Velocidade Online

Portugueses no estrangerio -

PORTUGUESES NO ESTRANGEIRO - FILIPE ALBUQUERQUE É VICE CAMPEÃO

Segunda, 16 Outubro 2023 16:25 | Actualizado em Domingo, 19 Maio 2024 18:02

Filipe Albuquerque é Vice-Campeão Norte Americano de Resistência
Adversário coloca piloto português fora de pista e rouba título anunciado
 
Filipe Albuquerque arrancou para as 10h de Petit Le Mans em Road Atlanta na primeira posição do Campeonato Norte Americano de Resistência (IMSA) depois de ter arrecadado os pontos da ‘pole position’ no dia anterior. Antevia-se uma corrida muito disputada pela luta pelo título, Filipe só não esperava que terminasse da forma que terminou: a bater fortemente nas barreiras de proteção da pista depois de um toque de um adversário que o arredou da luta pelo título.
 
A última corrida da temporada do IMSA é sempre caótica e decisiva e muito mais na última hora de prova. Até aí estava tudo a correr dentro do previsto, Filipe Albuquerque, Ricky Taylor e Louis Deletraz estavam a tirar partido da excelente performance o Acura #10 da Wayne Taylor Racing e mantinham posições que lhes permitia chegar ao tão ambicionado título.
 
No entanto, à entrada para a última hora de prova com noite cerrada, Filipe estava ao volante na terceira posição e com um andamento incrível. Ao ultrapassar o segundo classificado e direto rival nas contas do campeonato, este empurrou-o para fora de pista a alta velocidade com Filipe a embater fortemente nas barreiras de proteção. A sua condição física na altura requereu cuidados imediatos tal o impacto, foi transportado para o hospital, mas felizmente sem consequências de maior.
 
Um abandono inglório de difícil digestão para toda a equipa da Wayne Taylor Racing: “A manobra de me colocar fora de pista, foi a meu ver, propositada. Eu próprio sou agressivo quando tenho de o ser, mas sempre consciente dos meus limites e dos limites dos meus adversários e neste caso, não houve limites e poderia ter corrido muito mal para mim. Felizmente que estes carros têm uma enorme segurança. O embate partiu três muros de betão! Apesar das mazelas fisicas, estou bem e nada que não se recupere nas próximas semanas”, começou por explicar Filipe Albuquerque.
 
O Vice-Campeonato é um resultado que Albuquerque já está habituado: “É melhor que nada, certamente. Mas não era para ser assim. Até porque quem acaba por ganhar o campeonato foi quem me colocou fora de prova. É um sentimento agridoce, chegámos à partida para esta corrida na frente do campeonato, liderámos quase toda a época sem ganhar uma única prova e quando a luz ao fundo do túnel se acende, acontece isto. Não foi justo para a nossa equipa!”, concluiu o piloto português que não abandona o sonho de somar ao seu vasto palmarés este título.
 
Filipe conclui assim mais uma época desportiva no IMSA mas começa desde já a preparar a próxima que arranca em Janeiro com as 24h de Daytona.
 
Facebook
Facebook
Visitas
Visitantes em linha
contador gratuito de visitas Total de visitas
Contacte-nos