Velocidade Online

Comércio e Industria - Novidades

COMÉRCIO&INDUSTRIA - CRÉDITOYCAUCION INFORMA

Terça, 11 Junho 2024 04:25 | Actualizado em Sexta, 14 Junho 2024 15:59

Evolução positiva do período médio de cobrança em Itália

De acordo com o Barómetro de Práticas de Pagamento elaborado pela Crédito y Caución, 49% das trocas comerciais entre empresas em Itália são pagas após o prazo acordado.
 


O crédito comercial desempenha um papel muito importante no tecido produtivo italiano. De acordo com o Barómetro de Práticas de Pagamento 2024 elaborado pela Crédito y Caución, 86% das empresas italianas oferecem linhas de crédito comerciais aos seus clientes, num contexto de clara mudança nas políticas de pagamento nas operações B2B. O barómetro revela, ainda, que 52% das empresas oferecem prazos de pagamento mais longos como parte da sua estratégia para aumentar as vendas e reter portfólio. Esta mudança é particularmente evidente nos setores químico e siderúrgico. 

O estudo da seguradora de crédito destaca a melhoria significativa do comportamento de pagamento dos clientes B2B em Itália no ano passado. O crédito malparado, que diminuiu 10% face aos níveis de 2023, afeta 49% do crédito comercial que os fornecedores concedem aos seus clientes na cobrança dos seus produtos e serviços. No entanto, o nível de não pagamento aumentou ligeiramente, com particular impacto no setor químico, situando-se em 10% de todas as vendas B2B, mais dois pontos do que em 2023.

Quase 80% das empresas italianas registam uma melhoria ou estabilidade no número de dias pendentes nas transações com os seus clientes, uma tendência positiva que beneficia a sua liquidez e saúde financeira. Tanto no setor químico quanto nos setores siderúrgico e metalúrgico, há uma melhoria de 40% na eficiência da cobrança de dívidas. No entanto, nos próximos meses, as empresas italianas esperam uma deterioração nos pagamentos dos seus clientes e um aumento do risco de insolvência, com exceção da indústria agroalimentar que opera em cenários de estabilidade.

A principal preocupação das empresas italianas em todos os setores é a situação da economia interna, agravada pela queda da confiança das empresas e dos consumidores. O aumento das pressões de conformidade com normas e legislações é outro grande desafio, especialmente no setor siderúrgico e metalúrgico, ligado a possíveis mudanças nas políticas governamentais em questões ambientais e de sustentabilidade. Outra preocupação generalizada são os riscos geopolíticos e o seu potencial impacto nas operações comerciais e nas cadeias de abastecimento. A longo prazo, as empresas italianas estão conscientes do desafio que o envelhecimento da população representará e do seu efeito na disponibilidade de mão de obra.
Sobre a Crédito y Caución
 
Crédito y Caución é uma das marcas líderes em seguro de crédito interno e de exportação em Portugal, com uma quota de mercado de 23%. A Crédito y Caución contribui para o crescimento  das empresas, protegendo-as dos riscos de incumprimento associados a vendas a crédito de bens e serviços. A marca Crédito y Caución também está presente em Espanha e no Brasil. No resto do mundo opera como Atradius. Somos um operador global de seguro de crédito presente em mais de 50 países. A nossa actividade consolida-se no GCO


O que é o seguro de crédito?
 
O seguro de crédito constitui um sistema integral de gestão de crédito que protege as empresas seguradas dos incumprimentos de pagamento dos seus clientes, melhora o seu acesso ao financiamento, bem como as suas capacidades de prospeção comercial em qualquer mercado, interno e externo. Contribui decisivamente na mitigação dos riscos de crédito em processos de internacionalização. A efetividade da sua proteção baseia-se em três garantias:

Prevenção. Realizamos um seguimento permanente dos clientes dos nossos segurados. As nossas linhas de crédito comercial abrangidas por essa análise em todo o mundo superaram os 893.000 milhões de euros no final do último exercício.

Indemnização. As nossas opiniões sobre a capacidade de pagamento dos clientes encontram-se cobertas pelo seguro. No caso de não pagamento, os segurados recebem uma indemnização pelas perdas vinculadas às suas operações comerciais.

Cobrança. O não pagamento ativa mecanismos orientados à recuperação dos créditos não pagos em qualquer mercado do mundo, mesmo depois de paga a indemnização.
Facebook
Facebook
Visitas
Visitantes em linha
contador gratuito de visitas Total de visitas
Contacte-nos