Velocidade Online

Nacional - Trófeus Monolarca

CAMPEONATO PORTUGAL VELOCIDADE - TROFÉU C 1 COM MAIS UMA JORNADA EM PORTIMÃO

Segunda, 23 Agosto 2021 17:27 | Actualizado em Quinta, 30 Junho 2022 11:10

Troféu C1 comprova competitividade com novos vencedores e várias estreias no pódio

G-Tech/RP MotorSport (PRO) e Torres Racing Team (AM) vencem nas 6 horas

Auto Paraíso da Foz (PRO) e Casa da Eira (AM) levam a melhor no final das 12 horas


Equipas Belgas convidadas garantem participação para 2022

O Autódromo Internacional do Algarve recebeu este fim-de-semana, a segunda jornada do Troféu C1. Num formato composto por duas corridas de 6 horas, contava para as contas do campeonato a primeira corrida, que teve como grande vecendores a G-Tech/RP Motorsport (PRO) e a Torres Racing Team (AM) que se estreou assim no lugar mais alto do pódio.

Tudo começou com a sessão de treinos cronometrados. Aí, as estruturas belgas, convidadas pela organização e com outras especificações técnicas, foram as mais rápidas e estabeleceram as duas melhores marcas. Entre as equipas Portuguesas com ambições na competição organizada pela Motor Sponsor, a VLB Racing foi a que se destacou pela rapidez entre os PRO, enquanto em AM, o tempo mais baixo foi a LJ Sport 88.

Na corrida, porém, a consistência ditou as regras e, aí, foram outras equipas que se deram melhor com os ares algarvios. Em AM, o Torres Racing Team mostrou, desde o início, que estava em Portimão para ganhar. Largou da terceira posição, mas cedo assumiu a liderança. Ao fim de duas horas já estava na frente e nunca mais deixou esse lugar até ver a bandeira de xadrez. Na categoria PRO, houve mais mudanças na liderança, em particular, nas primeiras horas de corrida. Passaram por essa posição, formações como o Team CAM mas, concluída a primeira metade destas seis horas, a G-Tech/RP Motorsport saltou para a frente e nunca mais cedeu essa posição aos adversários.

O pódio da categoria PRO no final da corrida pontuável para o Troféu C1 foi completado pela VLB Racing, que fechou em segundo, e pela Auto Paraíso da Foz, que concluiu em terceiro. Estas três formações terminaram todas na mesma volta, o que mostra bem a competitividade que se vive nesta competição. Cada uma completou, no total, 124 voltas ao traçado de Portimão.

Entre os AM, Casas do Ambiente que contou pela primeira vez com a assistência da Nunes Motorsport, foi a formação que completou a corrida mais perto dos vencedores, a uma volta, enquanto a Casa da Eira acabou no derradeiro lugar do pódio, a duas voltas dos primeiros classificados. Todas as Equipas AM que terminaram nos três primeiros lugares estrearam-se desta forma no pódio.
 
Destaque, ainda, para a Oestekart 1 que, com o 4 lugar absoluto, foi a melhor GUEST seguida pelo Team Nata que se destacou no paddock pelo seu espírito e em pista pelo seu andamento que os chegou a levar à liderança da prova.  

Artlaser by Gianfranco e Casa da Eira levam a melhor na segunda corrida

Na segunda corrida de seis horas que se realizou no Autódromo Internacional do Algarve, a Artlaser by Gianfranco foi a melhor PRO e Casa da Eira dominou e ganhou a categoria AM. A competitividade foi tal que os cinco primeiros classificados cumpriram as seis horas com o mesmo número de voltas ao traçado algarvio.

A classificação da primeira corrida determinou a grelha de partida para a segunda corrida. Um dos aliciantes para este confronto assentava no facto de se disputar, também, durante a noite. Mais uma vez, a competitividade foi a imagem de uma prova muito disputada. No final de duas horas de corrida, o Team Rubrica e o Team NB Klima estavam separados por duas décimas de segundo.

A partir daí, as mudanças no primeiro lugar PRO foram uma constante. A G-Tech/RP Motorsport ainda conseguiu dar um ar da sua graça e, depois da vitória na primeira corrida, passou pela frente ao fim de três horas. Mas, à passagem pela quarta hora, já era a Auto Paraíso da Foz que estava no primeiro lugar. Foi preciso entrar na derradeira hora de corrida para a Artlaser by Gianfranco dar o salto para o comando e fechar esta ronda no Algarve com um triunfo. A Auto Paraíso da Foz e o Team NB Klima completaram o pódio e, tal como na primeira corrida, com todas as formações na mesma volta.
Entre os AM, a história foi completamente diferente. Neste segundo confronto do dia, a Casa da Eira não deu qualquer hipótese. A vitória foi evidente ao ponto de deixar a GS Competizione, segunda classificada, a quatro voltas. Em terceiro terminou a Caetanovich Racing, a cinco voltas dos melhores. Entre os GUEST, o destaque vai para a Oestekart 1 que venceu a categoria.

Somatório das duas corridas traz várias surpresas

No final das 12 horas as contas eram complexas porque havia de se ter em conta os resultados da primeira corrida, já que a classificação final foi obtida pelo somatório das duas corridas de 6 horas.

Assim o pódio da categoria PRO foi composto pela Auto Paraíso da Foz no lugar mais alto, seguido da VLB Racing e a grande surpresa foi a Paint & Go que tem demonstrado que brevemente estará no lugar mais alto desta categoria.

Na categoria AM a Casa da Eira cimentou a primeira posição, seguida da G’S Competizione que contou com vários estreantes no desporto automóvel e a fechar a Caetanovich que regressou nesta jornada ao Trofeú C1.

A Oestkart 1 confirmou o domínio na categoria GUEST mas o Team Nata conseguiu superiorizar-se no segundo lugar em relação à Oestkart 2.

 “Esta prova foi um verdadeiro desafio para todos: Pilotos, Equipas, Comissários, Organização e Máquinas. Mas, afinal, é esse o verdadeiro conceito e o espírito deste Troféu. No final desta jornada, o balanço é bastante positivo, apesar das várias ocorrências que tivemos durante as duas corridas. Parabéns e obrigado a todos os envolvidos! Ficamos muito satisfeitos por ver diversas caras novas nos lugares da frente, o que comprova que estamos no caminho certo no que diz respeito à igualdade de andamentos. Isto só é possível graças ao forte investimento que fazemos em verificações técnicas que também foi aplicado aqui no Algarve. Apesar de termos tido uma corrida de 12 horas no sábado que terminou à meia noite e meia, às nove horas de domingo demos inicio às verificações técnicas finais, que por enquanto deixam as classificações suspensas”, afirmou André Marques, o responsável da Motor Sponsor.

Facebook
Facebook
Visitas
Visitantes em linha
contador gratuito de visitas Total de visitas
Contacte-nos