Velocidade Online

Diversos - Desportos Nauticos

DIVERSOS - DESPORTOS NAUTICOS - EXTREME SALING EM CASCAIS

Quinta, 05 Julho 2018 20:42 | Actualizado em Domingo, 22 Julho 2018 10:51

Equipa britânica no seu melhor na batalha de meio de época, em Cascais

Ao terminar com umas impressionantes cinco presenças no pódio nas oito corridas do dia, os britânicos mostraram que não vieram para brincar no Act 4 das Extreme Sailing Series™, que decorre em Cascais. Bom vento e mão chão criaram as condições perfeitas para os barcos levantarem vôo e para a equipa da INEOS Rebels UK navegarem a grande velocidade, terminando o dia no terceiro lugar.

"Fizemos excelentes escolhas hoje. O vento foi aumentando ao longo da tarde, por isso, a condição física da tripulação foi essencial para manter os barcos rápidos. Manejámos bem o nosso barco e obtivemos bons resultados", disse o skipper da equipa, Will Alloway, visivelmente satisfeito.

No entanto, foi sem surpresa que os suíços terminam o primeiro dia no primeiro lugar. Arnaud Psarofaghis comandou a sua equipa do Alinghi à vitória, após voarem até ao primeiro lugar em quatro corridas e só com uma presença fora do pódio nas restantes.

Com condições tão inconstantes como desafiantes, com grandes rajadas a empurrarem os barcos pela baía de Cascais, este dia foi um baptismo de fogo para o Team Portugal. A estreante equipa composta maioritariamente por jovens velejadores das áreas de Lisboa e Algarve nunca tinham competido nos GC32. Tendo como mentor o profissional Luís Brito e reforçada por Adam Piggott, com experiência nas Series, a equipa encarou a difícil prova com determinação, terminando com 51 pontos.

"Uma vez que não havia velejadores portugueses com experiência disponíveis, a ideia seguinte foi juntar velejadores jovens que, esperemos, mais tarde continuem neste tipo de barcos com foils, barcos que voam. Juntamos um velejador do Algarve e dois de Cascais, com o objectivo de lhes dar conhecimento e 'know-how' para continuar a navegar neste tipo de embarcações. Cascais é a capital da vela portuguesa e estarmos aqui a representar o país na Extreme Sailing Series é uma responsabilidade muito grande. É um enorme prazer para todos, nomeadamente para os mais jovens que estão ansiosos, que têm alguma expectativa em termos de resultado e é um desafio muito grande", afirmou Luís Brito, antes de concordar com a ideia de ter uma equipa portuguesa a competir nas Series a tempo inteiro: "Seria uma excelente ideia, com uma condicionante na minha opinião: dentro de uma equipa mais profissional do que esta, manter jovens para podermos continuar o projecto. Vamos trabalhar para ter uma equipa, mas uma de continuidade, não pensar a um ano, mas a quatro, cinco anos."

O segundo dia de prova, amanhã, tem início previsto às 14 horas e com um aumento de vento. "Para nós, não facilita, porque mais vento implica manobras mais rápidas, implica estar mais desperto dentro do barco e as equipas com mais experiência vão tirar partido disso. Mas o nosso objectivo segue o mesmo: melhorar, melhorar, melhorar e vamos continuar a dar o nosso melhor e deixar alguns barcos atrás de nós em cada regata", adiantou Luís Brito.

Antecedendo os GC32, as Flying Phantom Series também animaram as águas de Cascais. A Idreva Zephyr Foiling terminou no primeiro lugar, seguida de perto pelo Team France Jeune.

A equipa portuguesa UON, composta por José Caldeira e Hélder Basílio, assegurou o outro lugar do pódio, graças a uma grande regularidade exibicional.

Extreme Sailing Series™ 2018 Act 4, Cascais

Classificação após o 1.º Dia, 8 regatas (05/07/18)

Posição / Equipa / Pontos

1.º, Alinghi (SUI) Arnaud Psarofaghis, Nicolas Charbonnier, Timothé Lapauw, Nils Frei, Yves Detrey: 87 pontos

2.º, Oman Air (OMA) Phil Robertson, Pete Greenhalgh, James Wierzbowski, Stewart Dodson, Nasser Al Mashari: 81 pontos

3.º, INEOS Rebels UK (GBR) Will Alloway, Leigh McMillan, Oli Greber, Adam Kay, Mark Spearman: 79 pontos

4.º, SAP Extreme Sailing Team (DEN) Rasmus Køstner, Adam Minoprio, Julius Hallström, Pierluigi de Felice, Richard Mason: 77 pontos

5.º, Red Bull Sailing Team (AUT) Roman Hagara, Ed Powys, Neil Hunter, Dan Morris, Rhys Mara: 66 pontos

6.º, Team México (MEX) Erik Brockmann, Tom Buggy, Alex Higby, Tom Phipps, Danel Belausteguigoitia Fierro: 63 pontos

7.º, Team Portugal (POR) Luís Brito, Henrique Brites, Adam Piggott, Martin Evans, Bernardo Loureiro, João Assoreira: 51 pontos

Flying Phantom Series Act 4, Cascais

Classificação após o 1.º Dia, 6 regatas (05/07/18)

Posição / Equipa / Pontos

1.º, Idreva Zephyr Foiling (FRA) Charles Hainneville, Thibault Julien: 116 pontos

2.º, Team France Jeune (FRA) Morgan Lagravière, Manon Audinet: 111 pontos

3.º, UON (POR) José Cladeira, Helder Basilio: 106 pontos

4.º, Culture Foil (FRA) Nicolas Ferellec, Théo Constance: 103 pontos

5.º, Flying Frogs (FRA) Pierre Le Clainche, Arnaud Vasseur: 95 pontos

6.º, EVO Visian ICL (GER) Raphael Neuhann, Elias Neuhann: 93 pontos

7.º, Masterlan (CZE) David Krizek, Milan Harmacek: 90 pontos


Photos










2018 Extreme Sailing Series™ dates and venues:

14 - 17 March - Muscat, Oman

24 - 27 May - GC32 World Championship, Riva del Garda, Italy

14 - 17 June - Barcelona, Spain

5 - 8 July - Cascais, Portugal

24 - 27 August - Cardiff, UK

18 - 21 October - San Diego, USA

29 November - 2 December - Los Cabos, Mexico

Extreme Sailing Series™

Established in 2007, the Extreme Sailing Series™ is the original 'stadium-style' racing circuit designed for spectators, delivering high-performance action close to shore, attracting some of the world's best sailors racing hydro-foiling GC32 catamarans on short courses around the globe. The Extreme Sailing Seriess also delivers a unique and bespoke VIP experience, putting guests on board the boats during the races, right at the heart of the action. Fans around the world follow the action via the free live online streaming and the live TV coverage.

The Extreme Sailing Series has been granted "Special Event Status" by World Sailing, the sport's governing body, and is a strong supporter of promoting sailing in to new markets and to new audiences.


About Sailors for the Sea

Sailors for the Sea is the world's only ocean conservation organisation that engages, educates, inspires and activates the sailing and boating community toward healing the ocean. Since its start in 2004, Sailors for the Sea has worked towards building a community of ocean stewards by offering tools, education and inspiration so that sailors may become change agents, and harness the power of their passion to heal the ocean. Sailors for the Sea is headquartered in Newport, Rhode Island and has three affiliates; Sailors for the Sea Japan; Sailors for the Sea Portugal: and Sailors for the Sea Chile.

About Clean Regattas

Clean Regattas is the world's only sustainability certification for water-based events. The program enables sailors to protect their local waters by empowering them with tips and resources to implement sustainability initiatives. Since 2006, more than 1,350 Clean Regattas have been run in 36 countries and in over half of all the United States. To learn more contact Robyn Albritton (robyn@sailorsforthesea.org) or visit sailorsforthesea.org.


Facebook
Facebook
Visitas
Visitantes em linha
contador gratuito de visitas Total de visitas
Contacte-nos