Velocidade Online

Comércio e Industria - Novidades

COMÉRCIO&INDUSTRIA - DEZ ANOS DE DESIGN LEXUS

Sexta, 23 Setembro 2022 03:18 | Actualizado em Quinta, 29 Setembro 2022 03:13

DEZ ANOS DE DESIGN LEXUS: DA GRELHA À CARROÇARIA FUSIFORME

 Depois de uma década como imagem de marca de todos os novos modelos Lexus, a famosa grelha em forma de fuso passa agora por uma transformação. Em sintonia com uma nova era de veículos eletrificados, o seu formato distinto evoluiu para a nova “carroçaria fusiforme”, que já se encontra bem patente na nova geração do SUV Lexus RX eletrificado e no RZ 100% elétrico.
 
A grelha de assinatura fusiforme tem sido um marco inconfundível da Lexus, desde que foi revelada pela primeira vez, em 2011, no concept LF-Gh, a base para a quarta geração do sedan executivo GS, que viria a ser lançado no ano seguinte. Desde então, foi constantemente adaptada para se adequar ao caráter de cada modelo, apresentando diferentes padrões de malha, dimensões e acabamentos.
 
Por altura da estreia da grelha, Kiyotake Ise, o responsável da Lexus, disse: “Devemos ser capazes de identificar um Lexus imediatamente… Deixo um exemplo: o reconhecimento visual instantâneo é a razão por trás da nossa grelha. Pode parecer agressiva à primeira vista – é intencional – mas também transmite a sua ousadia de forma elegante e sofisticada.”
 
A grelha evoluiu, tornando-se uma expressão marcante do design L-finesse da Lexus. Foi adotada, não só na estrada, pelos vários modelos Lexus, como também pela futurista nave espacial Skyjet, desenhada para o filme Valerian e a Cidade dos Mil Planetas, película apoiada pela marca, e adotada como inspiração para o design do Loft, o premiado lounge da Lexus e da Brussels Airlines no Aeroporto de Bruxelas.
 
Hoje, o conceito original da grelha é o ponto de partida para uma aplicação mais radical do formato de fuso, tornando-se parte integrante do design global do veículo. Esta abordagem de “carroçaria fusiforme” faz parte do design Lexus Next Chapter do novo RX, em que a grelha foi reinterpretada como uma unidade contínua que flui ao longo da carroçaria. A seção inferior mantém um padrão de malha, ao passo que a seção superior acolhe a parte inferior do capot; os emblemas Lexus ficam no centro na zona superior do fuso.
 
Foi aplicado o mesmo conceito ao RZ 450e. Como veículo elétrico a bateria, requer menos refrigeração do que um automóvel com motor convencional, por isso a grelha foi dispensada, dando maior liberdade aos designers. No entanto, o formato de fuso permanece proeminente no painel frontal central, com acabamentos na cor da carroçaria do carro. O seu impacto é acentuado pelas áreas frontais adjacentes com acabamento em preto contrastante, a linha baixa do capot e formato mais arrojado dos guarda-lamas dianteiros.
 
Em ambos os modelos, o fuso gera linhas que fluem da frente do automóvel através do capot e dos faróis para criar uma estética frontal forte e distinta, reforçando as ambições distintivas do conceito original.
 
Para mais informação sobre a Lexus, consulte: http://www.lexus.pt


Facebook
Facebook
Visitas
Visitantes em linha
contador gratuito de visitas Total de visitas
Contacte-nos