Velocidade Online

Nacional - Trófeus Monolarca

CAMPEONATO PORTUGAL VELOCIDADE - GT3 CUP - CARLOS VIEIRA NÃO DEU QUALQUER TIPO DE CHANCE À CONCORRÊNCIA NO ESTORIL

Quarta, 01 Dezembro 2021 03:22 | Actualizado em Quinta, 30 Junho 2022 04:08

Carlos Vieira confirmou, na tarde deste sábado, no Autódromo do Estoril, a conquista do título de campeão na categoria PRO da GT3 Cup, ao triunfar na primeira corrida da jornada de encerramento da competição, na frente de Vasco Barros e de Francisco Carvalho. Foi uma prova, com a pista seca, algo atribulada, na sequência de diversos pequenos despistes que motivaram, por duas vezes, a entrada do safety car.

“Estou imensamente feliz por regressar à conquista de títulos na velocidade, o último dos quais ganhara em 2012. Este era o meu grande objetivo para esta época e só tenho motivos para estar satisfeito”, referiu o piloto de Fafe, depois de festejar mais um triunfo.

“A minha corrida começou mal, pois logo de início levei um ‘toque’ de um adversário, que mais uma vez reincidiu nesse tipo de comportamento, mas depois demonstrei que era superior tanto em relação a ele como a outros. Acabei em segundo e vamos ver, um dia, quando poderei chegar ao Carlos Vieira…”, afirmava, por seu turno, Vasco Barros. O jovem piloto da VLB Racing provou, mais uma vez, a sua evolução, ao defender com unhas e dentes a segunda posição na grelha conquistada na qualificação. “O Vasco fez-me uma boa ultrapassagem, eu evitei que nos tocássemos, só que o José Rodrigues aproveitou para me passar. Eu depois ainda consegui superá-lo, mas ele ‘tocou’ no Vasco Barros, ainda fui atrás deste último, na esperança de que com a entrada do safety car pudesse aproximar-me, mas já não deu para melhor do que este terceiro lugar”, lamento de Francisco Carvalho.

Rodrigues, por seu turno, caiu para meio da tabela, mas ainda conseguiu, tirando partido da segunda entrada do safety car, recuperar posições para concluir a corrida em quarto.

Bastante animada, com muitos despiques, foi a categoria AM, que chegou a ter Luís Rocha destacado como líder, só que, na sequência de um despiste, acabou em quarto e, pior ainda, viu o seu rival Alexandre Martins vencer, de modo algo inesperado. “Foi uma corrida muito atribulada. De início tive cautelas, depois saí de pista duas vezes, enfim, mas este resultado inesperado, face às incidências, acaba por ser excelente”, dizia o vencedor, enquanto Caetanovich, o segundo, e o jovem José Barros, terceiro classificado, alinhavam pelo mesmo discurso.

Na categoria GD, o já campeão Jorge Areia, que começou muito cauteloso, devido ao problema de travões verificado nos treinos, progrediu até tirar partido, também, de alguns incidentes, para averbar mais um triunfo, na frente de João Parreira e de Rui Nuno Silva.

 

A última corrida desta tarde (16h40) será transmitida em livestreaming na página do Facebook da GT3 Cup Portugal.

 

CORRIDA 1 (classificação final oficiosa)

1º, Carlos Vieira (PRO), 31.59.152

2º, VLB Racing, Vasco Barros (PRO), + 4.061

3º, Francisco Carvalho (PRO), + 5.125

4º, José Rodrigues (PRO), + 8.247

5º, Jorge Areia (GD), + 17.210

6º, Alexandre Martins (AM), + 21.051

7º, Revislogos, João Parreira (GD), + 23.784

8º, Caetanovich (AM), + 23.846

9º, MDriving Racing Team, José Barros (AM), + 25.058

10º, Monteiros Competições, Rui Nuno Silva (GD), + 28.271

11º, Luís Rocha (AM), + 28.320

12º, José Rocha (GD), + 31.090

13º, Pedro Branco (GD), + 31.547

14º, Álvaro Ramos (GD), + 42.132

15º, André Fernandes (AM), + 43.181

16º, MDriving Racing Team, Mousinho Esteves (AM), a 1 volta

17º, João Vieira (GD), a 2 voltas

18º, João Posser (AM),  a 2 voltas

PROGRAMA

Sábado (27 novembro)

 

16:40 – CORRIDA 2 (15 voltas)

Facebook
Facebook
Visitas
Visitantes em linha
contador gratuito de visitas Total de visitas
Contacte-nos