Velocidade Online

Nacional - Montanha

CAMPEONATO PORTUGAL MONTANHA JC GROUP 2018 - RAMPA DO CARAMULO É JÁ ESTE FIM DE SEMANA

Quinta, 12 Julho 2018 10:50 | Actualizado em Domingo, 23 Setembro 2018 11:52

CAMPEONATO DE PORTUGAL DE MONTANHA JC GROUP  2018

 

Rampa do Caramulo 2018

Começa a segunda parte da temporada

O curto rápido e espetacular traçado da Rampa do Caramulo é o cenário que recebe, já este fim-de-semana, a 5ª prova da temporada do Campeonato de Portugal de Montanha JC Group.

Sob a batuta do histórico Targa Clube, a comemorar 51 anos de atividade, a “caravana” da Montanha enfrenta mais um fim-de-semana que promete muita competição na discussão pelos lugares de relevo.

O “menu” competitivo inclui 4 subidas em cada um dos dias.

Às 14 horas de sábado, 14 de Julho, arranca o Warm-Up e, a partir daí e até ao fecho da tarde, os pilotos vão realizar mais duas subidas de treinos oficiais e a 1ª subida oficial de prova.

Domingo será, como sempre, o dia do “tira-teimas” final.

Começa às 10 da manhã, com mais um Warm-Up para os pilotos aquilatarem das condições da pista, seguindo de mais uma sessão de treinos cronometrados.

Às duas e meia da tarde, começará o tempo das decisões.

Disputar-se-ão a 2ª e a 3ª subidas oficiais de prova e o evento terminará com a cerimónia protocolar de entrega de prémios.

E este é preciso momento em que dobramos a metade da época.

Por isso mesmo, também é tempo de balanço quanto às classificações dos títulos e das categorias em discussão.

Em termos absolutos, Rui Ramalho e o seu Osella chegam ao Caramulo como pleno de pontos, fruto das 4 vitórias alcançadas. 103 pontos é o pecúlio até agora amealhado

Na segunda posição está Manuel Correia, com 61, enquanto  seu irmão José Correia é 3º, 14 pontos do segundo lugar.

Obviamente, Ramalho domina na luta pelo titulo de protótipos.

Os seus companheiros no pódio provisório absoluto, assumem, respectivamente, as lideranças na discussão pelos cetros nacionais de 2018 de Turismo e de GT.

Manuel Correia tem 4 vitórias em outras tantas provas, 103 pontos e está destacado na liderança, mercê da sua competitividade ao volante do Ford Fiesta R5+. Hugo Araújo (Subaru Impresa) tem tido uma época fantástica e está em segundo, a 28 pontos. Luís Nunes (Citroen DS3 R5) é o 3º, a 40 de distância.

Já José Correia (Nissan Nismo GT3 – GTR) tem tido forte oposição por parte de Gonçalo Manahu (Porsche 997 GT3). Entre os dois, à chegada ao Caramulo, existem 28 pontos de distância.

Na luta pela vitória nas diferentes categorias incluídas nos Turismo, Luís Nunes e o Audi RS3 LMS lideram na  categoria T4 e entre os TCR, enquanto Joaquim Teixeira (Seat Leon) está invicto na T3.

Na Categoria T2, é Manuel Correia, líder na luta pelo título absoluto entre os Turismo que, obviamente, se apresenta como invicto, com igual domínio a ser exercido por Pedro Coelho Saraiva (Hyundai i20 R5) na T1.

José Pedro Gomes e o seu imponente Ford Escort MKII são reis e senhores no caminho para o título nacional de Clássicos. 4 provas, 4 vitórias, correspondendo a 104 pontos amealhados na tabela.

A 24 pontos de distância, mora o segundo na tabela. É Flávio Saínhas (Ford Escort MK I) que, por sua vez, tem 2o pontos à maior sobre Ricardo Loureiro (Ford Escort MKII). O piloto do Caramulo Racing Team contribui assim para um domínio total da Ford nas contas por este título.

Pedro Gomes é ainda o lógico líder da Divisão 5, o mesmo sendo assegurado por Loureiro na Divisão 6.

As motorizações até 1300cc focam-se na luta pela Taça de Portugal de Montanha JC Group.

Armando Freitas (Toyota Starlet) tem sido um dos protagonistas e, entre estes o mais regular, sendo premiado com a liderança, mercê dos 92 pontos recolhidos.

A 20 pontos de distância está Leonel Brás. O piloto do Citroen AX não pontuou na Falperra mas leva já duas vitórias alcançadas e mostra-se como o principal oponente de Freitas.

José Oliveira (Toyota Yaris) é 3º classificado, com 65 pontos.

Na Taça de Portugal de Clássicos de Montanha 1300 JC Group, 3 pontos separam dois pilotos aos comando de Autobiachi.

No seu A112, Domingos Fernandes lidera, tendo o A112 Abarth de Abel marques a “morder os calcanhares”.

José Figueiredo é terceiro, com 17 pontos, mercê da vitória na Rampa de Santa Marta.

Meia época coroada por sucesso competitivo e mediático está já cumprida.

Agora é tempo de focar na segunda parte da temporada, que arranca já este fim-de-semana no Caramulo!

 


Facebook
Facebook
Visitas
Visitantes em linha
contador gratuito de visitas Total de visitas
Contacte-nos