Velocidade Online

Nacional - Trófeus Monolarca

CAMPEONATO PORTUGAL VELOCIDADE - TROFEU KIA - POMPEU SIMÕES COM ESTREIA POSITIVA

Sexta, 17 Dezembro 2021 11:25 | Actualizado em Quinta, 30 Junho 2022 04:10

Pompeu Simões com estreia positiva ao volante do Kia Ceed GT

 

 

A Taça Kia encerrou a época da Velocidade nacional e marcou a estreia de Pompeu Simões ao volante do Ceed GT, já a pensar na próxima época. Piloto de Braga, que este ano voltou a subir aos pódios com o Picanto GT, deu excelentes indicações e conseguiu um 4.º lugar no Circuito do Estoril.

 

Pompeu Simões tinha sido uma das agradáveis surpresas do Kia Picanto GT Cup em 2020, quando fez a sua estreia absoluta na competição automóvel. Adepto de longa data dos automóveis e do desporto motorizado, o bracarense cumpriu o sonho de se estrear oficialmente como piloto e conseguiu logo dois pódios na sua primeira temporada. Este ano, voltou a subir por duas vezes aos pódios da competição monomarca, organizada pela CRM e pela Kia Portugal, motivando um convite para experimentar o mais competitivo Kia Ceed GT na Taça Kia que encerrou a época, no passado fim de semana, no Circuito do Estoril.

 

Num carro naturalmente mais potente e com prestações superiores, o piloto de Braga adaptou-se rapidamente e conseguiu o 4.º melhor tempo na primeira sessão de treinos cronometrados, retirando depois mais 0,230s ao seu melhor tempo na segunda sessão.

Na Corrida 1, Pompeu Simões confirmou a evolução e garantiu o 4.º lugar da geral, registando a sua melhor volta de todo o fim de semana (2m01,671s). Na Corrida 2, arrancou bem e estava a discutir o 3.º lugar quando um toque danificou o seu Ceed GT, impedindo-o de continuar em prova quando estavam cumpridas quatro voltas.

 

“Foi um fim de semana de descobertas, mas com um balanço final bastante positivo”, afirmou Pompeu Simões. “O carro é realmente fantástico, naturalmente anda mais, trava mais e curva melhor do que o Picanto, por isso foi um prazer enorme ir descobrindo o Ceed. Fiquei com vontade de repetir a experiência no troféu do próximo ano, seria o passo normal após dois anos positivos nos Picanto. Obrigado a toda a equipa Speedy Motorsport e aos meus patrocinadores, pois sem o apoio deles não teria sido possível evoluir tanto ao longo destas duas épocas”, destacou o piloto minhoto.

Facebook
Facebook
Visitas
Visitantes em linha
contador gratuito de visitas Total de visitas
Contacte-nos