Velocidade Online

Comércio e Industria - Novidades

DIVERSOS - EMPRESAS DE PRONTO SOCORRO SEM RESPOSTA POR PARTE DO GOVERNO

Quinta, 22 Setembro 2022 14:51 | Actualizado em Quinta, 29 Setembro 2022 21:30

EMPRESAS DE PRONTO-SOCORRO SEM RESPOSTA DO GOVERNO

A ARAN remeteu mais uma comunicação ao Ministério da Economia tendo dado conta de que 
o apoio extraordinário criado em Março para responder à crise no seio das empresas de 
transportes não tenha sido ainda pago a todas as empresas de pronto-socorro, apesar de 
terem passado já seis meses e de estas empresas estarem a passar por muitas dificuldades. 
 

Por outro lado, a ARAN, mais uma vez, voltou a reiterar a necessidade da criação urgente de 
apoios adicionais e concretos para as empresas de prestação de serviços através de veículos 
de Pronto-Socorro. 


Mais uma vez se considerou não ser admissível a discriminação destas empresas face às empresas 
de transporte geral de mercadorias, quando os custos operacionais aumentaram de forma muito 
significativa e mesmo insuportável para todas. 


Nesse sentido, foi solicitado o agendamento de uma audiência com carácter de urgência, quer para 
resolver a necessidade de pagamento do apoio extraordinário já previsto em Março do presente ano, 
quer para serem previstas novas medidas de apoio a esta atividade, tão importante no quadro 
económico português. 


Relembramos que são estas as empresas que prestam serviços de assistência a veículos avariados 
e sinistrados em estrada e que socorrem cidadãos e empresas em situação de aflição e que, por 
isso, se caracterizam por serem de carácter prioritário e de relevante interesse público. 


A ARAN aguardará o agendamento da audiência solicitada com urgência e a previsão de novas 
medidas de apoio, sob pena do encerramento de muitas empresas e da perda de muitos postos de 
trabalho.


Facebook
Facebook
Visitas
Visitantes em linha
contador gratuito de visitas Total de visitas
Contacte-nos