Velocidade Online

Mundial - Todo o Terreno

MUNDIAL - TODO O TERRENO - BRASIL

Quinta, 13 Fevereiro 2020 12:46 | Actualizado em Quinta, 27 Fevereiro 2020 07:16

Brasileiros têm dia de folga nesta segunda no South American Rally Race e na terça (11) encaram a 4ª

No domingo, Edu Piano/Solon Mendes e Rodrigo Luppi/Maykel Justo completaram a 3ª etapa que terminou em Chilecito (La Roja), mas devido às fortes chuvas a última das três Especiais do dia foi cancelada e os resultados oficiais foram divulgados hoje

Alta  | Web

Dupla Piano/Mendes em ritmo forte durante a Etapa 3, no domingo (Claudio Rieser/Photo-S)

Dupla Piano/Mendes em ritmo forte durante a Etapa 3, no domingo
(Claudio Rieser/Photo-S)

Alta  | Web

Piano/Mendes enfrentam etapa Maratona nesta terça-feira rumo a Fiambala (Claudio Rieser/Photo-S)

Piano/Mendes enfrentam etapa Maratona nesta terça-feira rumo a Fiambala
(Claudio Rieser/Photo-S)

Alta  | Web

Equipe Território Motorsport está na Argentina disputando o SARR2020 (Sanderson Pereira/Photo-S)

Equipe Território Motorsport está na Argentina disputando o SARR2020
(Sanderson Pereira/Photo-S)

Alta  | Web

Brasileiros Luppi/Justo venceram as etapas 1 e 2 na geral e lideravam a prova (Claudio Rieser /Photo-S)

Brasileiros Luppi/Justo venceram as etapas 1 e 2 na geral e lideravam a prova
(Claudio Rieser /Photo-S)

Alta  | Web

Luppi/Justo conseguiram driblar problemas mecânicos durante a etapa 3 (Claudio Rieser/Photo-S)

Luppi/Justo conseguiram driblar problemas mecânicos durante a etapa 3
(Claudio Rieser/Photo-S)

 Nesta segunda-feira é o “Rest Day” do South American Rally Race (SARR 2020), no qual os competidores podem descansar e não há prova, após três etapas. A caravana do rali está em Chilecito, na Província de La Rioja (Argentina). Na 3ª etapa, no domingo, seria o dia mais longo do rali com 514 km, mas a chuva obrigou os organizadores a cancelarem a 3ª Especial (trecho cronometrado) e com isso, os resultados oficiais foram divulgados há pouco e ocorreram várias mudanças na classificação. As duplas da Território Motorsport completaram as duas primeiras Especiais de domingo (9) mas não puderam fazer a 3ª Especial, pois o rio por onde passariam transbordou e foi acrescido 1 hora no tempo de todos que não puderam fazer a travessia, com isso a dupla Edu Piano/Solon Mendes #207 (6h25m49s) caiu para 18º colocação nos UTVs e Rodrigo Luppi/Maykel Justo #204 (8h40m17s), que também tive problemas mecânicos, terminou em 22º.

“Todos que não puderam atravessar o rio tiveram o resultado prejudicado, já os que conseguiram passar não tiveram esse acréscimo de 1 hora. Não fosse isso teríamos conseguido possivelmente estar entre os ponteiros do dia, mas regras são regras”, explica Piano, após a confusão na apuração dos resultados que foi resolvido somente nesta segunda-feira. “Choveu praticamente a prova inteira e foram Especiais duras, boas mas tivemos de driblar também um problema com o intercomunicador que parou e o Solon navegou grande parte por sinais”, completa o piloto de Tatuí (SP). Após essas alterações Piano/Mendes estão ficaram em 15º no acumulado, após três etapas.

Já a dupla Luppi/Justo que venceu de ponta a ponta as 1ª e 2ª Etapas na geral, liderava nos UTVs, teve problemas na 1ª Especial de domingo. “A tração dianteira quebrou, depois quebrou a homocinética traseira, trocamos e perdemos muito tempo mas conseguimos completar e a prova que estava maravilhosa, agora é pensar na próxima etapa”, afirma Luppi (Vinhedo/SP), determinado a recuperar as posições nos próximos quatro dias. A dupla está em 19º no acumulado.

Nesta terça-feira, 11, o rali volta com tudo com a etapa Maratona, na qual os competidores não podem receber apoio mecânico. O destino será Fiambala, em Catamarca, e o percurso será de 412 km, dos quais 314 de trechos cronometrados, divididos em três Especiais. No total o South American Rally Race largou na última sexta-feira em San Juan e terá sete etapas e termina na sexta-feira, 14, em Santa Maria. O rali está passando por roteiros de edições anteriores do Rally Dakar, quando ainda era disputado na América do Sul. Mais informações e resultados completos no www.sarr2020.com.

Para acompanhar a equipe em tempo real – Durante o 1º South American Rally Race será possível acompanhar, em tempo real, os competidores da Território Motorport pelo numeral – Edu Piano/Solon Mendes #204 e Rodrigo Luppi/Maykel Justo #207 - acessando o link http://www.satcron.com.br/territoriomotorsport/index.php

Equipe multicampeã- Com 21 anos, a Território Motorsport é uma das equipes mais tradicionais no Rally Cross Country brasileiro. Chefiada pelo piloto Edu Piano (oito vezes campeão do Rally dos Sertões: um na geral dos carros, seis nos caminhões e um nos UTVs), durante 12 temporadas (2002 a 2014) a equipe representou a Ford Racing Trucks/ Território Motorsport e conquistou oito títulos no Caminhões no Sertões. Entre 2011 e 2014, a equipe foi a oficial da Troller na competição. Com a Troller Racing/Território Motorsport, o time sagrou-se bicampeão da prova na Production T2. Movido a desafios, a partir de 2016, Piano passou a desenvolver UTVs (Can-Am Maverick X3) para competição e, desde então, a equipe disputa os Campeonatos Brasileiros de Rally Baja e Rally Cross Country, além do Sertões. Em 2018, Edu Piano/Solon Mendes foram Campeões do Sertões nos UTVs (Over 45), o que lhes garantiu o primeiro título na categoria e o sétimo da dupla recordista da competição. No Sertões 2019 Piano/Mendes (vice-campeões na UTV Over Pró) e Rodrigo Luppi/Flavio Bisi (4º na UTV Over Pró). Piano, ao lado de Fausto Dallape, foi Campeão da Mitsubishi Cup 2019, na L200 Triton Sport R e conquistou seu tetracampeonato. Já Rodrigo Luppi encerrou 2019 como vice-campeão do Campeonato Sertões Series, na UTV Pró.


Facebook
Facebook
Visitas
Visitantes em linha
contador gratuito de visitas Total de visitas
Contacte-nos