Velocidade Online

Nacional - Montanha

CAMPEONATO PORTUGAL MONTANHA JC GROUP 2019 - VIT´ROIA PARA JOÃO SANTOS NA RAMPA DA ARRÁBIDA

Domingo, 15 Setembro 2019 06:10 | Actualizado em Quinta, 17 Outubro 2019 02:05

VITÓRIA E TÍTULO PARA JOÃO DIOGO SANTOS NA ARRÁBIDA

76

A 7ª prova do Campeonato de Portugal de Montanha JC Group disputou-se no magnífico cenário da serra da Arrábida, que tem por base o estuário do rio Sado, em Setúbal.

No que diz respeito à Taça de Portugal de Montanha 1300, as contas do título poderiam ficar, desde logo, resolvidas nesta prova. Assim sendo, João Diogo Santos encarava-a com o seu habitual pragmatismo, focado que estava em vencer.

E se assim planeou, assim executou. Adoptando um ritmo rápido mas cauteloso, procurando explorar o traçado sadino nas primeiras subidas de treinos, lançaria a ofensiva na 1ª subida oficial de prova, com o tempo de 2:23:139. Mesmo falhando uma passagem de caixa, batia, ainda assim, concorrentes melhor equipados, no que correspondia à 23ª melhor marca da classificação geral e, uma vez mais, assumia uma liderança incontestada na TPM 1300.

No dia seguinte, o piloto de Amarante sentia existir margem para melhorar, e, gradualmente, foi evoluindo as suas marcas, averbando ainda o tempo de 2:22:890 na 2ª subida oficial de prova, para na derradeira fechar com “chave de ouro” mais uma brilhante prestação, percorrendo os 3600 metros do percurso em 2:21:945, à media de 91,3 km/h.

Desta forma, João Diogo Santos culminava uma época “recheada” de êxitos, sagrando-se antecipadamente vencedor da TPM 1300 2019, com o impressionante pecúlio de 5 vitórias e 2 segundos lugares. Após a cerimónia de entrega de prémios, o piloto assumia estar “muito feliz pela conquista da vitória nesta prova e com o respectivo título! Agradeço profundamente a todos quantos nos ajudaram, destacando a minha família, a equipa de assistência, patrocinadores e amigos. Fiquei muito satisfeito com o andamento imprimido em todas as provas, pois em todas elas tive a possibilidade de ganhar ou de lutar pelo triunfo até final. Por isso, considero que o título nos é bem atribuído. Aproveito esta oportunidade para agradecer aos justos e leais adversários que tive ao longo desta época, pela forma verdadeira e competitiva com que disputamos estas 7 provas. Só com bons adversários é possível evoluir e, por isso, aqui deixo o meu reconhecimento ao Paulo Magalhães, Cláudio Baptista, Rui Amorim, Rafael Pereira, Pedro Nogueira, Hugo Magalhães, Leonel Brás, Tiago Santos, Tiago Silva, Daniel Gouveia e João Silva.”

Finalmente e quando instado a antever o que poderá ser a época de 2020, o piloto de Amarante referiu ter “um projecto para uma viatura mais competitiva, podendo o Fiat Punto vir a realizar outro tipo de provas, possivelmente em Circuitos ou Ralis. Tudo dependerá dos apoios reunidos e dos interesses dos nossos patrocinadores.”

Nesta Rampa Pêquêpê Arrábida 2019, João Diogo Santos contou com o apoio de Município de Amarante – “Sinta-se convidado!”, Quinta da Levada, Auto 2020, Emme-My Kitchen, 24 Horas Cascais Bike Race, Peixoto & Peixoto, João Santos Automóveis, Restaurante Amaranto, Confeitaria da Ponte, Jorge Amortecedores, Oficinas Balça, Marantauto, Tâmega Park, Auto Peças do Salto e CSP Publicidade.


Facebook
Facebook
Visitas
Visitantes em linha
contador gratuito de visitas Total de visitas
Contacte-nos