Velocidade Online

Portugueses no estrangerio -

PORTUGUESES NO ESTRANGEIRO - PEDRO MARREIROS PERTO DO PÓDIO EM ITÁLIA

Terça, 21 Maio 2019 05:12 | Actualizado em Sexta, 18 Outubro 2019 04:06

Pedro Marreiros perto do pódio na estreia na Porsche Carrera Cup Itália

Pedro Marreiros estreou-se este fim-de-semana na Porsche Carrera Cup Itália em Misano. O piloto português terminou a segunda corrida do fim-de-semana perto do pódio, a escassos 0,215 segundos, na categoria Silver ao volante do Porsche 911 GT3 Cup. Apesar de não competir há vários meses, de desconhecer por completo o campeonato e o circuito, Pedro conseguiu melhorar a sua performance, volta a volta, e isso acabaria por ser, a par do quarto lugar, uma grande satisfação e sobretudo uma motivação para as provas que se avizinham.

No final, deste fim-de-semana de estreia, Marreiros estava satisfeito com o trabalho que desenvolveu, e surpreso com o nível de competitividade que encontrou: "Foi um fim-de-semana de descoberta: da pista, do campeonato, da equipa. O Campeonato revelou-se do mais competitivo em que alguma vez participei, com um nível muito superior ao que estava habituado. A equipa é muito boa e colocou-me sempre nas mãos um Porsche muito equilibrado. Quanto à pista, fui-me adaptando volta após volta. Sinto que evoluí bastante durante esta jornada e percebi que a este nível há que calendarizar um programa de treinos ", começou por explicar o piloto de Cascais.

A primeira corrida, com condições atmosféricas incertas não correu da forma esperada: "Optámos por ir para a pista com pneus 'slics' e essa decisão revelou-se errada. Podia ter resultado mas, não resultou, e tive muitas dificuldades em levar o carro até ao final. Fiquei muito desapontado e triste. E no meio dessa frustração, esqueci-me de ir à pesagem, e acabámos desclassificados! Não foi o melhor dos começos, mas procurei centrar-me na segunda corrida, mesmo sabendo que ia sair do último lugar da grelha", disse.

Mas hoje a corrida foi disputada a seco e Pedro estava muito mais optimista: "E tudo correu bem melhor. Estava cada vez mais rápido, fruto da constante melhoria, e acabei encostado ao terceiro classificado. Foi uma corrida muito dura, pois o andamento é tal, que temos de dar o que temos e o que não temos. Mas, cruzei a linha de meta com o sentimento de dever cumprido. Agora que já sei o que me espera, há muito para fazer antes da próxima corrida, sobretudo em termos de preparação física e de programa de testes nos circuitos italianos", concluiu.

A próxima prova terá lugar a 22 e 23 de Junho no emblemático circuito de Imola, um circuito que faz parte do imaginário de Pedro Marreiros mas que desconhece por completo.


Facebook
Facebook
Visitas
Visitantes em linha
contador gratuito de visitas Total de visitas
Contacte-nos