Velocidade Online

Nacional - Autocross/Ralicross

RALICROSS / KARTCROSS

Quarta, 08 Novembro 2017 19:50 | Actualizado em Domingo, 15 Julho 2018 23:20

Época de 2017 termina com vitória para a Whitecross Team
A temporada desportiva de 2017 não podia ter melhor desfecho para a equipa das Caldas da Rainha, a Whitecross Team, com a conquista do título na Taça de Portugal de Kartcross.
O principal foco da época foi o Campeonato Nacional de Kartcross com a equipa a surgir com os pilotos Luís Almeida e José Mota ambos em Semog! Para o mais jovem piloto, a época não foi um desafio fácil! Em todos os diferentes circuitos, Mação, Lousada, Montalegre e Sever do Vouga, Luís Almeida foi sempre um dos mais rápidos em pista e também um dos mais sérios candidatos ao triunfo! Contudo os azares diversos com os toques sofridos ao longo da época acabaram por comprometer um bom resultado final na classificação do campeonato, com o 6º lugar final obtido em nada traduzir o valor e eficácia do piloto do Semog. Contudo na Taça de Portugal de Kartcross, disputada em apenas uma prova que decorreu no Circuito de Sever do Vouga, a equipa não baixou os braços e conseguiu finalmente a tão desejada vitória! Luís Almeida esteve imparável e manteve-se sempre na luta pela vitória, quer nas mangas, quer na final, onde conseguiu mesmo vencer e terminar assim a época de 2017 com este merecido título que compensou todo o esforço e dedicação de todos aqueles que trabalharam para alcançar este triunfo!
Por seu turno, José Mota também não teve uma época de todo fácil, pois alguns toques acabaram também por comprometer alguns pontos importantes para um bom resultado no campeonato. O piloto do Semog foi também ele protagonista em quase todas as 7 jornadas da época, intrometendo-se sempre na luta pelo top 5! Aliás, o piloto foi dos poucos que conseguiu registar o seu nome entre os que venceram em 2017, com destaque para a vitória na passagem por Sever do Vouga 1 e ainda novo pódio em Montalegre 2! No somatório dos 6 melhores resultados do campeonato, José Mota ascendeu à 4 posição final, um resultado positivo para um dos pilotos com mais ‘fair play’ em pista! Na Taça de Portugal de Kartcross o piloto acabou por ter uma prova de trás para a frente! Com um grande tempo nos treinos cronometrados, o piloto não teve sorte na 1ª corrida, acabando por não completar uma volta. A partir dali foi recuperar posições, arrancando para decisiva final na 9ª posição e depois de uma grande corrida, acabou por ascender à 6ª posição final!
A época de 2017 termina e fica o registo de uma das melhores épocas para o Kartcross, face ao elevado número de pilotos em todas as provas, sempre acima das 2 dezenas, bem como o crescente equilíbrio competitivo entre as equipas, com o top 10 a decidir-se à décima de segundo! E venha 2018!
 

Facebook
Facebook
Visitas
Visitantes em linha
contador gratuito de visitas Total de visitas
Contacte-nos