Velocidade Online

Moto - Pista

MOTO - ZARCO EM DÚVIDA PARA O GRANDE PRÉMIO DE STIRIA

Quarta, 19 Agosto 2020 15:57 | Actualizado em Segunda, 20 Setembro 2021 06:16

Johann Zarco está em dúvida para o Grande Prémio da Stíria de MotoGP, em virtude das lesões sofridas no acidente que protagonizou no passado fim de semana no Circuito de Red Bull Ring. O francês da Avintia foi examinado ontem, e tem uma fratura no pulso direito, que deverá ser operado. A fratura do escafóide direto foi o resultado da queda sofrida após a colisão da Yamaha de Franco Morbidelli na sua Ducati. Zarco travou forte antes da curva três do traçado austríaco – onde a velocidade desce repentinamente de 309 km para somente 63 km/h num espaço de apenas 244 metros. O gaulês travou repentinamente e o italiano já não o conseguiu evitar. A moto de Morbidelli ‘voou’ e passou a centímetros da cabeça de Valentino Rossi, que mais tarde confessou nunca ter apanhado um susto tão grande.
Inicialmente os exames a Johann Zarco não revelaram lesões, mas novos exames realizados ontem detetaram a fratura do escafóide, o principal osso do carpo. “É um procedimento clássico, com a colocação de um parafuso para fixar o osso partido”, disse o titular da Ducati # 5 ao jornal desportivo L’Équipe. Ao mesmo periódico o piloto gaulês prometeu: “Vou voltar para a Áustria na quinta-feira de manhã para uma avaliação médica para ver se poderei ou não correr este fim de semana, na segunda corrida no Red Bull Ring. Na segunda-feira fiz alguns exames ao meu pulso direito, porque ainda estava com dores, e tenho uma pequena fratura do escafóide. Vou a Itália fazer uma cirurgia com um médico que tem bons contactos com a Ducai, o mesmo que operou pilotos várias vezes. Depois volto para a Áustria e estarei para uma reunião sobre o grande acidente de domingo”.
Mas Zarco vai para o Red Bull Ring no meio de muitas críticas, nomeadamente de Morbidelli e de Rossi, sendo que o transalpino da SRT Petronas Yamaha o criticou de ter pouco respeito pelos adversários, e foi mesmo ao ponto de lhe chamar “meio assassino”. Já o ‘Doutor’diz que Johann fez uma manobra prepositada para evitar a ultrapassagem de Franco Morbidelli, aquilo que na gíria das corridas se chama ‘brake-test’. Zarco chegou a falar com Valentino no próprio dia da corrida e tentou explicar-lhe a sua versão dos factos, no que é corroborado pela telemetria apresentada pela equipa Avintia. O assunto, porém, deverá ser esgrimido pelos protagonistas em audiência a realizar pela Federação Internacional de Motociclismo na quinta-feira, no ‘paddock’ no ‘Paddock’ do Circuito de Red Bull Ring.


Texto de Nuno Costa / 5ª a Fundo / www.velocidadeonline.com

Facebook
Facebook
Visitas
Visitantes em linha
contador gratuito de visitas Total de visitas
Contacte-nos