Velocidade Online

Comércio e Industria - Novidades

COMÉRCIO & INDUSTRIA - DUNLOP COM NOVIDADES

Domingo, 29 Setembro 2019 04:38 | Actualizado em Terça, 15 Outubro 2019 10:50

DUNLOP LANÇA NOVO GEOMAX MX53, CONCEBIDO PARA VENCER NUMA GAMA MAIS ALARGADA DE TERRENOS


 
 

  • Performance de nível superior numa mais ampla gama de terrenos do que seu antecessor, o MX52
  • Concebido para superfícies compactas, com excelente tração em condições intermédias
  • Complementa o MX33, o pneu vencedor em MXGP e Supercross
  • Tecnologia patenteada da Dunlop leva a performance a um novo nível

 A Dunlop apresentou o Geomax MX53, o pneu de motocross para piso duro, substituto do MX52. O MX53 oferecerá aos pilotos um desempenho de referência na sua categoria e numa mais ampla gama de terrenos do que o seu predecessor. O pneu posiciona-se, na variada gama Geomax da Dunlop, entre o destinado a terreno "superduro" MX71, e o “intermédio” e altamente versátil MX33.

Pedigree de vencedor

Este ano foi uma temporada em que os pilotos Dunlop Geomax conquistaram grandes êxitos. Cooper Webb (KTM) venceu o título de AMA Supercross, campeonato em que todas as corridas da época de 2019 foram ganhas por pilotos Dunlop. Também na América do Norte, Eli Tomac (Kawasaki) igualou esta façanha no Campeonato Pro Motocross. Nos Campeonatos Mundiais de MXGP de la FIM, os pilotos Dunlop venceram cinco das últimas nove corridas, com os pilotos da KTM, Max Anstie e Glenn Coldenhoff, a darem mostras de uma forma dominadora nas últimas rondas da temporada. No Campeonato do Mundo Feminino, Courtney Duncan dominou com a sua Kawasaki, com Amandine Verstappen a vencer, também, o GP da Holanda para a Yamaha.

“Este amplo leque de êxitos mostra que a gama Dunlop Geomax serve para uma grande variedade de motos. Estamos orgulhosos de que muitos desses êxitos tenham sido obtidos com o Geomax MX33 de série "de venda ao público”, um feito que esperamos que se repita com o MX53. O desenvolvimento do MX53 foi levado a cabo nas competições de nível máximo em que a Dunlop esteve presente nas temporadas de 2018 e 2019,” referiu Luca Davide Andreoni, Diretor de Marketing da Dunlop Moto para a Europa.

As novas tecnologias com que o Dunlop Geomax MX53 foi desenvolvido proporcionam uma elevada performance numa ampla gama de terrenos.

Maior absorção de impactos e menor peso: construção totalmente nova

Para a construção da cobertura do pneu foi adotado o design avançado de vértice Advanced Apex Design da Dunlop. Este é um dos segredos do êxito do MX33, que oferece uma superior absorção de impactos, uma rigidez uniforme na parede lateral e uma condução mais suave, com uma resposta mais firme. E oferece tudo isto sem incrementar o peso.

Tração durabilidade e confiança: desenho revolucionário da banda de rolamento

Os testes da Dunlop demonstraram que o MX53 deu um passo em frente em termos de performance face ao MX52 em terrenos duros, e ainda maior em superfícies intermédias. Tal deve-se, em parte, ao novo desenho da banda de rolamento.

No pneu dianteiro, um padrão em forma de ferradura proporciona uma melhor travagem a dado que os blocos em forma de garra cravam-se nos terrenos mais duros. Estes blocos são 1 mm mais altos que no seu antecessor. Normalmente, tal afetaria a estabilidade, mas a Dunlop acrescentou barras de união entre os blocos para proporcionar uma performance constante e melhorar a durabilidade.

O pneu traseiro possui distintos blocos emparelhados escalonados, o que proporciona maior tração e aceleração, vital para vencer o holeshot! O espaço entre blocos foi otimizado para garantir a aderência em terrenos mais macios e, ao mesmo tempo, manter a performance em superfícies mais firmes e duras. Luca Davide Andreoni aforma: “Centramo-nos em que o MX53 proporcionasse um desempenho mais versátil, porque sabemos que as condições da pista podem mudar de volta para volta, ou mesmo de curva para curva, pelo que utilizamos a nossa experiência vencedora do MX33 para oferecer uma ampla janela de performance de alto nível".

Para que o piloto tenha uma maior confiança em todos os ângulos de inclinação, foi utilizada a tecnologia Progressive Cornering Block da Dunlop, que permite que cada bloco se flexione. Tal proporciona bordos mais penetrantes nas curvas com carga mais elevada.

Novo composto – resistência e durabilidade

O trabalho da Dunlop para aumentar a versatilidade do MX53 traduziu-se no desenvolvimento de um composto totalmente diferente do do MX52. A inovadora mistura de compostos possui uma grande quantidade de partículas de polímero molecular, do que resulta uma maior resistência, isto é, maior durabilidade, ao aumentar a resistência aos cortes.

Gama Geomax: mais completa do que nunca

“Podemos estar realmente orgulhosos de todo o trabalho, e do desenvolvimento conjunto com equipas e pilotos vencedores de todo o mundo, para criar um produto e uma gama tão completos. O nosso objetivo é disponibilizar os melhores pneus aos pilotos que partilham a nossa paixão pelo motocross e a nossa vontade de melhorar em permanência. Com a incorporação do MX53, a nossa gama Geomax é, agora, mais completa do que nunca,” acrescentou Luca.


O Dunlop Geomax MX53 está disponível em 6 medidas para o pneu dianteiro, e em 11 medidas para o traseiro.

 

Sobre a Dunlop

A Dunlop Europa é um dos principais fabricantes mundiais de pneus para motos, detendo um impressionante palmarés de sucessos nos desportos motorizados. A Dunlop é partner técnico das equipas Suzuki Endurance Race Team e Honda Racing no Campeonato do Mundo de Resistência, fornecedor oficial de pneus para os Campeonatos do Mundo de Moto2 e Moto3 da FIM, e a marca com mais êxitos na história do TT da Ilha de Man. Fora de estrada, a Dunlop é a escolha dos campeões e vencedores de corridas de MXGP.


Facebook
Facebook
Visitas
Visitantes em linha
contador gratuito de visitas Total de visitas
Contacte-nos