Velocidade Online

Mundial - Sport Protótipos

MUNDIAL - WEC - GUILHERME OLIVEIRA ESTEVE PERTO DO PÓDIO EM PORTIMÃO

Terça, 18 Abril 2023 13:04 | Actualizado em Segunda, 20 Maio 2024 14:40

Guilherme Oliveira sonhou com o pódio na estreia no Campeonato do Mundo de Endurance

Com apenas 18 anos e na prova de estreia no Campeonato do Mundo de Endurance (WEC), Guilherme Oliveira cometeu a proeza de ser um dos pilotos mais rápidos em pista, chegou a sonhar com a subida ao pódio, mas acabou por terminar as 6 Horas de Portimão num positivo 6º lugar da categoria LM GTE Am. O piloto de Vila Nova de Gaia repartiu os comandos do Porsche 911 RSR-19 da equipa Project 1-AO com o português Miguel Ramos e o italiano Matteo Cairoli.

Só 72 horas antes dos primeiros treinos no Autódromo Internacional do Algarve é que soube que ia concretizar o sonho de estrear-se no Campeonato do Mundo de Endurance (WEC). Por isso, quando chegou à pista localizada nos arredores de Portimão, foi todo um mundo novo que Guilherme Oliveira teve de descobrir, desde a estrutura, aos outros dois pilotos com quem ia repartir os comandos do Porsche 911 RSR-19 (inclusivamente o português Miguel Ramos) e até o próprio Porsche, que nunca tinha a oportunidade de o pilotar.

Os condicionalismos pareciam mais do que muitos, até pelo facto de, só há três meses ter atingido a idade da maioridade, mas o jovem Guilherme Oliveira passou com distinção mais um difícil teste. O piloto de Vila Nova de Gaia foi decisivo para que a equipa conquistasse um positivo 6º lugar nas 6 Horas de Portimão, na categoria LM GTE-Am, voltando a impressionar pela rapidez, pela consistência em pista e pela maturidade improvável para um jovem de apenas 18 anos de idade. Mas, a verdade, é que o resultado até podia ter sido bem diferente… A equipa chegou a sonhar com a conquista de um lugar no pódio, mas na fase final da corrida, o colega de equipa, Matteo Cairoli, foi penalizado com dois “drive-trough” por não ter cumprido os limites da pista.

“Foi pena, mas ainda assim estou feliz com o resultado e, mais ainda, com a oportunidade que tive de estrear-me no WEC. Foi mais um sonho que concretizei”, sublinhou Guilherme Oliveira. O português que repartiu os comandos do Porsche 911 RSR-19, da equipa Project 1-AO, com Miguel Ramos e o italiano Matteo Cairoli, cumpriu um total de 71 voltas nas 6 Horas de Portimão. “Duas horas na pista em que dei tudo o que tinha, mas sem cometer qualquer erro. Por isso, fiquei bastante contente com o meu desempenho. Para mim, o mais importante era demonstrar o meu valor e isso acho que consegui. Agora, é esperar que se abram algumas ´portas´. Obrigado à equipa pela confiança que depositou em mim e parabéns pelo trabalho que desenvolveram ao longo do fim-de-semana”.

Já no próximo fim-de-semana, em Barcelona, Guilherme Oliveira está de regresso à competição, para participar na prova de abertura da temporada da Michelin Le Mans Cup. O português vai defender as cores da M-Racing, equipa francesa liderada por Yvan Muller (tetracampeão do Mundo de Turismos) que tem como objetivo garantir a presença nas 24 Horas de Le Mans.

Facebook
Facebook
Visitas
Visitantes em linha
contador gratuito de visitas Total de visitas
Contacte-nos