extra – 23 de Julho - para CONTOS
por Pedro Fernandes e Joana Cruz
Pedro Fernandes e Joana Cruz vão voltar à
MONTRA - Mostra de Artes by Peugeot
City para interpretar textos de clássicos da
literatura portuguesa.
O regresso de Contos à MONTRA deve-se
à enorme recetividade que este evento
teve por parte do público no passado dia
16 de Julho. Num final de tarde com
lotação esgotada, Pedro Fernandes e
Joana Cruz brindaram os presentes com
uma visão bastante original dos grandes
clássicos da literatura portuguesa.
O riso e gargalhadas constantes que
arrancaram à audiência irão certamente
repetir-se no dia 23 de Julho às 19h30
num espetáculo que todos têm de ver.
“Contos - 10 livros que tem de ler antes de
ir gozar a reforma numa ilha paradisíaca na companhia de um sex symbol” é o nome do
evento que elogia o Teatro e a Literatura numa reinterpretação bem humorada – e, ao
contrário do nome do espetáculo, muito sucinta - de livros como Frei Luís de Sousa, Os
Lusíadas ou Memorial do Convento.
Fotos em alta aqui: http://mab.to/WkdWsE9Sp
O evento terá lugar no Peugeot City – Santogal, na Avenida da República, nº 32 B. A
entrada é livre e para ganhar convites VIP, basta ir ao Facebook da Peugeot Portugal.
O projecto MONTRA - Mostra de Artes by Peugeot City pretende durante o ano de 2014
elogiar as 11 artes existentes. Depois da Música e Cinema com um Concerto ao vivo da
Lisbon Film Orchestra e da Pintura e Escultura com uma exposição dos Art Toys (até 30
de Agosto). O Teatro e Literatura são agora representados com uma sessão de Contos
com a presença de Pedro Fernandes e Joana Cruz interpretando grandes clássicos.
PEUGEOTCITY – Santogal
Avenida da República, 32B Lisboa
Tel.: 210 430 230
Aberto ao público de segunda a sexta, das 10h às 20h e ao sábado das 10h às 19h.
O espaço PEUGEOTCITY é a vitrine da Marca Peugeot no centro da cidade de Lisboa. Ponto de encontro de
Design, o Peugeot City transmite, nos seus 160 m2, os valores desta marca francesa através de uma exposição
de viaturas topo de gama e de produtos “La Boutique”, um espaço LAB onde é possível configurar os modelos
Peugeot e uma equipa SANTOGAL sempre disponível.

 

GAGO PROCURA UM BOM RESULTADO

 

Diogo Gago procura bom resultado em Auxerre

Depois do pódio obtido no Rally Terre de Langres, prova de estreia na 208 Rally Cup em 2014, Diogo Gago e Jorge Carvalho estão de regresso a França, sendo uma das duplas inscritas para o Rally Terre de l’Auxerrois, prova do Campeonato Francês de Ralis de Terra e pontuável para o troféu organizado pela Peugeot Sport.

Com a confiança em alta pelo resultado obtido na primeira prova, Diogo Gago e Jorge Carvalho partem confiantes para Auxerre, prova que já realizaram na temporada passada.

Antevendo a prova, Diogo Gago diz que “depois do excelente resultado na prova de estreia na 208 Rally Cup deste ano, partimos para esta prova com o objectivo de lutar por um lugar nos cinco primeiros do troféu, ainda que tenhamos a consciência que mais uma vez iremos encontrar uma concorrência muito forte”.

O jovem piloto que conta com os apoios de Hotel Pedras Rubras, Q&F-Lda, Mariscos Galvão e Município de São Brás de Alportel diz que “por esta ser mais uma prova de terra, o Peugeot 208 R2 poderá estar agora um pouco mais ao nosso gosto a nível de set-up, mas as condições do piso são uma incógnita. De qualquer forma, partimos um pouco mais confiantes no carro e esperemos que isso nos ajude ao longo do rali”.

Na temporada passada, Diogo Gago já havia estado presente nesta prova, mas para já ainda não é possível saber se os troços são os mesmos de então. Falando-nos sobre esta prova, o jovem piloto que milita uma vez mais na competição organizada pela Peugeot Sport revela-nos que “os troços em Auxerre eram mais técnicos do que os do Rally de Langres. Ainda assim, as provas de terra em França não costumam apresentar grandes diferenças, pois são todas muito rápidas e com um desenho muito semelhante, pelo que partimos uma vez mais confiantes e motivados para obter um bom resultado”.

 

O Rallye Terre de l’Auxerrois tem lugar nos dias 25, 26 e 27 de Julho, sendo o primeiro dia dedicado às habituais verificações documentais e técnicas, enquanto no sábado e domingo serão disputadas dez provas especiais de classificação, que como é habitual nas provas de terra em França, contam apenas com uma passagem de reconhecimento.

 Diogo Gago_Langres_2014_Copy

 

ROADGALAXY SEM SORTE

 

Numeroscópio Roadgalaxy Kart Team azarado

 

Teve lugar este fim-de-semana a quarta prova do VENTIL Troféu de Karting 2014, no Kartódromo de Oiã. A Roadgalaxy, como é hábito, participou com a Numeroscópio Roadgalaxy Kart Team e os pilotos João Gaspar e Miguel Martin.

Depois da vitória alcançada na corrida passada, a Numeroscópio Roadgalaxy Kart Team encarou esta prova do troféu como mais um processo na aprendizagem.

Era aguardada chuva mas, apesar da ameaça, nunca se veio a verificar.

No streinos cronometrados a equipa alcançou a terceira posição. A partir desse momento começaram uma série de azares.

Na primeira manga, quando Miguel Martin lutava no grupo da frente, o kart perdeu potência, levando-o a terminar a corrida em 11º.

João Gaspar, na segunda corrida, levou o kart de 11º a 6º, com muitas ultrapassagens e emoção à mistura.

Miguel Martin, na terceira manga, conseguiu ganhar, demonstrando a sua boa forma.

Depois seguiram-se duas desistências e Gaspar fechou com um oitavo lugar.

Miguel Martin, no final, referiu que “ nós estamos num bom momento - rápidos e consistentes - mas, nesta prova, o kart não colaborou. As corridas têm várias condicionantes e temos sempre que contar com os imprevistos mecânicos. São corridas!”.

A Numeroscópio Roadgalaxy Kart Team conta com o apoio da SPAR, Mitra`s Car, Print na Hora, Eletroleite, Rexel, Talho Arouquês, In Forma Te e Numeroscópio.Press Kart_Team_4_prova_Copy

 

CRM MOTORSPORT EM DESTAQUE

 

DUPLA VITÓRIA NAS SINGLE SEATER SERIES
E MAIS UM PÓDIO NO CNV EM PORTIMÃO


A CRM Motorsport voltou a vencer no Autódromo Internacional do Algarve, através de
Tiago Raposo de Magalhães nas duas provas dos Single Seater Series, conseguindo ainda
um pódio para Stefan e Nicola de Val, na segunda prova do CNV.
O dia começou com uma fantástica vitória de Tiago Raposo de Magalhães entre os Single Seater Series na
classe FZ, após uma luta sem quartel durante todas as voltas da corrida, com Gonçalo Inácio, que o piloto
levou de vencida na derradeira volta da prova.
Na segunda corrida, as coisas estiveram mais fáceis para o piloto da CRM, que terminou a prova com uma
boa vantagem sobre o segundo colocado, consolidando assim o comando na categoria FZ desta
competição.
“A primeira corrida foi de grande luta com o Gonçalo, até à última volta. Consegui ultrapassa-lo na
travagem para uma direita e quando acelerámos os dois, ele ficou para trás, ao que parece com
problemas na transmissão do seu carro. Na segunda prova, consegui desde cedo garantir alguma
vantagem e depois limitei-me a controlar a corrida até final. Foram duas corridas interessantes e
disputadas e estas vitórias são um prémio merecido para todo o nosso esforço e para a competencia da
equipa técnica da CRM.” – afirmou Tiago Raposo de Magalhães.
O programa incluia ainda mais uma corrida integrada no CNV, onde alinharam os dois Wolf de Stefan/
Nicola de Val e António Ricciardi / José Faria, que tiveram sortes diferentes; Os italianos discutiam o
primeiro lugar, quando tiveram que cumprir um “drive trought”, acabando no último lugar do pódio e a
dupla portuguesa pouco andou, pois Faria fez um pião logo no início e não mais conseguiu por o Wolf em
marcha.
“Infelizmente não conseguimos o resultado de ontem, mas um dos Wolf acabou de novo no pódio e
poderia mesmo ter discutido a vitória se não fosse a penalização imposta. A estreia do José Faria e o
regresso do António Ricciardi não correram da melhor forma, mas estamos confiantes de que, nas
proximas provas, esta dupla vai demonstrar um grande potencial.”
A CRM motorsport vai continuar o seu trabalho de preparação e desenvolvimento das máquinas e pilotos
com os quais aposta tanto no CNV como nos Single Seater Series e depois de um curto período de
descanso, começará a preparar a próxima prova, nada menos do que o Racing Weekend do Algarve, que
marca, no início de Setembro, a segunda visita do ano a circuito do AIA.
CRM -_SSS1_CopyCRM 2_CopyCRM 3_Copy

 

GALERIA DE IMAGENS

GALERIA DE IMAGENS

 

AS MELHORES DA WORLD SERIES  RENAULT DE 2010bestren1 Copybestren2 Copybestren3 Copybestren4 Copybestren5 Copybestren6 Copybestren7-wsr Copybestren8 Copybestren10 Copybestren12 Copybestren14 Copybestren15 Copybestren16 Copybestren17 Copybestren18 Copybestren19 Copybestren20 Copy

 

RAMOS REFORÇA LIDERANÇA

 

V8 Racing reforça liderança em Silverstone.

Mesmo com a desistência da Race 2 deste Domingo, Miguel Ramos e Nicky Pastorelli conseguiram aumentar ligeiramente a distancia para o mais directo perseguidor, o Ferrari #1 de Montermini e Schirò. Os pontos do 4º lugar alcançado na Race 1 de Sábado, permitem manter a liderança do Campeonato neste arranque da segunda metade da época.

Silverstone Copy

O fim de semana Britânico não foi nada simpático para o Corvette #2 da V8 Racing. Um sofrível 4º lugar na Race 1 de Sábado e desistência na primeira curva da Race 2 este Domingo foi o resultado que não era de todo o esperado. “Tínhamos noção da dificuldades que teríamos este fim de semana devido ao Handicap em função da vitória em Budapeste. Contudo sabíamos que se tudo corresse normalmente poderíamos estar nos cinco primeiros e até espreitar um lugar no pódio como aliás aconteceu ontem. Mas o arranque da Race 2 este Domingo foi mau demais para ser verdade. Termos sido postos fora na primeira curva é inacreditável. Podíamos ter feito uma boa operação em termos do Campeonato, mas ficamos com zero pontos e vimos o Montermini recuperar novamente depois do nosso resultado ontem” comentou Miguel Ramos esta tarde.

De qualquer modo mesmo com a desistência, a dupla do Ferrari (Montermini e Schiró), não conseguiram melhor do que o 6º lugar, a liderança da dupla do Corvette #2 mantem-se pelo menos até ao inicio de Setembro quando se disputar a corrida nas Ardenas.

Após Silverstone o campeonato continua a ser liderado por Miguel Ramos e Nicky Pastorelli com 135 pontos, seguidos de Andrea Montermini e Niccolò Schirò com 132 e Mavlanov/Zampieri com 124.

A próxima prova do International GT Open será em SPA (Bélgica) a 6 e 7 de Setembro.

 

 

GALERIA DE IMAGENS

GALERIA DE IMAGENS

 

GRANDE PRÉMIO DA ALEMANHA DE FÓRMULA 1

 

Grupo de imagens da derradeira corrida de Fórmula 1 nesta época.f74 Copyf75 Copyf76 Copyf77 Copyf80 Copyf81 Copyf82 Copyf85 Copyf86 Copyf87 Copyf88 Copyf89 Copyf90 Copyf91 Copyf92 Copyf93 Copyf94 Copyf95 Copyf96 Copyf97 Copyf98 Copyf99 Copyf100 Copyf101 Copyf102 Copyf103 Copyf104 Copyf105 Copyf106 Copyf107 Copyf108 Copyf109 Copyf110 Copyf120 Copyf121 Copyf122 Copyf123 Copyf124 Copyf125 Copyf126 Copyf130 Copyf131 Copyf132 Copyf133 Copyf134 Copyf135 Copyf136 Copyf137 Copyf139 Copyf140 Copyf200 Copyf202 Copyf203 Copyf204 Copyf205 Copyf206 Copyf207 Copyf209 Copyf210 Copyf212 Copyf300 Copyf301 Copyf302 Copyf303 Copyf304 Copy

 

ARAUJO COMPETIÇÃO EM PORTIMÃO

 

SEGUNDO LUGAR APÓS LUTA PELA VITÓRIA PARA A ARAÚJO COMPETIÇÃO

Várias equipas sofreram reveses nesta primeira visita do CNV ao Algarve, e a Araújo Competição não foi exceção. Além de algumas dificuldades em afinar a atitude do Norma depois de Vila Real para extrair o melhor das rápidas curvas do traçado de Portimão nos treinos, que acabaram com a dupla Gonçalo Araújo /Miguel Cristovão qualificada em segundo na grelha mesmo assim, as coisas iriam complicar-se ainda mais na corrida de Sábado: Com Carlos Vieira a liderar após o arranque inicial de José Pedro Fontes, Gonçalo Araújo foi pressionando o piloto do Tatuus, colocando-se ao seu lado no final da reta da meta para tomar o comando. Vieira, aparentemente sem o ter visto, guinou repentinamente e embateu violentamente na lateral deste, ambos os protótipos sofrendo furos que os fizeram regressar à boxe em marcha lenta. Apesar de Carlos Vieira ser penalizado com um “drive-through”, quer o Tatuus, quer o Norma, ficaram a partir daí afastados da luta pela vitória, que pertenceria ao Wolf dos gémeos Stefano e Nicola de Val depois do último ascender ao comando da prova a 5 voltas do fim.

SEGUNDOS POR ALGUMAS DÉCIMAS
Na corrida de Domingo, Gonçalo Araújo herdou o Norma com as cores do La Cigale de Miguel Cristóvão a meio da prova em posição de lutar pela vitória, alternando o comando com José Pedro Fontes, já que Salvador /Vieira tinham desta feita abandonado na boxe com problemas de motor. No final, com alguns problemas de estabilidade nas zonas mais lentas a dificultar a aceleração do Norma, Gonçalo Araújo acabaria a escassas décimas da equipa vencedora, salvando um fim-de-semana difícil com um pódio.
IMG a0125_Copy

 

VILLORBA CORSE EM SILVERSTONE

 

Montermini / Schiro ainda no jogo no GT Open depois de Silverstone

 

º 1 Villorba Corse Ferrari 458 terminou a quinta rodada difícil, com alguns pontos valiosos para a classificação

Villorba Ferrari_458_at_Silverstone_Copy Villorba Corse Scuderia Ferrari 458 e seus conquistou alguns pontos valiosos para a classificação de raça-2 da quinta rodada do International GT Open. Depois de um difícil de sábado corrida-1, em que teve que se recuperar da parte de trás do grid e perdeu um acabamento top-five Por causa de um pneu furado tarde, Andrea Montermini e Nicholas Schiro tinha de frente uma corrida muito dura novamente conseguindo manter segundo posição na classificação, com um sexto lugar na classificação geral e quarto na classe Super GT. Depois de um bom começo de Schiro Villorba a tripulação, que teve que pagar o maior tempo de deficiência Durante a troca de pilotos obrigatória, estava de volta à pista no meio do campo. Montermini tentou lutar de volta, mas, com os problemas do sistema de frenagem, somente graças à sua grande experiência, ele foi capaz de controlar o supercarro de Maranello Quando o 458 foi fora da pista em um setor rápida.

"Tudo o que aconteceu durante o fim de semana - diz Raimondo Amadio, Team Principal -. No final tudo correu bem, mesmo quando quase bati em uma parede com apenas alguns minutos para ir, conseguindo levar para casa alguns pontos. Nós ainda temos que fechar uma lacuna de três pontos, exatamente a mesma de antes Silverstone. Era uma pena que sofremos uma perda de poder para todo o fim de semana, mas é isso. Nós vamos pagar um handicap mais baixo em Spa e a luta pelo título está completamente aberto ".

 

JOSÉ PEDRO GOMES PRONTO PARA PAÇOS DE FERREIRA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

 

RAMPA DE PAÇOS DE FERREIRA

 

JOSÉ PEDRO GOMES PRONTO PARA A RAMPA DE PAÇOS DE FERREIRA


FOX 8273_Copy

Após ter sido declarado vencedor na rampa de Murça, José Pedro Gomes está com outro espirito para a rampa de Paços de Ferreira, que irá ter lugar já este fim de semana, onde o piloto advogado, tem apenas um objectivo ” vencer a minha categoria e tentar subir o maior numero de posições em termos de classificação geral. O meu carro chegou a um nível de perfeição, que me poderá permitir ter maiores aspirações, e por isso vou para Paços de Ferreira, uma rampa que gosto muito, onde quero andar a fundo, e fazer o melhor resultado possivel.Ainda não vi a lista de inscritos, nem sei quem irão ser os meus adversários pois neste tipo de prova por vezes aparecem uns outsiders, que dão uma certa luta, vamos esperar para ver, e só espero que tudo me corra pelo melhor, são estes os meus objectivos para esta prova, antes do período de férias”.

 

ALBUQUERQUE NO PÓDIO

 

 

Mais um pódio para Filipe Albuquerque no European Le Mans Series

 

Depois da vitória em Silverstone, Filipe Albuquerque foi segundo na terceira jornada do European Le Mans Series na Áustria. O piloto português que faz equipa com Simon Dohlan e Harry Tincknell no Zytek da Jota estiveram grande parte da prova na primeira posição, sendo forçados a ceder o lugar já no último 'stint' da corrida depois de um 'pit-stop' menos feliz. O trio ocupa a segunda posição no Campeonato a escassos quatro pontos do líder. Em três corridas, três vencedores diferentes.

 

Depois de assegurarem a 'pole position', coube a Filipe fazer o arranque. O piloto português não teve dificuldades em manter a primeira posição: "Correu tudo como estava planeado. Mantive o primeiro lugar e procurei ganhar alguma margem para que o Simon depois pudesse gerir. Foi um turno sem qualquer incidente", começou por explicar.

 

No entanto, Dohlan viria a cair para o segundo lugar durante o período em que esteve ao volante. Chegada a altura de Tincknell cumprir o seu período de condução, o jovem piloto não teve mãos a medir e recuperou novamente o primeiro lugar numa luta bastante interessante. Mas, infelizmente, na altura Simon Dohlan regressar á pista, o 'pit-stop' não correu bem e perderam demasiado tempo e claro, a hipótese de vencer a corrida: "Foi pena, pois podíamos ter assumido a liderança do Campeonato. Mas o Simon fez tudo o que estava ao seu alcance. As corridas são mesmo assim e estas têm sido verdadeiramente renhidas. Estamos todos muito próximos e a luta pelo título, tenho a certeza, vai ser discutida até á última prova", referiu o piloto português que espera em Outubro no Estoril erguer a Taça de Campeão.

 

A penúltima prova da temporada decorrer em Paul Ricard, França a 13 e 14 de Setembro.

 austria albuquerque1_Copyaustria albuquerque4_Copy

 

MARTINE PEREIRA AUSENTE DA RAMPA PAÇOS DE FERREIRA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

FOX 8458_Copy

RAMPA PAÇOS DE FERREEIRA

 

 

MARTINE PEREIRA AUSENTE DA RAMPA PAÇOS DE FERREIRA



Por razões de ordem profissional, Martine Pereira não vai estar á partida da próxima jornada do Campeonato Nacional de Montanha, que irá ter lugar já este fim de semana em Paços de Ferreira. Segundo Martine Pereira “ a razão desta ausência prende-se com questões de ordem profissional, pois nas ultimas quatro semanas tive um importante incremento de trabalho nas minhas empresas, e vou ter de me deslocar fora de Portugal, para uma viajem de negócios, que não me permite estar presente na rampa. No entanto, conto alinhar nas restantes provas que estão em falta”, disse-nos.

 

SUPER RACING WEEKEND FECHOU EM BELEZA

 

PROGRAMA INTERESSANTE ENCERROU DA MELHOR
FORMA A PRIMEIRA VISITA DA VELOCIDADE AO A.I.A.


A Velocidade Nacional esteve este fim de semana no Autódromo Internacional do
Algarve, com um programa bastante completo, que incluía o CNV, SSS e Abarth 500 ao
que se juntou a Ferrari Challenge, garantindo uma grande animação em todas as
corridas disputadas na pista algarvia.
Depois da jornada de sábado, em que já se disputaram duas corridas – Abarth 500 e CNV – que
ditaram os dois primeiros vencedores – José Pires e os irmãos de Val, respetivamente – no Domingo o
programa prosseguiu com as duas corridas dos Single Seater Series e as que restava fazer do CNV e
Abarth 500.
Com a temperatura a subir ligeiramente, também o calor da competição aumentou e qualquer das
corridas do programa foi bem animada. Na primeira dos Single Seater Series, luta até à última volta
entre Gonçalo Inácio e Tiago Raposo Magalhães, com vitória deste último; No CNV – naquela que
talvez tenha sido a melhor corrida do ano até agora - a dupla José Pedro Fontes / Miguel Barbosa,
impôs-se a Gonçalo Araújo e aos irmãos de Val, depois de muitas voltas de incerteza quanto ao
vencedor, que apenas foi conhecido sobre a meta. Na segunda dos Abarth o triunfo foi para Nuno
Cardoso e a encerrar o programa, foi de novo Tiago Raposo de Magalhães quem venceu a corrida nos
Single Seater Series (FZ).
Dupla jornada interessante, com o CNV a destacar-se em termos de competitividade, esperando-se
que tudo continue igualmente interessante já no próximo encontro, marcado também para o AIA no
primeiro fim de semana de Setembro.


CAMPEONATO NACIONAL DE VELOCIDADE


A corrida do Campeonato Nacional de Velocidade realizada ao início da tarde deste Domingo no AIA foi
talvez a mais espectacular do ano. No momento em que os pilotos arrancaram para a volta de
apresentação, Pedro Salvador ficou parado na grelha, sendo por isso obrigado a arrancar da via das
boxes.
Nicola de Val tirou o melhor partido da pole position e liderou na fase inicial, enquanto atrás de si
começavam as trocas de posição entre Francisco Abreu, Miguel Cristovão e Miguel Barbosa. O piloto
de Tomar deu ainda na fase inicial da corrida um ligeiro toque no carro de Miguel Barbosa, que ficou
com a frente danificada. José Pedro Faria faz um pião e obriga à entrada do safety car que reagrupa o
pelotão e permite a Pedro Salvador chegar ao grupo da frente, ele que rodava já no quinto lugar. No
recomeço da corrida Miguel Cristovão assume o comando, enquanto Salvador passa Barbosa e pouco
depois faz o mesmo a Francisco Abreu, subindo para terceiro. Nesta manobra os dois pilotos tocam-se
e Abreu perde algum tempo.



A corrida entrou depois em tempo de troca de pilotos e no final desta operação José Pedro Fontes, que
tinha ocupado o lugar de Miguel Barbosa, surgia na frente da corrida. Os irmãos de Val foram
penalizados com um “drive through” e cairam para terceiro, deixando a perseguição ao líder nas mãos
de Gonçalo Araújo. A cerca de 10 minutos do final a corrida parecia estar resolvida e foi então que de
repente tudo mudou. José Pedro Fontes passou a debater-se com problemas no carro, entrava em safe
mode, enquanto Araújo tinha dificuldades com a caixa de velocidades. As trocas de posição entre os
dois foram uma constante nas derradeiras voltas, sendo que na última Araújo voltou para o comando
no final da recta, perdendo depois essa posição quatro curvas do final.
Naturalmente que depois de uma corrida assim José Pedro Fontes estava muito contente. “Já não me
lembro de ter uma corrida assim. Cheguei a pensar que não iria terminar, mas aos poucos convencime
que ia ser assim até ao final. Quero dar aos parabéns ao Gonçalo que foi um adversário muito
leal e sobretudo a toda a equipa pelo fantástico trabalho do fim-de-semana. Ontem perdemos uma
vitória quase certa devido a um erro meu, mas hoje confirmámos o bom andamento”, explicou
Fontes. Por seu lado Miguel Barbosa estava igualmente contente, ele que teve um início de corrida
algo preocupante. “Depois do toque do Cristovão, que talvez não me tenha visto, a frente ficou solta
e a minha preocupação era que ficasse a roçar no pneu e acabasse por furar. Depois o Zé Pedro fez
um excelente turno e este é o corolário do bom trabalho feito ao longo do ano”, referiu.
Gonçalo Araújo e Miguel Cristovão terminaram a corrida no segundo lugar, enquanto Stefano e Nicola
de Val fecharam o pódio. Entre os GT a vitória ficou para António Nogueira e António Coimbra.


TROFÉU ABARTH 500


Depois de ontem a corrida do Troféu Abarth 500 ter tido um final algo atribulado, hoje a luta pela
vitória acabou cedo. Nuno Cardoso arrancou da pole position e depois de alguns erros na fase inicial,
devido a algumas falhas de concentração, acabou por aproveitar a luta que se instalou atrás de si para
forçar o ritmo, fazendo entretanto a volta mais rápida da corrida. A vantagem foi-se dilatando até aos
mais de 12 segundos no final da corrida. “Arranquei bem, mas na fase inicial voltei a falhar algumas
passagens de caixa, fruto de algum nervosismo ainda resultante do que se passou ontem. Percebi
que atrás de mim eles estavam em luta e forcei o andamento acabando nessa fase por fazer a volta
mais rápida e ganhar um avanço que me permitiu depois gerir a corrida até ao fim. Foi pena ter
perdido a corrida de ontem, pois no ano passado fui campeão sem ter conseguido ganhar as duas
corridas no mesmo fim-de-semana e aqui tive uma boa oportunidade para isso”, declarou no final
Nuno Cardoso.
A batalha pelo segundo lugar começou por envolver José Carlos Pires, Rui Santos e Nuno Pontes, mas
logo à segunda volta o vencedor de ontem ficou de fora depois de perder uma roda. Assim, a luta ficou
apenas a dois, mas na parte final Pontes atrasou-se e terminou apenas em quinto. Desta forma
emergiu Francisco Rodrigues que fechou o pódio e Bernardo Gonzalez que foi quarto e que assinou no
Algarve o melhor resultado do ano até ao momento.



SINGLE SEATER SERIES


Como se perspectivava depois da luta entre Tiago Raposo de Magalhães e Gonçalo Inácio ao longo dos
treinos cronometrados, a primeira corrida dos Single Seater foi espectacular. Rapidamente os dois
primeiros ficaram longe de toda a gente e proporcionaram talvez a melhor corrida do ano até ao
momento nesta competição. As trocas de posição foram uma constante e a corrida só se resolveu na
última volta, quando Gonçalo Inácio ficou parado com uma transmissão partida.
Com isso, Jorge Borges e Gonçalo Jordão, que juntamente com Diogo Oliveira de Sousa propocionaram
uma animada batalha pelo terceio posto, acabaram por subir os dois ao pódio. “Foi uma corrida
espectacular, talvez das melhores do ano”, começou por dizer Tiago Raposo de Magalhães. “Quero
dar os parabéns ao Gonçalo (Inácio) por esta bela corrida e tenho pena que tenha desistido, porque
merecia ter vindo ao pódio. Eu era mais rápido nas zonas mais rápidas, mas ele passava nas zonas de
curvas de segunda, pois a minha era muito longa e na saída perdia andamento” concluiu Raposo de
Magalhães.
Nas várias classes vitórias para Fernando Mayer Gaspar na Tuga, João Paulo Matos na FK70, Fernando
Gaspar na FK80 e Pedro Charais na FVP.
A fechar o programa do fim-de-semana no AIA realizou-se a segunda corrida dos Single Seater. Desta
vez houve menos história. Apesar de Gonçalo Inácio ter largado da frente, rapidamente Tiago Raposo
de Magalhães ascendeu ao comando e começou a ganhar vantagem, até porque o seu rival se debatia
com problemas de travões.
Até ao final foi “quase” um passeio para Magalhães, enquanto Gonçalo Inácio se envolveu numa
interessante luta com Gonçalo Jordão pelo segundo posto. Inácio acabou por levar a melhor com uma
ultrapassagem na última volta. “Desta vez não tenho muito a dizer. Apenas quero agradecer à minha
equipa que me deu um carro fantástico. Eu passei para a frente no mesmo sítio da manhã. Ele ainda
veio comigo, mas ao fim de um volta começou a ficar para trás”, resumiu o vencedor.
Nas restantes categorias João Paulo Matos, Fernando Gaspar e Pedro Charais repetiram vitórias, ao
passo que na classe Tuga não houve vencedores, uma vez que os dois participantes não terminaram a
corrida.
Abarth -_1_Corrida_1_CopyAbarth -_Corrida_2_CopyJPF-MB -_CNV_2_CopySSS CRM_1_Copy

 

SPRINT RACE NO BRASIL

 

Luciano Santos/SigCom
Clique na imagem para fazer o Donwload...
Vencedor da PRO na segunda corrida
Alta | Web

Luciano Santos/SigCom
Clique na imagem para fazer o Donwload...
Martins, primeiro colocado da PRO na primeira corrida
Alta | Web

Luciano Santos/SigCom
Clique na imagem para fazer o Donwload...
Flávio Lisboa, segundo colocação nas duas corridas (PRO)
Alta | Web

Luciano Santos/SigCom
Clique na imagem para fazer o Donwload...
Piloto Yago Cesário
Alta | Web

Luciano Santos/SigCom
Clique na imagem para fazer o Donwload...
Marcelo Maiolli #14
Alta | Web

Luciano Santos/SigCom
Clique na imagem para fazer o Donwload...
Kau Machado vencedor da GP na segunda corrida.
Alta | Web

Em corrida preliminar da F-Truck chega ao fim a primeira metade da temporada da Sprint Race 2014

As duas corridas válidas pela quarta etapa aconteceram na manhã deste domingo, 20, no Autódromo de Cascavel Zilmar Beux

 A quarta etapa da Sprint Race chega ao fim de sua primeira metade da terceira edição com quatro vencedores diferentes na rodada dupla preliminar da Fórmula Truck. Nos pódios pela categoria PRO, Gustavo Martins venceu a primeira e Yago Cesário a segunda corrida e, na GP, Marcelo Maiolli garantiu a ponta na primeira e Kau Machado ficou com o lugar mais alto no pódio na segunda.

O público que passou de 40 mil pessoas e que lotou as arquibancadas do Autódromo Zilmar Beux, na cidade de Cascavel (PR), pode conferir um grande show de velocidade nas duas disputas do campeonato de turismo nacional. Os pilotos se empenhavam nas retas e forçavam ultrapassagens de tirar o fôlego nas curvas do circuito de 3.058 metros de extensão.

O piloto de Porto Alegre, Gustavo Martins, largou na pole position nos dois grids e pela categoria PRO. "A corrida foi bacana, o Sprint está muito bom. Nas temporadas passadas era outro motor esse motor melhorou bastante, legal de andar. Consegui fazer um tempo bom nas duas classificações, pois aqui em Cascavel largar na pole ajuda, pois é difícil de ultrapassar", destaca.

Os gêmeos estiveram nos pódios, Yuri Cesário ficou com a terceira colocação na corrida de abertura e Yago Cesário subiu no lugar mais alto na segunda disputa. "Foi uma etapa especial e dá para o público conhecer o nosso trabalho e a categoria. O carro sempre esteve rápido tanto com meu irmão na primeira corrida, como comigo na segunda prova. Bom é sempre estar bem preparado, busquei manter minha posição e arrisquei algumas vezes ultrapassagem, mas o principal foi procurar fazer o melhor, pois a vitória não cai no colo de ninguém", declarou Yago.

Categoria GP

Marcelo Martiolli, veterano na Sprint Race, fez duas temporadas e no seu retorno à competição largou da pole position e venceu a primeira corrida pela GP com o veículo (#14). "Essa prova foi bacana, larguei na pole e consegui abrir uma distância boa na primeira parte antes do Safety Car, depois juntou o grupo, mas meu carro estava bem equilibrado e retomei uma vantagem de novo. É fantástico voltar a competir na categoria com o pé direito, porque quando chega em primeiro se quer mais e mais pódios", disse o piloto que fechou a segunda bateria em quarto na categoria e deve continuar o restante da temporada.

Na segunda disputa que teve largada às 11h25, Kau Machado que largou dos boxes fez uma brilhante corrida de recuperação e fechou em primeiro. "Sensacional poder vencer uma prova como esta em Cascavel e ainda com esse público que veio torcer e ver a Sprint Race e a Fórmula Truck. Foi uma vitória da determinação, os mecânicos foram ótimos, fizeram um trabalho rápido de ajustes depois da primeira corrida com o meu companheiro Fábio Brecálio. Estou muito contente", contou Kau.

A Sprint Race têm patrocínio da Alpina, Pirelli, Ecopads, Bardhal, Fremax e Rio Custom.

Resultado da rodada dupla da quarta etapa

Corrida 1
1) 10 - Gustavo Martins (RS), PRO
2) 79 - Flávio Lisboa (PR), PRO
3) 16 - Yuri Cesário (GO), PRO
4) 8 - Marco Garcia (PR), PRO
5) 27 - Gustavo Frigotto (PR), PRO
6) 14 - Marcelo Maiolli (SP), GP
7) 4 - Matheus Biriba (SP), PRO
8) 15 - Caito Vianna (SP), PRO
9) 39 - Marcelo Rodriguez (PR), GP
10) 96 - Flávio Lisboa Junior (PR), GP

Corrida 2
1) 16 - Yago Cesário (GO), PRO
2) 79 - Flávio Lisboa (PR), PRO
3) 15 - Caito Vianna (SP), PRO
4) 44 - Kau Machado (PR), GP
5) 17 - Daniel Kaefer (PR), PRO
6) 7 - Adriano Amaral (SP), GP
7) 27 - Gustavo Frigotto (PR), PRO
8) 39 - Eduardo Serratto (PR), GP
9) 14 - Marcelo Maiolli (SP), GP
10) 73 - Afonso Rangel (PR), GP

Calendário da Sprint Race 2014:

27/04 - 1ª etapa - São Paulo/SP
18/05 - 2ª etapa - Santa Cruz do Sul/RS
22/06 - 3ª etapa - São Paulo/SP
20/07 - 4ª etapa - Cascavel/PR

24/08 - 5ª etapa - Curitiba/PR
21/09 - 6ª etapa - Londrina/PR
09/11 - 7ª etapa - Curitiba/PR (oval)
07/12 - 8ª etapa - Curitiba/PR


 

NOVA VITÓRIA PARA LOBATO

 

Nova vitória para Rafael Lobato

Rafael Lobato e Armando Parente no Radical SR3 da Parkalgar voltaram a subir ao lugar mais alto do pódio na jornada de Portimão do Nacional de Velocidade ao vencerem a categoria C3 dos Sport Protótipos, sextos à geral.

A sair da nona posição da grelha, coube a Parente o arranque que acabou por correr bem, uma vez que conseguiu evitar os incidentes habituais das largadas e subiu posições na tabela. Viria no entanto a ser penalizado por alegadamente ter excedido os limites da pista. Ainda assim, no final do primeiro turno eram sétimos classificados quando Lobato se sentou aos comandos: "Depois do início da prova em que o Armando atacou bastante, eu preocupei-me em gerir os pneus que estavam a degradar-se bastante. No final ainda ataquei por forma a chegar ao quinto lugar, mas nas zonas rápidas era facilmente ultrapassado. Sabíamos que neste circuito teríamos muitas dificuldades em batermo-nos com os carros mais potentes. Fica no entanto a satisfação de termos feito duas excelentes corridas. E o sexto lugar deixou-nos muito contentes", disse o jovem piloto de Vila Real.

Em ano de estreia na modalidade e com apenas 16 anos, Rafael Lobato não poderia estar mais satisfeito com o decorrer da época: "Temos vencido na nossa categoria, temos feito boas corridas e sempre na luta com os carros mais potentes e com pilotos muito experientes. Tenho aprendido imenso. Está a ser um ano fabuloso. Os resultados estão a superar as expectativas iniciais", concluiu o piloto apoiado pela Ascendi, Crédito Agrícola, CA Vida, Fibran XPS, Murganheira, Glassdrive, ENI, Anabela Alves, tecni.arte, Minfo, HyperKewl, GT Competizione, Thrustmaster, Basreal, Clinica Dr. Daniel Azevedo e Fornima.

Os resultados finais do fim-de-semana podem ser consultados em: www.racingweekend.com.ptLobato Copy

 

4º lugar para a nova driver

 

Campeonato Nacional de Velocidade 2014 (Portimão)


Quarto lugar para o Team Novadriver
após segunda corrida complicada

TEAMNOVADRIVER GTOPEN_CAMPANCO-PATEL_19820_Copy_Copy
O Team Novadriver com Francisco Abreu ao volante do Tatuus PY012/Honda da categoria
CN com as cores do Banco Carregosa, Ray Just Energy, Novatech, Brisa Maracujá,
Eco-Cars, Socicorreia, Galp Fórmula, Nacional da Madeira, Panta Racing Fuels,
Vapor Ilhas, Autódromo Virtual de Lisboa, Diário de Notícias da Madeira, Cision,
Duoseg e Honda, terminou a segunda corrida da quarta jornada dupla do Campeonato
Nacional de Velocidade (CNV), realizada hoje no Autódromo Internacional do Algarve, no
quarto lugar, depois de ter largado para a prova da terceira posição da grelha.
Após o pódio de ontem, o Team Novadriver estava confiante quanto a esta segunda
corrida, mas nada correu de feição a Francisco Abreu. Primeiro foi colocado fora de pista
por um adversário, toque que custou muito tempo ao piloto madeirense, depois uma
penalização “drive thru” por ultrapassar os limites da pista, conjugaram-se para o quarto
lugar obtido. Ainda assim, o saldo do fim de semana foi positivo, pois Francisco Abreu
guindou-se ao quarto lugar do CNV.
A próxima corrida do Campeonato Nacional de Velocidade realiza-se no Autódromo
Internacional do Algarve nos dias 6 e 7 de Setembro.
Francisco Abreu – “Não foi uma boa corrida, pois tivemos demasiados problemas, entre
eles um toque com o Pedro Salvador que me colocou fora de pista e depois um ‘drive thru’
por ultrapassar os limites do traçado. Consegui, ainda assim, um quarto lugar que me fez
subir até quarto do campeonato, pelo que nas próximas provas irei empenhar-me a fundo
para conseguir uma vitória e ganhar mais alguns lugares no campeonato.”
Para mais informações, por favor contacte press@novadriver.n

 

FONTES - BARBOSA VENCERAM

 

Campeonato Nacional de Velocidade 2014

Autódromo Internacional do Algarve

19 e 20 de Julho

 

Triunfo categórico do BP Ultimate Vodafone Team no Algarve
Miguel Barbosa e José Pedro Fontes a apenas dois pontos da liderança no Campeonato

A formação do BP Ultimate Vodafone Team com Miguel Barbosa / José Pedro Fontes aos comandos de um Tatuus PY 012 teve um desempenho notável na dupla jornada do Campeonato Nacional de Velocidade que este fim-de-semana se disputou no Autódromo Internacional do Algarve, competição concluída hoje com uma brilhante vitória que deixa os pilotos a apenas dois pontos da liderança do campeonato.

A equipa subiu ao pódio em ambas as corridas mas o terceiro lugar do dia de ontem não reflete o domínio do par Miguel Barbosa / José Pedro Fontes apenas travado por uma penalização, quando ocupava a liderança da corrida. Já na corrida hoje disputada, o grande destaque vai para a forma como a equipa se conseguiu impor superando um problema mecânico que acabou por proporcionar um final emocionante.

“O sucesso que tivemos é inteiramente merecido pela forma como trabalhámos ao longo de todo o fim-de-semana. Fomos a equipa mais rápida, estivemos sempre muito fortes, soubemos ultrapassar todas as dificuldades e o resultado corresponde aquilo que se passou na pista. Com os pontos aqui amealhados ficámos mais perto da liderança do campeonato e vamos continuar a lutar pela conquista do título”, salientou Miguel Barbosa.

Para José Pedro Fontes “a vitória na corrida de hoje foi inteiramente merecida mas foi difícil de conquistar. Tinha a frente do carro solta e isso originava problemas de arrefecimento. O carro chegou a desligar-se por três vezes mas consegui sempre recuperar e festejar uma importante vitória. Ontem cometi um pequeno erro ao exceder a velocidade nas boxes que nos custou a vitória, mas numa jornada em que obtivemos a pole position e a volta mais rápida, esta vitória de hoje veio repor a justiça”, revela o piloto da BP Ultimate Vodafone TeMBarbosa PortimaoRWeekend14_4_300dpi_CopyMBarbosa PortimaoRWeekend14_13_300dpi_CopyMBarbosa PortimaoRWeekend14_23_300dpi_Copy
 

DOMINGOS FERNANDES AUSENTE EM PAÇOS DE FERREIRA

 

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

 

RAMPA PAÇOS DE FERREIRA

 

 

DOMINGOS FERNANDES AUSENTE NA RAMPA DE PAÇOS DE FERREIRA


FOX 7900_Copy

O Autobianchi A 112 de Domingos Fernandes não irá alinhar no próximo fim de semana em mais uma prova do Campeonato Nacional de Montanha, neste caso a Rampa de Paços de Ferreira. Segundo Domingos Fernandes “ por razões de ordem profissional, fui obrigado a fazer o meu período de férias de verão nesta altura, por isso não irei estar presente no próximo fim de semana na Rampa de Paços de Ferreira. No entanto irei participar nas restantes provas do Campeonato, no Caramulo, Penh a e Sra.Graça”, garantiu-nos.

 

SEGUNDO A PIRELLI

 

Nico Rosberg vence o seu Grande Prémio caseiro COM DOIS-STOP ESTRATÉGIA
HAMILTON FAZ UP 17 lugares com três paradas ESTRATÉGIA
RACING FECHAR SOFT E GARANTIR PNEUS SUPERSOFT
Do início ao fim
Nico Rosberg tem seu liderança do campeonato estendida ao ganhar a sua casa Grand Prix, usando uma estratégia de duas paradas com um stint na P Zero Red supersoft Seguido de duas passagens sobre o pneu macio P Zero Amarelo. Foi a primeira vez que Rosberg já tinha terminado no pódio no Grande Prêmio da Alemanha, mas o pódio 300 por Williams, Valtteri Bottas cortesia de - no pódio pela terceira vez consecutiva.
Companheiro de equipe de Rosberg, Lewis Hamilton fez-se 17 lugares, terminando em terceiro lugar, tendo iniciado a partir de 20 no grid de dois a um acidente na qualificação. Hamilton passou de um para dois uma estratégia de três paradas na corrida, começando com duas passagens sobre o pneu macio e usando a velocidade extra do supermacio para suas duas passagens finais. Sua última passagem foi 17 voltas do pneu supermacio, durante o qual ele setembro volta mais rápida. Isto permitiu-lhe fechar até Bottas nos momentos finais e terminar apenas 22 segundos atrás de Rosberg, apesar de uma asa dianteira danificada.
Os pioneiros no grid tudo começou no pneu supermacio, que foi em torno de um segundo por volta mais rápido do que o pneu macio. Temperaturas da pista eram mais de 20 graus centígrados mais baixas do que tinham sido ao longo dos últimos dois dias, dando as equipes de uma nova dimensão, mas o risco esperado de chuva não se concretizou. Os motoristas foram capazes de empurrar tão duro quanto eles poderiam, com algumas corridas muito perto do início ao fim: a lacuna no final entre Fernando Alonso da Ferrari e Daniel Ricciardo, da Red Bull, em quinto e sexto, era menos de um décimo de segundo, depois de 306 quilômetros de corrida.
Diretor de automobilismo da Pirelli, Paul Hembery disse: "Com as condições de ser muito mais frio do que tinham sido anteriormente, as equipes estavam trabalhando em uma área um tanto desconhecido Quando ele veio para o comportamento do pneu Em comparação com os últimos dois dias. Vimos muita próxima corrida - às vezes muito perto de corrida - que também afetou o desgaste dos pneus e degradação. Como esperado, havia entre dois e três pit stops, com dois dos pódio, inclusive o vencedor, parando apenas duas vezes. Embora ele parou mais uma vez que seus rivais diretos, a estratégia de Hamilton lhe permitiu vir para a direita na disputa de um longo caminho para baixo da grelha. Nossa escolha do supersoft macio e garantiu muita ação e algumas batalhas emocionantes do início ao fim, apesar de várias estratégias diferentes que estão sendo jogado fora. "
Vezes mais rápido do dia com o composto:
  Supersoft suave Intermediate Wet
Primeiro Ric - 1m20.846s Ham - 1m19.908s N / A N / A
Segundo Alo - 1m21.212s maio - 1m20.224s N / A N / A
Terceiro Ros - 1m21.298s Alo - 1m20.548s N / A N / A
Longest stint da corrida:
Botão macio (30 voltas)
Ericsson Supersoft (24 voltas)
Verdade-O-Meter:
Dissemos que quer um dois ou três rolha era possível, com um supersoft de duas paradas supersoft-macio estratégia mais provável, parando em voltas 18 e 38. Almofada Rosberg adotou uma estratégia um pouco diferente, a partir da supersoft e Completando duas passagens na pneu macio, fazendo sua primeira parada na volta 15 e sua segunda parada na volta 41.

 

Google Tradutorf32 Copyf33 Copyf34 Copyf35 Copyf36 Copyf37 Copyf38 Copyf39 Copyf40 Copyf45 Copyf47 Copyf49 Copyf50 Copyf51 Copyf52 Copyf70 Copyf71 Copyf72 Copyf73 Copy

 

AMN SPORT DENTRO DOS OBJECTIVOS EM PORTIMÃO

 

CAMPEONATO NACIONAL DE VELOCIDADE

 

 

CIRCUITO AIA

 

 

AMNSPORT DENTRO DOS OBJECTIVOS EM PORTIMÃO

FOX 7747_Copy

Duas vitórias  em termos da categoria GT, foram os objectivos que a equipa da AMN Sport se propôs, na qual a dupla António Nogueira e António Coimbra conseguiram na prova do passado fim de semana. Assegurando o melhor tempo nas sessões de treinos com um 8º e 5º lugar na grelha de partida, a partir duma certa altura os dois pilotos da AMN Sport preocuparam-se em poder dar maior réplica aos sport protótipos que alinharam na mesma corrida.

Por isso no final António Nogueira estava satisfeito “ correu bem, sem problemas de maior, tanto eu como o António Coimbra fizemos duas corridas regulares, atingimos o objectivo que era vencer entre os GT, o que conseguimos. A partir dessa altura, preocupamo-nos em dar a maior réplica aos sport protótipos que estavam a  participar, isso por puro divertimento, pois não temos carro para nos podermos chegar aos Tatus nem aos Wolf, mas curiosamente na primeira corrida ainda tentamos chegar-nos ao Norma da veloso Motorsport, mas numa pista rápida como é a de Portimão, não houve grande chance, mas mesmo assim estou satisfeito”, disse-nos.

CAMPEONATO NACIONAL DE MONTANHA

 

 

RAMPA DE PAÇOS DE FERREIRA

 

 

EQUIPA DA AMN SPORT PRONTA PARA PAÇOS DE FERREIRA

Estando na liderança em termos de categoria 1 no Campeonato Nacional de Montanha, a AMN Sport vai estra presente na Rampa de Paços de Ferreira com o Porsche GT 2 com António Nogueira ao volante. Sobre esta participação o piloto da Régua falou-nos um pouco “ o meu objectivo é sempre o mesmo, vou para lutar pela vitória, não sei ainda quem serão os meus principais adversários. Para esta rampa, como aliás tem sido para as anteriores, o meu principal objectivo é ganhar, objectivo esse que tem sido alcançado, com uma ou outra excepção. Depois é tentar ficar o melhor classificado à geral, e pelas provas anteriores apenas os sport protótipos têm ficado á nossa frente, e só espero que não surjam grandes contratempos sob o ponto de vista técnico com o Porsche GT 2, de forma a podermos dar o melhor espectaculo possível, para os largos milhares de espectadores que assistem a esta rampa”.

 

GIAO ESTEVE EM DESTAQUE

 

A terceira jornada da SEAT Leon Eurocup decorreu hoje em Silverstone com Manuel Gião a ter uma primeira corrida complicada e a quedar-se pelo sétimo lugar. Mas na segunda, o desempenho foi outro e o piloto português esteve na discussão pelos lugares do pódio desde o início, posição que apenas perdeu já perto do final.
A corrida 1 não foi fácil para o piloto da SEAT Portugal que a sair da terceira posição da grelha, não conseguiu impor o ritmo desejado e foi perdendo posições. Não satisfeito com o resultado, Gião e a equipa Baporo Motorsport fizeram alterações importantes no 'set-up' do SEAT Leon Cup Racer que permitiram ao piloto luso entrar para a segunda corrida mais competitivo: "Logo após a primeira volta já estava na terceira posição e na luta para continuar a subir lugares. No entanto a entrada do 'safety car' anulou a vantagem que já tinha ganho. Continuei a dar o tudo por tudo, mas na última volta acabei por ficar sem gasolina e tive de ceder o terceiro posto", explicou o piloto depois de a entrada do 'safety-car' ter obrigado a mais cinco voltas á pista e um consumo de combustível não expectável.
Ainda assim, o número de pontos somados para o Campeonato foram de extrema importância: "Estamos todos muito perto uns dos outros. Não tinha noção do quão competitivas eram estas corridas. Mas sinto-me cada vez mais adaptado, mais á vontade quer com o carro quer com a equipa. Este fim-de-semana, mesmo não tendo testado como as outras equipas, demos um passo em frente que considero importante para o resto da época", disse Manuel Gião que continua a somar pontos em todas as provas e mostrar-se cada vez mais confiante.
Os resultados das corridas podem ser consultados em: http://www.seat-sport.com/seat-leon-silverstone giao1_Copysilverstone giao_Copy

 

TEAM NOVA DRIVER NO PÓDIO

 

International GT Open – Silverstone (Dia 2)
Team Novadriver termina segunda
corrida no pódio da categoria GTS

TEAMNOVADRIVER GTOPEN_CAMPANCO-PATEL_19820_Copy
Dando seguimento à “pole-position” à geral conquistada com mérito na segunda
sessão de qualificação realizada ontem, César Campaniço e Aditya Patel, a dupla
de pilotos do Team Novadriver, ao volante do Audi R8 LMS Ultra com as cores do
Banco Carregosa, Cision, Galp Fórmula, Novatech Plus, Duoseg, Eco-Cars,
Panta Racing Fuels, Autódromo Virtual de Lisboa, SIVA, JK Racing,
Amanté, Audi Sport Customer Racing, Audi India e Audi Bank, conquistaram
na corrida disputada hoje, em Silverstone, um magnífico terceiro lugar na
categoria GTS.
Após a primeira corrida ontem disputada, onde o Team Novadriver conseguiu
conquistar um quinto lugar na categoria GTS (depois da “pole-position” na classe e
segundo lugar na grelha à geral) apesar de problemas com a pistola pneumática
na troca de pneus e de um inoportuno “safety car” nos minutos finais, a segunda
prova da jornada dupla de Silvertone terminou bem melhor.
César Campaniço e Aditya Patel conseguiram levar o Audi R8 LMS Ultra a mais um
pódio, terminando a corrida num magnífico terceiro lugar da categoria GTS, após
uma prova sem problemas e onde só a parte final conheceu maior animação,
quando o piloto português do Team Novadriver tentou aproximar-se do segundo
classificado. Porém, os pneus já desgastados acabaram por inviabilizar a
recuperação.
Após esta quinta jornada de Silverstone, os pilotos do Team Novadriver estão no
sétimo lugar do campeonato da categoria GTS, a uma mão cheia de pontos do
pódio, o objetivo de César Campaniço e Aditya Patel, mas a pouco mais de duas
dezenas de pontos do líder da classe, ou seja, ainda na luta pelo título.
Próxima prova do International GT Open realiza-se nos dias 5 a 7 de Setembro, no
mítico traçado de Spa-Francorchamps.
César Campaniço – “Sem conhecer azares e com dois turnos perfeitos,
conseguimos o objetivo, ou seja, o pódio na categoria GTS. Apostámos tudo na
troca de pilotos, não cambiando os pneus, mas na parte final da corrida paguei o
preço dessa escolha com as borrachas já algo desgastadas. Ainda tentei chegar ao
segundo lugar, mas depois preferi guardar este ótimo terceiro posto na classe, que
nos mantém na luta pelo pódio e até pela vitória final na categoria GTS.”
Aditya Patel – “O arranque foi complicado e caótico com alguns toques a
acabarem por me penalizar bastante. Mesmo assim consegui manter um lugar
entre os melhores da categoria GTS e, no final, estou muito satisfeito com mais
um pódio, especialmente depois da azarada corrida de ontem. Estamos bem,
continuamos na luta pelos nossos objetivos e isso é que é importante.”

 

A5 COM CONDICIONAMENTOS

 

Condicionamento de trânsito na A5

 

Entre 21 e 26 de Julho

A Brisa Concessão Rodoviária informa que, no âmbito de trabalhos de beneficiação de pavimento no sublanço Estádio Nacional/Oeiras, na A5 – Auto-estrada da Costa do Estoril, irá proceder aos seguintes condicionamentos de trânsito.

De 21 (segunda-feira) para 22 (terça-feira) de Julho

Entre as 22:00 e as 06:00, desvio de trânsito do sentido Cascais-Lisboa para Lisboa-Cascais, entre os km 12,4 e 10,9

De 22 (terça-feira) para 23 (quarta-feira) de Julho

Entre as 22:00 e as 06:00, desvio de trânsito do sentido Cascais-Lisboa para Lisboa-Cascais, entre os km 12,4 e 9,5

De 23 (quarta-feira) para 24 (quinta-feira) de Julho

Entre as 22:00 e as 06:00, desvio de trânsito do sentido Cascais-Lisboa para Lisboa-Cascais, entre os km 10,9 e 9,5

De 24 (quinta-feira) para 25 (sexta-feira) de Julho

Entre as 22:00 e as 06:00, desvio de trânsito do sentido Cascais-Lisboa para Lisboa-Cascais, entre os km 10,9 e 9,5

De 25 (sexta-feira) para 26 (sábado) de Julho

Entre as 22:00 e as 06:00, desvio de trânsito do sentido Cascais-Lisboa para Lisboa-Cascais, entre os km 10,9 e 9

Corte do ramo de saída da A9-CREL, no sentido Alverca/Estádio, para a A5, sentido Cascais-Lisboa.

A Brisa Concessão Rodoviária informa que todos os desvios estarão devidamente assinalados no local e apela à prudência na passagem pelo local.

A Brisa agradece antecipadamente a compreensão e colaboração dos automobilistas, esperando contribuir para reduzir eventuais inconvenientes decorrentes desta operação.

Para informação actualizada poderá ainda consultar o site www.brisa.pt.

 

 

RAMPA CAPITAL DO MÓVEL SEMPRE VAI PARA A FRENTE

Rampa Capital do Móvel é já no próximo fim de semana.

Há um ano, o Campeonato de Portugal de Montanha decidiu-se em Paços de Ferreira, este ano, as decisões estão ainda muito longe de ficarem encerradas e, por isso, prevê-se que esta seja uma das melhores edições de sempre, na qual participam convidados muito especiais.

Definitivamente este é o campeonato mais disputado dos últimos anos. Quatro provas até agora corridas, outros tantos vencedores, com Pedro Castañon a destacar-se, com 16 pontos de vantagem sobre Paulo Ramalho.

A primeira prova foi disputada na Penha, em Guimarães. O Demoporto organizou e João Fonseca manteve-se na frente quase todo o tempo. mas feitas as contas finais e a vitória foi para Cesar Rodriguez, que veio de Espanha para vencer a primeira prova.

Seguiu-se a Falperra, do Clube Automóvel do Minho e entre tempos realizados e reuniões do colégio de comissários desportivos (CCD) tudo ficou  decidido, com a vitória a ser entregue a Rui Ramalho.

A decisão do CCD prendeu-se com a questão de Pedro Salvador estar a participar num carro cuja condução era partilhada, pois assim se faz no Campeonato Nacional de Velocidade, que visitou a montanha nesta prova e na seguinte. Ora segundo o colégio de comissários desportivos não era possível tal acontecer, com a regulamentação internacional a sobrepor-se à nacional.

Na Covilhã, Pedro Salvador ditou lei, depois de se ter esclarecido a questão regulamentar que o tinha impedido de vencer na prova do Campeonato da Europa. Afinal sempre era possível que um participante do Campeonato Nacional de Velocidade, pontuasse para o Nacional de Montanha. Salvador vence nas duas frentes, na prova do Clube Aventura do Minho.

Chegamos a Murça e ainda nos treinos Rui Ramalho fica impedido de lutar pela liderança do campeonato. O motor de Juno parte e Castañon fica com o caminho aberto para ganhar. O piloto espanhol aparece em Trás-os-montes  com o Norma de Carlos Torres e ganha.

Na Categoria Um o domínio mantém-se e é exercido por António Nogueira, com o Porsche a ditar lei no plano inclinado. Ainda na Um registem-se as vitórias de Manuel Correia nos S2000 e de Martine Pereira nos Turismos que apesar de ter vencido em Murça, é quarto na classificação geral da categoria, atrás de Joana Barbosa, que simultaneamente comanda a classificação das senhoras.

Na Categoria Três, depois dos problemas sentidos no início da época, Tiago Reis passou a dominar com o Ford Fiesta RS 2000. Manuel Pereira, em Mitsubishi Lancer Evo VI, tem vindo a afirmar-se como oposição, mas face a uma época muito regular, Edgar Reis lidera a classificação geral da categoria, apesar de participar com um Renault Clio bem menos potente que os automóveis dos adversários.

A Categoria Quatro teve até à data a participação de Joaquim Santos em Ford Focus RS e de António Teixeira em Ford Fiesta RS. O Team Bompiso a dominar a categoria destinada aos supercarros de Ralicross, com Joaquim Santos a andar na frente.

Joaquim Teixeira em Seat Leon Supercopa, mantém-se invicto na Categoria Cinco. Luís Silva, em Mitsubishi Lancer Evo VI mantém uma presença constante no segundo posto, se bem que cada vez mais se nota um maior equilíbrio no andamento  dos participantes.

Por fim, entre os clássicos, da Categoria Seis, depois de um início de época em que Hélder Silva se manteve na frente com o BMW 323i, assistimos à vitória de José Pedro Gomes, o Campeão Nacional de Clássicos de Montanha em título, em Murça, depois de ter sido provado que o BMW não estava regulamentar.

Por fim, na Taça Nacional de Montanha 1.300cc, Paulo Pinto está na frente, enquanto José Pedro Figueiredo se destaca nos Clásscos 1.300 cc

Os convidados

Aurora Cunha e o Padre Almiro Mendes, vão estar aos comandos de um Fiat Punto, do Challenge Desafio Único.

Aurora Cunha é uma referência da corrida a nível mundial, fazendo parte de uma geração de ouro do Atletismo português. Venceu as principais maratonas mundiais; dominou o Campeonato do Mundo de Estrada entre 1984 e 86 e acumulou medalhas ao longo de uma carreira que durou entre 1978 e 2000, grande parte dela, ostentando as cores do Futebol Clube do Porto.  Em Paços de Ferreira vai trocar as corridas e pé, pelas corridas de automóvel.

Almiro Mendes é o Pároco de Ramalde no Porto. Padre por vocação, mas automobilista por paixão, tornou-se no Circuito da Boavista de 2013 no primeiro sacerdote católico a participar numa corrida de automóveis oficial. Vê as corridas como um “prazer legítimo” e cita uma frase do Pentateuco, para justificar esta sua paixão pelas corridas: “Há de Deus pedir-nos contas dos prazeres legítimos que não gozamos.” Pois em Paços de Ferreira, Almiro Mendes vai ao encontro de um  prazer legítimo, ao volante do Fiat Punto do Challenge Desafio Único.

A Rampa Capital do Móvel, é organizada pelo CAMI, com o apoio da Associação Empresarial de Paços de Ferreira. Tem arranque marcado para as 15.00 horas de Sábado, com as realização dos treinos livres e oficiais. A primeira prova está agendada para as 17.00 horas. Domingo a rampa recomeça às 10.30 horas com subidas de treinos  e as subidas oficiais de prova.

 Pedro Castañon na Rampa Porca de Murça

 

EUROFORMULA OPEN

Fotospeedy
Clique na imagem para fazer o Donwload...
Henrique Baptista
Alta | Web

Fotospeedy
Clique na imagem para fazer o Donwload...
Henrique Baptista
Alta | Web

Chuva e acidente atrapalham piloto brasileiro em Silverstone

Na quinta rodada dupla do Euroformula Open, Henrique Baptista tem fim de semana complicado

O brasileiro Henrique Baptista teve um fim de semana de desafios e aprendizados no Euroformula Open. O circuito de Silverstone, na Inglaterra, palco do quinto encontro da temporada, teve na instabilidade do tempo um efeito complicador no primeiro dos dois dias de competição.

Debaixo de chuva, o piloto da DAV Racing acabou envolvido em um acidente logo na primeira volta, que o impediu de obter mais quilometragem em pista molhada. Na segunda corrida, disputada neste domingo com pista seca, o piloto pernambucano mostrou um bom desempenho e se mostrou satisfeito com o rendimento, terminando em 11º.

"Foi um fim de semana difícil. Pela segunda vez corri em pista molhada, mas a primeira vez no traçado completo de Silverstone. O acidente na primeira prova, logo no início, não ajudou muito mas hoje acabei tendo um bom desempenho, fiz várias ultrapassagens e fiquei feliz com o desempenho", analisa o brasileiro.

As duas vitórias em Silverstone ficaram com Sandy Stuvik; o próximo encontro do Euroformula Open acontece entre os dias 5 e 7 de setembro, em Spa-Francorchamps, na Bélgica.

Confira a íntegra das duas corridas do fim de semana em Silverstone clicando nos links abaixo:
CORRIDA 1
CORRIDA 2

 

SEGUNDO AS PREVISÕES DA PIRELLI

 

2014 Grande Prêmio da Alemanha - A partir de pneus line-up
Nos 2.014 pilotos do Grande Prêmio da Alemanha começou a corrida com os pneus seguintes:
Rosberg Supersoft
Bottas Supersoft
massa Supersoft
Magnussen Supersoft
Ricciardo Supersoft
Vettel Supersoft
Alonso Supersoft
Supersoft Kvyat
Hulkenberg Supersoft
Perez Supersoft
Botão Supersoft
Raikkonen macio
Supersoft Vergne
Grosjean macio
Sutil Supersoft
Gutierrez Supersoft
Branco Supersoft
Maldonado Supersoft
Kobayashi Supersoft
Hamilton macio
Chilton Supersoft
* Supersoft Ericsson
* A partir do pit lane
Começando pneu line-up - Alemanha 14f20 Copyf21 Copyf22 Copyf23 Copyf24 Copyf25 Copyf26 Copyf27 Copyf28 Copyf29 Copyf30 Copyf31 Copy

 

CAMPOS JÁ TEXTOU

 

Miguel Campos já testou o Peugeot 208 T16 R5

Primeiras impressões muito positivas

Miguel Campos e Victor Calado já fizeram alguns quilómetros com o Peugeot 208 T16 R5 com que vão competir na próxima edição do Rali Vinho da Madeira, que se realiza de 1 a 3 do próximo mês. O primeiro contacto com o carro preparado pela PA Racing aconteceu junto à sede da equipa, na zona de Bergamo, Itália, e já deu para perceber o enorme potencial do modelo gaulês.

A dupla portuguesa aproveitou a deslocação à sede da equipa onde confirmou a ligação para o Rali Vinho da Madeira e cumpriu o shakedown ao Peugeot 208 T16 R5 pronto a estrear que a formação italiana preparou. Foram apenas dez quilómetros que, embora não tenham servido como um teste, serviram para perceber que é um carro muito bem desenvolvido e com argumentos para ser competitivo.

“Nesta nossa ida a Itália, já pudemos experimentar o Peugeot 208 com que vamos correr na Madeira. Aproveitámos esta viagem para fazer algumas afinações, como o acerto da posição das bacquets. Os quilómetros realizados junto às instalações da PA Racing serviram para confirmar tudo o que de bom se diz deste carro”, afirmou Miguel Campos.

Depois de ter guiado todo o tipo de carros, o piloto de Famalicão não tem dúvidas que o Peugeot 208 T16 R5 é muito mais competitivo do que os últimos carros que guiou. Face aos Super 2000, Campos não tem dúvidas. “O chassis é extremamente equilibrado e o motor turbo dá-nos uma margem de utilização que nem imaginávamos nos modelos anteriores. Agora podemos explorar muito mais o propulsor e tirar maior proveito da potência e do binário disponíveis”, explicou o piloto.

De qualquer forma, esta sessão não foi mais do que um primeiro contacto que serviu apenas para fazer uma avaliação superficial ao carro. “Ficámos muito satisfeitos com o que sentimos neste teste mas o verdadeiro trabalho só vai acontecer quando já estivermos na Madeira. Aí vamos poder testar convenientemente e procurar as melhores afinações para os exigentes e muito específicos troços do rali”, sublinhou Miguel Campos.

Victor Calado, por sua vez, também ficou muito surpreendido pela positiva. “Nunca tinha andado num carro de ralis tão bom. Para além disso, o que nos deixa ainda mais entusiasmados é perceber o empenho e a dedicação com que todos os elementos da PA Racing estão a colocar neste projecto. Não só nos dá mais confiança como nos sentimos maior motivação para o Rali Vinho da Madeira”, afirmou o co-piloto.

O Rali Vinho da Madeira é organizado pelo Club Sports da Madeira e pontua para o Troféu Europeu de Ralis e para os campeonatos nacional e regional da especialidade.IMG 5230PR_CopyIMG 9299PR_Copy

 

DOMINGOS FERNANDES AUSENTE EM PAÇOS DE FERREIRA

DOMINGOS FERNANDES AUSENTE EM PAÇOS DE MFERREIRA

 

O piloto do Autobianchi A 112, que tem participado de forma assidua nas provas do campeonato Nacional de MoFOX 7509_Copyntanha, vai estar já este fim de semana ausente na rampa de Paços de Ferreira, isso motivado por estar a usufruir das suas férias, no entanto o piloto de Armamar já assegurou a sua participação nas restantes provas que fazem parte do calendário.

 

RAMPA DE MURÇA

RAMPA DE MURÇA - GALERIA DE IMAGENS

 

 

Grupo de imagens relativas à primeira descida da rampa de Murça, feita ainda debaixo de chuva.

 

Fotos de João Raposo - www.velocidadeonline.comFOX 7501_CopyFOX 7502_CopyFOX 7503_CopyFOX 7504_CopyFOX 7505_CopyFOX 7506_CopyFOX 7507_CopyFOX 7508_CopyFOX 7509_CopyFOX 7510_CopyFOX 7512_CopyFOX 7513_CopyFOX 7515_CopyFOX 7516_CopyFOX 7517_CopyFOX 7518_CopyFOX 7519_CopyFOX 7520_CopyFOX 7521_CopyFOX 7522_CopyFOX 7523_CopyFOX 7524_CopyFOX 7525_CopyFOX 7526_CopyFOX 7527_CopyFOX 7528_CopyFOX 7529_CopyFOX 7530_CopyFOX 7531_CopyFOX 7532_CopyFOX 7533_CopyFOX 7534_CopyFOX 7535_CopyFOX 7536_CopyFOX 7537_CopyFOX 7538_CopyFOX 7544_CopyFOX 7545_CopyFOX 7546_CopyFOX 7547_CopyFOX 7548_CopyFOX 7549_CopyFOX 7551_CopyFOX 7552_CopyFOX 7555_CopyFOX 7556_CopyFOX 7557_CopyFOX 7558_CopyFOX 7564_CopyFOX 7565_CopyFOX 7567_CopyFOX 7568_CopyFOX 7569_CopyFOX 7571_CopyFOX 7572_CopyFOX 7573_CopyFOX 7574_CopyFOX 7575_CopyFOX 7576_CopyFOX 7577_CopyFOX 7578_CopyFOX 7578_CopyFOX 7580_CopyFOX 7581_CopyFOX 7582_CopyFOX 7583_CopyFOX 7584_CopyFOX 7587_CopyFOX 7588_Copy

 

ALBUQUERQUE NA POLE POSITION

 

Filipe Albuquerque na 'pole' no Red Bull Ring

 

Filipe Albuquerque, Simon Dohlan e Harry Tincknell vão sair para a terceira corrida da temporada do European Le Mans Series  na Áustria da 'pole position' com o objectivo claro de no final da prova, subir ao lugar mais alto do pódio.

 

A qualificação foi disputada por Tincknell que bateu os seus adversários quase por meio segundo, um resultado importante e que dá motivação acrescida a toda a equipa. Caberá a Filipe Albuquerque fazer o arranque e como consequência o primeiro turno da prova. Depois entrará Dohlan em pista e Tincknell no final.

 

Com o título na mira, os três pilotos só vêm como possível a vitória: "Que estamos rápidos não há qualquer dúvida, mas a corrida é longa, são quatro horas, e tudo tem de correr bem. Precisamos de continuar a somar vitórias para discutirmos o título na última prova no Estoril", disse Albuquerque.

 

Albuquerque Copy
 

KARTING - BRASIL

 

Sulamericano – Leonardo Reis estreia em pistas internacionais com vitória na Argentina

 

Piloto da Kart Mini foi o melhor brasileiro do primeiro dia de provas do Sulamericano

 

As atenções do cenário kartismo internacional sul-americano estão voltadas neste final de semana para o Kartódromo Internacional da Cidade de Buenos Aires, que serve de palco para a edição 2014 do Rotax Max Challenge South American, por aqui conhecido como Campeonato Sulamericano de Rotax, marca de propulsores produzidos na Áustria pela canadense Bombardier.

 

Mais de 250 pilotos representando países da América do Sul e do Canadá buscam a conquista do titulo máximo em uma das sete categorias que integram o certame monomarca. Entre eles está o kartista paulista Leonardo Reis (Car Racing/ Porlimp/ Bifarma/ Kart Mini), que faz no evento sua estreia nas pistas internacionais.

 

Inscrito na classe Micro Max, uma das mais categorias competitivas e disputadas dos eventos Rotax, Leonardo não conhecia previamente o circuito portenho, pelo que teria de descobrir e aprender os segredos do seletivo e travado Circuito 1 do Kartódromo de Buenos Aires, bem como desenvolver os ajustes de seu micromonoposto durante os dois dias de treinos livres. Uma tarefa quase titânica, principalmente ao se levar em conta que a maioria dos competidores que encontraria pela frente eram argentinos, bem familiarizados com o circuito e com seus bólidos ajustadíssimos.

 

Para complicar ainda mais esse “molho”, o motor que trouxe do Brasil para impulsionar seu Kart Mini teve problemas técnicos, obrigando a equipe Car Racing alugar um propulsor de uma empresa local. Mas, certamente, os demais concorrentes não deixariam disponível no “mercado” uma unidade propulsora de primeira linha…

 

Outro “detalhe” é que o regulamento técnico determina a utilização de um eixo traseiro extremamente rígido (eixo 30), que em nosso panorama do kartismo tupiniquim é algo equivalente ao uso de tacapes pré-históricos. Mesmo assim Leonardo Reis não desanimou, tratando de acelerar fundo para representar ufanisticamente as cores de nosso pavilhão nacional.

 

E isso ficou claro já nos treinos livres, posto que entre os vinte concorrentes de sua categoria, Reis figurou sempre entre a P7 e a P10.

 

Neste sábado (19/07) foram realizadas as tomadas de tempos classificatórios, bem como as três corridas também classificatórias de cada categoria em disputa. Na pratica da Micro Max, Leonardo Reis superou as expectativas e garantiu a sexta posição para a largada da primeira bateria.

 

Foi simplesmente um “corridaço” de tirar o folego! Na largada acabou perdendo uma posição, mas na segunda volta já recuperara o posto e estava novamente na posição original de partida. A prova classificatória é extremamente curta, com apenas oito voltas de duração, pelo que a agressividade tinha de ter uma das tônicas. Na terceira volta mais uma posição conquistada e Leo já estava no top five, entre os vinte participantes.

 

Mais uma passagem, a quarta de corrida, com o pé no fundo e Leo já era o segundo colocado, superando três concorrentes em uma única volta. Mesmo assim estava a 1.2 segundos do líder da corrida, o argentino Juan Pablo Alberti. No kartismo essa é quase uma diferença abissal.

 

Quinta volta e Reis já havia pulverizado a diferença que o separava do líder e partia para o ataque. Os bólidos se tocaram e quem se deu melhor nessa “negociação” foi o colombiano Juan Martinez, que assumiu a liderança, deixando Alberti em segundo e Reis na terceira colocação. Mas o caçulinha do veloz clã Reis não se deu por batido e com a faca nos dentes superou ambos adversários na penúltima volta, trazendo consigo o também brasileiro Pedro Aizza, o novo P2 e o peruano Matias Zagazeta em terceiro.

 

Com um ritmo avassalador Leonardo não teve como ser batido e na volta seguinte recebeu a consagradora checkered flag. Vitória de Leonardo Reis (Car Racing/ Porlimp/ Bifarma/ Kart Mini) em sua primeira corrida em pistas internacionais. Mais que isso. Vitória com um chassis 100% brasileiro – Kart Mini – no cenário dominado pelos telaios italianos Tony Kart!

 

A segunda colocação ficou para o argentino Franco Colapinto – que largou na pole position -, Zagazeta ficou com a terceira colocação, o paranaense Aizza com o quarto posto e o argentino Gonzalo Signorelli fechou o top five da primeira bateria classificatória.

 

Na segunda bateria classificatória, Leonardo alinhou na P5, fez uma largada conservadora, buscando evitar os habituais acidentes de largada, mas, mesmo assim, fechando a primeira volta já na quarta posição. Com todos andando em ritmo muito próximo a prova foi pouco movimentada no que toca às trocas de posições e o grupo dos cinco primeiros foi até o final mantendo o mesmo posicionamento.

 

Na terceira e última corrida classificatória, Leonardo partiu da quarta posição da grelha, mas fechou a primeira passagem já ocupando a segunda posição. Ao contrario da bateria anterior a terceira classificatória foi “hot”, com muitas ultrapassagens e trocas de posições. Reis foi P2, P3, voltou para a P2 e recebeu a checkered flag ocupando a segunda colocação.

 

Um dia de grandes resultados para o jovem “brazuca”. Todavia a contumaz pressão politica e a habitual “patriotada” dos argentinos quando ocorre qualquer disputa com brasileiros – do futebol às bolinhas de gude – entrou em ação e, na vistoria técnica que sucedeu a corrida final, foi detectada/indicada uma falha na rosca do carburador do motor alugado… pelos argentinos!

 

Com isso Leonardo Reis foi desclassificado pelos Comissários Técnicos nesta ultima corrida classificatória, o que decerto influirá no posicionamento que ocupará neste domingo na corrida Pré-Final da Micro Max. A ordem de chegada dessa prova será a mesma de largada da Final, ainda amanhã, que definirá o Campeão Sulamericano Micro Max de 2014.

 

Confira o resultado completo das três baterias classificatórias da Rotax Micro Max:

 

Terceira Bateria Classificatória:

1.- #24 Franco Colapinto (Argentina), com 8 voltas em 07:36.392

2.- #29 Leonardo Reis (Brasil), a 4.111 (+4.111)

3.- #35 Pedro Aizza (Brasil), a 4.222 (+0.111)

4.- #32 Juan David Martinez (Colombia), a 5.523 (+1.301)

5.- #88 Matias Zagazeta (Peru), a 5.602 (+0.079)

6.- #30 Juan Jose Diaz Rodriguez (Colombia), a 5.692 (+0.090)

7.- #21 Lucas Bohdanowicz (Argentina), a 5.926 (+0.234)

8.- #46 Francisco Javier Perez Olarte (Chile), a 7.904 (+1.978)

9.- #17 Andrew Nevel Maciel (Canada), a 11.876 (+3.972)

10.- #33 Nahuel Alberto Santos Osano (Uruguay), a 13.025 (+1.149)

11.- #19 Martin Iglesias (Uruguay), a 13.238 (+0.213)

12.- #47 Ignacia Antonia Parada Gutierrez (Chile), a 13.629 (+0.391)

13.- #90 Gonzalo Signorelli (Argentina), a 17.013 (+3.384)

14.- #16 Juan Pablo Alberti (Argentina), a 21.886 (+4.873)

15.- #26 Mateo Llarena Rosenthal (Guatemala), a 23.088 (+1.202)

16.- #18 Matias Landa (Uruguay), a 23.167 (+0.079)

17.- #99 Arturo Alcalde (Venezuela), a 24.165 (+0.998)

18.- #36 Jorge Martinez (Bolivia), a 24.370 (+0.205)

19.- #20 Gianni Arione Capraro (Chile), a 24.508 (+0.138)

20.- #55 Nicolas Octavio Duran Valdebenito (Chile), a 7 voltas

Melhor Volta: #30 Juan Jose Diaz Rodriguez, com 56s609 na 5ª volta

 

Segunda Bateria Classificatoria:

1 .- #24 Franco Colapinto (Argentina), com 8 voltas em 07:31.651

2.- #30 Juan Jose Diaz Rodriguez (Colombia), a 0.039

3.- #21 Lucas Bohdanowicz (Argentina), a 4.655 (+4.616)

4.- #29 Leonardo Reis (Brasil), a 4.759 (+0.104)

5.- #35 Pedro Aizza (Brasil), a 4.877 (+0.118)

6.- #90 Gonzalo Signorelli (Argentina), a 6.664 (+1.787)

7.- #88 Matias Zagazeta (Peru), a 6.838 (+0.174)

8.- #20 Gianni Arione Capraro (Chile), a 8.336 (+1.498)

9.- #46 Francisco Javier Perez Olarte (Chile), a 9.352 (+1.016)

10.- #16 Juan Pablo Alberti (Argentina), a 13.253 (+3.901)

11.- #32 Juan David Martinez (Colombia), a 15.118 (+1.865)

12.- #19 Martin Iglesias (Uruguay), a 17.300 (+2.182)

13.- #33 Nahuel Alberto Santos Osano (Uruguay), a 18.130 (+0.830)

14.- #18 Matias Landa (Uruguay), a 18.628 (+0.498)

15.- #47 Ignacia Antonia Parada Gutierrez (Chile), a 20.075 (+1.447)

16.- #17 Andrew Nevel Maciel (Canada), a 22.135 (+2.060)

17.- #36 Jorge Martinez (Bolivia), a 25.338 (+3.203)

18.- #26 Mateo Llarena Rosenthal (Guatemala), a 36.238 (+10.900)

19.- #99 Arturo Alcalde (Venezuela), a 41.012 (+4.774)

20.- #55 Nicolas Octavio Duran Valdebenito (Chile), a 4 voltas

Melhor Volta: #24 Franco Colapinto, com 56s477 na 6ª volta

 

Primeira Bateria Classificatória Micro Max:

1.- #29 Leonardo Reis (Brasil), com 8 voltas em 7:43.221

2.- #24 Franco Colapinto (Argentina), 0s432

3.-#88 Matias Zagazeta (Peru), a 0s912

4.- #35 Pedro Aizza (Brasil), a 1s194

5.- #90 Gonzalo Signorelli (Argentina), a 2s828

6.- #46 Francisco Javier Perez Olarte (Chile), a 3s356

7.- #21 Lucas Bohdanowicz (Argentina), a 3s510

8.- #47 Ignacia Antonia Parada Gutierrez (Chile), a 8s863

9.- #20 Gianni Arione Capraro (Chile), a 13s730

10.- #33 Nahuel Alberto Santos Osano (Uruguay), a 14s704

11.- #18 Matias Landa (Uruguay), a 17s493

12.- #19 Martin Iglesias (Uruguay), a 18s655

13.- #55 Nicolas Octavio Duran Valdebenito (Chile), a 18s813

14.- #17 Andrew Nevel Maciel (Canada), a 23s558

15.- #36 Jorge Martinez (Bolivia), a 27s867

16.- #30 Juan Jose Diaz Rodriguez (Colombia), a 38s395

17.- #16 Juan Pablo Alberti (Argentina), a 42s333

18.- #32 Juan David Martinez (Colombia), a 1 volta

19.- #26 Mateo Llarena Rosenthal (Guatemala), a 2 voltas

20.- #99 Arturo Alcalde (Venezuela), a 8 voltas

Melhor Volta: #24 Franco Colapinto (Argentina), com 56s335

 

 

 leonardo reis_img_3167_mario_ferreira_press_Copy

 

RALI DOS BARRETOS - BRASIL

Rally de Barretos: Jérémy Dubois fica em terceiro nos quadris


Já o pai Alain Dubois, que disputa na categoria UTV, utilizou a Especial deste sábado para testes com seu protótipo experimental

19 de julho de 2014 - Jérémy Dubois, da Equipe SAT Racing, garantiu o terceiro lugar entre os quadriciclos, neste sábado, 19, no 8º Rally de Barretos, no interior paulista. A bordo de um KTM 525 XC, o piloto francês, radicado em Taubaté (SP), completou o trecho cronometrado de 140 quilômetros entre os ponteiros da categoria e aprovou o percurso exigente. Já Alain Jean-Marie Dubois, pai de Jérémy, que compete pela categoria UTV com um protótipo experimental, não conseguiu finalizar a Especial dentro do tempo regulamentar.

"Hoje passei por umas 200 lombadas, teve trechos bem travados, retas, mas apesar de a prova ter sido muito cansativa foi bem interessante o resultado do terceiro lugar. Pois larguei atrás e fiquei durante muitos quilômetros na poeira do meu concorrente e não consegui negociar a ultrapassagem", explica Jérémy, que está em sua sexta temporada no Cross Country.

Para completar a Especial o piloto teve de usar da experiência e cautela para driblar um imprevisto no final do trecho. "Faltando 20 quilômetros, o motor teve um aquecimento e precisei poupar o equipamento para não prejudicar o meu resultado e fui mais consersador", explica o piloto nascido em Wattrelos, no norte da França.

Entre os 35 UTVs que largaram, neste sábado, estava o protótipo experimental SAT Racing 001, desenvolvido pela equipe. Mas apesar de não ter completado a prova, Alain ficou satisfeito com mais um teste realizado com o novo projeto e das informações que pode colher durante o percurso com diversas variações de terrenos.

"O protótipo estava muito gostoso de andar e apresentou um problema com uma emenda de corrente e, por isto, não deu para terminar a prova. Ainda assim, os testes foram bem sucedidos e o desempenho do UTV foi bem positivo", afirma Alain.

O rali reúne competidores de vários estados nas categorias motos, quadriciclos, UTVs, carros e caminhões. A prova é válida pela quarta etapa do calendário de competições dos campeonatos Brasileiros de Rally Baja e o Brasileiro de Cross Country.

A equipe SAT Racing conta com o patrocínio da Circuit Equipment, Buffalo, Pronal e SAT.

Resultado extra-oficial dos quadriciclos (sábado 19/7)

1º Gabriel Varela, 02h06min10s
2º Ernesto Jun Watashi, 02h06min46s
3º Jeremy Dubois, 02h08min05s
4º Osmar de Mendonça Júnior, 02h08min06s
5º Richard Amaral, 02h08min16s

Calendário do Campeonato Brasileiro de Rally Baja 2014:

01 Etapa - Ilha Comprida/SP - 29 e 30 de março
02 Etapa - Rally Cuesta/SP - 16, 17 e 18 de Maio
03 Etapa - Rota SC /Porto Belo - 14 e 15 de Junho
04 Etapa - Barretos/SP - 19 e 20 de Julho

05 Etapa - Bandeirantes/SP - 04 e 05 de Outubro
06 Etapa - Rota Sudeste/ SP - 14, 15 e 16 de Novembro
07 Etapa - Rally dos Amigos/ SP - 13 e 14 de Dezembro


Magnus Torquato/Webventure
Clique na imagem para fazer o Donwload...
Jérémy Dubois em salto no Prólogo
Alta | Web

Vinicius Branca/Webventure
Clique na imagem para fazer o Donwload...
Jérémy Debóis nos quadriciclos em Barretos
Alta | Web

Gustavo Epifânio/Webventure
Clique na imagem para fazer o Donwload...
Foram 140 km disputados
Alta | Web

Gustavo Epifânio/Webventure
Clique na imagem para fazer o Donwload...
Alain Dubois com o protótipo SAT Racing 001
Alta | Web

Magnus Torquato/Webventure
Clique na imagem para fazer o Donwload...
Alain Dubois_Protótipo SAT Racing
Alta | Web

 

CARLOS VIEIRA PREPAROU-SE

CARLOS VIEIRA PREPARAOU-SE

 

O piloto da veloso Motorsport preparou-se de forma afincada para a prova do passado fim de semana que teve lugar no autódromo de Portimão, tendo estado na segunda feira da semana passada o dia todo no circuito Vasco SVelosoMotorsport-Falperra2014 Copyameiro em Braga a fazer acertos ao seu carro.

 

PESOS PARA O WTCC NA ARGENTINA

PESOS PARA O WTCC NA ARGENTINA

 

 

Estando todos os carros participantes a atravessar o Oceano Atlantico em direcção à Argentina, já se sabe quais os pesos que os intervenientes irão transportar na próxima corrida que terá lugar neste país da América do Sul.

 

Assim os pesos estão distribuidos da seguinte forma :

 

Chevrolet Cruze - + 40 Kg - Peso bruto - 1120 kg

 

Citroen - + 60 kg - Peso bruto - 1160 kg

 

Honda - não tem peso adicional - Peso bruto - 1120 kg

 

Lada - não tem pesdo adicional - 1100 kgwtcc-2014-marrakesh-valente-959 Copy

 

 

SPRINT RACE NO BRASIL

 

Luciano Santos/SigCom
Clique na imagem para fazer o Donwload...
Etapa será a estreia da Sprint Race com a F-Truck
Alta | Web

Luciano Santos/SigCom
Clique na imagem para fazer o Donwload...
#10 Piloto Gustavo Martins
Alta | Web

Luciano Santos/SigCom
Clique na imagem para fazer o Donwload...
#16 - Pilotos Yuri e Yago Cesário
Alta | Web

Luciano Santos/SigCom
Clique na imagem para fazer o Donwload...
#44 - Piloto Kau Machado
Alta | Web

Luciano Santos/SigCom
Clique na imagem para fazer o Donwload...
#7 Piloto Adriano Amaral
Alta | Web

Cascavel vai conferir as emoções da rodada dupla da Sprint Race neste domingo

As máquinas da categoria de turismo nacional terão largadas preliminares da Fórmula Truck às 9h15 e 11h25

 Os pilotos Gustavo Martins da categoria PRO e Marcelo Maiolli e Kau Machado da categoria GP, fizeram valer os seus empenhos na conquista das posições no grid de largada para a rodada dupla da Sprint Race que acontece neste domingo, válida pela quarta etapa da temporada 2014 e abre a programação da quinta etap da Fórmula Truck, no tradicional circuito do oeste paranaense de Cascavel, a 500 quilômetros de Curitiba.

Gustavo Martins que comanda o carro 10, foi o campeão da primeira edição da categoria em 2012 e substitui a única piloto feminina da categoria, Alline Cipriani, nesta etapa. "Esta sendo uma boa oportunidade de conhecer o novo motor V6 e as mudanças realizadas na competição", disse o gaúcho. Ele largará da pole position nas duas provas, após ter marcado o tempo de 1m12s425 na primeira sessão classificatória e ter baixado sua marca com 1m11s720 na segunda tomada de tempos realizadas na tarde deste sábado, 19.

Na segunda posição ficaram os gêmeos Yuri Cesário (PRO) que larga na primeira prova e Yago Cesário na segunda bateria com o carro #16. "O dia foi de muito trabalho e dedicação, esperamos garantir dois pódios e o maior número de pontos para avançar na tabela do campeonato", conta Yuri.

Na GP, Marcelo Maiolli que competiu na Sprint Race em algumas etapas de 2012 e 2013, retornou à disputa e será o primeiro colocado na corrida de abertura às 9h15. Já o curitibano Kau Machado utilizou de todo seu conhecimento na pista cascavelense e largará em primeiro na segunda corrida às 11h25. "Serão corridas disputadíssimas e vamos fazer um belo espetáculo para o público", declarou Machado que tem Fábio Brecálio como companheiro no veículo #44.

A Sprint Race têm patrocínio da Alpina, Pirelli, Ecopads, Bardhal e Fremax.

Grid da corrida 1 (10 primeiros):

1) 10 - Gustavo Martins (RS), PRO, 1:12.425
2) 16 - Yuri Cesário (GO), PRO, 1:13.431
3) 79 - Flávio Lisboa (PR), PRO, 1:13,769
4) 27 - Gustavo Frigotto (PR), PRO, 1:13.905
5) 14 - Marcelo Maiolli (SP), GP, 1:14.378
6) 7 - Adriano Amaral (SP), GP, 1:14.874
7) 4 - Matheus Biriba (SP), PRO, 1:15.191
8) 15 - Caito Vianna (SP), PRO, 1:15.211
9) 39 - Marcelo Rodriguez (PR), GP, 1:16.132
10) 73 - Afonso Rangel (PR), GP, 1:16.453

Grid da corrida 2 (10 primeiros):

1) 10 - Gustavo Martins (RS), PRO, 1:11.720
2) 16 - Yago Cesário (GO), PRO, 1:12.007
3) 4 - Luiz Santos (SP), PRO, 1:12.422
4) 79 - Flávio Lisboa (PR), PRO, 1:12,574
5) 27 - Gustavo Frigotto (PR), PRO, 1:13.452
6) 44 - Kau Machado (PR), GP, 1:13.667
7) 7 - Adriano Amaral (SP), GP, 1:13.693
8) 14 - Marcelo Maiolli (SP), GP, 1:14.299
9) 15 - Caito Vianna (SP), PRO, 1:14.390
10) 73 - Afonso Rangel (PR), GP, 1:14.492


 

OPORTUNISMO PURO - ATENÇÃO LEITORES

OPORTUNISMO PURO

 

ATENÇÃO LEITORES

 

Observem com atenção esta fotografia captada pelos nossos colegas do Jornal de Seia, que mostra um Skoda Octava da GNR, com um radar escondido, como é óbvio à procura da multa, simplesmente abdominável, esta atitude por parte das nossas autoridades, que em vez de fazer prevenção, partem para uma atitude deseOPORTUNINOS-NOTICIAS DE_SEIA_Copyt tipo, TOTALMENTE REPROVÁVEL, e lamentável, na qual deixo aqui uma pergunta, será que ainda vivemos num país de terceiro mundo?

 

LOBATO VENCE NO ALGARVE

 

Rafael Lobato vence no Algarve na categoria C3 dos Sport Protótipos

Rafael Lobato disputou esta tarde a primeira corrida do fim-de-semana do Campeonato Nacional de Velocidade que decorre no Autódromo Internacional do Algarve. Rafael Lobato a fazer equipa com Armando Parente no Radical SR3 da Parkalgar venceu a prova na categoria C3 dos Sport Protótipos, oitavo classificados à geral.

A sair da oitava posição da grelha, primeiros na categoria, mas num circuito penalizador para o Radical SR3, Rafael Lobato sabia que a corrida não seria fácil: "Recuperei duas posições no arranque e ataquei o mais que pude no início. Procurei aguentar a posição mas foi impossível segurar os adversários com carros mais potentes. Tive que gradualmente ceder posições. Mas mantive o meu andamento.  Acabei por entregar o carro ao Armando no oitavo posto", explicou

Daí em diante a prova acabou por ser mais tranquila: "Não havia nada que o Armando pudesse fazer. Preocupámo-nos em assegurar a vitória na nossa categoria, que foi bastante importante", concluiu o piloto de Vila Real satisfeito com o desempenho ao longo de todo o dia.

Amanhã, terá lugar a segunda prova, com Armando Parente a efectuar o arranque da nona posição da grelha.

Os resultados do fim-de-semana podem ser consultados em: www.racingweekend.com.ptLobato Copy

 

GONÇALO INÁCIO EM JEITO DE BALANÇO

GONÇALO INÁCIO EM JEITO DE BALANÇO

 

 

2º lugar na segunda corrida do fim-de-semana

Excelente trabalho da Araújo Competição com a reparação do carro a 5 minutos de abrir o sinal verde para a entrada na pista.

Depois de ter arrancado da pole position, perdi o primeiro lugar para o Tiago Magalhães, mantendo-me colado a ele até á terceira volta, antevendo-se uma disputa tal como na primeira corrida, mas tal não aconteceu, pois comecei a ter problemas de travões e tive de abrandar o ritmo lutando mesmo com o 3º classificado, pois o importante era amealhar pontos para o campeonato. Consegui terminar em segundo o que apesar de tudo é uma grande classificação após os problemas que tivemos.

As corridas são assim mesmo, agora o importante é não baixar os braços e continuar com o andamento forte até agora demonstrado.

Obrigado a todos os que estiveram presentes a dar apoio, e aqueles que á distância também o fizeram.

Um obrigado especial á equipa da Comval Racing que nos cedeu peças e ajudou á participação na segunda corrida do fim-de-semana e a todas as outras equipas que nos puseram material á disposição.

 

 

ROSBERG VENCE EM CASA

Rosberg vence GP Alemanha e consolida liderança do Mundial de fórmula 1 O alemão Nico Rosberg (Mercedes) venceu hoje o Grande Prémio da Alemanha, 10.ª prova do Mundial de fórmula 1, e aumentou a vantagem na liderança do campeonato sobre o companheiro de equipa, o britânico Lewis Hamilton. Rosberg gastou 1:33.42,914 horas para completar as 67 voltas ao circuito de Hockenheim, gastando menos 20,789 segundos do que o finlandês Valteri Bottas (Williams) e 22,530 do que Hamilton, que arrancou da 20.ª posição da grelha de partida. Com a sua quarta vitória e nona da Mercedes em 10 grandes prémios, Rosberg passou a ter 190 pontos, mais 14 do que Hamilton e 84 do que o australiano Daniel Ricciardo (Red Bull). Agência Lusa
 

RAMPA DE MURÇA

RAMPA DE MURÇA

 

GALERIA DE IMAGENS

 

 

Grupo de imagensFOX 7423_CopyFOX 7424_CopyFOX 7425_CopyFOX 7426_CopyFOX 7427_CopyFOX 7428_CopyFOX 7428_CopyFOX 7431_CopyFOX 7432_CopyFOX 7433_CopyFOX 7436_CopyFOX 7437_CopyFOX 7438_CopyFOX 7439_CopyFOX 7440_CopyFOX 7441_CopyFOX 7442_CopyFOX 7443_CopyFOX 7444_CopyFOX 7445_CopyFOX 7446_CopyFOX 7447_CopyFOX 7448_CopyFOX 7449_CopyFOX 7450_CopyFOX 7451_CopyFOX 7452_CopyFOX 7453_CopyFOX 7454_CopyFOX 7457_CopyFOX 7458_CopyFOX 7460_CopyFOX 7461_CopyFOX 7463_CopyFOX 7465_CopyFOX 7466_CopyFOX 7469_CopyFOX 7470_CopyFOX 7471_CopyFOX 7472_CopyFOX 7473_CopyFOX 7474_CopyFOX 7475_CopyFOX 7476_CopyFOX 7477_CopyFOX 7478_CopyFOX 7479_CopyFOX 7480_CopyFOX 7487_CopyFOX 7488_CopyFOX 7489_CopyFOX 7490_CopyFOX 7491_CopyFOX 7492_Copy da primeira subida de treinos da rampa de Murça.

 

Fotos de João Raposo - www.velocidadeonline.com

 

A.DIAS COM NOVA DECORAÇÃO NO ALGARVE

A. DIAS COM NOVA DECORAÇÃO EM PORTIMÃO

 

TDECORAOPORSCHE1 CopyDECORAOPORSCHE2 CopyDECORAOPORSCHE3-A.DIAS CopyDECORAO PORSCHE_Copyendo participado no circuito de Braga com o seu Porsche GT 3 Cup, A.Dias surgui este fim de semana no autódromo de Portimão com uma bonita decoração, da qual apresentamos imagens da mesma.

 

CRM MOTORSPORT

SSS CRM_1_CopyWOLF 1_Copy 

CRM MOTORSPORT VENCE NO CNV E TEM A
POLE PARA A CORRIDA DOS SINGLE SEATER SERIES


CRM Motorsport foi a brilhante vencedora da primeira corrida do CNV disputada ao final
da tarde no Autódromo Internacional do Algarve, com os irmãos de Val a cortarem a
meta à frente de todos os seus adversários, após uma corrida extremamente disputada.
Foi uma corrida de cortar a respiração, com o Wolf da equipa CRM, pilotado por Stefano e Nicola de Val, a
assumirem o comando da corrida já no derradeiro terço da mesma, numa altura em que os primeiros
classificados lutavam ao segundo quer pelo triunfo, quer por lugares no pódio.
No início da prova, o Wolf esteve entre os da frente, mas ligeiramente afastado da luta pelos três primeiros
lugares, até porque a luta se apresentava algo perigosa, o que se veio a confirmar, já que dois dos
intervenientes acabaram por se tocar, deixando Stefano na segunda posição, antes da troca de pilotos.
Efetuada esta, Nicola partiu ao encalço do comandante, que estava cerca de 19 segundos à frente, mas
também este acabou por ter que ceder esta posição, pois foi apanhado a circular nas boxes a uma
velocidade superior ao permitido, pelo que, de forma segura mas tranquila, os irmãos de Val, levaram o
Wolf a conseguir novo triunfo.
“Foi uma corrida muito disputada, a qual encarámos com alguma prudencia, pois partíamos da quarta
posição. Lá na frente lutava-se muito nas primeiras voltas e era conveniente não arriscar tudo, pelo que
nos mantivémos um pouco na espetativa, até conseguirmos colocar-nos na segunda posição, com o
Nicola sempre em luta com o Francisco Abreu. No final, passámos para a frente, numa altura em que
estávamos a recuperar e o comandante foi penalizado por excesso de velocidade nas boxes, pelo que
conseguimos tomar o comando e garantir mais um triunfo no CNV. Foi o prémio ao grande esforço de
todos, já que ontem passámos grande parte da noite a tentar resolver um problema de caixa no nosso
carro, que felizmente não apareceu na corrida, em que tudo correu na perfeição.” – afirmou Tiago Raposo
de Magalhães.
O segundo carro, pilotado por António Ricciardi e José Pedro Faria, não terminou esta corrida,
abandonando à 20 volta depois de ter saltado uma roda do seu carro.
Amanhã, Stefan e Nicola de Val têm a pole para a segunda corrida do CNV e também Tiago Raposo de
Magalhães vai partir dessa posição para a prova dos Single Seater Series, pelo que se antevê uma jornada
tão ou mais interessante, para as cores da CRM, para já bastante feliz neste primeiro dia de RW em
Portimão.
Horário - Domingo
CNV – Corrida 2 – 17.00 / 17.50 (50m)
SSS – Corrida 1 – 9.40 / 10.00 (20m)
Corrida 2 – 17.00 / 17.20 (20m)
Lisboa,

 

GRANDE CAPOTANÇO......

GRANDE CAPOTANÇO

 

Capotanço ontem ocorrido no decorrer do rali Sprint de Famalicão por parte de Filipe Silva, que "ofereceu" esta sequencia de imagens ao nosso amigo e colaborador Armindo cerqueira da Foto GTI.

 

Só esperamos que o Mitsubishi esteja ok, para o próximo fim de semana para a Rampa de Paços de Ferereira, onde Luis Silva vai com certeza participar.

 

 

Fotos de Armindo cerqueira - Foto Gestouro2 Copyestouro3 Copyestouro4 Copyestouro5 Copyestouro6 Copyestouro7 Copyestouro8 Copyestouro9 Copyestouro10 Copyestouro11 Copyestouro12 Copyestouro14 Copyestouro15 CopyTI - www.velocidadeonline.com

 

VILLORBA CORSE EM SILVERSTONE

 

Montermini / Schiro em busca de vingança na corrida 2 em Silverstone

 

º 1 Villorba Corse Ferrari 458 pronto para lutar no ato final da quinta rodada do International GT Open no domingo

Silverstone (Inglaterra), 19 de Julho de 2014. Depois de um caótico de sábado corrida 1 em Silverstone Scuderia Villorba Corrida quer vingar na corrida-2 de domingo, o ato final da quinta rodada do 2014 International GT Open, onde Andrea Montermini Nicholas Schiro e estão lutando pelo título ao volante do Ferrari 458. Devido a um contato precoce com um carro rival e parou para perfurar Qual seu retorno da parte de trás do campo, o ex-piloto de F1 a partir de Modena e os jovens pilotos talentosos de Milão não poderia fazer melhor do que um quinto lugar na classe Super GT (décimo no geral). Agora Villorba a equipe vai tentar conquistar pontos valiosos para o campeonato na segunda corrida do fim de semana a partir de quarta no grid (pole position na classe Super GT). A corrida de 60 minutos terá início às 12:25 (13:35 no resto da Europa) e será transmitido ao vivo em www.gtopen.net (clicando no TV WEB) e canais de TV no Motors TV (Europa, diferido às 15:45 ), RaiSport2 (Itália, ao vivo), Canal + (Espanha, ao vivo), Teledeporte RTVE (Espanha, diferido às 17:15), Sport TV (Portugal, diferido às 15:10 na TV2), DigiSport (República Checa e Eslováquia, ao vivo em DigiSport1 e diferido às 19:45 em DigiSport2) e, por vezes, a ser confirmado em Sport2 BT (Reino Unido), Esporte TV1 Poverkhnost (Rússia), Sport TV (Turquia) e DigiSport (Hungria e Roménia).

 

Google TradutorVillorba Ferrari_458_in_action_at_Silverstone_Copy

 

SPRINT RACE NO BRASIL

 

Luciano Santos/SigCom
Clique na imagem para fazer o Donwload...
#4 - piloto Luiz Santos
Alta | Web

Luciano Santos/SigCom
Clique na imagem para fazer o Donwload...
#10 - piloto Gustavo Martins
Alta | Web

Luciano Santos/SigCom
Clique na imagem para fazer o Donwload...
#14 - piloto Marcelo Maiolli
Alta | Web

Luciano Santos/SigCom
Clique na imagem para fazer o Donwload...
#44 - Piloto Kau Machado
Alta | Web

Sprint Race: Luiz Santos é o mais rápido no segundo treino em Cascavel

Os grids de largada da rodada dupla preliminar da F-Truck serão definidos na tomada de tempos às 15h35 e 15h50

 A segunda sessão de treinos oficiais válida pela quarta etapa da Sprint Race 2014 aconteceu neste sábado (19/07), no Autódromo Zilmar Beux, em Cascavel (PR). Com dia ensolarado e temperaturas amenas, o piloto paulista Luiz Santos (Bardhal), carro 4, - que divide o carro na temporada com Matheus Biriba -, encerrou na frente com 1min12seg071, seguido do gaúcho Gustavo Martins #10 e o goiano Yago Cesário #16 que também divide o carro com o irmão gêmeo Yuri Cesário, todos pela categoria PRO.

O paulista Marcelo Maiolli, foi o mais rápido na GP, com o tempo de 1m14s136, em segundo do paranaense Fábio Brecálio.

Disputado em sistema de rodada dupla, a prova de abertura da temporada terá duas corridas no domingo como preliminares da quinta etapa do Campeonato Brasileiro de Fórmula Truck acontecem neste domingo (20) às 9h15 e 11h25, a transmissão será em HD pela BandSports. Neste sábado à tarde os pilotos voltam à pista para o treino classificatório que definirá a ordem de largada do final de semana.


A Sprint Race têm patrocínio da Alpina, Pirelli, Ecopads, Bardhal, Fremax e Rio Custom.

Resultado do segundo treino oficial da quarta etapa da Sprint Race, neste sábado (19/07), em Cascavel - (10 primeiros):

1) 4- Luiz Santos/ Matheus Biriba (SP), PRO, 1:12.071
2) 10 - Gustavo Martins (RS), PRO, 1:12.105
3) 16 - Yuri Cesário/Yago Cesário (GO), PRO, 1:12.331
4) 17 - Daniel Kaefer (PR), PRO, 1:12.868
5) 79-Flavio Lisboa (PR), PRO, 1:13.512
6) 14 - Marcelo Maiolli (SP), GP, 1:14.136
7) 44 - Kau Machado/Fabio Brecálio (PR), GP, 1:14.211
8) 27 - Gustavo Frigotto (PR), PRO, 1:14.234
9) 15 - Caito Vianna (SP), PRO, 1:14.417
10) 77 - Roberto Milani/Luca Milani (SP), GP, 1:15.352


Confira a programação da quarta etapa em Cascavel:

Domingo, 20 de julho:

07h00 às 08h15 - Teste Show
08h30 às 09h00 - Warm-Up - F-Truck
09h05 - Abertura de Box - Sprint Race
09h10 - Fechamento de Box - Sprint Race
09h15 - Placa de 5 Minutos - Sprint Race
09h20 - Bandeira verde para volta de apresentação (23 minutos + 1 volta)- Sprint Race

10h00 às 11h00 - Desfile dos Pilotos e Truck Test - F-Truck
11h15 - Abertura de Box - Sprint Race
11h20 - Fechamento de Box - Sprint Race
11h25 - Placa de 5 Minutos - Sprint Race
11h30 - Bandeira verde para volta de apresentação (23 minutos + 1 volta) - Sprint Race
12h00 - Pódio - Sprint Race

12h15 às 12h45 - Show de Caminhões - Dani, Gabi e Junior
12h50 - Abertura de Box - F-Truck
13h05 - Fechamento de Box - F-Truck
13h10 - Placa de 5 Minutos - F-Truck
13h15 - Bandeira verde para volta de apresentação (mais 1h de corrida) - F-Truck
14h20 - Pódio - F-Truck

Confira a classificação do campeonato após três etapas:

Categoria PRO
1) 79 Flávio Lisboa, 118 pontos
2) 16 Yago/ Yuri Cesário, 89
3) 8 Marco Garcia, 70
4) 4 Luiz Santos/ Matheus Biriba, 66
5) 27 Gustavo Frigotto, 64
6) 73 Guilherme Salas/Ólin Galli, 41
7) 94 Gustavo Kiryla, 40
7) 15 Caito Vianna, 36
8) 22 Ítalo Leão, 10
9)2 Elias Azevedo, 10

Categoria GP
1) 44 Kau Machado/ Adriano Nogueira, 103 pontos
2) 7 Adriano Amaral, 103
3) 10 Alline Cipriani, 89
4) 4 Gustavo Trunci, 76
5) 39 Eduardo Serratto/ Marcelo Rodriguez, 74
6) 77 Roberto/ Luca Milani, 71
7) 10 Daniel Corrêa, 34


 

PAULO SÁ SILVA EM PORTIMÃO

Depois de um P3 nos treinos livres, os de qualificação correram mal devido a um problema elétrico logo na primeira volta lançada.

Hoje, na primeira corrida, saímos do P11 até ao P5.

Para a segunda corrida, espero conseguir corrigir algumas coisas e melhorar o meu ritmo!

 

 

RAMPA DE MURÇA

RAMPA DE MURÇA

 

GALERIA DE IMAGENS - AMBIENTES

 

 

Mais uma série de imagens da rampa de Murça, na zona de chegada, mesmo no final da rampa.

 

 

Fotos de João Raposo - www.velocidadeonline.comFOX 8225_CopyFOX 8226_CopyFOX 8228_CopyFOX 8229_CopyFOX 8230_CopyFOX 8231_CopyFOX 8232_CopyFOX 8233_CopyFOX 8234_CopyFOX 8235_CopyFOX 8236_CopyFOX 8237_CopyFOX 8239_CopyFOX 8241_CopyFOX 8242_CopyFOX 8243_CopyFOX 8244_CopyFOX 8245_CopyFOX 8246_CopyFOX 8247_CopyFOX 8248_CopyFOX 8249_CopyFOX 8251_Copy

 

ALBUQUERQUE NAS LINHAS DA FRENTE NA AUSTRIA

 

 

silverstone albuquerque_Copy

Filipe Albuquerque nas primeiras posições na Áustria

 

O European Le Mans Series na Áustria arrancou hoje com a realização das duas primeiras sessões de treinos livres. Filipe Albuquerque e os seus companheiros de equipa Simon Dohlan e Harry Tincknell no Zytek da Jota foram os terceiros mais rápidos no treino de abertura e os quartos no segundo, com margens muitos curtas para os líderes.

 

Um início esperado que reforça a confiança da equipa para a qualificação e corrida de amanhã: "Fizemos um bom trabalho e está tudo a correr conforme programado. As diferenças são muito curtas e foram, provavelmente os treinos mais competitivos que tivemos até hoje", começou por explicar Filipe Albuquerque.

 

Para a qualificação caberá a Tincknell conseguir o melhor crono e depois a Albuquerque fazer o arranque: "O Tincknell é bastante rápido e tenho a certeza que vai conseguir uma boa posição na grelha. É importante sairmos na frente para conseguirmos discutir a vitória. É importante em termos de campeonato registarmos um bom resultado, a vitória é o melhor cenário", rematou o piloto português que em conjunto com os seus companheiros de equipa ocupa a segunda posição no Campeonato.

 

Amanhã a corrida poderá ser acompanhada no Motors TV a partir das 12.45h.

 

EDGAR REIS SEM SORTE EM FAMALICÃO

EDGAR REIS SEM SORTE EM FAMALICÃO

 

Edgar Reis participa de forma assidua ao volante do seu Reanutl Clio S 2000 no Campeonato Nacional de Montanha, onde tem sido autor de posições de relevo, dominando a sua categoria,no entanto neste fim de semana participou com o seu carro no Rali Sprint de Famalicão, onde a sorte nada quis com o piloto da Transfradelos, que acabou por bater forte com o carro, tal como o demontra a foto que hoje apresentamos.

 

Perante este cenário, graças a Deus, quer Edgar Reis, quer o navegador felizmente nada tiveram, o mesmo não se poderá dizer do Renault Clio S 2000, que não teve a mesma sorte, e agora a questão que se coloca, será que vamos ver Edgar Reis na poróxima semana na rampa de Paços de Ferreira?É deveras importante a presença do piloto do Team Transfradelos, nesta prova de Montanha, mas peranteEDGAR REIS_ESTOURO_Copy este cenário, uma semana será suficiente para recuperar este carro? Temos as nossas duvidas, mas por exemplo sabemos que Martine Pereira tem um carro semelhante pronto a correr, que inclusive marcou presença na Rampa de Murça, com Daniel Teixeira ao volante.

 

SPRINT RACE NO BRASIL

 

Luciano Santos/SigCom
Clique na imagem para fazer o Donwload...
#79 - Piloto Flavio Lisboa
Alta | Web

Luciano Santos/SigCom
Clique na imagem para fazer o Donwload...
#16 - Piloto Yuri Cesário
Alta | Web

Luciano Santos/SigCom
Clique na imagem para fazer o Donwload...
#7 - Piloto Adriano Amaral
Alta | Web

Luciano Santos/SigCom
Clique na imagem para fazer o Donwload...
#44 - piloto Fabio Brecailo
Alta | Web

Sprint Race: Flávio Lisboa faz o melhor tempo no primeiro treino em Cascavel

A categoria fará rodada dupla preliminar da Fórmula Truck neste domingo, às 9h15 e às 11h15


 A rodada dupla da quarta etapa da Sprint Race começou cedo e os motores aceleraram forte no primeiro treino iniciado às 8h deste sábado, 19, no Autódromo Zilmar Beux, em Cascavel, no oeste do Paraná. Flávio Lisboa, atual líder da categoria PRO e do Winter Cup, - torneiro interno que terá o campeão neste final de semana -, com o tempo de 1m12s613 no circuito de 3.058 metros de extensão, seguido dos gêmeos Yuri e Yago Cesário (#16) e Caito Vianna (#15).


Já na GP, quem fez melhor tempo foi Kau Machado (#44) que nesta etapa divide o carro com o piloto Fábio Brecálio e marcou o tempo de 1m14s052, em segundo Adriano Amaral (#7) e em terceiro o Marcelo Maiolli (#14).

A Sprint Race têm patrocínio da Alpina, Pirelli, Ecopads, Bardhal, Fremax e Rio Custom.

Resultado do primeiro treino oficial da quarta etapa da Sprint Race, neste sábado (19/07), em Cascavel - (10 primeiros):

1) 79-Flavio Lisboa (PR), PRO, 1:12,613
2) 16 - Yuri Cesário/Yago Cesário (GO), 1:12.901
3) 15 - Caito Vianna (SP), PRO, 1:13.063
4) 44 - Kau Machado/Fabio Brecálio (PR), GP, 1:14.052
5) 17 - Daniel Kaefer (PR), PRO, 1:14.315
6) 7 - Adriano Amaral (SP), GP, 1:15.352
7) 14 - Marcelo Maiolli (SP), GP, 1:15.653
8) 4- Luiz Santos/ Matheus Biriba (SP), PRO, 1:16,124
9) 39 - Eduardo Serratto/Marcelo Rodriguez (PR), GP, 1:16.407
10) 73 - Vico Lisboa (PR), PRO, 1:18.215

Confira a programação da quarta etapa em Cascavel:

Domingo, 20 de julho:

07h00 às 08h15 - Teste Show
08h30 às 09h00 - Warm-Up - F-Truck
09h05 - Abertura de Box - Sprint Race
09h10 - Fechamento de Box - Sprint Race
09h15 - Placa de 5 Minutos - Sprint Race
09h20 - Bandeira verde para volta de apresentação (23 minutos + 1 volta)- Sprint Race

10h00 às 11h00 - Desfile dos Pilotos e Truck Test - F-Truck
11h15 - Abertura de Box - Sprint Race
11h20 - Fechamento de Box - Sprint Race
11h25 - Placa de 5 Minutos - Sprint Race
11h30 - Bandeira verde para volta de apresentação (23 minutos + 1 volta) - Sprint Race
12h00 - Pódio - Sprint Race

12h15 às 12h45 - Show de Caminhões - Dani, Gabi e Junior
12h50 - Abertura de Box - F-Truck
13h05 - Fechamento de Box - F-Truck
13h10 - Placa de 5 Minutos - F-Truck
13h15 - Bandeira verde para volta de apresentação (mais 1h de corrida) - F-Truck
14h20 - Pódio - F-Truck

Confira a classificação do campeonato após três etapas:

Categoria PRO
1) 79 Flávio Lisboa, 118 pontos
2) 16 Yago/ Yuri Cesário, 89
3) 8 Marco Garcia, 70
4) 4 Luiz Santos/ Matheus Biriba, 66
5) 27 Gustavo Frigotto, 64
6) 73 Guilherme Salas/Ólin Galli, 41
7) 94 Gustavo Kiryla, 40
7) 15 Caito Vianna, 36
8) 22 Ítalo Leão, 10
9)2 Elias Azevedo, 10

Categoria GP
1) 44 Kau Machado/ Adriano Nogueira, 103 pontos
2) 7 Adriano Amaral, 103
3) 10 Alline Cipriani, 89
4) 4 Gustavo Trunci, 76
5) 39 Eduardo Serratto/ Marcelo Rodriguez, 74
6) 77 Roberto/ Luca Milani, 71
7) 10 Daniel Corrêa, 34


 

João Raposo

Telemóvel: +351 961 686 867
E-mail: jraposo-air@portugalmail.pt